Mostrando postagens com marcador causa de defesa animal. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador causa de defesa animal. Mostrar todas as postagens

14/08/2017

Brigitte Bardot e Alain Delon, ídolos de nossa juventude, estão todos na mesma vibe pelo direito animal

Esta notícia já rolou há uns dias, mas, fiz questão de registrar porque fico muito feliz quando sei que meus ídolos de juventude são ícones na defesa dos animais. É como uma sinergia nos cantos do mundo que unem pessoas para mesma causa. No meu quarto tinha uma foto enorme da Brigitte Bardot e do Alan Delon.... Jamais poderia imaginar que eu e estas duas pessoas que tanto admirava estaríamos juntos numa mesma vibe, né mesmo? É o máximo!!!!
----------
Aos 81 anos, Alain Delon dedica todo o seu tempo aos animais
O ator francês, 81 anos, demonstra abertamente seu afeto pelos bichos
Pra mim, Alain Delon foi o homem mais bonito que o cinema já produziu. Nos anos 60 e 70, o ator francês, com seus translúcidos olhos violeta, seus cabelos caídos displicentemente na face, encarnava a própria beleza. Ótimo ator. ele fez filmes memoráveis, como O Sol Por Testemunha, em 1959, seu primeiro grande sucesso, e tantos outros. Tornou-se famoso nos quatro cantos do mundo. O tempo passou. Hoje, com seus 81 anos, Alain Delon, conserva o charme, os lindos olhos, mas é mais falado pelo amor extremado, sua quase devoção aos animais. A exemplo de Brigitte Bardot, 82, sua defesa da causa não tem limites, como a gente vê neste artigo do site incrivel.club.

Leia
Todos nós conhecemos, ao menos de ouvir falar, o belo e talentoso ator francês Alain Delon. Atualmente com 81 anos de idade, ele foi e é o ídolo de várias gerações de apaixonados pelo cinema. Porém, além disso, ele transformou-se no melhor amigo para centenas de cachorros.

O Incrível.club quer compartilhar com você a história do grande amor que este ator sente pelos amigos de quatro patas. Temos certeza de uma coisa: você irá admirá-lo ainda mais. Durante a juventude, Alain usava casacos militares só para poder aquecer melhor os cães que encontrava pelo caminho. Hoje, o ator francês mantém 5 albergues para gatos e cães sem dono.

«Minha casa sempre teve muitos cachorros. Para mim, os cães são como crianças doentes, que vivem apenas uns 10, 14 anos». Há anos, Delon vive na Suíça, desenvolvendo por lá seu trabalho com animais. Ele luta inclusive pelo direito de os cachorros terem seus próprios advogados. Segundo o ator, os animais também precisam se defender judicialmente.

O amor do ator pelos cães começou ainda na infância, quando ele teve uma cadela da raça Doberman, chamada Gala. «Um dia, eu gritei e bati nela. Ela se sentou e me olhou nos olhos. Vi que chorava. Foi quando entendi tudo, e agora, meus cachorros estão sempre sorrindo».

«Fico especialmente tocado com o fato de os cães não se importarem com quem seus donos são. Eles amam os humanos como se fossem pais. Você acha que meus cachorros sabem que eu sou mundialmente conhecido? Eles não estão nem aí! Não sabem quem sou eu nem com que trabalho.Simplesmente me amam. É um amor incondicional!»

Alain Delon é membro de uma sociedade protetora dos animais. Em sua mansão, ele mora com 8 cachorros. Na mesma propriedade fica o cemitério de seus animais de estimação anteriores: o ator já teve 45 cães. No meio do cemitério canino existe uma capela e, depois de precisar apresentar diversas petições, Delon conseguiu autorização para ser enterrado ali, quando sua hora chegar. Para o ator, este será o maior luxo a que já se permitiu.

Delon não cuida apenas dos animais mortos. Os cachorros vivos o preocupam muito mais. Assim como sua amiga, a também atriz Brigitte Bardot, ele está disposto a destinar todo seu dinheiro para protegê-los.

FONTE: 50emais

07/08/2017

Comprove como todos nós ajudamos a causa de defesa animal

Fiz questão de publicar para que observem que o trabalho de todos que militam na causa de defesa animal está surtindo efeito, embora se houvesse mais empenho estaríamos em condições mais avançadas. É preciso que TODOS se capacitem mais no conhecimento do que dá certo para os animais.

A sociedade reagir aos maus-tratos é obra de todos nós que levamos à ela (de diversas formas) a informação além de mostrar como cobrar dos poderes as soluções. 

Devemos, cada vez mais, investir nosso tempo trabalhando com nossos amigos, vizinhos e parentes. Só este pouco, já estaremos ajudando ao todo comprovado nesta matéria. Antes, ninguém daria bola, ou se desse, não sabia que podia denunciar porque maus-tratos é punível desde 1934 embora como contravenção penal. Hoje é crime.
------------
Homem é preso acusado de maus tratos a um cavalo em Imperatriz - MA
Duas testemunhas acionaram a polícia depois que o homem iniciou os maus tratos ao cavalo

A Polícia Civil de Imperatriz prendeu,em flagrante, nesta quinta-feira (3),Cleonaldo Pereira Amorim, de 37 anos, pelo crime de maus-tratos à animais, tipificado no artigo 32, da Lei de Crimes Ambientais. O acusado foi visto por duas assistentes administrativas da polícia civil, quando passavam nas proximidades da praça da cultura, localizada no centro de Imperatriz, praticando maus-tratos a um cavalo, que se encontrava atrelado a uma carroça, que transportava uma carrada de areia.

A sobrecarga era tanta que o cavalo se deitou no asfalto e não conseguia mais se levantar, instante em que o acusado tentou que o animal se levantasse de qualquer maneira, para continuar a sua jornada exaustiva, agredindo o animal de diversas formas, chegando a provocar vários ferimentos.

As duas testemunhas acionaram o Delegado Regional, Eduardo Galvão, que determinou o deslocamento de uma equipe de policiais civis até local, determinando que efetuassem a prisão do acusado e que encaminhassem o cavalo para o Centro de Zoonoses para que pudesse ser devidamente tratado por um corpo técnico adequado.

Solicitou ainda que o animal não fosse devolvido ao conduzido, sob nenhuma alegação, com o intuito de se evitar novos maus-tratos.

FONTE: jornalpequeno

26/07/2016

Mulher alimenta pombos e gera transtornos para vizinhos em Aracaju, SE

Bem, todos sabem que eu adoro pombos e tenho 24 dentro do meu pombal. Só que alimentar estas aves na rua cria muito problema para eles que acabam sendo envenenados. Olhem este caso. Aliás, quando publiquei pela primeira vez, achei que era um exagero. Mas, vendo as imagens não dá para ter dúvidas..... Não devemos criar este tipo de problema porque as consequências caem nos pombos.
-------------------
Moradora decidiu alimentar os pombos e atraiu muitas aves para a rua. Vizinhos ficaram se energia várias vezes por que as aves se acomodam nos fios de alta tensão.

video

RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