Mostrando postagens com marcador protetor de animais. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador protetor de animais. Mostrar todas as postagens

05/12/2017

Médico dorme em carro para dar espaço em sua casa a 290 animais

Acho que as pessoas tem muita dificuldade de entender um negócio destes..... Pensando bem: será que somos muito doidos? kakakakaka...
-----------
De todas as raças e tamanhos, os animais ocupam os primeiros andares da casa chamado Santuário Gotitas de Amor
O verde das montanhas de Coamo, em Porto Rico, anuncia

08/10/2017

Protetores lutam para combater casos de maus tratos aos animais, em CG - PB

Vejam que deprimente, Audiência pública e só comparecem 9 dos 23 vereadores da cidade. Aqui no Rio não é diferente não.... Acho que em todos os municípios deve acontecer o mesmo. É lamentável!!!! a proteção animal presta um serviço à sociedade e o poder público ignora e demonstra seus desprezo pelo tema. Eita políticos podres que temos!!!!!
------------

02/10/2017

Morador do Harmonia cuida de 60 cães no pátio de casa - Canoas - RS

Eu compreendo o pessoal que mora ao lado de alguém que tem muitos animais. Não é fácil.... Mas, fazer o quê? a Prefeitura deveria intervir na situação e procurar uma acomodação para o protetor já que ele está fazendo um serviço que a própria devia fazer....
--------
Vizinhos reclamam do barulho e mau cheiro por causa dos animais

24/08/2017

Idoso carente que ajuda animais de rua ganha bicicleta e 100 kg de ração para alimentar 30 cães - MT

Que situação, gente..... Quem puder ajudar, tem todas as informações ao final. Os cachorros estão gordinhos e bonitos. Ele precisa de ajuda para continuar. Coitado!!!! tanta gente ruim aí em cima da grana e um cara deste sem lugar p´ra dormir sequer....
---------------
Após campanha iniciada nas redes sociais pela protetora e voluntária da causa animal Ananéri Cabral Cassol, um senhor carente de 62 anos que acolheu 30 cães de rua em sua residência, em Várzea Grande, realizou um sonho na tarde desta terça-feira (22). Seu Antônio ganhou uma bicicleta que irá facilitar o recolhimento de comida para os cães. Ele, que apesar da situação de pobreza se dedica aos animais de rua, ainda recebeu a doação de 100 quilos de ração para ajudar na alimentação dos animais.

A história de Antônio repercutiu na semana passada após reportagem do Olhar Direto sobre a história. Desde então, muitas pessoas sensibilizadas com a causa, entraram em contato com Ananéri e contribuíram da forma que podiam.

A advogada Jovana Pontes foi uma  delas. Comovida, ela comprou uma bicicleta e realizou o sonho de Antônio. ”Eu vi a historia dele e fiquei muito sensibilizada por ver que mesmo faltando muita coisa, ele ajudava os animais”, conta.

“Depois que o Olhar Direto fez a matéria, muitas pessoas entraram em contato querendo ajudar. Conseguimos ganhar pouco mais de 100 kg de ração, também recebemos doação de alimentos e roupas”, explica Ananéri.

A voluntária já conseguiu uma parceria com duas clínicas que irão castrar e vacinar todos os animais machos, entretanto ela ainda encontra dificuldade no transporte. “Como são muitos animais, precisamos de ajuda voluntária para transportá-los. A ideia é levar três de cada vez”. Ela ainda explica que necessita de padrinhos e madrinhas para garantir que as fêmeas também sejam castradas. "O que conseguimos até agora daria para castrar apenas umas quatro e ainda precisamos comprar os medicamentos", explica.

Ela ainda comemora que um voluntário irá doar as vacinas para todos os animais, mas veterinários solidários são bem vindos para garantir a correta aplicação. A fundadora da Organização de Proteção Animal de Mato Grosso (OPA-MT) Michelle Scopel foi uma das pessoas que abraçaram a causa. “Eu vi a campanha e resolvi ajudar, pois unidas somos mais fortes. Conseguimos as castrações, mas, ainda precisamos de vacinas”.

A história com os animais
Seu Antônio é da cidade de Parnaíba, no estado do Piauí, mas há 30 anos reside em Várzea Grande. Ele se mudou para Mato Grosso na esperança de conseguir um bom emprego e ter uma vida melhor. Acabou deixando seis filhos no Piauí.

