Mostrando postagens com marcador mudança. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador mudança. Mostrar todas as postagens

29/08/2017

Alvo de críticas, governo anuncia novo decreto sobre exploração na Renca

Sei não.... Dei uma lida rápida, mas, estou achando que tem muita coisa perigando ainda....
------------
Medida revogará decreto anterior, que extinguiu a reserva, mas manterá a extinção. Segundo o governo, novo decreto deixará regras para exploração na região mais claras.
O governo anunciou nesta segunda-feira (28) a edição de um decreto com as regras para a exploração mineral na extinta Reserva Nacional do Cobre e Associados (Renca). O decreto foi publicado em uma edição extra do "Diário Oficial da União". A área, entre os estados do Amapá e do Pará, foi criada em 1984 e tem mais de 4 milhões de hectares, aproximadamente o tamanho da Dinamarca.

Na última quarta (23), o governo publicou um decreto que extinguiu a Renca e permitiu a exploração mineral na região. Esse decreto será revogado, mas a extinção da reserva está mantida. A área tem potencial para exploração de ouro e outros minerais, entre os quais ferro, manganês e tântalo.

Segundo o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, a medida anunciada nesta segunda deixará as regras para exploração na região mais claras e preservará as reservas ambientais e indígenas.

"Por decisão do governo, sairá brevemente um novo decreto, colocando ponto a ponto como deverá ser [a exploração] a partir de agora – após a extinção da reserva mineral, preservando as questões ambientais e indígenas, sejam reservas estaduais ou federais – e poder acompanhar mais de perto a atividade na região", informou Coelho Filho.

Ele disse também que, com a nova medida, ficará proibida, por exemplo, a licença para exploração para quem tiver atuado na exploração mineral ilegal na reserva antes do decreto.

Após o anúncio do governo, o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) afirmou que o novo decreto é uma tentativa de "enganar a sociedade brasileira e a comunidade internacional".

"O novo decreto, na prática, não muda nada. Mantém a extinção da Renca, vulnerabilizando áreas indígenas e a floresta Amazônica. Mantém a ameaça de mineração nessas áreas, em oito unidades de conservação e duas reservas indígenas", declarou,

Críticas à extinção
Desde a semana passada, diversos setores da sociedade, como artistas e ambientalistas, têm criticado a medida do governo de extinguir a Renca.

A modelo Gisele Bündchen avaliou o decreto como uma "vergonha"; a cantora Ivete Sangalo, por sua vez, postou: "Brincando com o nosso patrimônio? Que grande absurdo. Tem que ter um basta".

Em resposta, o Palácio do Planalto chegou a divulgar uma nota para afirmar que a reserva "não é um paraíso como querem fazer parecer". Além disso, Fernando Coelho Filho convocou a imprensa para dizer que a extinção da Renca não torna "irrestrita" a atividade mineral na região.

Questionado nesta segunda sobre o motivo de o governo ter decidido editar um novo decreto, Sarney Filho disse que "houve muita confusão na percepção desse decreto por parte da sociedade como um todo".

Leia abaixo a íntegra do novo decreto do governo sobre a Renca:

Revoga o Decreto nº 9.142, de 22 de agosto de 2017, que extinguiu a Reserva Nacional do Cobre e Seus Associados - Renca e extingue a Reserva Nacional do Cobre e Seus Associados - Renca para regulamentar a exploração mineral apenas na área onde não haja sobreposição com unidades de conservação, terras indígenas e faixa de fronteira.

