Mostrando postagens com marcador cobras. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador cobras. Mostrar todas as postagens

31/07/2017

Nag Panchami, um festival hindu de adoração às cobras, escorpiões e outros

A Índia é de uma incoerência e de uma ignorância que assusta. Este tal festival é tão estranho que a gente fica sem saber o que falar. As imagens do vídeo não mostram nenhuma violência com os animais, mas, mostra mulheres colocando seus filhos ainda bebê em risco de uma picada fatal de um escorpiões.
-----------
Milhares se reuniram em uma colina no templo Kondammai, em Kandkoor, no distrito de Yadgir, sexta-feira, para participar do festival Naga Panchami, onde os devotos adoram as cobras e os escorpiões, colocando os animais em seus corpos e rostos.

O que é Nag Panchami?
O festival sagrado é celebrado tanto na Índia como no Nepal com dezenas de ofertas feitas aos deuses através dos animais. Este ano foi realizado no dia 27 de julho:

O que é, como é comemorado e por que as cobras são adoradas?
Tradicionalmente, durante Nag Panchami, as mulheres hindus oferecem leite, doces e flores às cobras, com a esperança de que o Senhor das Serpentes, Nag Devata, olhe favoravelmente suas orações. Normalmente, as estátuas de cobras de pedra ou de madeira são usadas (às vezes até pinturas) em vez de criaturas vivas porque, bem, as cobras podem ser perigosas.

Ao fazer a oferta, normalmente esse mantra será recitado ... 'Naga preeta bhavanti shantimapnoti via viboh. Shashanti lok ma sadhya modate shashttih samh. '. Isso se traduz em inglês como: "Que todos tenham a benção divina da deusa da cobra, que todos consigam a paz. Deixe todos viverem serenamente sem qualquer turbulência.

Por que as cobras?
As serpentes são freqüentemente adoradas na fé hindu, pois são vistas como uma representação de Nag Devata e outros deuses da serpente, incluindo Ananta, Vasuki, Padma, Kambala e Kaliya, entre outros, de acordo com o Hindra Rudra Center .

Enquanto em algumas culturas as cobras não conseguem um representante particularmente bom, no hinduísmo Deus assume muitas formas e é importante adorar todas as formas "a suprema verdade" toma. Isso inclui cobras ou 'nagas'.

Há uma série de leis populares em torno de adoração de cobras - um deles sobre um fazendeiro que matou três cobras enquanto arava suas terras. A mãe cobra estava irritada pelo fazendeiro matando sua prole e matou o fazendeiro, sua esposa e seus dois filhos afundando as presas nelas. No entanto, uma das filhas sobreviveu e implorou pela vida de sua família, adorando a serpente mãe e oferecendo seu leite e outras coisas doces. A mãe cobra ficou satisfeita com a oferta e recuperou a vida da família.

Outros animais são adorados durante o Nag Panchami em tempos diferentes e até o gado de Gujarat é incluído.

Fonte: LiveLeak e Metro

23/03/2017

Loteamento de alto padrão é invadido por cobras venenosas em Campinas

Eu fico impressionada..... a matéria diz que o loteamento foi invadido por cobras? fala sério..... eles é que invadiram o espaço delas.....
----------------
Cerca de 80 serpentes de várias espécies foram capturadas nos últimos nove meses no local. Primeira vítima foi picada nesta segunda (20) e encaminhada para a Unicamp.

Moradores de um loteamento de alto padrão em Campinas (SP) têm sido surpreendidos por uma invasão de cascavéis - espécie venenosa -, dentro e fora das residências, desde julho de 2016. 

Segundo a presidente da Associação de Moradores, Lorene Scheidt, cerca de 80 serpentes foram encontradas no local nos últimos nove meses. Nesta segunda-feira (20), uma moradora sofreu uma picada e foi encaminhada para o Hospital de Clínicas (HC) da Unicamp. Ela foi a primeira vítima registrada.

"Ela estava passeando com os cachorros na mata. É uma área de reserva, ela estava na calçada, mas na região da mata", explica Lorene. Além de cascavéis, no período também foram encontradas cobras-cipó, cobras-coral e uma jararaca. A espécie que picou a moradora não foi identificada até esta publicação.