Há cerca de cinco anos transitando pela cidade ele se deparou com um cachorro de rua. Pegou o animal e trouxe de ônibus dentro de uma caixa de papelão para que o motorista não visse.

O número foi crescendo e a demanda de alimentos para eles também. Então, ele começou a ir até os restaurantes da região e até mesmo de Cuiabá pedir restos de comida. “Eu peço carona nos ônibus e vou aos restaurantes e lá eles me dão carne, sambiquira, cabeça de porco, pé de galinha. Eu pego tudo que eu posso e trago de carrinho”, conta.

Antônio ainda contou que ganhou o carrinho que carrega os alimentos durante as andanças em busca de comida. “Fiquei muito feliz e agradeci a Deus”, ressalta alegre.

Mesmo com uma grande quantidade de animais no local, todos são bem cuidados e não possuem pulgas nem carrapatos. “São todos muito bonitos, sem carrapatos, com pelos bonitos, bom peso. Ele contou pra mim que ele usa creolina na água para os cachorros não pegarem carrapatos”, conta Ananéri.

Condições insalubres
Seu Antônio divide os cômodos de sua casa com os cachorros. Eles percorrem pelos cômodos e até sobem nas prateleiras. O lugar tem condições insalubres. Lá não possui água encanada e nem energia elétrica. A água que ele usa para consumo próprio é retirada de um poço artesiano, onde vivem muitos sapos.
O lugar é rodeado de mato. Por conta disso ele já encontrou duas cobras na área destinada ao seu descanso, que é composto de uma espuma que fica pendurada durante o dia. Mediante a situação de extrema vulnerabilidade social, as voluntárias ainda continuam na arrecadação de roupas e alimentos para auxiliar seu Antônio.  Michele conta que mesmo sendo de uma ONG animal, também busca ajuda para o idoso. “Também queremos ajuda para ele. Percebi que ele acaba se preocupando com os animais e não com ele. A situação dele é bem precária, não tendo nem onde dormir”, frisa.

Serviço:
Para ajudar, é necessário entrar em contato com Ananéri pelo telefone (65) 99286-0151, ir no ponto de coleta de doações que fica na travessa Governador Pedro Pedrossian, n° 69-A, na Peluxo Banho e Tosa em Várzea Grande, ou fazer depósito no Banco do Brasil, na C/C 32.355-1, Agência 2963-7, no nome de Alan Bruno C Cassol.

As doações ainda podem ser feitas à La Parma Pizzas, instalada na rua Gal Neves, 521, esquina com Tenente Alcides Duarte de Souza, no bairro Duque de Caxias, em Cuiabá. O  ponto de arrecadação funciona de quarta à segunda-feira, das 17h às 22h.

Quem puder ajudar pode entregar ainda as doações no Centro Espirita Irmã Carmelitana de Jesus, que fica na avenida Principal, número 97, bairro Jardim Ubirajara, Cuiabá-MT. O ponto de arrecadação funciona de segundas e terças, das 19h às 21h.



Leia Mais:

Fonte: Olha direto

05/08/2017

Onze gatos e 33 cachorros são achados amarrados por cordas na casa de gari - RO

Que situação.... Espero que estes animais tenham novos donos de acordo com o que merecem. Eles estão presos sim, mas, aparentemente, não estão doentes e com bom aspecto.
------------ 
Onze gatos e 33 cachorros foram encontrados amarrados por cordas na casa de um gari, em Ji-Paraná (RO), durante a quinta-feira (3). Conforme a Polícia Ambiental, os animais estavam sendo vítimas de maus-tratos e a suspeita é que o gari matava e cozinhava os gatos para dar de alimento aos cães.

Ainda conforme a polícia, o gari pegava os gatos e cachorros nas ruas e depois os levavam para a casa dele. O suspeito não estava na casa no momento do resgate e até esta sexta-feira (4) não havia sido localizado. Já os animais foram levados ao Centro de Zoonoses de Ji-Paraná.

De acordo com a Polícia Ambiental, a central recebeu uma denúncia de que havia um forte odor em uma casa com muitos animais. Com o apoio do Centro de Zoonoses e uma ONG da cidade, os militares foram até o local. Quando chegaram na casa, os agentes encontraram 11 gatos e 33 cachorros em um pequeno quintal. A maioria dos animais estavam amarrados por cordas no pescoço. O suspeito não foi encontrado na residência.

