Mostrando postagens com marcador enquete. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador enquete. Mostrar todas as postagens

16/03/2017

Senadores ignoram opinião do cidadão em enquetes virtuais


Pois é, no dia 01 de fevereiro publiquei a denuncia de que na Câmara Federal havia fraude:  ESCÂNDALO: Caçadores ensinam fraudar a Enquete da Câmara. Agora o Jornal O Globo reconhece que no Senado também rola uma "propaganda enganosa". Eita povinho que elege gente deste gênero.... A culpa não é deles, é nossa.....
------------------------
Recurso mantido na página do Senado não baliza votações e mostra crise de representatividade

SÃO PAULO — Milhões de eleitores já dedicaram alguns minutos de seus dias para opinar sobre proposições de lei em tramitação no Senado Federal. A participação é feita por meio de enquetes virtuais mantidas na página da casa, mediante cadastro dos votantes.

Os senadores, no entanto, têm ignorado sistematicamente esse esforço de manifestação popular. É o que mostra um levantamento feito por O GLOBO. Das 50 proposições mais votadas pelos cidadãos — todas com mais de oito mil votos — apenas oito foram levadas a apreciação em plenário. Dentre as matérias votadas, em 75% dos casos os senadores se opuseram ao desejo popular manifesto nas votações eletrônicas.

Os brasileiros foram contrariados, por exemplo, no caso da PEC do Teto, que limita por 20 anos os gastos do governo federal. Até a decisão, 345,7 mil eleitores se posicionaram contra e só 23,7 mil foram a favor, mas a medida acabou aprovada pelos senadores por 53 votos a 16. Ou na reforma do ensino médio, na enquete com 73, 6 mil posicionamentos contrários, 4,5 mil favoráveis, e apoiada por 43 senadores.

Mesmo quando concordaram com o público, a motivação dos representantes do povo não foi exprimir o desejo dos representados. Os senadores aprovaram, por exemplo, o reajuste a servidores do Judiciário, que havia recebido maciço apoio pela enquete. Naquele momento, a medida representava um duro golpe ao já combalido governo Dilma Rousseff. Meses mais tarde, já no governo Michel Temer, o presidente vetou o aumento. O Senado, em que Temer conta com maioria, ignorou a opinião da enquete, seu posicionamento anterior e chancelou a decisão presidencial.

— O levantamento escancara a pequena relevância da expressão pública para os legisladores frente ao jogo de forças políticas internas, às negociações particulares por cargos e verbas. É uma expressão da crise de representatividade — afirma o cientista político Marco Antônio Carvalho Teixeira, da Fundação Getúlio Vargas.


Ironicamente, o instrumento das enquetes virtuais foi criado pela mesa diretora do Senado, então comandado por Renan Calheiros (PMDB-AL), em julho de 2013. Menos de um mês depois de os poderes terem sido sacudidos por massivas manifestações populares pelo país, que reclamavam participação na definição de políticas.

Na época em que as enquetes entraram no ar, Renan festejou em uma declaração ao Jornal do Senado: “É um mecanismo simples que valoriza e permite a inclusão política do cidadão”. Informado por sua assessoria do teor da reportagem do GLOBO, o senador alagoano não se manifestou. Alegou não ser mais presidente do Senado.

— Foi um lance meramente teatral. Diante da forte mobilização, Renan criou um instrumento formal para conter a rebelião. Conforme a tensão diminuiu, os políticos voltaram a se retirar da agenda da população — afirma José Geraldo de Sousa Júnior, especialista em democracia participativa da UnB.

Os dados revelam ainda que, além de não levarem em conta as opiniões do público na hora de definir seus votos, o grande interesse popular em uma determinada matéria tampouco serve como estímulo para que os senadores acelerem o trânsito legislativo desses temas. Entre os assuntos mais populares, estão temas com impacto social, como a regulamentação do aborto ou a criminalização da homofobia.

Uma das matérias estacionadas no limbo de comissões do Senado é a mais popular entre os internautas. Mais de um milhão de pessoas já se manifestaram a favor do projeto que reduz em um terço o número de senadores e corta de 513 para 386 o número de deputados.

— Apesar da ampla participação, essa matéria está estacionada. Será que isso não deveria nos forçar a acelerar a tramitação? A opinião pública precisa ser respeitada. Mas, para nós, senadores, parece que essa ficha ainda não caiu — diz o senador Jorge Viana (PT-AC), autor da proposta.