"Teve fim de semana que já capturamos nove [cobras], uma adulta e oito filhotes", diz Lorene Scheidt, presidente da Associação de Moradores

"Ela não teve reação nenhuma, estamos achando que pode ter sido uma cobra sem veneno, ela não conseguiu identificar", conta a presidente da associação. A moradora recebeu alta na manhã desta terça (21) após 12 horas em observação no HC. 


O acidente aconteceu no Loteamento Residencial Shangrilá, no Parque Shangrilá, próximo a uma área rual da cidade onde a integração com os animais é comum. No entanto, a ocorrência de cobras em grande quantidade não tem precedentes no local.

“Teve fim de semana que já capturamos nove [cobras], uma adulta e oito filhotes [...] A gente tem quatro alqueires de mata nativa aqui dentro, é uma diversidade muito grande. Tudo que é silvestre, a gente preserva", diz Lorene.

Para evitar que as serpentes sejam mortas - crime ambiental com pena de até um ano de prisão -, uma equipe do residencial faz a captura e aciona o Departamento de Proteção e Bem-Estar Animal (DPBEA) da Prefeitura que, enfim, as retira do local.

A cascavel está entre as mais perigosas. Caso haja demora em iniciar o atendimento, a vítima pode sofrer insuficiência renal aguda e respiratória, que pode levar à morte.


Incêndio e colheita causaram desequilíbrio ambiental
O local é cercado por fazendas com diferentes plantações. Desde julho do ano passado, ocorreu a colheita de milho na região e um incêndio também destruiu parte da vegetação. Ratos que viviam neste espaço - principal alimento das serpentes - deixaram a área verde e começaram a aparecer no loteamento.

“Teve gente que contou mais de 50 ratos nesse tempo, até boiando na piscina”, relata um morador, que preferiu não ser identificado pela reportagem.

"Estão aparecendo dentro da casa das pessoas, elas estão conseguindo entrar na sala, cozinha, não é nem quintal mais", diz morador

Com o surgimento dos primeiros roedores, duas cascavéis foram encontradas na frente de uma residência. Elas estavam em uma tubulação e o resgate, que teve apoio do Corpo de Bombeiros, durou aproximadamente 12 horas, conta o morador. Foi o primeiro caso. [Veja imagens deste resgate no vídeo no início da reportagem]



“É o ciclo natural. Elas [serpentes] comem ratos, sapos, anfíbios, pequenas aves, depende da cobra. Mas, o rato acaba sendo o principal fator”, explica a bióloga Giselda Person sobre o motivo que levou os animais ao Shangrilá.

“A região sempre foi conhecida como paraíso das cascavéis [...] Mas, o pior é que estão aparecendo dentro da casa das pessoas, elas estão conseguindo entrar na sala, cozinha, não é nem quintal mais”, diz o morador.

O diretor do Departamento de Proteção e Bem-Estar Animal da Prefeitura, Paulo Anselmo, explica que a Secretaria Municipal do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável já acompanha o caso há seis meses.

“A primeira vez que nós fomos chamados lá foi por uma infestação de roedores silvestres, eles estavam na área externa e acabaram se refugiando [...] para o condomínio. Em relação às serpentes, elas já estavam na região. Elas vieram da própria região para dentro do condomínio por causa do impacto no ambiente, que foi a colheita e a queimada”, informa Anselmo. 



Polêmica após captura
A captura das cobras envolve os responsáveis pelo residencial, o órgão municipal DPBEA e, também, os moradores. Dois seguranças do loteamento foram treinados para fazer o resgate dos animais, segundo a administração do local. No entanto, a equipe do departamento de proteção ambiental solta novamente as serpentes a cerca de 1 km do Shangrilá, em uma área verde, gerando polêmica.

    “São muitas cascavéis, jararaca, e são cobras muito perigosas. Podem ter mais ratos na região, e então começa outro desequilíbrio”, alerta a bióloga Giselda Person.

A bióloga Giselda Person questiona a remoção das serpentes para uma região tão próxima ao residencial e às fazendas. “São muitas cascavéis, jararaca, e são cobras muito perigosas. Podem ter mais ratos na região, e então começa outro desequilíbrio”, alerta Giselda.

Para ela, o ideal seria o encaminhamento das cobras para uma região que não oferecesse risco à população, ou para alguma organização, como o Instituto Butantan, em São Paulo. Segundo o diretor do Departamento de Proteção e Bem-Estar Animal da Prefeitura, houve tentativa de enviar as serpentes para o instituto, mas a espécie não está mais sendo aceita.

