Mostrando postagens com marcador despejo. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador despejo. Mostrar todas as postagens

29/04/2017

Protetora de animais teme perder 100 bichos após ser denunciada - Brasília - DF

Olha gente, eu não conheço a protetora em questão, mas, seria bom seus conhecidos endossarem o pedido dela que parece ser justo.
-------------------
Deuzenice Matos foi notificada pela direção do condomínio em que mora, em Sobradinho, por perturbação da ordem causada pelos cães e gatos

Responsável pela criação de 100 animais em sua residência, a protetora Deuzenice Matos teme que os bichos sejam sacrificados após sofrer denúncia anônima de uma das moradoras do condomínio em que vive, o Serra Azul, no Setor de Mansões de Sobradinho.

A reclamação da moradora que a denunciou é sobre o barulho que os animais fazem durante o dia. Deuzenice foi notificada pela direção do condomínio e luta para que os cães e os gatos, quase em sua totalidade com algum dano físico ou mental, não sejam sacrificados. “Estou abalada e sem rumo. Espero conseguir resolver logo essa situação. Tenho fé disso”, comenta Deuzenice.

A protetora luta para arrecadar fundos e transferir toda a família de bichos para uma chácara na Fercal, em um espaço maior do que o atual. De um total de R$ 130 mil necessários para comprar a chácara, já adaptada para receber os animais, ela precisa arrecadar R$ 50 mil. Amigos de Deuzenice criaram uma página para angariar fundos.

No Distrito Federal, não existe uma lei específica que limite o número de animais criados em residências. O Centro de Controle de Zoonoses, no entanto, age para encontrar bichos em situações de maus-tratos, encaminhá-los para a adoção, identificar os contaminados com leishmaniose e também sacrificá-los, quando necessário.

De acordo com Deuzenice, os animais estão castrados e são vacinados regularmente. Ela diz gastar mensalmente entre R$ 15 mil e 20 mil para cuidar dos bichinhos, com ração, fraldas e demais itens. Caso consiga o abrigo, ela promete dar o nome para o lar de “Recanto dos Anjos de Pelos e Patas”.

Até a última atualização dessa matéria, a reportagem não havia localizado os responsáveis pelo condomínio para comentar a notificação.

Conhecer o limite
Diretora-geral do ProAnima, ONG pró-direitos dos animais, Valéria Sokal acredita que o bom senso deve ser levado em conta. “É importante conhecer seu limite financeiro, de tempo e psicológico. Acredito que o número de 100 animais é alto. Adotar mais animais não ajuda, acaba piorando a situação deles”, explica.

Vejam o depoimento desesperador da protetora no vídeo abaixo:

Fonte: Metrópolis

10/09/2016

Sem emprego e com ação de despejo, soldador tenta cuidar de 70 gatos

Agora me diz o que seria dos bichos se não existissem pessoas assim.... Pior que tem uns que chamam de acumuladores..... Eles precisam de ajuda, gente!!!!! Olha, a matéria não identifica nenhum dos dois protetores. Se alguém conhecer, fala p´ra colocarmos aqui no blog, tá? Não podemos nos omitir, né mesmo?
---------------

Francisco de Assis Silva mantém os bichos em Santa Cruz das Palmeiras. ONG de proteção animal e prefeitura da cidade não possuem gatil.

29/08/2016

Casa de apoio a animais abandonados pode fechar por falta de apoio em Guarabira


Gente, todos nós podemos dar uma força..... já fiz minha pequena contribuição, mas, se todos derem um pouquinho, eles chegam lá.... Axé companheiras!!!! força aí e que tudo se resolva favoravelmente. Facebook OPAM
Clique Vakinha para contribuir. 
-------------------

12/06/2013

Rio vai protestar contra SEPDA... até gato é despejado de biblioteca

Tudo que recebi de informação nestes últimos 3 dias sobre problemas em nossa cidade,   deu dor de estomago geral e me reportou a música de Fernanda Abreu chamada - Rio 40 graus. O primeiro verso da música (leiam a letra inteira para entenderem o que é a Cidade do Rio de Janeiro) diz assim:

Rio 40 graus 
Cidade maravilha 
Purgatório da beleza 
E do caos...


É o caos sim.... vejam as notícias:


1 - A Coluna de Ancelmo Góis, publicou sobre o manifesto da proteção animal amanhã na porta da Prefeitura. Clique para ampliar:


2 - participantes da organização do movimento fizeram este vídeo que está muito bem feito demonstrando que toda proteção quer, apenas, pessoas competentes para realizar uma política púbica verdadeira para os animais do nosso município:

retirado do face da organização do manifesto

3 - agora, prestem atenção nesta matéria que nossa querida Marli Delucca publicou no seu Mural Animal. Não é o CAOS? CLIQUEM AQUI para ler:

"Gato que mora na Biblioteca Pública de Copacabana, está sob risco 
de despejo. Frequentadores e funcionários protestam 
contra a saída do mascote."


4 - compareçam para dizer o que sabem durante a manifestação... só assim mesmo, né? repitam lá o que me contaram, para conseguirem o ECO tão necessário...