RECURSO TEMIDO E IGNORADO

A ficha tampouco parece ter caído para os deputados. Há um mês, a Câmara extinguiu a possibilidade de expressão dos eleitores por meio de enquetes. Em nota, a assessoria de comunicação da casa afirmou que as enquetes “podem apresentar distorções significativas decorrentes do uso de robôs”. Existem meios de tornar mais seguros e representativos os resultados, como faz o próprio Senado. No site, a participação de internautas depende do cadastro com nome completo, endereço de e-mail válido e senha.

Alguns senadores ouvidos pelo GLOBO admitiram, na condição de anonimato, que sequer sabiam que as enquetes existiam na página do Senado. Justificaram-se dizendo que são ainda de uma geração analógica. Para o cientista político do Insper Carlos Melo, o Brasil está longe do fim da crise de representação:

— O certo seria o senador saber o que querem seus representados. Na democracia, é para isso que eles são eleitos. A existência da enquete já revela o tamanho da desconexão entre representante e representado. Mas nossa situação é ainda pior porque o órgão chama esse tipo de participação mas a ignora. É uma coisa para inglês ver.

FONTE: oglobo

09/02/2017

Finalmente a Câmara Federal tirou do ar enquete fraudada sobre PL que libera caça amadora

Pelos animais do nosso País!!! não contra a caça de qualquer animal!!!!

Bem, agora podemos comemorar, pois, a enquete, efetivamente, foi retirada na página do PL 6268/16. Leiam a NOTA distribuída pela Secretaria de Comunicação Social da Câmara Federal. Na verdade, só tenho a dizer: demorô.... 8 dias para tomar a atitude contra este crime descarado? Continuo perguntando: a Câmara não vai entregar o material para a Polícia Federal? vai tirar o corpo fora com esta notinha cheia de boas intenções e deixar os criminosos a solta? ah, paíszinho fuleira!!!!!! nós é que vamos ter que acionar a polícia? Fala sério!!!!!
Leia tudo sobre o caso CLICANDO AQUI
-----------------------

Ciente de sua missão constitucional de ser a Casa de representação do povo, a Câmara dos Deputados vem criando, ao longo dos últimos anos, diversas ferramentas de interação que permitem a participação da sociedade no processo legislativo. Exemplo disso são os fóruns virtuais e videochats

07/02/2017

Câmara dos Deputados decide acabar com enquetes no site devido a fraudes

ATUALIZAÇÃO:
---------------------
Ontem, o Vista-se publicou uma excelente matéria sobre nossa denuncia da fraude dos caçadores no site da Câmara Federal. 

Confiram: Caçadores de animais ensinam em vídeo como fraudar as enquetes da Câmara dos Deputados

No final da tarde, o site G1 publicou a notícia de que vão acabar com as enquetes por causa das fraudes e da pouca importância que elas têm. No que concordamos lembrando o caso das vaquejadas, certo?

Detalhe é que denunciei desde o dia 31/01 e até agora continua no ar. A piada mesmo foi o tal caçador autor do vídeo dizer que nós é que estávamos fraudando e que ele apenas ensinou aos

06/02/2017

Caçadores estão furiosos com nossa denúncia de que estavam fraudando pesquisa da Câmara Federal


NOSSA DENÚNCIA teve tanta repercussão que até Facebook de caçadores publicaram e confessaram o crime. Confiram o que copiei de um deles. O que falta,  Polícia Federal?

---------------------
Parabéns Daniel Terra, gosta de aparecer, conseguiu...estávamos com 78% até você inventar de aparecer e até postar vídeo totalmente desnecessário incitando a burlar o sistema de votação...logo você que gosta tanto de usar a palavra "ética" em seus discursos...agora querem anular a enquete e ganharam mais um argumento contra os caçadores, se o seu objetivo era esse meus cumprimentos!!! #IRONIA

Revista Eletrônica "O Grito do Bicho" - Fazendo a notícia na luta pelo direito dos animais do céu, da terra e do mar.
OGRITODOBICHO.COM
CurtirMostrar mais reações
Comentar
16 comentários
Comentários
Cláudio Tulio No momento do "tutorial" percebe-se que as manifestações em favor do PL já são MUITO maiores que os votos contrário.