Animais estavam assustados, diz polícia (Foto: Rede Amazônica/Reprodução)
Na residência também foi achado um freezer com forte odor, mas a polícia ainda não sabe confirmar se tinha algum animal morto dentro. De acordo com a médica veterinária que ajudou no resgate com a polícia, Rosana Pereira de Lima, é provável que o homem não comia a carne dos animais. “Acredito que ele cozinhasse os gatos para dar para aos cachorros, pois os cachorros ele gosta de tê-los presos. O distúrbio dele é controlar os animais”, acredita a médica.

Gatos foram levados para Centro de Zoonoses (Foto: Rede Amazônica/Reprodução)
A suspeita é o que homem recolhia animais que encontrava na rua, mas também furtava animais das casas e leve para mantê-los em sua casa. “Vamos acabar com essa história de passar a mão na cabeça de infrator. Maus-tratos é crime e roubar animais também é crime”, desabafa a médica.
Todos os 44 animais foram levados para o Centro de Zoonoses. Os donos de animais roubados ou que sumiram podem ir ao local para um possível reconhecimento.

Resgate ocorreu esta semana (Foto: Rede Amazônica/Reprodução)
Em 2016, na casa do mesmo gari foram encontrados mais 30 animais nas mesmas condições precárias. Na época ele foi preso em flagrante e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, mas acabou sendo solto.

Fonte: G1 Ji-Paraná

22/07/2017

Homem vende a própria casa para cuidar de mais de trinta cães abandonados na cidade de Monteiro - PB

Já vi tanto protetor ficando sem teto para atender as necessidades dos seus animais.... e aí ele mesmo passa a ser o necessitado.... É terrível a indiferença do poder público que não oferece uma solução para os animais abandonados e a penalidade para a irresponsabilidade da sociedade.
--------
Por conta da grande quantidade de animais neguinho não teve condições de continuar morando na zona urbana o que forçou o mesmo a vender sua casa e mudar-se para o sitio

Há mais de 12 anos que  Edimarcio Pereira, “Neguinho dos Cachorros” como e mais conhecido dedica todo seu tempo para cuidar dos animais que ele mesmo recolhe pelas ruas da cidade de Monteiro no Cariri da Paraíba.

Por conta da grande quantidade de animais neguinho não teve condições de continuar morando na zona urbana o que forçou o mesmo a vender sua casa e mudar-se para o sitio Anjiquinho para abrigar todos os animais.

Sem qualquer ajuda de órgãos governamentais Edimarcio mantém os animais através de doações de alimentos vencidos, restos de ossos e partes de animais abatidos que não servem para o consumo humano ambos doados por donos de frigoríficos.

Sem condições os animais se alimentas a cada 2 dias, não tem vacinas, consultas veterinárias e até remédios o que leva ao óbito de alguns que já chegam doentes por maus tratos de seus antigos donos, pode faltar qualquer coisa menos amor e carinho de toda família.

“Mas eu tô fazendo milagres só pra eles se manterem vivos né? Fome eu não vou negar que eles passam é tanto que estão magrinhos” disse  Edimarcio

As doações podem ser feitas em contato com o Portal TV Cariri pelo WhatsApp: (83) 9.8101-0083 ou com o próprio Edimarcio : (83) 9.9963-2758.

FONTE: clickpb

27/05/2017

Belo-horizontino faz apelo emocionado por ajuda para cuidar de animais

Conheci o Franklin há muitos anos atrás nesta mesma luta. Não o vejo faz tempão. Não é fácil a luta de protetor!!!! quem puder,   hoje e amanhã  rola um mutirão para ajudá-lo a limpar o abrigo porque está sozinho nesta tarefa. Ao final, tem as contas dele para quem quiser contribuir. O Facebook dele é ESTE AQUI.
------------
“O pouco que eu tenho eu divido com a minha família e os bichos”, diz entre lágrimas o técnico em veterinária Franklin Oliveira, de 48 anos. Natural de Belo Horizonte, ele é o protagonista de um vídeo que viralizou e se transformou em um dos assuntos mais comentados por internautas da capital nas últimas horas. A gravação compartilhada no Facebook, nessa quarta-feira (24), trata-se de um desabafo e já foi vista por mais de 8 mil pessoas. Nela, o homem se emociona e pede ajuda para cuidar dos quase 100 cães e gatos que mantém em uma casa na Pampulha.

