RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Mostrando postagens com marcador eutanásia. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador eutanásia. Mostrar todas as postagens

20 de agosto de 2017

PETA deverá pagar 49.000 dólares por sacrificar chihuahua de uma menina de 9 anos

Pesquisei sobre o assunto e confirmei que foi noticiado em vários veículos de comunicação. Volta e meia a PETA se vê envolvida com esta situação. Só que, como ela é a PETA, tem mais divulgação. Mas, a quase totalidade de abrigos americanos e europeus praticam a ortotanásia nos animais que não são adotados. Isto é de conhecimento geral. A foto ao lado é da cachorrinha morta e o caso foi em 2014.
-----------
Desde 1980, a organização de Pessoas pelo Tratamento Ético dos Animais (PETA, por sua sigla em inglês) se tornou a autoridade número 1 em relação ao bem-estar dos animais. Mas acontece que há três anos atrás ela se viu envolvida na morte de uma chihuahua chamada Maya em uma cidade da Virginia, nos Estados Unidos. Não se tratava de um cão de rua, senão que tinha donos. A família denunciou que o animal foi levado de sua casa, sem seu consentimento, motivo pelo qual interpôs um processo milionário contra a organização.

PETA deverá pagar 49.000 dólares por sacrificar chihuahua de uma menina de 9 anos
O fato ocorreu no distrito de Eastern Shore, Virginia, onde dois membros do grupo, Victoria Carey e Jennifer Wood, levaram a chihuahua, que, dizem, foi encontrada sem coleira perto de uma moradia, e sacrificaram-na poucas horas depois, sem aguardar os cinco dias estabelecidos pela lei para realizar esse procedimento.

O que elas mal sabiam é que uma câmera de segurança gravou toda a ação. O vídeo, publicado nas redes sociais, mostra as mulheres invadindo a varanda de uma casa, roubando a cadelinha, colocando-a em uma van e indo embora.

Semanas antes do início do julgamento em que a família pedia sete milhões de dólares, a PETA se viu obrigada a fazer um acordo e a desembolsar 49.000 dólares como compensação à família de Cynthia, a menina de nove anos que ganhou a cadelinha no Natal.  Wilber Zarate, o pai da menina, acusou a PETA de praticar eutanásia em massa , inclusive em animais saudáveis, por simplesmente considerar que "ter um animal de estimação é uma forma de cativeiro". 

Como resposta, a PETA pediu desculpas pelo "terrível erro" cometido, enquanto Carey e Wood explicaram que foram contatadas por uma pessoa do bairro onde vive a família para capturar cães e gatos selvagens de rua (elas continuam mentindo). - "Desculpamos-nos de novo e expressamos nossas condolências à família Zarate pela perda de sua cadela Maya. O senhor Zarate reconheceu que foi um erro infeliz de PETA e das pessoas envolvidas", explicaram.

Por sua vez, William Shewmake, advogado da família, considera que este acordo foi uma forma de fechar este doloroso capítulo que afetou suas vidas. Ademais, a PETA fará uma doação de 2.000 dólares à Sociedade para a Prevenção da Crueldade contra os Animais em honra a Maya.

A exceção que se transformou em regra
PETA deverá pagar 49.000 dólares por sacrificar chihuahua de uma menina de 9 anos
Bom... até aqui, tudo mais ou menos bem. Algumas pessoas defenderam a ONG com a justificativa de que "Por melhor que seja a sua intenção, sempre pode acontecer um erro fortuito."

O problema, no entanto, é que este não é um caso isolado. Recentemente o vlogger britânico do YouTube, Calum McSwiggan, deu um alerta para que todos deixem de considerar a organização como protetora dos animais, utilizando um discurso sarcástico que ele diz combinar mais com as verdadeiras ações da organização.

Um matadouro de animais domésticos
PETA deverá pagar 49.000 dólares por sacrificar chihuahua de uma menina de 9 anos
Em um comunicado de imprensa de março de 2017, o Centro para a Liberdade do Consumidor revelou que a PETA sacrificou só em 2016 mais de 1.400 gatos e cães em seu abrigo em Norfolk, Virgínia. Mais isso é só a ponta do fio da meada: a lista estendida entre 1998 até a atualidade registra que os quase 43 mil animais que tiveram a má sorte de parar neste abrigo (na verdade um matadouro), 2.190 (5,1% foram transferidos, apenas 3.380 (7,9%) foram adotados e quase 37 mil (87%) foram sacrificados.