“O que nós estamos fazendo, é devolvendo elas para a mesma região fora do condomínio, uma região vegetada”, explica. Um estudo para verificar uma região propícia para a soltura das serpentes “duraria mais de ano”, segundo Anselmo.

“A gente precisaria ter um levantamento de fauna [...] para ver se esses animais são compatíveis, porque provavelmente já tenham outros animais dessa espécie lá, e eles já estão equilibrados”,  

Secretaria estadual faz alerta
De acordo com o Departamento de Fauna da Secretaria Estadual do Meio Ambiente, é correto o procedimento de retornar os animais ao local de origem, e é comum que mudanças e perturbações, como um incêndio ou uma colheita, tenham como "consequência o deslocamento da fauna silvestre em busca de recursos e melhores condições para sobrevivência".

    "Elas já pertenciam ao ambiente, não tem nada de diferente. Nós só estamos tirando do condomínio para evitar acidente", diz Paulo Anselmo, diretor do Departamento de Proteção e Bem-Estar Animal da Prefeitura

Ainda segundo a pasta, é importante que o residencial tome medidas de manejo ambiental para evitar que roedores eventuais se estabeleçam definitivamente no local. Dentre as providências, a secretaria recomenda a utilização de lixeiras com tampas e travas que impeçam a abertura por qualquer animal, coleta adequada de lixo orgânico e a retirada dos restos de alimentos dos comedouros de animais domésticos.

As medidas só surtirão efeito se aplicadas de forma generalizada, atingindo todo o residencial.

“Elas já pertenciam ao ambiente, não tem nada de diferente. Nós só estamos tirando do condomínio para evitar acidente”, completa Paulo Anselmo.


Orientações e soro antiofídico
A bióloga Giselda Person recomenda que, em caso de aparições de serpentes dentro de residências, é necessário manter distância.

"O certo seria manter uma distância segura, prender cachorro, afastar as crianças e ligar para a segurança", alerta a bióloga Giselda Person

“É perigoso tentar colocar algo por cima. A pessoa tem que tomar conta de longe para ver pra onde ela vai. O certo seria manter uma distância segura, prender cachorro, afastar as crianças e ligar para a segurança”, alerta.

Em caso de picada, a recomendação é que a vítima faça a menor quantidade de movimentos possíveis. “Não pode fazer nada [no ferimento], e evitar andar, ficar deitado. Quanto mais se movimenta, mais se espalha o veneno”, explica Giselda.

Em crianças e animais, a substância se espalha com maior velocidade pelo organismo, assim exigindo um tratamento ainda mais veloz. A vítima pode sofrer insuficiência renal aguda e respiratória, que pode levar a morte, se o atendimento demorar muito.

O soro antiofídico só deve ser aplicado em hospitais, segundo o diretor da DPBEA. Na região de Campinas, a referência para o tratamento de picadas de animais peçonhentos é o Hospital de Clínicas (HC) da Unicamp, onde podem ser tratadas vítimas de qualquer serpente nacional.

Para facilitar o tratamento, a especialista diz que é importante, se possível, apresentar uma fotografia da cobra.

O telefone para contato com Departamento de Proteção e Bem-Estar Animal é (19) 3245-1781, ou o (19) 9 9398-4517 para plantões, em finais de semana e horários excepcionais.

* Sob a supervisão de Patrícia Teixeira

15/03/2017

Ibama apreende cinco serpentes em casa de dançarina


Eu nunca me conformei com a negligencia dos órgãos públicos com estas exposições com cobras e outros bichos, principalmente, em programas de TV.
------------------------
O Instituto Brasileiro de Meio Ambiente (Ibama) apreendeu oito animais silvestres na casa de uma dançarina em Montes Claros, no Norte de Minas. No local foram encontradas cinco serpentes (três jiboias e duas Pynthon) e três aranhas caranguejeiras.

De acordo com o Ibama, as apreensões foram durante o cumprimento de mandado de busca e apreensão que contou com o apoio da Polícia Militar.

Um dos endereços alvos dos mandados é um local onde a dançarina se apresentava usando as serpentes, segundo o Ibama. “Ela não apresentou a documentação necessária anteriormente, e por isso foi cumprido o mandado de busca e apreensão”, explica o técnico Daniel Felipe Dias.