Ao Bhaz, Oliveira contou que desde os 12 anos sente uma paixão muito forte pelos animais e que, por tal  motivo, começou a resgatar cães e gatos nas ruas e a encaminhá-los para adoção. Ele explica que há 37 anos cuida dos animais com a ajuda de amigos e conhecidos, mas que, no último ano, muitos deles ficaram desempregados e a situação saiu do controle.

“Eu sempre contei com auxílio para manter a casa de passagem em funcionamento. Recebo doações de ração, medicamentos e outras ajudas necessárias para a saúde e alimentação deles [os bichos]”, diz. “Gravei o vídeo como um desabafo, um ato de desespero. O mais importante pra mim é ver a felicidade e o bem-estar desses animais. O meu objetivo é conseguir adotantes, famílias dispostas a dar amor e carinho”, pondera com a voz totalmente embargada.

Dono de uma banca de revista localizada na avenida Brasil – ela foi cedida por uma amiga -, o belo-horizontino teme ser despejado do imóvel onde fez morada para os pets antes abandonados. “Eu tenho três turnos de trabalho, de manhã cuido dos animais, de tarde trabalho na banca e a noite volto para cuidar deles novamente”, conta. “O aluguel está atrasado, contas de luz e água sem pagar. Fiz várias dívidas em prol de uma causa que sempre acreditei, mas cheguei a um limite de não conseguir me desdobrar”, explica. “Está insustentável”, crava.

Oliveira relata que a paixão pelos animais é tanta que parou de comer carne há 37 anos, no mesmo período em que se comprometeu a ser um aliado da causa animal. “Eu dou a minha vida por uma causa que poucas pessoas dão a mínima. O pouco que eu tenho eu divido com a minha família e com os bichos”, revela entre lágrimas a promessa feita ainda na infância.

Na tentativa de conseguir apoio e ajuda para os animais, o técnico em veterinária vai realizar um mutirão neste fim de semana. No sábado (27) e no domingo (28), ele espera reunir o maior número possível de pessoas na casa de passagem localizada na Pampulha. O homem explica que prefere não passar o endereço do imóvel por temer que novos animais sejam abandonados na porta dele, como já ocorreu antes. Os interessados devem fazer contato por meio do Facebook.

Quem estiver disposto a ajudar também pode fazer doações de qualquer valor por meio das contas divulgadas nas redes sociais. São três bancos disponíveis. Veja abaixo:

CEF – Agência: 2333 – Cc: 45.001-9
Banco do Brasil – Agência: 3857-1 – Cc: 20.022-0
Itaú – Agência: 0637 – Cc: 62.754-8

Fonte: BHAZ

09/05/2017

Protetor busca recursos para construir abrigo para animais abandonados em Cajazeiras (PB)

aaaaaaaaaaaa
------------------------
Eliézer de Souza é um protetor de animais abandonados e maltratados em Cajazeiras, na Paraíba. Ele está tentando construir um canil para abrigar cães e gatos em situação de rua na cidade, mas a falta de recursos e o descaso da população impedem que o projeto seja concluído.

De acordo com Eliézer, o projeto começou há quatro anos, mas como tudo depende de seus próprios recursos, a obra está longe de terminar. O abrigo está sendo construído no Distrito Industrial com espaço amplo, incluindo ambulatório e sala de raio-x.

Ele lamenta que os moradores e políticos da região não ajudem a concretizar o projeto. “Querer aparecer tem muitos, mas ser realmente protetor de animais é difícil”, criticou o cajazeirense.

O protetor conta que há dias em que não consegue resgatar animais que precisam, por conta da falta de recursos. “Tem dia que não consigo resgatar um animal porque não tenho R$ 1 para abastecer o veículo”, conta.

“Apelo para quem tem sensibilidade para ajudar a concluir isso aqui porque sozinho não tenho condições”, disse ele.
Quem tiver interesse em ajudar o projeto pode contatar Eliézer pelo telefone (83) 99398-5295.

FONTE: vetanimal
---------
Vejam o vídeo:


Com poucas ajudas, protetor de animais está... por playdiario

09/03/2017

Protetor de animais americano em ação na cidade de San Juan - Porto Rico

.
Protetor de animais, aqui ou acolá, é tudo igual..... muito legal este americano.... olha só....
----------------
Glen Venezio, americano, vive em San Juan, Porto Rico desde 2006. Pouco depois de sua chegada lá, ele começou a fazer sua parte para ajudar alguns dos estimados 1 milhão de gatos e Cães nas ruas e praias da ilha. 