19/12/2012

Protesto na Câmara de Rio Preto contra abandono de animais

Justiça manda mulher que cuida de 350 cães sair da chácara onde vive. Manifestantes da proteção animal pedem que animais sejam levados para um outro local. Para ler a notícia do G1, CLIQUE AQUI




20/04/2011

NÃO GOSTEI DO TRATAMENTO DADO PELA FUNCIONÁRIA DO CCZ/RJ

Ontem aconteceu algo que me arrepiou os cabelos...

A presidente de uma ONG aqui do RJ me telefonou porque recebera ordem judicial de receber 40 cães de uma família que estaria sendo despejada de sua casa. O que ela se preocupava é que estes cães deveriam ficar juntos para que o dono os recuperasse assim que arranjasse outro lugar para acomodá-los.

Resumo da ópera: Juíza manda retirar 40 cães de uma casa através do CCZ /SUIPA. Detalhe: o CCZ está interditado, a SUIPA superlotada ... onde colocar estes animais? ah, na Secretaria de Proteção Animal, certo? errado. Lá, segundo soube, "não tem como receber nenhum animal"...

Tentei falar com os Drs. George e Leonardo (ambos sub-secretários da SEPDA) desde ontem e deixei recado com funcionários para uma explicação oficial, pois, sabemos que a lotação da Fazenda Modelo está longe de estar esgotada. Até a publicação eu não tive resposta.

Bem, a informação final dada pela amada Cidéia da SUIPA, é que, depois de ordens e contra-ordens de natureza judicial e "empurra e empurra" da Prefeitura, 16 animais foram acolhidos pela SUIPA (os doentes na maioria) e 15 no CCZ. Cooomo? ah, perguntem coisas mais facinhas, tá?

Agora quero deixar registrado o seguinte, a propósito do caso: ao ligar ontem mesmo para o CCZ, pois, queria ajudar com algum suporte na situação, fui atendida pela Dra. Bárbara que, primeiro negou que os animais estariam indo para lá e que se eu quisesse saber de alguma coisa que procurasse o Dr. Fernando na Superintendência (está afastado nos últimos dias por conta de grave doença de sua mãe) porque seria ele que estaria coordenando tudo.

Repetiu por diversas vezes que se quisesse informação teria que ligar para a Superintendência, que quem estava resolvendo era a "justiça" e que isto não era uma ação deles..... Tointointoin.... pirei....

Mas, nem vou comentar as declarações da Dra. Bárbara, mas, vou afirmar que não gostei de como fui tratada. Tive a impressão que a veterinária em questão, está me colocando no rol de pessoas que detonaram a Eucy Galamba da Superintendência de Zoonoses, cujo caso foi publicado aqui:

Estranhamente recebi um tratamento não condizente com o que estou acostumada, posto que, uns poucos dias antes, tivemos uma conversa, inclusive, abordando a demissão da própria Eucy. No dia 18 comentei aqui no blog sobre o impulso do Prefeito em demití-la sem apurar se, realmente, a veterinária em questão respondia por alguma ação na direção do CCZ naquele ano ou em outro qualquer.

Ou seja, estou aqui HONESTAMENTE E DEMOCRATICAMENTE exercendo meu direito de ser uma militante e informante da defesa animal. Não tenho lados humanos e sim animais. Como falei há séculos, p´ra mim tanto faz fulano ou ciclano ocupando cargos publicos. O que interessa é que estes funcionários prestem um bom trabalho. CCZ não trabalha pelo direito animal e sim saude pública e, nos dias atuais, está bem explícito que estes dois segmentos tem que se entenderem para avançarem nos seus objetivos.

Por isto que exijo muito bom tratamento e informações precisas quando assim me der o trabalho de ligar para um órgão publico... até porque sou uma representante legal dos animais há 18 anos... comigo não violão!!!!!

Está anotado. E só para complementar: a veterinária do CCZ, cuja inicial é M, está escrevendo ironias nas postagens citadas acima. Tenho publicado demonstrando meu espírito democrático. Mesmo sendo anônimamente, tenho publicado sem problemas. Só que abuso do direito de conhecer os estilos de gente com quem convivo há muitos anos.

E daqui vou dar meu recado: NÃO PERTENÇO AO SEGMENTO EM QUE "VOCÊS" ESTÃO ME NOMEANDO E SE NÃO APRENDEREM A SEPARAR O JOIO DO TRIGO, VOU COMEÇAR A TRAÇAR UM PARALELO DENTRO DO SERVIÇO PUBLICO QUE TEM, TAMBÉM, UM GRUPINHO MUITO MALVADO. AQUELE MESMO QUE SACANEIA O COLEGA SOMENTE POR INVEJA, AMBIÇÃO E DESPEITO.

DEIXO BEM CLARO QUE ESTOU FALANDO DE UMA "MINORIA MÍNIMA" DAQUELA UNIDADE JÁ QUE SEMPRE FUI MUITÍSSIMO BEM RECEBIDA POR TODOS OS DIRETORES E FUNCIONÁRIOS, EXATAMENTE, PORQUE SEMPRE DEDIQUEI ATENÇÃO, CAMARADAGEM E RESPEITO NO TRATO COM CADA UM DELES.
.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