Para criar serpentes em ambientes domiciliar é necessário que o animal seja adquirido em algum criador que faça a revenda legalmente. “Nestes casos os animais vêm com marcações únicas. Eles vêm com michoship com uma numeração que é identificada na nota fiscal de aquisição do animal. Geralmente, os criatórios repassam aos compradores as informações sobre os cuidados a serem tomados com os animais”, explica o analista.

O Ibama alerta também que para trafegar com animais é necessário uma Guia de Transporte de Animais (GTA), emitida pelo Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA). O G1 não conseguiu contato com a dançarina.

02/01/2017

A incrível fuga de um filhote de iguana de um bando de cobras

Gente, que dó..... pergunto porque Deus fez estas coisas assim.... precisava isto? Todos os seres deveria se alimentar de luz.... Ligava na tomada e carregava as forças necessárias e pronto.... Juro que não entendo como Ele fez um troço tão lindo como nosso planeta e fez esta meleca de Lei da sobrevivência.....
-------------
Uma das sequências mais comentadas da nova série de documentários da BBC, Planet Earth 2 (Planeta Terra 2), registrou a luta de uma jovem iguana para salvar a própria vida na ilha Fernandina, em Galápagos, no Equador.


No incrível e tenso registro, um filhote de iguana precisa chegar ao mar para se juntar a sua colônia apos deixar o ninho, mas para isso precisa atravessar o caminho de um grupo de cobras corredoras.

05/12/2016

Encantador de cobras faz animal dormir com as próprias mãos

Gente, olha em que condições locais as pessoas e animais dividem espaço.....
Fonte: Yahoo
---------------
Encantadores de cobras são famosos no mundo todo. Sem medo dos répteis, os encaram e fazem com que eles “obedeçam” seus desejos. Mas esse encantador conseguiu passar de todos os limites.

Um homem foi flagrado em Pretória, na África do Sul, elevando a “profissão” de encantador de cobras para outro patamar. 


Com poucas horas no ar, as imagens foram vistas por milhares de pessoas na web.  No vídeo, é possível ver que não se trata de um animal que possa ter sido adestrado. Isso porque o encantador pega a cobra no meio da rua. Mais do que isso, a faz dormir em poucos segundos. 

13/09/2016

Tratada pelo zoo do DF, loba 'ensaia' 40 minutos para voltar a mata

São cenas inesquecíveis, não? devolver o animal a sua vida livre é de fazer os corações baterem muito mais felizes.....
-------------------
O Zoológico de Brasília e o Ibama devolveram à natureza nesta sexta-feira (9) quatro cobras (duas cascavéis, uma jiboia e uma cobra-cipó com nove ovos), uma loba-guará, um ouriço-cacheiro, um tamanduá-mirim e um saruê (gambá). 


Os animais eram tratados por técnicos do Ibama e foram soltos em uma área de cerrado em uma propriedade privada em Goiás. Na hora de ser reintroduzida a seu habitat, a loba-guará não queria

20/02/2016

Peruanos organizam casamento coletivo de animais!

É, pode ser um tremendo besteirol, mas, é melhor do que publicar sobre as touradas que ainda acontecem por lá ou , então, aquele tal festival de comida de carne de gato.
----------------------
Em Lima, no Peru, um casamento coletivo reuniu centenas de pessoas e bichos! Cães, pássaros , cobras e ouriços estavam entre os animais que se casaram na cerimônia de casamento pet massa. Cerca de 20 casais de animais disseram sim no evento organizado pelos moradores do bairro de San Isidro. Os donos dos animais receberam certidões de casamento autenticadas. Alguns cachorros ganharam bolo de casamento e vestido de noiva.
Fonte: Ruptly TV - 19/02/16

03/08/2015

Comerciante é detido vendendo cobras em loja de Uberlândia

Esta gente ganha uma nota vendendo cobras contrabandeadas..... pior que os idiotas que compram e depois não querem mais, soltam as bichinhas na na natureza e aí já viram o estrago, não?
----------------------------------
A cobra-do-milho é originária da América do Norte e não pode ser vendida no Brasil, segundo a PM
Dois filhotes foram encontrados em uma casa de pássaros nesta terça-feira. Outros dois animais adultos estavam na casa do suspeito

A Polícia Militar de Meio Ambiente de Uberlândia, no Triângulo Mineiro, apreendeu quatro cobras de uma espécie norte-americana na manhã desta terça-feira. O proprietário dos animais, de 38 anos, foi detido.