Ele faz uma rota de alimentação noturna para cerca de 250 gatos e alguns cães, nunca tendo perdido uma única noite em 10 anos. Ele também tem trabalhado para esterilizar os animais, além de ajudar a polícia com casos de crueldade e vários esforços de ativistas animais, Incluindo a participação de batalhas contra uma fazenda de criação de macacos e um aquário de golfinhos.   É uma batalha difícil em Porto Rico, onde há constante abandono.

22/02/2017

Distintivo para protetor de animal? isto pode?


Alguém já tinha visto? não é novidade pela data com que o produto é anunciado.... e aí? isto pode? que coisa estranha, embora, não me pareça errado.... sei lá..... se souberem sobre isto conta p´ra gente?

-------------------------
Distintivo Universal do Protetor Animal Brasileiro compartilhou a própria publicação.
19 de fevereiro às 16:44 ·
Hoje é um Bom Dia para adquirir seu DISTINTIVO Oficial de Protetor Animal no Brasil.Exclusivo para Protetores de animais vinculados diretamente a Ongs. Não insista, se não

05/12/2016

Dois cachorros morrem após resgate em canil clandestino em João Pessoa - PB

Eu tenho certeza não fosse a participação da proteção animal, as autoridades teriam muita dificuldade de cumprir as leis, né mesmo?
----------------
Dois cachorros morrem após resgate em canil clandestino em João Pessoa
Outros cinco animais se recuperam dos maus tratos no Centro de Zoonoses.
Responsável e proprietário do canil foi detido e liberado em seguida. 



Dois animais resgatados na quarta-feira (30) em um canil clandestino morreram. A informação foi confirmada nesta quinta-feira (1º) pelo grupo que fez o resgate. Um dos animais estava com as patas

19/10/2016

Voluntários de SC realizam paella pela causa animal.... Hein?

Eu li direito? Paella para arrecadar fundos para ongs de proteção animal? tira o tubo!!!!!!!! será que tem paella vegetariana? eu só conheço aquelas feitas com "frutos do mar", peixes ou, originalmente, carne de caça...... Socorroooo!!!!! Será que protetor não se importa com os camarões, peixes, polvo, etc etc etc ? Desculpa aê, gente, mas, que horror!!!!!! e olha que teve OAB envolvida..... urgh......
------------------------
A Subcomissão de defesa dos animais da OAB Criciúma/SC e GAPA (grupo de advogados da proteção animal) participaram e apoiaram a 1ª Paella realizada neste domingo, por voluntários da causa animal que integram os grupos Unidos pelos animais e Hope Animal de Criciúma/SC.

O objetivo da paella era arrecadar fundos para pagamento das dívidas geradas nos atendimentos

14/07/2016

Protetor de animais é atacado em incêndio criminoso em Gravataí - RS

Gente do Céu!!!!! como podem fazer isto? Veja outra matéria que tem até vídeo do encontro deste moço com a cadela que salvou os filhotes do incêndio: Protetor de animais que teve moradia incendiada reencontra cachorra que salvou filhotes do fogo
------------------------ 
Quatro cachorros morreram e trailer usado pelo uruguaio Juan Alvarez, 69 anos, para acolher cães de rua foi totalmente destruído na madrugada deste domingo

Um incêndio criminoso destruiu completamente a moradia de um protetor de animais e vitimou quatro cães adotados por ele nos últimos meses, e deixou um deles bastante ferido, na Rua Servidão dos Flores, área central de Gravataí. O ataque aconteceu na madrugada deste domingo em um terreno que o uruguaio Juan Antonio

21/05/2016

Protetor que alimenta animais na rua



Precisamos muito de gente boa como este moço..... Embora não seja o ideal, já que cão e gato tem que ficar dentro de casa para sua proteção, tem que se matar a fome de cada um.....  Mas, na Tailândia, temos que compreender tudo.... E bom que os cachorros estão bem gordinhos, né?
-------------------

11/04/2016

Protetor de animais arrisca a vida para salvar cães do comércio de carne na Ásia

É preciso existir heróis como este aí para servir de exemplo para outras tantas pessoas que querem, efetivamente, fazer alguma coisa pelos animais. Conheça a ONG dele, CLICANDO AQUI.
------------------
Marc já foi baleado, espancado, ameaçado e feito refém por comerciantes e criadores dos animais em suas aventuras pela China e Coreia do Sul.  Os países asiáticos possuem costumes gastronômicos muito distintos do

