RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Mostrando postagens com marcador digestão. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador digestão. Mostrar todas as postagens

21 de setembro de 2013

Vacas com furos dos lados: sim, isso existe

Nosso blog já havia destacado o tema. Confira: Buracos nos corpos de vacas para pesquisar digestão. A Revista Galileu publicou esta semana sobre a prática, inclusive, fala de uma petição a respeito. Olha aí:
___________
Alguns links circularam pela internet durante a semana mostrando uma cena bizarra: vacas que têm um furo ou 'janela' nas laterais. Sim: por mais bizarro que pareça, há vacas circulando com um buraco no corpo por aí.

A prática - chamada de cânula ruminal ou fístula ruminal - consiste em inserir cirurgicamente uma cânula para ter acesso direto ao estômago dos ruminantes. Há registros da prática desde a década de 20. A inserção de uma cânula promete facilitar o manejo dos animais, acompanhando diretamente a digestão dos alimentos. A intervenção também é feita em cursos de veterinária e em pesquisas científicas. 

Os partidários da prática afirmam que os animais não sentem absolutamente nada. São anestesiados para a inserção e podem levar uma vida perfeitamente normal depois da intervenção.

Os grupos de defesa animal condenam. Uma petição online pede o fim da prática. "Por mais que os pesquisadores digam que esses animais são saudáveis e normais, não há nada de não-invasivo em deixar um buraco aberto com plástico na lateral do corpo das vacas pelo resto da vida delas", diz o texto da petição.



26 de janeiro de 2013

Buracos nos corpos de vacas para pesquisar digestão


A primeira vez que vi isto foi por ocasião do patrocínio do nosso "Manual do Fala Bicho", em 1993. A PURINA, quando custeou nosso material, nos enviou vários banners do seu trabalho. E nestes, quase caí p´ra trás, tinha uma foto do Centro de Pesquisas daquela fábrica de ração para animais, mostrando uma vaca com este buraco. Daí me explicaram que era para acompanhar o processo de digestão do animal... Jesus amado!!!!! mas, o que me impressiona é que parece que os animais não sentem dor. 

A nossa leitora e colaboradora Iracema nos enviou  esta publicação do blog  Filhote de Pombo e resolvi a publicar para que outras pessoas conheçam mais um procedimento existente em faculdades de veterinária e Unidades de Pesquisa de empresas de ração. Vejam mais fotos no link.

**********************

"O leite e a carne de vaca são muito importantes para todos nós e a busca dos criadores é sempre obter a melhor qualidade controlando a alimentação dos animais. Para descobrir como funciona o poderoso processo digestivo desse animal, pesquisadores, veterinários etc resolveram abrir a barriga de algumas vacas. Isso mesmo, foi feito um furo com espaço suficiente para colocar uma mão adulta dentro da barriga dela. Dessa forma, podem estudar e analisar todo o processo adicionando enzimas, vitaminas diretamente na barriga e caso a vaca coma algo que não seja bom, eles podem retirar. O processo digestivo das vacas, bois são poderosíssimos e podem processar praticamente tudo, grãos, silagem, palha e lixos."





Algumas fotos e o vídeo 
de 2009 abaixo







16 de dezembro de 2011

PESQUISAS COM ANIMAIS... COMO FUNCIONA A DIGESTÃO DO ANIMAL

Uma leitora nos mandou este vídeo e queria dizer que a primeira vez que vi isto (1994), foi no setor de pesquisa da PURINA. Fiquei muito impressionada, mas, os animais ficavam em ambientes limpos e esterilizados. Isto aí é uma patifaria das mais nojentas. Leiam o comentário da autora do vídeo (feito na Universidade Federal de Veterinária de Santa Maria - RS) postado no You Tube:

"Enviado por crisspoa em 11/12/2011
Ao perguntar a formandos de veterinária, que estavam de plantão no Biotério, para que servia o orifício, fui informada que era para estudar a digestibilidade animal. Ao perguntar se não haveria outra forma sem mutilar o animal para estudar a digestibilidade, os acadêmicos baixaram os olhos e nada falaram. Apenas que há profissionais que acham o máximo esse tipo de "técnica".
Enquanto o homem olhar para o mundo como OBJETO de estudo, de forma antropocêntrica, não se importando com o alheio, a civilização retrocederá."




.

15 de dezembro de 2011

CADELINHA COME SENTADA

Antes de pensar que pode ser uma judiação, leia a razão:



"Esta é a nossa linda cadela Bella. Ela foi diagnosticada com megaesôfago congênito logo depois que a encontramos aos 4 meses de idade. Megaesôfago significa que seu esôfago é alargado e não tem a mobilidade muscular para engolir alimentos, enquanto horizontal. Esta é a sua "Cadeira Baileys", que ela precisa "sentar-se" para comer e ficar por 10 minutos depois que come. Ela come comida de cachorro macio com um pouco de água misturada dentro. Ela está agora com sete meses de idade e indo muito bem!"
.