Logo está provado que este "tutorial" não prejudicou a votação em si. Agora com certeza a Sheila e seus

01/02/2017

ESCÂNDALO: Caçadores ensinam fraudar a Enquete da Câmara

DIVULGUEM MUITO A PATIFARIA DOS CAÇADORES


Não adianta ficar votando contra o PL 6268/16 que regulamenta a caça silvestre porque os caçadores criaram uma forma de fraudar a enquete da Câmara Federal. É mole? me mandaram o vídeo mostrando como fazê-lo e aí podemos votar o quanto quiser a favor ou contra. Denunciei ao Diretor de Informática da Câmara, Sr. Sebastião Neiva enviando o "tutorial de como burlar o site da Câmara". Surpreso, aceitou me dar esta pequena entrevista somente para liberar minha responsabilidade.



O vídeo com o tutorial que ensina (ou ensinava porque eles podem ter consertado a falha) é este:


Minha denuncia na Câmara Federal. Faça o mesmo. Mostre sua indignação por estarmos fazendo papel de idiotas. Fale com a Câmara.


Aproveito para listar alguns destes caçadores que estão tentando a liberação da caça:

17/02/2015

Pesquisadores descobrem o que gatos fazem longe dos donos

O Fantástico fez uma matéria bem interessante sobre os gatos e depois, ao final,  apresentou os vídeos enviados pelos telespectadores. Foi bacainha. Cliquem nas imagens para ver:



Enquete: gatos têm preferência de 64% dos telespectadores


11/10/2013

Enquete sobre aumento de penas para maus-tratos contra cães e gatos

GALERA AMIGA, PRESTE ATENÇÃO!!!!!

Este PL não tem nada a ver com o PL do novo Código Penal, ok? Ele está para ser votado na Câmara Federal e, juridicamente, acho que vai ser uma encrenca das grandes,  pois, ele abrange somente cães e gatos.... Ou seja, podemos ver um cara detonando um cavalo, um coelho, um pombo, uma galinha, etc. que ele será indiciado pelas penalidades anteriores. Se for cão ou gato, a coisa muda.

A Lei de Crimes Ambientais vigente do nosso país fala em "animais", o que me parece o óbvio.... Sinceramente, até gosto do Trípoli, mas, que assessoria é esta tão especista? só cães e gatos? o resto que se dane? sei não.....

Bem, estão fazendo uma enquete a respeito. Se achar por bem, CLIQUE AQUI para votar, mas, antes leia a matéria a respeito:

Aumento de penas para casos de maus-tratos contra cães e gatos é tema de enquete

A Câmara promove, a partir desta quarta-feira (9), enquete para avaliar se os cidadãos são favoráveis

25/07/2013

Nova enquete discute participação de animais em apresentações de circos

Precisamos participar da ENQUETE e, se puderem, com comentários. 
___________________________________
Polêmica contrapõe argumentos como a tradição dos espetáculos e os maus-tratos aos animais.

Evandro Milhomen:
o uso de animais em atividades circenses
não pode ser criminalizado.
Foto: Gustavo Lima
A Câmara promove, a partir desta segunda-feira (22), uma ENQUETE sobre a participação de animais nos espetáculos circenses. O tema é polêmico porque coloca de um lado os defensores do uso dos animais nas exibições do picadeiro, em nome da tradição, e, do outro, os críticos à prática que, segundo argumentam, implica maus-tratos aos animais.

Atualmente, nove estados brasileiros (Alagoas, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, São Paulo, Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul e Espírito Santo) proíbem a participação de animais nos espetáculos.

Porém, está pronto para votação em Plenário um projeto (PL 7291/06) que

28/03/2012

Estamos perdendo de novo na enquete contra as vaquejadas

.
Aí, galera, voltamos a perder... se bem que acho que esta pesquisa não vai ter fim... os dois lados vão ficar votando até quando? vou tentar falar com a Assessoria de Imprensa do site da Câmara, de novo. Informaram, na ocasião, que só tiram a pesquisa quando durante 15 dias ninguém vota. E aí?

Projeto reconhece vaquejada como atividade esportiva

http://www2.camara.gov.br/agencia/noticias/TRABALHO-E-PREVIDENCIA/409415-PROJETO-RECONHECE-VAQUEJADA-COMO-ATIVIDADE-ESPORTIVA.html

.

27/02/2012

PESQUISA SOBRE VAQUEJADAS: VOTE E LEIA OS COMENTÁRIOS

A permissão de comentar comentários foi encerrado no site da Agência Câmara que pesquisa a opinião do brasileiro sobre a legalização de vaquejadas. Mas, ainda vc. pode mandar comentários para ao autor do PL e votar. CLIQUE AQUI para ler e votar NÃO. O placar está 60 X 39 para o NÃO, mas, precisamos aumentar a diferença como garantia para encerrar a pesquisa que só será feita 15 dias após o último voto, salvo decisão excepcional.