30/03/2016

Rafael, o melhor amigo do melhor amigo do homem - Protex

Tenho visto um comercial do sabonete Protex mostrando um garoto salvando um cachorrinho que, supostamente, estaria em perigo. Muito bonitinho. Não encontrei pela internet, mas, achei algo bem interessante. Eles lançaram uma campanha  chamada "Pequenos heróis ao seu redor" e uma das histórias é sobre o Rafael. Muito legal!!!!!
-----------------



Publicado em 29 de jul de 2015 
Confira a história deste pequeno herói que, com a ajuda de sua mãe, resgata cães abandonados em Belo Horizonte.

06/07/2015

Conheça a história de uma mulher que decidiu adotar cães abandonados em Montes Claros - MG



É uma luta, não? seria tão bom se houvesse esta consciência em toda sociedade.... até lá, companheiras, vamos a luta.....
-------------------------------------------




MGTV - Rede Globo - 04/07/15

11/03/2015

Protetora doente precisa da ajuda de outros protetores para tratar dos seus animais - RJ

Esta senhora que precisa de ajuda poderia até ser apedrejada se alguém visse na casa dela um cão doente e até com bicheira, né mesmo?  No entanto ELA PRECISA DE AJUDA.... somente de ajuda para tratar seus animais!!!!!! 

Espero que no meio de tanta gente que falou um monte de besteira recentemente, apareça alguém para AJUDAR ESTA COMPANHEIRA que está ferrada como eu. 

Vocês não tem ideia do que é dar remédio a um bicho estando sem condições. Aguardo, no mínimo, o pronunciamento de umas 50 "protetoras boazinhas" que andaram botando lenha na fogueira em recente festival de insanidades. Olha, só não vale colocar conta bancária para angariar fundos, viu? Leiam o pedido enviado a amiga Marta da AILA que nos repassou:
-------------------------------------------------------

**Voluntários para bairro de Ramos/ Zona Norte RJ**

Minha tia, uma senhora de 70 anos, está tratando uma recidiva de cancêr metástatico.  Está debilitada e com dores. Ela tem 11 cachorrinhos em casa e não está conseguindo cuidar deles por motivos óbvios.

Alguns cachorrinhos estão precisando de cuidados médicos. Todos são castrados e vacinados por ela. São muito amados.

Ela necessita de algum voluntário que pudesse pelo menos cuidar dos bichinhos na sua própria casa.
Os cachorrinhos tem em média 10 anos. Uns são cardíacos, outros estão com problemas nos dentes etc... Ela não está conseguindo levá-los ao veterinário, limpa-los ou banha-los com a frequência necessária.

Ela está muito triste pois, uma cadelinha morreu pois ela não teve forças para cuidar. Eu moro em SP e não posso ir e vir do RJ.  Alguém pode ajudar ???????

O celular dela é 21 981741621 ou 21 999289560
O meu email é christianeaoliveira@gmail.com

27/11/2014

As Quatro Fases na vida de um protetor de animais

Já li este texto algumas vezes e podia jurar que havia registrado aqui no blog.... mas, não achei. Então, aqui está. É muito bom.....
-------------------
Fakkema escreveu na esperança de ajudar seus colegas acelerarem seus próprios progressos em direção a uma vida mais tranquila e produtiva. Nós que trabalhamos em prol dos animais, dedicamos nossas vidas a eles, passamos por estas quatro fases na evolução de nossa carreira.

Cada um tem sua história, mas todos passamos por um processo similar. Se sobrevivermos ao processo, conseguiremos perceber o que já atingimos e o que queremos em primeiro lugar.

Fase 1

Determinados, estamos decididos a mudar o mundo. Sabemos que

10/06/2014

Notícias do cavalo do Caso Joelson e dos cavalos de Paquetá



Para as pessoas que nos perguntaram sobre o cavalo citado em nossa postagem sobre o Caso do Joelson, protetor aqui do Rio, recebi as fotos que comprovam que ele está bem. A boa notícia é que ouvi falar que os cavalos explorados na Ilha de Paquetá serão fiscalizados por ordem da justiça nesta semana e serão retirados se comprovado maus-tratos.... A conferir! o problema será a interpretação de "maus-tratos", né mesmo? 

Ainda no galpão em 03/06/14

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