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 84, caput, inciso IV, da Constituição, e Considerando a queda do desmatamento na Amazônia, atestado pelo Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia;

Considerando a necessidade de melhor explicar o que é a Reserva Nacional de Cobre e seus Associados - Renca, localizada nos Estados do Pará e do Amapá, constituída pelo Decreto nº 89.404, de 24 de fevereiro de 1984, e o porquê de sua extinção;

Considerando a necessidade de melhor regulamentar e disciplinar a exploração mineral na área da extinta Renca;

Considerando a necessidade de fazer cessar a exploração mineral ilegal na área da extinta Renca;

Considerando a sobreposição parcial da área da extinta Renca com o Parque Nacional das Montanhas do Tucumaque, com a Estação Ecológica do Jari e com a Reserva Extrativista do Rio Cajari, que constituem unidades de conservação da natureza federais, nas quais é proibida a exploração mineral;

Considerando a sobreposição parcial da área da extinta Renca com a Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Rio Iratapuru, com a Floresta Estadual do Paru e com a Reserva Biológica Maicuru, que constituem unidades de conservação da natureza estaduais; e

Considerando a sobreposição parcial da área da extinta Renca com as terras indígenas Rio Paru D’Este, localizada no Estado do Pará, e Waiãpi, localizada no Estado do Amapá, e a inexistência de regulamentação do art. 231 da Constituição;

DECRETA:

Art. 1º Fica revogado o Decreto nº 9.142, de 22 de agosto de 2017.

Art. 2º Fica extinta a Reserva Nacional de Cobre e Seus Associados, reserva mineral constituída pelo Decreto nº 89.404, de 24 de fevereiro de 1984, localizada nos Estados do Pará e do Amapá.

Art. 3º Nas áreas da extinta Renca onde haja sobreposição parcial com unidades de conservação da natureza ou com terras indígenas demarcadas fica proibido, exceto se previsto no plano de manejo, o deferimento de:
I - autorização de pesquisa mineral;
II - concessão de lavra;
III - permissão de lavra garimpeira;
IV - licenciamento; e
V - qualquer outro tipo de direito de exploração minerária.

Art. 4º A autoridade competente para a análise dos títulos de direto minerário relativos à pesquisa ou à lavra em área da extinta Renca sobreposta a unidades de conservação da natureza federais ou a terras indígenas demarcadas iniciará os processos administrativos para o cancelamento dos títulos concedidos e indeferirá os requerimentos de novos títulos de direito minerário requeridos entre a criação e a extinção da Renca.

Art. 5º Nas áreas da extinta Renca onde não haja sobreposição com unidades de conservação da natureza federais, nas quais é proibida a exploração mineral, ou com terras indígenas demarcadas, a exploração mineral atenderá ao interesse público preponderante.

§ 1º Para fins do disposto neste Decreto, considera-se atendido o interesse público preponderante quando houver:
I - a correta destinação e o uso sustentável da área;
II - o dimensionamento do impacto ambiental da exploração mineral;
III - o emprego de tecnologia capaz de reduzir o impacto ambiental; e
IV - a capacidade socioeconômica do explorador de reparar possíveis danos ao meio ambiente.

§ 2º A concessão de títulos de direito minerário nas áreas a que se refere o caput será precedida de habilitação técnica perante os órgãos e as entidades competentes.

§ 3º O início da explotação dos recursos minerais estará condicionado à aprovação pelos órgãos e pelas entidades competentes dos seguintes planos, observado o disposto em legislação específica:
I - aproveitamento econômico sustentável;
II - controle ambiental;
III - recuperação de área degradada, quando necessário; e
IV - contenção de possíveis danos.

Art. 6º Fica proibida a concessão de títulos de direito minerário a pessoa que comprovadamente tenha participado de exploração ilegal na área da extinta Renca.

§ 1º Nas solicitações de título de direito minerário apresentados por pessoas jurídicas, o solicitante deverá apresentar comprovação de que as pessoas naturais que compõem a sociedade, direta ou indiretamente, não estão impedidas de contratar com a administração pública e de que não tenham participado de exploração ilegal na área da extinta Renca.

§ 2º A proibição estabelecida no caput se aplica aos sócios, aos controladores dos sócios e às pessoas naturais que compõem, direta ou indiretamente, as empresas do mesmo grupo econômico da pessoa jurídica solicitante.

Art. 7º Caberá à Agência Nacional de Mineração, nas áreas da extinta Renca, a autorização para transferência do título de direito minerário, que somente será autorizada após decorrido o prazo de dois anos, contado da data da expedição do título, para as pessoas naturais ou jurídicas que comprovarem deter as mesmas condições técnicas e jurídicas do detentor original.