Agora, eu tive o trabalho de copiar todos os comentários que foram postados no site para ficar em nossos arquivos. Seguro morreu de velho. Só não tive tempo de fazer uma estatística dos prós e dos contra. Se alguem tiver um tempinho, faz p´ra gente? o tempo desaparece na minha vida sem que eu consiga fazer 10% do que gostaria.... grrrrr......



Saiba mais lendo as postagens anteriores observando as datas de cada uma:
http://www.ogritodobicho.com/2012/02/estamos-perdendo-na-pesquisa-contra.html
http://www.ogritodobicho.com/2012/02/pesquisa-contra-vaquejadas-estamos.html
http://www.ogritodobicho.com/2012/02/pesquisa-contra-vaquejada-sejamos.html

.

25/02/2012

PESQUISA CONTRA VAQUEJADA: SEJAMOS RESPONSÁVEIS!!!


Olha galera, eu não acredito em manipulação na pesquisa sobre um PL que regulamenta a vaquejada feita pela Agência Câmara. O que houve foi que protetores desatentos votaram no SIM ao invés do NÃO. E agora, recuperar é complicado.

Tem uma galera da proteção aí que não se dá ao trabalho de ler nada.... querem só fazer um furdunço danado e repassar... repassar.... repassar.... Não se dão o trabalho de olhar DATAS e LER.  Qual!!! Gente, mais responsabilidade, pelo amor de Deus!!!! estamos todos juntos nesta luta e o prejuízo é somente da bicharada, concordam?

Estamos perdendo novamente a tal pesquisa, pois, nossos inimigos (agora sim) estão fazendo o mesmo: limpando cokies e votando. Muitos já me escreveram (a única sem palavrão está publicada) xingando e dizendo que a gente não sabe com que estamos nos metendo. Então, tá!!!! O que vou sugerir é fazermos uma nova estratégia, ou seja, vamos mandar nossos protestos através de e-mails e deixar encerrar esta pesquisa. 

VOU REPETIR a informação que obtive da própria agência desde que lancei a campanha: ela só será encerrada depois de 15 dias do ultimo comentário, ou seja, quando o assunto for esgotado. Do jeito que está, virou briga virtual: nós daqui e os peões e donos de companhia de rodeios e vaquejadas de lá. Eles tem dinheiro e poderão manipular o resultado. Aí sim haverá manipulação e não da Agência, claro!!!!!

 
Se quiserem continuar votando CLIQUE AQUI para entrar no site da pesquisa que fica no final da matéria. Estamos perdendo de 54 x 44. Agora vejam a resposta da Agência da Câmara para a nossa querida Mari:

----- Original Message -----
From: ouvidoria@camara.gov.br
To: maripoppe@terra.com.br
Sent: Friday, February 24, 2012 4:05 PM
Subject: Publicação de Mensagem

Sra.MARILIA MAGALHAES POPPE
Prezados leitores,

Em virtude de questionamentos de leitores a respeito da enquete sobre o Projeto de Lei 3024/11, que trata da regulamentação da vaquejada, a Agência Câmara esclarece:
1) Não há qualquer tipo de manipulação dos resultados das enquetes disponibilizadas pela Agência, nem qualquer tipo de ingerência política sobre elas;
2) O objetivo das enquetes é dar ao leitor a oportunidade de se manifestar contra ou a favor dos projetos em tramitação na Casa, como parte do esforço da Agência Câmara no sentido de disponibilizar o maior número possível de canais de interação com o público;
3) Exatamente por causa dessa possibilidade de manifestação dos leitores, as enquetes sobre projetos que são de grande interesse de determinados segmentos da sociedade tendem a receber um grande número de votos. Assim, costuma haver mobilizações democráticas nas redes sociais pelo voto contra ou a favor dos projetos; trata-se, portanto, de uma manifestação normal que não implica qualquer forma de manipulação;
4) No caso específico da enquete sobre o PL 3024/11, é natural ter havido uma oscilação na diferença entre votos contra ou a favor e vice-versa, já que houve mobilizações de leitores nas redes sociais tanto contra quanto a favor do projeto. Neste momento, a maioria dos leitores se manifestou contrariamente ao projeto. A matéria sobre ele está desde a última quarta-feira (22) na lista das mais lidas da Agência Câmara;
5) Ao contrário do que ocorre com as enquetes específicas publicadas na homepage da Agência, não há prazo para encerramento das enquetes relativas aos projetos de lei. O que existe é o encerramento do prazo para os leitores escreverem comentários sobre as matérias;
6) A publicação das enquetes, assim como de todo o noticiário da Agência Câmara, é pautada pela transparência e pela isenção;
Agradecemos a compreensão e a leitura de todos.
Atenciosamente,
Agência Câmara de Notícias
_________
Saiba mais lendo as postagens anteriores:
http://www.ogritodobicho.com/2012/02/estamos-perdendo-na-pesquisa-contra.html
http://www.ogritodobicho.com/2012/02/pesquisa-contra-vaquejadas-estamos.html
.