A ONG defende suas ações como éticas e economicamente necessárias, mas está se tornando cada vez mais claro que a PETA tem um discurso duplo: por um lado, prega sua agenda de libertação dos animais (para despertar o interesse da mídia), e por outro assina a sentença de morte dos mesmos que ficam sob seus cuidados.

A PETA se tornou um órgão tão dissimulado que adotou o verbo "eutanizar", visando eufemizar a matança, como se estes animais estivessem realmente entre a vida e a morte por um problema de saúde. O próprio vocábulo "sacrificar" seria inclementemente antropocêntrico nesse sentido, cabendo com muito mais propriedade o uso de "assassinar".

Pese seu orçamento milionário, a instituição não envida muitos esforços para encontrar lares aos milhares de animais que "eutanizam" a cada ano. Ingrid Newkirk, presidente da ONG, teria confidenciado que o grupo de direitos animais poderia deter a matança dos animais de estimação, mas isso significaria um corte significativo na publicidade e nas sessões de fotografias com celebridades.

O extravio do objetivo
PETA deverá pagar 49.000 dólares por sacrificar chihuahua de uma menina de 9 anos
O que parece é que a PETA se dedica mais às operações mediáticas do que manter com vida os animais que lhe confiam. É o cúmulo da hipocrisia que a ONG se manifeste pelos direitos dos ratos, enquanto mata dezenas de milhares de mascotes.

Uma zapeada no Youtube vai mostrar centenas de vídeos terríveis de táticas de constrangimento da organização. Suas formas de protesto só são comparáveis às ações extremistas de talibãs e traçam um paralelo com o comportamento de outros radicalistas da atualidade. Parece uma seita messiânica formada por iluminados que acham que foram enviados à Terra como únicos oniscientes na tomada de decisões sobre o bem-estar dos animais, nem que este bem-estar signifique a sua morte.

Lamentavelmente as organizações ambientalistas quando crescem perdem o norte. Literalmente se convertem em multinacionais que recebem montanhas de dinheiro e este acaba não sendo usado para as causas que promovem. Por isso o melhor a fazer é ajudar organizações pequenas e locais onde é possível acompanhar e comprovar que os fundos serão utilizados nos propósitos pré-definidos.

Como bem diz Richard Bergman no Washington Times: - "Se você está considerando uma doação para ajudar os animais em necessidade, afaste-se de ativistas que fazem muito mais mal do que bem. A hipocrisia do ativismo dos direitos animais é apenas crueldade com um nome diferente."

Fonte: MDIG

27 de julho de 2017

DF não tem cemitério público para animais

Gente do Céu!!!!! a capital do país não tem cemitério de animais!!!! inacreditável!!!!! agora, me diz uma coisa, os animais não adotáveis são mortos? Vejam bem o que diz a matéria. Sabemos que tem casos e casos, mas, não tem nenhuma ONG lá que possam tentar uma segunda chance para aqueles animais? Provavelmente, não há pessoal para tratamento no CCZ. Então porque não fazem convênio com uma ONG para fazer tratamento nos animais e dar nova vida à eles? Olha como os bichos estão tristes.... Sarna dá muito bem p´ra tratar.... aliás, dá para tratar de todos..... Será que nossos companheiros do DF não poderiam dar uma olhadinha e saber porque não dão atendimento clínico aos animais? Se precisarem, pressionamos todos juntos. É só avisar.
--------

30 de abril de 2017

Petição contra abate de cão que atacou criança com oito mil assinaturas - Portugal

É óbvio que os donos é que devem ser penalizados..... Quem quiser assinar a PETIÇÃO, clique AQUI.
------------------------
Uma petição contra o abate do cão que atacou uma criança em Matosinhos tem mais de oito mil assinaturas e defende que sejam os donos dos animais os responsabilizados pelo cumprimento da lei.

A petição pública lançada na Internet com o objetivo "impedir o abate do cão da raça Rottweiler", e que pelas 18:20 reunia 8.498 assinaturas, não visa "desconsiderar o ataque feito pelo cão", mas defende que os donos de animais que não cumprem a lei sejam devidamente punidos como estipulado pela lei", lê-se no documento.