Art. 8º Nas áreas da extinta Renca onde haja sobreposição parcial com unidades de conservação da natureza federais e estaduais ou com terras indígenas demarcadas, ficam mantidos os requisitos e as restrições previstos na legislação relativa à exploração mineral em unidades de conservação da natureza, terras indígenas e faixas de fronteira.

Art. 9º Fica criado o Comitê de Acompanhamento das Áreas Ambientais da Extinta Renca, no âmbito da Casa Civil da Presidência da República, que será composto por um representante, titular e suplente, dos seguintes órgãos e entidades:
I - Casa Civil da Presidência da República, que o presidirá;
II - Ministério de Minas e Energia;
III - Ministério do Meio Ambiente;
IV - Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República;
V - Ministério da Justiça e Segurança Pública, escolhido dentre os servidores da Fundação Nacional do Índio - Funai; e
VI - Agência Nacional de Mineração.

§ 1º Serão convidados a participar do Comitê de Acompanhamento das Áreas Ambientais da Extinta Renca:
I - um representante do Poder Executivo do Estado do Amapá; e
II - um representante do Poder Executivo do Estado do Pará.

§ 2º O Comitê de Acompanhamento das Áreas Ambientais da Extinta Renca terá caráter consultivo e será ouvido pela Agência Nacional de Mineração antes da outorga de títulos de direito minerário relativos à área da extinta Renca.

§ 3º Os representantes dos órgãos referidos nos incisos I a IV do caput serão indicados pelos respectivos Ministros de Estado e designados em ato do Ministro de Estado Chefe da Casa Civil da Presidência da República.

§ 4º Os representantes referidos nos incisos V e VI do caput serão indicados pelos dirigentes máximos das respectivas entidades e designados em ato do Ministro de Estado Chefe Casa Civil da Presidência da República.

§ 5º A participação no Comitê de Acompanhamento das Áreas Ambientais da Extinta Renca será considerada prestação de serviço público relevante, não remunerada.

Art. 10. Ficam revogados:
I - o Decreto nº 89.404, de 24 de fevereiro de 1984; e
II - Decreto nº 92.107, de 10 de dezembro de 1985.

Art. 11. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.

Fonte: G1 política 

Câmara aprova mudança da natureza jurídica dos animais, de coisas para bens móveis

O que este nojento do Valdir Colatto quer da vida ao apresentar recurso contra a apreciação conclusiva? é o tal que está querendo liberar a caça no Brasil.....
--------------- 
Há recurso propondo que o projeto seja votado pelo Plenário

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) aprovou proposta que altera o Código Civil (Lei 10.406/02) para determinar que os animais não serão considerados coisas, mas sim bens móveis.

A alteração da natureza jurídica dos animais consta no Projeto de Lei 3670/15, do Senado, que recebeu parecer favorável do relator, deputado Rodrigo de Castro (PSDB-MG).

A aprovação na CCJ foi em caráter conclusivo, assim como ocorreu com a votação na Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável. No entanto, o deputado Valdir Colatto (PMDB-SC) apresentou recurso contra a apreciação conclusiva. Caso o recurso seja aprovado pelo Plenário, o projeto passará por uma nova votação pelo conjunto dos deputados.

Sem distinção
O relator considera importante diferenciar os animais dos objetos inanimados. Ele destaca que, atualmente, o Código Civil estabelece, por exemplo, nos artigos referentes às relações de vizinhança, que não há distinção entre animais e coisas.

A Lei afirma que “o proprietário ou ocupante de imóvel é obrigado a tolerar que o vizinho entre no prédio, mediante prévio aviso, entre outras hipóteses, para apoderar-se de ‘coisas’ suas [do vizinho], inclusive animais que aí se encontrem casualmente”.