De acordo com o sargento Eduardo Venâncio, o suspeito tem uma casa de pássaros no Bairro

18/06/2015

Zoo abandona exibição de cobras por causa de crenças dos Navajos

Juro que não imaginava que navajos tinham crenças do gênero.... surpresa!!!!
Fonte: Daily Mail
Colaboração: Helô Arruda
--------------------------------------------

No estado do Arizona um zoológico, na maior reserva indígena americana do país, eliminou a sua exposição de cobra porque as crenças culturais sobre os répteis trazendo maus presságios estavam dissuadindo os visitantes de ver os animais.

Os Navajos são aconselhados a não assistir cobras comendo, cruzando ou mudando a sua pele, porque isso poderia afetar sua saúde física

05/06/2015

Artesã resgata e salva cobras que aparecem em bairro de Campinas - SP

Amei.... ela é protetora e eu gosto de gente que protege qualquer animal.... Veja o vídeo na matéria....
------------------------------------

É na casa da artesã Maria dos Prazeres dos Santos, a dona Maria, 58 anos, onde os moradores do Parque Floresta, em Campinas (SP), buscam auxílio quando cobras jiboias aparecem pelas ruas e praças do bairro. E os chamados de urgência estão cada vez mais frequentes. Só nas últimas duas semanas, ela resgatou quatro jiboias e entregou para o Corpo de Bombeiros.

Nesta quinta-feira (3), ela salvou uma jiboia que seria morta a pauladas por moradores receosos com a presença do animal. “Eu sou protetora dos animais e das crianças. Não gosto que matem as bichinhas [cobras], não. Eu resgato e chamo os bombeiros ou deixo ali perto do rio, que é o lugar delas”, contou dona Maria.

A ‘domadora de cobras’ do Parque Floresta, como é

14/03/2015

Crianças ensinadas a domar hienas e cobras

Como entender as diferenças e desigualdades deste mundo? A matéria é excelente.
------------------------------------------------------

Documentário mostra o negócio de famílias na Nigéria que treinam os animais e as crianças para um espetáculo cujo único fim é conseguir dinheiro

Hienas a «abraçar» jovens domadores num espetáculo com animais selvagens, na Nigéria, é o mote para um documentário sobre o modo de vida de várias famílias africanas . Os «meninos hiena» revela as práticas e os métodos usados pelos domadores num espetáculo primitivo em que os protagonistas são crianças, hienas, macacos e cobras. A única finalidade é conseguir algum dinheiro de quem fica a assistir.

A equipe da empresa sul-africana, «TIA Productions», filmou e mostrou o negócio das famílias em ação, perto de Abuja, a capital da Nigéria. Os domadores acreditam ter o poder de conseguir domar os animais sem serem atacados.



Desde que nascem as crianças são treinadas para domar os animais selvagens e tal como eles recebem a alimentação em pequenas porções. «Os meninos hiena também podem ser domesticados, alimentados desde a infância com medicamentos e tratados juntamente com as cobras de modo a

02/02/2015

Duas cobras são capturadas no Valverde - RS

O pessoal do Vanguarda Abolicionista nos mandou esta matéria que nos faz comprovar o quanto invadimos o espaço dos animais silvestres....
-----------------------------------------

O Corpo de Bombeiros de Veranópolis realizou na noite de segunda-feira, 26, a captura de uma cobra na rua Gomercindo Carlos Rohe, próximo à praça do bairro Valverde. O fato ocorreu por volta das 22h. O animal é da espécie jararaca e foi visto quando moradores chegavam em casa. A cobra foi solta em um matagal no interior de Veranópolis. Essa foi a segunda captura de cobra em menos de uma semana. Na manhã do dia 22, na travessa Roncatto, também no Valverde, foi capturada uma cobra cruzeira. O réptil estava enrolado em uma árvore no quintal de uma residência.

30/07/2014

Relatos à Comissão da Verdade apontam uso de animais vivos em torturas

Quem não sabia disto? de qualquer maneira vale o registro... se tortura usando animais há milênios.....
-----------------------------------
As investigações da Comissão Nacional da Verdade (CNV) sobre os métodos de tortura durante o regime militar apontam que, além de usarem pedaços de madeira e choques elétricos, os torturadores chegaram a usar animais vivos para obter informações de militantes de esquerda.

