29/01/2016

George Clooney resgatou um cão que ninguém queria

Como diz a prece de Caritas: "uma centelha do vosso olhar pode iluminar toda esta Terra" .... ou seja, quando há poder, um mínimo ato pode mudar toda a vida dos animais.....

Sei que estamos caminhando muito bem motivando as pessoas poderosas a nos ajudar..... É lindo de ver a repercussão desta adoção pelo mundo inteiro.... o tanto que isto significa para tantos animais.....

A própria ONG que recolheu o grupo de cães do qual Nate fazia parte, disse que muita gente foi procurar o abrigo para adotar outros animais..... É muito bom, gente!!!!!!
----------------------
O ator norte-americano não resistiu aos encantos de Nate, um cão com uma má-formação congênita


Foi um presente de Natal só agora tornado público. George Clooney apaixonou-se por um cão que vivia há nove meses no centro de resgate animal LuvFurMutts, nos Estados Unidos, e não pensou
duas vezes: adotou-o e ofereceu-lhe um lar. A notícia foi partilhada na página de Facebook da associação, que explica a história de vida de Nate e o feliz destino que lhe calhou em sorte.


Quando foi resgatado, na companhia de outros 11 cães de uma matilha de 22, "as costelas conseguiam-se contar" a olho nu. Durante os nove meses que esteve para adoção, recebeu várias visitas, "mas as pessoas desistiam depois de o ver", descreve a LuvFurMutts na rede social. A sua má-formação fá-lo balançar uma perna. "Parece uma hiena". "O ponto alto foi quando um dos potenciais adotantes chorou ao vê-lo, recusando-se a ficar com ele. Disse que ficaria deprimido para o resto da vida se tivesse de olhar para o Nate todos os dias", prossegue a associação.

Tal como um filme de Hollywood, tudo mudou quando George Clooney incumbiu uma das suas assistentes, Angel, de tratar da adoção do cão. "Ele mostrou um vídeo do Nate aos pais, Nina e Nick Clooney, e todos se apaixonaram por ele. Na véspera de Natal, os pais da estrela do cinema norte-americano abriram a porta da sua casa ao filho e à mulher, a advogada Amal Clooney, e estes colocaram-lhes Nate nos braços.

"Eles poderiam ter qualquer cão no mundo, mas optaram por adotar que é deficiente e que poderia ter ficado na LuvFurMutts para o resto da sua vida. Queremos agradecer ao George Clooney e à Amal por esta adoção e pela sua doação à LuvFurMutts, que deu para cobrir todas as despesas que tivemos com as cirurgias do Nate", escreve ainda a organização de resgate no Facebook, para depois agradecer a Nick e Nina Clooney. "O melhor de tudo é que eles amam o Nate da forma que ele é e da forma que Deus o fez. É um final de conto de fadas para este príncipe", concluem.

Fonte: DN - Pessoas - PT
------------------
Veja a adoção anterior feita em nov/2015
Há um novo membro na família de George e Amal Clooney

10 comentários:

  1. Figurinha!!E que passem o bem para o mundo tão judiado pela ignorância humana.

    ResponderExcluir
  2. o ser humano e complicado ,quando veem alguem famoso fazer algo ,todos querem copiar e fazer igual .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando copiam o BEM é bom
      Mas quando copiam o MAL, o estrago é grande!

      Excluir
  3. Lindos por dentro e por fora!

    ResponderExcluir
  4. Jorge Romano29/01/2016 19:05

    Não entendi qual o grande "defeito" do Nate. Me pareceu que ele tem as patas traseiras desproporcionais para o corpo, certamente por ser de raças misturadas. Achei ele muito lindo, tem a cara do meu filhote (deve ser por isso que achei lindo)). O importante mesmo, e como já dito, é o exemplo dado por pessoas famosas, vira moda e os animais tem mais chance de adoção.

    ResponderExcluir
  5. QUE SEJAM MUITO ABENÇOADOS!

    ResponderExcluir
  6. Depois dizem que não existe ser humano perfeito no mundo.

    ResponderExcluir
  7. Bom ator e boa pessoa..

    ResponderExcluir
  8. O cara é lindo por fora e muito mais lindo por dentro.

    ResponderExcluir
  9. Seria tão bom se esses artistas mundialmente conhecidos fizessem esse ato de amor. A divulgação de adoção por pessoas ajuda muito a adoção de animais. parabéns George

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