ÍNTEGRA DA PROPOSTA:
  • PL-3670/2015

  • FONTE: camara.leg.br

    29/04/2017

    Família se muda e abandona cães de raça em SP

    Os canalhas abandonam os animais e saíram ilesos.... Por isso que todo protetor deve ficar atento e  fazer amizade com uns nojentos destes só para pegar informações... Caso aconteça igual, é possível correr atrás....
    ------------------------
    Animais (um shih-tzu e um golden retriever) foram resgatados no último domingo após quatro dias sem água ou comida, na Vila Liviero
    Dois cachorros de raça foram abandonados, sem comida e água, por uma família na Vila Liviero, bairro da região sudeste da cidade de São Paulo. Um golden retriever e um shih-tzu ficaram trancados por aproximadamente quatro dias, quando foram resgatados por protetores de animais e levados para adoção.

    O fato despertou a curiosidade no bairro devido ao fato do preço elevado dos cães, que chegam a custar cerca de R$ 2 mil cada.

    Na última quinta-feira (dia 20), o imóvel que fica na Rua Francisco da Silveira foi simplesmente desocupado. A família levou tudo, menos os dois cachorros. Como existe uma praça e uma quadra de bocha ao lado da residência, os vizinhos logo perceberam o abandono dos animais.

    Como os donos não retornaram, uma moradora da região alimentou os cachorros pelas pequenas frestas do portão. Pelas redes sociais, protetores de animais organizaram um encontro no último domingo para fazer uma denúncia à Polícia e resgatar os bichinhos.

    Ainda no domingo, descobriu-se que o portão estava aberto. Os animais foram retirados, levados para tomar banho e disponibilizados para adoção – já foram adotados. Os cachorros estavam desidratados, famintos e deixados em meio às fezes e urina.

    O comportamento da família que vivia no local já chamava a atenção no bairro. Segundo vizinhos, eles ficaram por pouco mais de dois meses na região. Possuíam muitos veículos e tinham hábitos estranhos. Os carros populares eram guardados na garagem, enquanto os veículos de alto valor eram deixados na calçada.

    Nenhum vizinho tinha o contato telefônico dos moradores.

    FONTE: band.uol

    17/02/2017

    Brasil começa mudança para uma produção de ovos menos cruel

    Acho que tudo é válido para esclarecer pessoas que nunca pensam a respeito.... Aliás, o que estamos fazendo para mobilizar pessoas e prepará-las para continuar na luta em defesa dos animais? O artigo foi escrito pela Elizabeth Mac Gregor - Diretora de educação do Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal (FNPDA).
    ------------------------
    Entenda porque isso é bom para os animais e para a saúde humana

    Já imaginou algo pior que ser forçado a viver em um apartamento minúsculo, lotado com outras pessoas, algumas já mortas e em decomposição, e onde você não conseguiria sequer esticar seus braços ou caminhar? E ainda com mais pessoas no andar de cima excretando em você por meio de um piso vazado? É assim que vivem a grande maioria das 100 milhões de galinhas usadas para

    02/01/2017

    Decreto transforma SEPDA em subsecretaria do Gabinete do Prefeito do Rio

    Ontem saiu no Diário Oficial do Município do Rio de Janeiro este Decreto que estabelece que a Secretaria de Proteção Animal passa a ser uma sub-secretaria do Gabinete do próprio Prefeito. 

    Achei legal e interessante, pois, quando apresentei em 1995 um Programa de Políticas Públicas chamado "Projeto Pró-fauna", o assunto "proteção animal", ficaria no gabinete do Prefeito para termos a facilidade de usar todas as outras secretarias sem melindrar cargos políticos. 

    Cesar Maia, prefeito na ocasião, achando meu projeto audacioso disse p´ra mim que ia criar uma Comissão de Proteção Animal para assessora-lo na análise. Pois bem, ele foi em frente e criou esta meleca de

    29/12/2016

    Cão esteve uma semana ao frio à espera do dono que o abandonou

    Que coisa triste não? por que não abandonaram a mãe? ah, desculpa, gente, revolta qualquer um....
    ------------------------
    Animal estava esfomeado, ferido e, acima de tudo, com uma profunda tristeza no olhar.
    Um cão arraçado de Pitbull e Labrador foi resgatado por um voluntário de uma associação de defesa dos animais em Detroit, no Michigan (EUA).