Os métodos de tortura mapeados nos últimos meses chocaram os membros da comissão. Pelas informações coletadas até o momento, animais como cobras, ratos e jacarés teriam sido utilizados

16/06/2014

Cresce o número de animais silvestres recolhidos em áreas urbanas



Olha, sinceramente, o que vamos fazer? o humano tem consciência da invasão do meio ambiente, mas, continua invadindo.... invadindo..... invadindo....
------------------------

Cobras, capivaras, lagartos, papagaios, gaviões, jacarés, jaguatirica. Certamente daria para compor um belo zoológico com tanto bicho. Mas, essas espécies foram resgatadas pela Polícia Militar (PM) Ambiental, em áreas urbanas de Maringá, neste ano. Um levantamento feito junto à Terceira Companhia da Força Verde indica que houve um crescimento de 11% nas remoções de animais silvestres e exóticos em áreas urbanas.

Foram 156, até o mês passado, ante 143, no mesmo período de 2013. As aves predominam e correspondem a 37% do total. Com 18% dos resgates, neste ano, estão as cobras que ocupam a segunda posição no ranking. Foram 30 ao todo. Em terceiro, estão os gambás com 8%, seguido de perto pela tartarugas e os lagartos, com 6%.

FONTE: Maringa

22/02/2014

Um homem, algumas surucucus e muita burrice: um depoimento

Artigo do Dener Giovanini para o Estadão....  sua perplexidade diante do inexplicável....
____________________

Com Dr. Rodrigo durante as gravações em Itacaré.
Alguns anos atrás, eu apresentei um quadro no programa Fantástico da TV Globo, chamado O Brasil é o Bicho! 

A série mostrava as relações do brasileiro com a fauna silvestre sob diversos aspectos. Foi uma experiência muito importante na formação do meu próprio conhecimento sobre a nossa biodiversidade. Durante alguns meses, viajei pelo Brasil com a equipe de gravação e pude ter contato com muitas realidades do nosso país. Tive a oportunidade de conhecer o trabalho das vendedoras de ervas do Mercado Ver-o-Peso em Belém, de estar no meio da Amazônia acompanhando a reintrodução de harpias, de ver o maravilhoso trabalho acadêmico dos

15/11/2013

Preso contrabandeando cobras pode pegar prisão perpétua

A China é uma desgraça para os animais, é verdade, mas, tem lá um negócio que eu gostcho muitcho.... escreveu não leu, pau comeu!!!! bala na nuca e prisão perpétua.... Vejam este caso que me deixou incompleta: para onde iriam as cobras? comida? pesquisa? criadores irregulares? enfim, qualquer destino seria o pior.... mas, quando apreendidas vão para onde? para os mesmos destinos que imaginei?


Preso contrabandeando cobras pode pegar prisão perpétua
 
UOL - 14/11/13

21/10/2013

Foto do dia: duas cobras disputam o mesmo alimento

O negócio está feio até mesmo para as cobras que tem que comer o mesmo rato.... Jesus, morro de pena destes ratinhos.... As vezes fico revoltada com Ele por ter criado um mundo meio estranho para nossos sentimentos, não é mesmo?


Duas cobras venenosas tentam devorar ao mesmo tempo um rato na África do Sul. As cascavéis parecem compartilhar a refeição - em uma cena remanescente do icônico beijo entre os cães do filme A Dama e o Vagabundo, da Disney, que dividiam o mesmo fio de espaguete Foto: The Grosby Group

Fonte: Terra

15/10/2013

Comercialização de silvestres poderá ser proibida




Com a procura cada vez maior por bichos como cobras para animais de estimação, já há clínicas veterinárias especializadas e até mercado de ratos congelados para alimentar jiboias mantidas como pets.

Uma determinação do Ibama, que poderá ser publicada ainda no fim deste ano, deverá reduzir em até 85% o número de animais silvestres que têm a comercialização permitida no Brasil. A lista pet, como é

16/02/2013

Fazenda de exploração de cobras e outros répteis


Imagino para quem este cara vende os animais.... meu Deus!!!!!


Publicado em 15/02/2013
No lugar de vacas e porcos, a fazenda "La Unica" é a casa de 20 mil répteis, que são vendidos aos Estados Unidos, Ásia e Europa. Felix Reyes é o dono da bicharada toda e para manter seu espaço seguro contra ladrões, ele não precisa de cachorros.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