22/02/2012

ESTAMOS PERDENDO NA PESQUISA CONTRA VAQUEJADAS... PRESTA ATENÇÃO, GALERA!!!

Eu não sei quem, propositalmente ou não, divulgou que esta pesquisa deveria ser respondida com o SIM. O que resultou é que estamos perdendo feio  depois de estarmos ganhando bonito!!!!

Gente, a responsabilidade de cada um deve ser lembrada em cada ato. Devemos ler tudo que assinamos e entender o que estamos fazendo. Eu não acredito em reação da bancada ruralista, pois, somos muito mais em número.

O que sei é que pouca gente votou e aí cada voto tem um peso grande. Precisamos que a proteção animal inteira vote. Ah, eu não acredito em boicote, pois, a Agência da Câmara está sem funcionar desde o dia 17. Só vão voltar amanhã. Confere no site deles.

Então, se alguém votou errado fica incumbido de arranjar outra pessoa para votar no NÃO na tentativa de desmanchar este nó absurdo. Vou repetir: quem já votou não consegue votar de novo. Nosso IP fica registrado. Mas, sinceramente, estou abestalhada com tamanha displicência pela nossa causa!!!!

CLIQUE AQUI  para ler e votar.    

VAMOS REAGIR

GALERA, PELO AMOR DE DEUS, É PARA VOTAR "NÃO"... ESTÁVAMOS GANHANDO COM 95%.... AGORA ESTAMOS PERDENDO COM 90%... PRESTA ATENÇÃO, PESSOAL!!!!

.

04/10/2011

VAMOS DAR UMA FORÇA PARA A ONG DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS?

----- Original Message -----
From: Eliana Meira (elianameira@yahoo.com.br)
To: falabicho
Sent: Sunday, October 02, 2011 5:38 PM
Subject: Ajuda - Sheila

Prezada Sheila, me ajude com a divulgação é urgente, cidade São Jose dos Campos.
Galera vamos votar!!! Posse responsável de animais.
Não abandonar animais domésticos, procurar serviço gratuito de castração, manter as vacinas do animal em dia, andar nas ruas e calçadas com o animal na coleira, recolher as fezes etc.
Votem várias vezes, a enquete termina dia 31 de Outubro, precisamos de todos vocês para mostrar a Prefeitura que os munícipes se preocupam com os animais.
Grata
Eliana Meira - ABB Ass. Bicho Brasil
_____________________
link direto da prefeitura... é só votar galera!!!
http://www.sjc.sp.gov.br/salaimprensa/enquete.aspx?codigo=2
.

17/05/2011

VAMOS VOTAR CONTRA AS TOURADAS SEREM PATRIMÔNIO CULTURAL DA FRANÇA?

Temos que ajudar nossos companheiros na França. Tem um blog muito lido e que tem uma seção dedicada aos animais. Estão fazendo uma pesquisa sobre ser a favor ou contra as touradas se tornarem patrimônio cultural daquele país. Entrem neste link
http://www.rmc.fr/blogs/animaux.php , observem a esquerda e participem optando pelo CONTRE

28/03/2011

ENQUETE SOBRE PUXADA DE CAVALOS EM POMERODE - SC

Nossa leitora Heike pede que votemos NÃO na ENQUETE SOBRE PUXADA DE CAVALOS EM POMERODE feita pelo Jornal de Santa Catarina. No link abaixo, escolha a referida enquete.


Vejam o vídeo com a matéria publicada pelo mesmo jornal na data de hoje


.

07/03/2011

ENQUETE SOBRE CAÇA AO JAVALI

TEMOS QUE TENTAR REVERTER... O PROBLEMA É QUE QUEM ESTÁ FAZENDO A ENQUETE TEM INTERESSE DIRETO NA CAÇA... O QUE FAZEMOS?

31/07/2010

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