Na terça-feira, uma criança de quatro anos foi atacada por um cão de raça Rottweiler, em Matosinhos, tendo sido transportada para o Hospital de São João, no Porto, e submetida a uma cirurgia, encontrando-se estável.

Segundo informações prestadas quarta-feira pelo pai à Lusa, a criança está consciente e a mãe, já teve alta hospitalar, mas poderá ter de ser operada. O cão feriu ainda uma terceira pessoa, sem gravidade.

Mais do que abater o cão que atacou a criança, a petição informa que o que é "imprescindível" é que os donos dos animais sejam "responsáveis não só pelo bem-estar do animal", mas que também sejam "responsáveis no cumprimento do uso de trela em via pública para prevenir eventuais acidentes que ponham em risco outras pessoas (...) ou o próprio animal em questão".

A petição defende que o cão que atacou a criança seja "entregue ao cuidado de entidades/associações/ pessoas que se comprometam e se disponham a ajudar o animal a reabilitar-se, dando-lhe ajuda técnica positiva e especializada na sua reeducação e no seu comportamento".

Os donos de animais que não cumprem a lei devem, por outro lado, ser "devidamente punidos como estipulado pela lei", acrescenta a petição, referindo que qualquer pessoa tem o direito de frequentar espaços públicos sem se sentir incomodada pela presença de animais sem trela ou sem açaime".

A Lusa tentou contactar, via correio eletrónico, o autor da petição, mas não foi possível até ao momento obter resposta.

A Ordem dos Médicos Veterinários já tinha defendido na quarta-feira uma "maior fiscalização" aos donos de cães de raças potencialmente perigosas, nomeadamente quanto ao uso de açaime e trela em espaços públicos, obrigatório por lei.

"A lei está mais ou menos bem feita. O que falta é a fiscalização. Qualquer lei em relação à qual as pessoas saibam que não há fiscalização, não funciona. Deve haver um maior acompanhamento aos detentores de cães das sete raças potencialmente perigosas", alertou Jorge Cid, bastonário da Ordem dos Médicos Veterinários.

Segundo fonte oficial da Câmara de Matosinhos, o cão vai ficar "de quarentena pelo menos durante 15 dias" no Centro de Recolha Oficial de Matosinhos a ser avaliado pelo veterinário municipal, após o que caberá ao tribunal decidir se o animal será ou não eutanasiado.

FONTE: tsf.pt

10 de abril de 2017

Humane Society resgata 200 animais de abrigos de Porto Rico que seriam eutanasiados

O vídeo está em inglês, mas, acho que dá para todos perceberem o cuidado com que estes animais são tratados. Eles seriam eutanasiados em abrigos de Porto Rico porque há muitos animais e poucas adoções.
------------------
Quando as caixas de transporte saiam do avião pousado no sábado  no Aeroporto Internacional Fort Lauderdale-Hollywood, alguns cães pressionaram seus rostos contra suas gaiolas com grandes sorrisos e caudas febrilmente sacudindo. Outros pareciam assustados e encolhidos. Em meio aquelas caixas um grupo de gatos, silenciosamente, esperava sua vez de sair.

O vôo de três horas para cerca de 160 cães e 45 gatos de Porto Rico é parte da "Sala de Respiração de Operação", um programa dirigido pela Humane Society dos EUA que ajuda a liberar espaço em abrigos superlotados em Porto Rico.

"Porto Rico tem mais animais de estimação desabrigados do que as pessoas", disse Kim Alboum, diretora de envolvimento de abrigo e engajamento de políticas para a Humane Society. Alboum disse que a operação também se concentra em educar as pessoas sobre programas de animais de estimação sustentável, incluindo a esterilização.

"Porto Rico é parte dos EUA e é uma ilha com uma superabundância de animais", disse ela. "As pessoas realmente não podem argumentar que estamos trazendo animais para os EUA quando eles já fazem parte dos EUA. Precisamos ajudá-los. Nós devemos isso a eles."

A ilha tem mais de 300 mil cães de rua e os abrigos eutanasiam cerca de 92% daqueles animais abrigados porque não há adoção considerável. Este percentual é a mais alta  de qualquer estado ou território nos EUA, de acordo com a Humane Society.