    Conta a CBS Detroit que os donos do animal mudaram de casa e, da mesma forma que deixaram

    22/10/2016

    De mudança para Miami, Richard Civita vai levar com ele 90 animais

    Isto é um exemplo a ser seguido....  Ontem publicamos que Maioria dos donos de animais diz que os abandonaria em caso de mudança.... Pois é, né? que diferença, não?
    ------------------------
    Richard Civita, irmão de Roberto Civita – morto em 2013 -, está de malas prontas para deixar o país e se instalar definitivamente em Miami. A mudança, que deve acontecer nas próximas semanas, tem um fato curioso: ele vai embarcar com os seus 78 animais domésticos, entre felinos e caninos, além de 12 equinos.

    Desta lista, 23 cães e cinco gatos moram na casa dele em São Paulo e os outros estão em sua fazenda. Richard faz questão de acompanhar pessoalmente a viagem dos animais no avião cargueiro, que deve decolar do aeroporto de Viracopos, em Campinas. A viagem, no maior estilo arca de Noé 2.0, deve acontecer só nas próxima semanas – o restante da família, no entanto, deve viajar de avião de carreira.
    FONTE: glamurama.uol

    21/10/2016

    Maioria dos donos de animais diz que os abandonaria em caso de mudança

    Agora, alguém tem dúvida que de tem muito dono de bicho que merece levar muitos tabefes na cara? taí..... 
    ------------------------
    Motivos fúteis, como viagens, também são usados como desculpa para a crueldade. Pesquisa mostra em números a negligência com animais de estimação

    Embora seja difícil crer que uma pessoa possa abandonar seu animal de estimação, essa realidade ocorre com mais frequência do que se imagina e pelos motivos mais fúteis. É o que indica a pesquisa “Paixão por Bichos de

    15/10/2016

    Onde estão os pombos da Praça da Bandeira?


    Agora vejam isto...... onde enfiaram os pombos? A explicação que uma moça dá é de doer os calos!!!!! aliás, todo mundo ali vivia no CTI com tantas doenças......
    Fonte: G1 - TV Paraiba
    ----------------



    18/08/2016

    Aipa Itanhaém precisa de ajuda - SP

    Gente amiga, vamos ajudar? um pouquinho de um e de outro vai ajudar muito....
    ---------------
    Aipa Itanhaém
    Ola amigos 
    Para quem ainda não conhece a história da Aipa e também a sua fundadora, a Professora Ignez Salles,fizemos esse vídeo de apresentação.


    Criamos também um EVENTO: https://www.facebook.com/events/708601025989343/ para que todos possam acompanhar e ajudar nesta campanha que, abaixo explicaremos:

    02/03/2016

    Família se muda, deixa os cães presos dentro de casa por semanas e polícia os encontra - Chicago - EUA

    Ainda bem que tiveram sorte dos policiais arrombarem a porta da casa.... só fico pensando naqueles que foram abandonados do mesmo jeito e não conseguiram sobreviver.... Que tristeza!!!!
    ------------------------
    Policiais invadiram a residência após ouvir barulhos no local e acreditarem que a mesma havia sido tomada por bandidos ou arruaceiros.

    Mais um triste episódio de maus tratos contra os animais entra para as estatísticas mundiais. Dessa vez a história vem de Chicago, nos Estados Unidos.

    Os moradores de uma casa se mudaram para outra cidade e levaram todos os seus bens, exceto

    30/12/2015

    Zoológico humano no centro de São Paulo muda a opinião da população


    Sinceramente? amei a matéria..... Na hora que a pessoa se sente presa ali, exibida e imaginando que todo seu mundo anterior caiu, ela sente a mesma coisa que um animal na hora de sua captura. Muito bem bolado!!!!!!
    --------------------------------



    Band Entretenimento - CQC - UOL - 15/12/15
    No quadro Proteste Já foi questionado o conceito atual de zoológico. Por isso, o repórter Juliano Dip protagonizou uma brincadeira inusitada: colocou uma jaula no Viaduto do Chá e convenceu transeuntes a entrarem na jaula para que experimentassem a sensação de um animal enjaulado.

