Mostrando postagens com marcador confinamento. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador confinamento. Mostrar todas as postagens

30/06/2017

BRF diz que deixará de usar ovos de galinhas confinadas em gaiolas até 2025

Não entendo é o tempo que eles dão.....porque só daqui a 8 anos? Poxa, qual é? até lá continuam estas pobres neste sofrimento? olhem a foto.... Uma empresa de 105 mil funcionários precisa de 8 anos?
----------- 
SÃO PAULO (Reuters) - A BRF, uma das maiores companhias de alimentos do mundo, informou nesta quinta-feira que assumiu compromisso de eliminar de seu processo industrial, até 2025, ovos de galinhas confinadas em gaiola.

O projeto está contemplado na parceria entre a companhia e a ONG World Animal Protection (Proteção Animal Mundial), segundo a empresa. Esse movimento tem sido realizado também em outros países por outras empresas de alimentos, como a Nestlé.

A BRF, maior exportadora global de carne de frango, disse ainda que a companhia tem trabalhado para ampliar o bem-estar dos animais de toda sua cadeia, como eliminação gradativa de celas de gestação na produção de suínos até o final do ano de 2026, conforme anunciado anteriormente.

Fonte: Extra (Por Roberto Samora)

15/04/2017

Animais do Parque da Água Branca são confinados; dois morrem - SP

Bem, parece que a medida não foi a correta, né?
------------------------
Segundo a Secretaria Estadual do Meio Ambiente, a medida é uma forma de controle populacional desses animais. Frequentadores do parque criticam a decisão

Conhecido como um dos poucos refúgios com características rurais que restam na capital, o Parque Doutor Fernando Costa, ou Parque da Água Branca, na Zona Oeste, confinou há vinte dias suas centenas de galinhas.

Trata-se de um fato inédito para a área verde, cujo grande trunfo era justamente ter os bichos soltos pela área de 137 000 metros quadrados, ao lado de patos, marrecos, galinhas d’angola e caipira e pavões. Nesse período, ao menos dois animais morreram.

“A situação está terrível. Elas estão presas em um lugar minúsculo”, diz a atriz Julia Bobrow, que já resgatou um galo à beira da morte no parque no final do ano passado. “Os animais estão brigando entre si e se matando”.

A Secretaria Estadual do Meio Ambiente diz, em nota a VEJA SÃO PAULO, que a prisão das fêmeas ocorreu por estarem em número desproporcional em relação aos machos, sendo uma uma forma de controle populacional.

“A proporção é de oito galos para uma galinha. O ideal deveria ser o contrário”, diz. “O confinamento iniciou-se após um estudo feito pela Coordenadoria de Parques Urbanos (CPU), em conjunto com a Coordenadoria de Biodiversidade e Recursos Naturais (CBRN), onde definiu-se que essa seria a melhor forma de manter os animais”.

A secretaria não informa o tamanho do local destinado às aves, mas diz que estão numa área apropriada chamada “espaço zootécnico” e “não brigam entre si, recebendo monitoramento diário da administração”. Questionada sobre o motivo da morte das duas galinhas, a pasta se limitou a dizer que “os animais morrem em decorrência da idade”. “Não temos uma estimativa de mortes, mas, recentemente, teve início um trabalho de controle que permite acompanhar mais de perto a situação deles e identificar eventuais problemas, caso venham a ocorrer”.

O Movimento SOS Parque da Água Branca, integrado por moradores e frequentadores do espaço, critica o confinamento e está pedindo reunião com a direção para que haja outra forma de manejo dos bichos. “Isso provoca um mal-estar para o animal que sempre se viu livre naquele espaço e, agora, está preso”, critica Claudia Lukianchuki, membro da entidade.

FONTE: vejasp

19/12/2016

Cientistas produziram carne de peru em laboratório. O que falta para chegar ao mercado

Juro que não captei.... tem que matar o peru para tirar o peito do peru e aumentar.... Ou seja, a vantagem, segundo a técnica, é diminuir o tempo de confinamento? Vão se catar!!!!!!
------------------------
Já há hambúrguer, almôndegas e, agora, carne de peru feita com menos sofrimento animal. O problema é a viabilidade econômica

Nos últimos anos, a ciência tem avançado na criação de alternativas à carne que vem do abate em massa de animais. A principal delas é produzir o alimento em laboratório. Desenvolvida com células-tronco, essa carne tem a mesma textura, gosto e nutrientes da carne comum - pois é feita dos mesmos componentes -