"É muito desanimador ouvir as pessoas falarem sobre os abrigos de Puerto Rico como se matar os animais fosse o querem fazer", disse ela. "As pessoas do abrigo em Porto Rico, estão trabalhado muito duro. Eles estão colocando tudo o que tem para conseguir adoções. Há tantos animais e tão poucas pessoas. "

O vôo para a Flórida é apenas um dos cerca de 140 feitos pela Wings of Rescue, uma organização sem fins lucrativos baseada na Califórnia que trabalha com a Humane Society para transportar os animais. Ric Browde, presidente da organização, alugou o avião. "O tempo médio de permanência de um animal de estimação transportado pela minha organização e o resgate recebido é de cerca de três dias e meio. Eles provavelmente estarão no sofá de alguém, certamente na Páscoa ", disse ele.

"Este é apenas um grande alívio para o povo de Porto Rico, para ser capaz de re-ferramenta e reinventar-se e apenas ter um pouco de espaço para respirar. Esses cães terão definitivamente boas casas ", disse Lynda Manko, diretora de operações da equipe de resgate de animais da Aviação de Pittsburgh. Eles vão levar cerca de 100 dos gatos e cães com eles.

Cerca de 21 cães e 15 gatos ficarão com a Sociedade Humana do Condado de Broward. "Nós sempre gostamos de estar envolvidos em transportes e levar animais para outros lugares. Ficamos muito felizes de estarmos envolvido em mais um transporte", disse Mary Steffen, vice-presidente sênior de operações da Sociedade Humana do Condado de Broward.

Para obter mais informações sobre os gatos e cães trazidos para a Sociedade Humana do Condado de Broward, ligue para 954-989-3977 ou envie um e-mail para info@hsbroward.com .

Fonte: Sun Sentinel
Tradução livre do Google para "O Grito do Bicho"

11 de fevereiro de 2017

Droga para eutanásia é encontrada em alimentos para cachorro nos EUA

Agora, vejam se isto não foi armação contra a empresa ?
------------------
Um animal morreu e ao menos outros quatro ficaram doentes 

EUA — A empresa de alimentos para animais de estimação Evanger's Dog & Cat Food emitiu um recall em 15 estados dos Estados Unidos para latas do produto "Hunk of beef", que podem estar contaminadas com a droga Pentobarbital,

8 de fevereiro de 2017

Baleia doente encalhada tinha 30 sacos de plástico no estômago

Nossos oceanos estão morrendo.... tudo está morrendo graças a irresponsabilidade humana!!!!!
------------------------
Tendência é que material não-reciclável seja mais presente nos oceanos do que vida marinha em 2050

RIO — Zoólogos noruegueses descobriram esta sexta-feira cerca de 30 sacos de plástico e outros resíduos plásticos no estômago de uma baleia-bicuda-de-cuvier que havia encalhado na costa sudoeste do país.

Segundo Terje Lislevand, pesquisador da

6 de fevereiro de 2017

Canis públicos abateram um terço dos animais - Portugal

Engraçado esta gente doida!!!!! por que só em 2018? não tinha que ser imediatamente?
------------------------
Eutanásia dos cães e gatos por sobrelotação só é proibida a partir de 2018

Em 2016 foram recolhidos 28.555 animais em todo o país e desses 9.462, o que representa um terço, foram eutanasiados, segundo dados da Direção-Geral de Alimentação e Veterinária citados pelo Jornal de Notícias. Estes números representam uma diminuição de seis pontos percetuais face a 2015, em que foram abatidos cerca de 12 mil animais, diz a mesma fonte, e

3 de fevereiro de 2017

Lei criada em nome de veterinária que se suicidou por praticar eutanásia

Nós publicamos na ocasião Veterinária comete suicídio após ser obrigada a sacrificar 700 cães - Taiwan - República da China. Quanto de sofrimento havia no coração de Chien para tomar esta atitude....
------------------
Taiwan vai proibir a aplicação recorrente de eutanásia a animais, nomeadamente a cães abandonados em canis.

No futuro, os veterinários no país só recorrerão à eutanásia em casos em que os animais sofrem de doenças incuráveis. Por trás da lei, está o suicídio de uma veterinária que chocou Taiwan.