    19/11/2015

    Vanessa Mesquita, ex-BBB, promete mudança radical na vida


    Prestem atenção no que ela fala...
    Acho que está sendo bem coerente .... afinal, é jovem, bonita e está aproveitando enquanto dá.... eu faria a mesma coisa!!!!!
    ----------------- 

    A ex-BBB revelou ao TV Fama que quer deixar de ser uma celebridade para poder se dedicar mais à família e aos animais.

    19/03/2015

    Mulher recebe multa de R$ 18 mil por maus-tratos a animais em Bauru

    Isto é que deve ser feito.... sempre com responsabilidade.... 
    ------------------------------------------
    Animais foram levados para o Centro de Controle de Zoonoses (Foto: Divulgação/ Polícia Ambiental)
    Cadela e quatro filhotes foram encontrados em situação precária. 
    Animais foram levados para o Centro de Controle de Zoonoses. 

    A Polícia Ambiental flagrou cinco animais de estimação em situação precária em uma residência no bairro Leão XIII em Bauru (SP) no domingo (15). Os policiais chegaram ao local após denúncia e encontraram uma cadela adulta e quatro filhotes, um deles já morto.

    Os animais estavam extremamente debilitados, sem alimentação e água disponíveis e em uma área sem condições de higiene. A dona da casa, que não mora mais no imóvel de acordo com a Polícia Ambiental, foi localizada e levada à delegacia onde foi autuada em flagrante por crime ambiental de maus-tratos e multada em R$ 18 mil.

    Já os animais foram encaminhados para o Centro de Controle de Zoonoses, onde receberam a alimentação e os cuidados necessários. Posteriormente, assim que tiverem recuperados, eles poderão ser colocados para adoção.

    FONTE: G1

    02/02/2015

    Cinco provas de que atitudes em relação aos animais estão mudando na China

    A ANDA fez uma matéria bem interessante sobre a mudança de comportamento da China com referência ao respeito pela vida animal....
    -------------------------------------
    Como diretora da área de Bem-Estar de Cães e Gatos da Animals Asia na China, Irene Feng foi diretamente responsável por melhorar a vida de cães e gatos através da sensibilização, lidando com casos de abuso, conduzindo resgates de emergência e promovendo a gestão da tutela em todo o país.

    Com uma década de experiência no tratamento a cães e gatos na China, Irene veio a público comentar sobre

    12/01/2015

    Santa-cruzense espera quatro meses para reaver seu gato em Londres

    Tenho uma amiga que, apesar de casada com um inglês, sempre se negou a morar naquele país por causa destes problemas..... A coisa lá é bastante rígida.... uma quarentena exagerada para meu gosto.... e há anos que isto e assim.....
    ----------------------------------------------
    Em poucos dias, Bóris finalmente vai voltar para a família
    Após se mudar em setembro, casal foi obrigado a deixar pet em empresa de realocação de animais

    Prepare-se. A história a seguir reserva fortes emoções para os amantes dos bichos de estimação. Em especial, os intitulados “gateiros”. O motivo? Os quatro meses em que Bóris, o gatinho mais novo de Sabrina Schneider e Daniel Flavio Schuh, está longe dos donos, que se mudaram do Brasil ao Reino Unido. O que era para ser uma transição calma, porém, se transformou em dor de cabeça para

    06/01/2015

    Cachorra obesa emagrece 20kg com mudança na alimentação

    Achei a matéria muito bacaninha...
    --------------------------------------




    Fala Brasil - Rede Record - 05/01/15

    Juju é um bom exemplo de que os donos também precisam ficar atentos quanto a dieta dos animais de estimação. A cachorra, que vive em Monte Alto, no interior de São Paulo, engordou tanto a ponto de não conseguir andar. E a recuperação só aconteceu graças a um processo de reeducação alimentar.

    25/08/2014

    Moradores reclamam de animais abandonados em Piracicaba

    Esta gente é muito canalha.... se bem que, tem governos que entregam casas para moradores de favelas mas não deixam levar os animais.... Aqui no Rio vivemos este drama até que soltei as cachorras em cima do Secretário de Habitação do Município.

    video
    EPTV - Rede Globo - 23/08/14

    06/05/2014

    Sai gatinho e entra morceguinho na logo do CCZ/Rio... falta serviço, lá?

    Ma ma mais oiiiiiiiiii, como diria o Silvio Santos!!!!!! O atual diretor do CCZ Rio, Dr. Mauro Blanco, escreveu nos comentários de uma de nossas postagens que eu deveria ser canonizada no lugar do Padre Anchieta porque publiquei umas "coisinhas" que não foram do seu agrado..... CONFERE AQUI.

    Eu não sei o que ele quis dizer exatamente e até pedi  para desenhar porque não captei .... hehehe.... mas, deu para conferir que ele é "bem humorado".... kakakaka.... A prova maior é que, não tendo muito o que fazer, pelo jeito, quer mudar a logomarca do CCZ de um gatinho para um morceguinho alegando este motivo: "A proposta do novo desenho que nos representa procura resgatar a história da Unidade no que se refere ao controle da Raiva Animal no Município do Rio de Janeiro".

    Ele é engraçado mesmo!!!!! Imagina que a raiva acabou 4 anos antes da fundação do CCZ em 1988. Portanto, o mérito foi do Instituto Municipal Jorge Vaitsman. Além do mais, nada contra os morcegos que eu amo por causa do biólogo amigo Carlos Esberard, mas, será que ele não sabe que o ultimo caso de raiva no Rio em humanos foi em 1984 e em cachorro foi em 1995?  Que mané comemoração atrasada, não?

    Gente, falando sério: o Sub-Secretário de Saúde do Rio, o Dr. Arnaldo Lassance, empurrou goela abaixo a nomeação do Dr. Mauro Brandão em substituição ao Dr. Fernando Ferreira que fez aquela mudança espetacular no CCZ fazendo ele virar um luxo só. LEMBRA AQUI

    foto panorâmica do CCZ Rio... showzaço

    Agora, eu não entendo a ausência de reação do SEPDA, Rafael Aloísio, que seria o único que poderia nomear e renomear de acordo com decreto 29361/08 do Prefeito. Olha só o texto:
    Art. 3.o Fica mantida a subordinação, por delegação, do Centro de Controle de Zoonoses Paulo Dacorso Filho, junto à Secretaria Especial de Promoção e Defesa dos Animais – SEPDA, mantida a matricialidade, no que se refere às funções precípuas da Secretaria Municipal de Saúde.

    O Prefeitinho Edupaes tá devendo a gente mesmo, não? é uma zorra total... nem ele cumpre o decreto da própria prefeitura... o que esperar? Agora confiram abaixo a logo anterior e a atual......

    Ah, ia esquecendo de contar um "babado" ... se alguém souber se é verdade, confirma? é que o atual diretor do CCZ indicou o marido da ex-diretora do CCZ, Eucy Galamba, para ser seu assessor. 

    Caramba!!!! amigos da proteção animal que passam mal só de falar no nome desta veterinária,  estão me telefonando direto perguntando se isto é verdade... Bem, como o Dr. Mauro frequenta nosso blog (que honra, heim?), ele mesmo poderá responder.... kakakakaka... Gente, este Dr. Lassance não é pouca figurinha não!!!! Não conseguiu emplacar a Eucy na direção do CCZ, vai emplacar o marido como vice.... Jesus, só você mesmo na causa!!!!!! kakakakakaka....

    logo antiga

    logo atual


    RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

    Licença Creative Commons

    "O GRITO DO BICHO"

    é licenciado sob uma Licença

    Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas


    Copyright 2007 © Fala Bicho

    ▪ All rights reserved ▪