Mostrando postagens com marcador campanha mundial. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador campanha mundial. Mostrar todas as postagens

06/10/2017

Fernanda Lima é embaixadora de campanha mundial contra testes em animais na cosmética

É uma campanha mundial e já tem mais de 3 milhões de assinatura. Não deixe de incluir a sua neste documento importante que revela a conscientização de tanta gente contra uso de animais em testes em testes cosméticos.
------------
A modelo e apresentadora Fernanda Lima é o novo rosto da The Body Shop. A gaúcha assume como embaixadora na

24/06/2017

Acabar com testes em animais? São precisas oito milhões de assinaturas

Acho legal este movimento ser mundial.... É preciso que tomem conhecimento que somos uma força em ascensão. CLIQUE AQUI para participar da campanha.
------------------------
A regulação já está em vigor na Europa, mas a The Body Shop quer ajudar a acabar com os testes em animais, na indústria cosmética, de uma vez por todas.

Oito milhões de assinaturas para acabar com o teste de animais na indústria cosmética. É esta a petição que a Body Shop quer levar à Organização das Nações Unidas (ONU), para que o assunto seja discutido e se crie uma convenção internacional.

A petição foi lançada há duas semanas e junta até agora cerca de meio milhão de assinaturas. Pode ser assinada online ou nas lojas The Body Shop. A empresa tem um historial de sucesso neste tipo de iniciativas: em 2004 apresentaram quatro milhões de assinaturas à União Europeia – pela mesma causa –, e em 2009 lançaram uma petição contra o tráfico humano, que recolheu sete milhões de assinaturas.

A União Europeia já aprovou, em 2013, uma lei que proíbe a venda e importação de produtos e ingredientes testados em animais. No entanto, 80% dos países não têm leis que proíbam testes em animais na indústria cosmética, informa Jessie MacNeill, responsável pelas campanhas e responsabilidade social da The Body Shop, que esteve em Lisboa esta semana.

Algumas nações fora da União Europeia – um dos grandes mercados de cosmética a nível mundial – já seguiram os passos europeus ou estão em vias de o fazer, mas as leis são diferentes e muitas têm lacunas significativas. É por isso que se pretende que a petição seja apresentada à ONU – para que seja elaborada uma convenção internacional.

Já não há necessidade absolutamente nenhuma para, em 2017, continuar a testar em animais, garante Jessie MacNeill. "Sabemos que há alternativas, que são mais baratas e mais rápidas", continua. Alguns dos métodos que a The Body Shop utiliza, revela, incluem o teste em seres humanos, os modelos a computador – que agregam informação sobre os produtos, tornando por vezes redundantes novos testes –, e a utilização de EpiSkin, um tipo de pele artificial criada em laboratório. "São tão bons, senão melhores", conclui.

De acordo com dados da Comissão Europeia, a Europa investiu 238 milhões de euros na investigação de alternativas ao teste em animais, entre 2007 e 2011.

Um processo de mais de duas décadas
A adopção de uma directiva comunitária que bane totalmente o teste de cosméticos e ingredientes em animais ou a sua comercialização foi um longo processo, de mais de 20 anos. Na década de 1980 era obrigatório para qualquer empresa de cosmética testar os seus produtos em animais e em 1993 a União Europeia lançou as primeiras directivas para a proibição desta prática. O prazo que estabelecia era 1998, mas um ano antes a decisão foi adiada para 2000 –  na altura, por falta de alternativas viáveis.

O novo conjunto de directivas só chegou em 2003 e um ano mais tarde veio a primeira vitória – a proibição do teste de produtos acabados. Depois em 2009, proibiu-se também o teste de ingredientes em animais e a comercialização de produtos acabados. Finalmente, em 2013, entrou em vigor uma proibição total: neste momento não podem circular na União Europeia produtos de cosmética que tenham sido testados em animais ou que contenham ingredientes que tenham passado por esse processo.

Um momento de impulso
Jessie MacNeill diz que a empresa quer aproveitar o impulso que existe actualmente para "acabar de vez" com o teste em animais . "Sabemos que os clientes não querem isto", garante.

A petição da The Body Shop está integrada na campanha que acaba de lançar, Forever Against Animal Testing. "Não é um assunto sobre o qual decidimos agora começar a fazer campanha", aponta MacNeill. Já em 1989 a empresa começou a revoltar-se contra a crueldade animal na sua indústria – "usámos tudo o que podíamos, as nossas lojas, o nosso staff", para informar as pessoas, conta. Foi também membro fundador do Leaping Bunny, um selo que indica quais os produtos que não foram testados em animais.

FONTE: publico.pt

02/09/2011

WEEAC CAMPINAS, VÍDEO MUITO BACANINHA

Gente, vamos nos preparar... este evento mundial será significativo se todos nós contribuirmos... Aos trabalhos, galera!!!! se informe... contribua... participe...
CLIQUE PARA VER O SITE DO WEEAK BRASIL


.

29/07/2011

EVENTO MUNDIAL E MANIFESTAÇÃO CONTRA BELO MONTE NO RJ

Este Evento acontecerá no mundo inteiro. Aqui no Brasil, vários estados já estão se organizando, pois, acontecerão, sincronizadamente, em todos os lugares do mundo. Vai ser um show!!!! Gente, isto demonstra que estamos nos organizando muito bem!!!! Eu que pensei que ia morrer sem ver toda esta evolução... viva a era da internet!!!!!


Haverá dia 31 de julho uma Manifestação contra a construção da usina hidroelétrica Belo Monte na Praia de Copacabana aqui no RJ, às 14hs em frente ao Copacabana Palace.
Entrem em contato com a Norah que é a organizadora dos dois Eventos no Brasil e no Rio de Janeiro.

Norah André
cadeia2010@gmail.com
.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