O caso é contado pela BBC, que relembra Chien Chih-cheng, uma veterinária que ficou conhecida a

14 de novembro de 2016

Centenas de pessoas se reúnem para último passeio de cão antes de ser sacrificado

Não sou contra a eutanásia, mas, só em casos terminais mesmo..... No caso deste cão, eu não teria tido coragem...... ia ficar com ele até o fim, bem abraçado comigo, como faço com todos os meus..... Veja minha Rebeca que se foi agarradinha comigo.....
-------------------
O cão da raça galgo Walnut vai ser sacrificado neste sábado, na Inglaterra. A difícil decisão partiu de seu melhor amigo e dono por 18 anos, Mark Woods. Mas o cãozinho, que sofre de várias complicações por causa da idade avançada, recebeu um grande agrado antes do adeus: seu dono convocou amigos caninos e humanos para um último passeio no local onde ele mais gostava de ir, a praia de Porth Beach, em Newquay.

video

O que começou com uma publicação sem grandes pretenções no Facebook terminou com uma reunião de centenas de cães e amantes dos animais na praia, segundo o portal "Metro". Algumas

3 de agosto de 2016

Sacrifício de animais é aprovado por vereadores da cidade de Quaraí

A galera se fez presente, mas, a coisa não saiu como o esperado.... E agora? como será que o MP vai se pronunciar? Coisa maluca mesmo!!!!
-----------------
PL também quer multar quem for flagrado alimentando cães em praça.
ONGs de proteção aos animais e MP dizem que a medida é inconstitucional.

video

Vereadores de Quaraí, na Fronteira Oeste do Rio Grande do Sul, votaram na segunda-feira (1º) um Projeto de Lei que prevê mudanças no código de posturas da cidade. As emendas foram aprovadas na

25 de maio de 2016

Veterinária comete suicídio após ser obrigada a sacrificar 700 cães - Taiwan - República da China

Há muitos anos atrás, eu ficava horrorizada com a morte de animais nas chamadas "carrocinhas" e abrigos de animais que usam esta forma como controle populacional. Um dia, um vet do Instituto de Veterinária aqui no Rio de Janeiro, me falou durante uma discussão que estava tendo com ele: "Sheila, você acha que eu estudei durante anos para estar aqui matando animais? eu estudei para salva-los.... mas, sou funcionário público.... tenho que matá-los...... se eu não fizer, outro vai fazer...."

Deste dia em diante, reparei que havia um humano com suas razões para agir daquela maneira. Passei, então, a brigar pela morte dos animais com anestésico (1994) e esterilização como forma de política pública (1995). Consegui os dois, sendo que anos depois, a proteção animal conseguiu o fim da matança de animais em instituições públicas. Ou seja, o fim da carrocinha.

As pessoas da proteção animal deviam, ao invés de criticar, trabalhar para a mudança deste tipo de solução que, inclusive, os abrigos usam.  Imaginem ser veterinária em abrigo em Taiwan, Republica da China, onde a crueldade contra animais é enorme?  Lamento profundamente e entendo bem o coração de quem tem que encarar esta realidade de tão perto!!!!! 

(Foto: CEN)

A veterinária Jian Zhicheng, que comandava um abrigo público de animais em Taiwan, cometeu suicídio após receber críticas na internet por ter submetido 700 cães a eutanásia em um período de

20 de janeiro de 2016

Sancionada lei que proíbe eutanásia de cães e gatos em Minas Gerais


Muito bom!!!!!! parabéns aos companheiros de Minas Gerais que lutaram por esta ação!!!
----------------
Foi sancionada pelo governador Fernando Pimentel a Lei 21.970, que trata da proteção, identificação e controle populacional de cães e gatos no Estado. A norma foi publicada no Diário Oficial do Estado, o Minas Gerais, na edição do último sábado (16/1/16). A matéria tramitou na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) na forma do Projeto de Lei (PL)

14 de janeiro de 2016

'Pressa' faz vereadores revalidarem sacrifício de animais de rua em SC

Eita que falta de atenção de todo mundo hein? passou batido por tanta gente? cruzes!!!!!
------------------------
Vereadores votaram Código de Posturas de São Joaquim em dezembro.
No texto, cães e gatos achados em ruas poderiam ser mortos em 10 dias.

Na pressa para aprovar uma lei antes do recesso do final do ano, a Câmara Municipal de São Joaquim, na Serra catarinense, aprovou a manutenção de um artigo que previa o sacrifício de cães e gatos encontrados nas ruas em um prazo de 10 dias.