25/02/2016

Prefeito de Cansanção confina cães de rua em matadouro sem água e comida - BA

A Ana Rita vai dar conta disto.... que absurdo!!!!!
------------------------ 
Denúncia de ativista da cidade revelou maus tratos de agentes da prefeitura durante uso da carrocinha 

Dois vídeos publicados nas redes sociais, esta semana, revelaram um crime ambiental que vem sendo praticado pelo prefeito do município de Cansanção (BA), a 340 km de Salvador, Ranulfo da Silva Gomes. As imagens mostram cães sendo retirados das ruas da cidade de forma agressiva por prepostos da

20/01/2016

Animais que passam toda a vida em confinamento

Esta matéria está muito boa em se tratando de informação. Devemos compartilhar o máximo com pessoas que estão fora do metier da proteção para que conheçam os porões da exploração da vida animal.
Fonte: Care2 animals
Colaboração: Helô Arruda
-------------------------
Imagine passar toda a sua vida em sua banheira, sem poder sair  não importa o quanto você queira. Sem poder mover-se, e muito menos se virar. Forçado a viver em suas próprias fezes, sem ver o mundo exterior, e após anos dessa existência miserável você está morto. Pode parecer doente, mas esta é a realidade de vida de bilhões de animais em todo o mundo.

Enquanto a alguns animais é oferecida uma proteção legal contra abusos e maus tratos outros não tem nenhuma proteção e passam cada minuto de suas vidas em confinamento. Ao classificar alguns

02/01/2016

Aurora promete acabar com o confinamento de porcas em gaiolas de gestação

A notícia não é o que gostaríamos de ouvir, mas, o esforço de conscientização do Fórum vai conseguindo chamar a atenção para esta coisa nojenta chamada industria da carne, né mesmo?
---------------
Anúncio acontece depois de campanha de mobilização pública realizada pelo Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal

São Paulo, 29 de dezembro de 2015 – A Cooperativa Central Aurora Alimentos, dona da marca Aurora e terceira maior produtora de carne suína do Brasil, emitiu comunicado afirmando que substituirá o sistema de gaiolas de gestação por baias coletivas para porcas reprodutoras. A empresa prometeu

27/05/2015

Walmart adota política baseada nas cinco liberdades para animais de produção nos EUA

Recebi da assessoria de imprensa da Walmart e estou registrando em nosso espaço para avaliação dos nossos leitores:
-------------------------------------

(25 Maio 2015) – O Walmart, uma das maiores empresas do mundo e maior varejista do setor alimentício nos EUA, anunciou que vai adotar uma abrangente política de bem-estar animal para sua cadeia de fornecimento nos EUA. 

A decisão da empresa foi comemorada pela Humane Society International (HSI), uma das maiores organizações globais de proteção animal, e seu braço norte-americano, a Humane Society of the United States (HSUS). A empresa adotou o princípio das “cinco liberdades”, que inclui a eliminação de métodos de confinamento extremo como o uso de gaiolas em bateria para galinhas poedeiras e gaiolas de gestação para porcas reprodutoras.

O Walmart pedirá que seus fornecedores trabalhem para garantir, dentre outras ações, as seguintes condições para os animais:

05/05/2012

Confinamento bovino será tema de palestra este fim de semana na Capital - Palmas - TO

.
A única preocupação é com "o alto retorno econômico"... Jesus amado, arremata esta cambada humana e manda p´ro inferno!!!!
_________

Com o tema: “Produção de bovinos de corte com alto retorno econômico e sustentabilidade”, a empresa Integral Nutrição Animal, em parceria com a Seagro – Secretaria da Agricultura, da Pecuária e do Desenvolvimento Agrário, promove nos dias 4 e 5 de maio, uma palestra sobre confinamento para bovino, com duração de aproximadamente uma hora.

A participação no evento é gratuita e ocorrerá no auditório do Hotel Victória, às 20h.

O encontro, que tem o objetivo de interagir com a classe, mostrando lucros e resultados é destinado a pecuaristas confinadores e semi-confinadores. O tema da palestra será abordado pelo médico veterinário e diretor técnico da empresa, Luiz Henrique Carrijo.

De acordo com o zootecnista da Integral Nutrição Animal, Paulo José Villela, a empresa que tem sede em Goiás, atua no Tocantins há mais de 20 anos e em todo o Estado tem cerca de 70 mil de cabeças de animais confinados.

Fonte: Surgiu.com

.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