O artigo 121 faz parte do chamado Código de Posturas, um conjunto de medidas a cargo do município relacionadas a higiene, segurança,

15 de dezembro de 2015

Cresce o número de cães eutanasiados no Reino Unido

Gente do Céu, se isto acontece no Reino Unido, país da primeira ONG de proteção animal no mundo, imagina o que não acontece nos países que nem tem lei de proteção animal.... 
Fonte: Daily Mail
Colaboração: Helô Arruda
------------------------
A cada 10 minutos um cão de rua é apreendido no Reino Unido, com os conselhos municipais sendo forçados a eutanasiar milhares de animais que não podem ser devolvidos a seus donos ou adotados.
Segundo a ONG Pet Insurance no último ano foram recolhidos no país o assustador total de 66.247 animais.


Cerca de metade dos animais foi devolvida aos proprietários originais e um pouco

19 de novembro de 2015

Justiça proíbe a eutanásia de animais de rua com leishmaniose em Cuiabá


O cerco está se fechando e o poder público está sendo obrigado a tomar vergonha na cara.... parabéns aos companheiros que estão agindo..... é muito bom !!!!!
--------------------------



video
G1 Mato Grosso - 18/11/15

3 de novembro de 2015

MP-SP quer que zoo brasileiro abrigue leoa argentina para evitar sacrifício




Caramba, que situação!!!!!!! pobrezinha..... E dizer que a Argentina tem superpopulação de leões.... barbaridade!!!!!!!!!!!!
-------------------------------





Uma leoa maltratada em circos na Argentina será sacrificada caso nenhum zoológico brasileiro se candidate a abrigá-la. O Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais

28 de outubro de 2015

Cavalos do Regimento de Polícia Montada ficam de quarentena porque uma égua adoeceu



Neste Regimento que ficou o cavalo Queimadinho, lembram? Espero que nenhum outro animal tenha se contaminado.... tadinha!!!!
----------------------


video
Égua teve anemia infecciosa e foi sacrificada. Cavalos estão isolados para exames. PM diz que manterá patrulhamento com cavalos de outra unidade.

26 de outubro de 2015

Projeto de lei quer emplacar e sacrificar cães e gatos em São Miguel dos Campos - AL

Galera, p´ra mim, só o fato de apresentar um projeto desta natureza já é um acinte.... o que dizer de ser aprovado!!!!!!! ou até mesmo discutido..... eu, hein!!!!! e saber que estes caras são pagos pela população..... 
----------------------------------
Decisão é questionada por grupos de proteção aos animais que defendem castramento e uso de microchips.

Um projeto de lei de autoria do Executivo vem trazendo dor de cabeça aos vereadores da cidade de São Miguel dos Campos, distante 63 quilômetros de Maceió. O PL prevê o emplacamento de animais domésticos e o sacrifício de animais de rua. A ideia é reduzir a

24 de outubro de 2015

CCZ descumpre decisão que proíbe sacrifício de animais saudáveis, denuncia ONG

Não tem desculpa, gente!!!!! tem que cumprir a decisão.... recorrer do que?
----------------------------
MPE diz que decisão está em prazo de recurso, mas denúncia será fiscalizada

A Associação de Proteção aos Animais (Amemais) de Três Lagoas, cidade distante 338 km de Campo Grande, afirma que o Centro de Controle de Zooneses (CCZ) tem descumprido determinação judicial e sacrificado animais saudáveis no município.

A denúncia chegou por meio de um pecuarista, que teria ido ao CCZ obter informações sobre como proceder

29 de setembro de 2015

Salvos de eutanásia, cães de duas patas do DF viram alvo de chacota

Olha, em 2012 publiquei uma matéria sobre cães deficientes em Uberaba, MG. Cachorros que nasceram sem pata em Uberaba, MG, se adaptam à deficiência. Agora, usarem de deficiência de animais para fazerem chacota é demais.....

  --------------------- 
Falso anúncio 'vende' animais como 'cangurus brasileiros' por R$ 600.
Veterinária cogita denunciar caso à Polícia Civil quando greve acabar.

Salvos da eutanásia depois de terem nascido apenas com duas patas, dois cães de Brasília viraram alvo de chacota na web. Há pelo menos sete meses as fotos usadas pela veterinária Rafaela Costa Magrini para contar a história de João e Maria – o nome dos cães –  passaram a estampar falsos anúncios de venda de casal de cangurus por R$ 600. A mulher estuda denunciar