RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Mostrando postagens com marcador animais domésticos. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador animais domésticos. Mostrar todas as postagens

1 de agosto de 2017

Ilha de Fernando de Noronha ganha Estação Animal - PE

Que bom que os moradores conseguiram mais um avanço no trato aos animais daquela Ilha linda.... Queria muito visitar aquele local antes de me escafeder deste nosso planeta!!! kakakaka...... Costumo ver muitos vídeos de lá.... Para quem não conhece o Pablo entrem nos links ao final.
--------
Projeto vai acompanhar cães e gatos domiciliados ou não domiciliados que vivem no arquipélago

Cães e gatos que vivem na Ilha de Fernando de Noronha terão uma nova assistência a partir dessa segunda-feira. Está sendo lançada a primeira Estação Animal Pernambuco, na Escola Arquipélago, na ilha. O projeto contará com ações direta aos animais, domiciliados e não domiciliados, com campanhas de castração, adoção, e conscientização numa visão moderna e de grande impacto junto à população local e aos turistas que visitam Noronha.

O cãozinho Pablo será um dos embaixadores da Estação Animal, que está sendo lançada pela Secretaria de Turismo, Esporte e Lazer de Pernambuco. O arquipélago já possui um núcleo de Vigilância Animal que possui um programa permanente de controle populacional de cães e gatos, realizando cirurgias para perda reprodutiva.

Esse programa atende demanda espontânea da população e realiza uma média de 35 cirurgias por mês. "O projeto da Estação animal só vem ressaltar o atendimento da vigilância aqui na ilha. Faz um convite a população noronhense a ter um olhar mais cuidadoso com os animais", comentou Rebeca Dias, superintendente de Saúde de Fernando de Noronha.

A Estação Noronha contará com embaixadores do projeto. Serão 12 pessoas ligadas ao destino, além de três animais que serão a marca do projeto, o cão Pablo, a gatinha Sardinha e a ovelha Fiona, que são bem conhecidos na Ilha e possuem milhares de seguidores nas redes sociais.

Os embaixadores humanos serão referências no desdobramento do projeto, acompanhando e fiscalizando ações e atividades. Todos eles serão contemplados com um certificado do Estação Animal.

FONTE: diariodepernambuco
=========
Sobre o cãozinho Pablo

30 de junho de 2017

Centro de castração deve ser inaugurado no dia 30 - Niterói - RJ

Fico muito feliz pelo nosso município vizinho conquistar este avanço que trará inúmeros benefícios para  nossos animais. Só desejo que aumentem o numero de cirurgias cada vez mais.
-------------
Expectativa é de esterilização de 100 cães e gatos por mês no novo espaço

Com o objetivo de consolidar a política de proteção animal na cidade, Niterói inaugura, no Horto do Fonseca, o Centro de Controle Populacional de Animais Domésticos (CCPAD). Com suas obras praticamente concluídas, o equipamento municipal tem previsão para entrar em funcionamento no próximo dia 30, atendendo cães e gatos.

Para Daniel Marques, chefe da Coordenadoria Especial Direitos dos Animais (Ceda) da prefeitura, trata-se do maior investimento municipal já realizado na cidade para o controle da fauna doméstica urbana, além de ser “um dos instrumentos mais interessantes e modernos do Estado”.

“Já está praticamente tudo pronto. Além de dois centros cirúrgicos para a esterilização, vamos prestar atendimento veterinário, permitido para qualquer morador da cidade que se cadastrar. O nosso objetivo é realizar esses atendimentos duas vezes por semana”, explica.

O CCPAD vai contar com um centro de triagem, onde será realizado atendimento pré-operatório antes da esterilização dos bichos. Após a castração, o animal sairá do centro cirúrgico diretamente para a sala do pós-operatório, que contará com um canil e um gatil para mais de 30 animais. Lá, todos eles terão direito a um colchão térmico para se recuperar.

Serão quatro veterinários atuando no CCPAD, que deverão castrar entre 20 e 30 animais por dia, quatro vezes por semana. Assim, a prefeitura espera realizar a castração de aproximadamente 100 bichos por semana.

“Temos dois aparelhos de anestesia inalatória, equipamentos de ponta para os animais. O nosso foco, nossa prioridade, é diminuir as colônias de animais de rua, que procriam sem controle. Em um dia específico da semana, os protetores cadastrados vão buscar os animais na rua e trazer para a castração”, conta o coordenador.

Atendimento – Além de todo o suporte para a castração, o local também vai contar com uma sala de atendimento clínico veterinário e um curso de banho e tosa. Tudo gratuito. Uma vez esterilizados, lavados e tosados, os animais de rua serão encaminhados para a “Adotar é o Bicho”, campanha de adoção realizada por protetores independentes e ONGs de proteção animal.

“A Secretaria de Assistência Social vai passar uma lista de pessoas interessadas em participar do curso de banho e tosa. Eles vão sair daqui com certificados de groomers ou tosadores, já formados para o mercado de trabalho”, completa Daniel Marques.

Avanço – A partir do CCPAD, o coordenador prevê um avanço na política de proteção animal, uma vez que “a ação que dá mais resultados é a esterilização”.

“O Centro de Controle Populacional foi idealizado na época da reforma do Horto (do Fonseca). Precisamos de uma base que esterilize, dando apoio a quem protege os animais. Dessa forma, criamos as políticas de proteção da Coordenadoria Especial Direitos dos Animais, que também vai funcionar aqui no CCPAD”, conclui.

O diretor do setor de Proteção Animal da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Marcelo Pereira, é um dos principais entusiastas e responsáveis pelo projeto, trabalhando neste desde a sua idealização, há mais de três anos.

“Até mesmo operários da obra não acreditavam que uma construção de tal magnitude se tornaria um hospital veterinário. Desenvolvendo um mecanismo eficiente de controle de animais, podemos conseguir um futuro sem abandono”, destaca o diretor, que é ativista da proteção animal há mais de 15 anos.

FONTE: ofluminense

2 de junho de 2017

Cresce número de casos de maus-tratos a animais

O que acho importante é que a sociedade tem reagido. O que é lamentável é a nossa legislação que não pune como deveria os criminosos....
---------------
Abandonar ou maltratar animais é crime, sejam eles domésticos ou da fauna silvestre.



8 de maio de 2017

Com serviço gratuito suspenso, recolhimento de animais domésticos mortos custa até R$ 800,00 em Curitiba

Esta matéria saiu há alguns dias e não consegui saber se resolveram a situação.... que absurdo!!!!!
------------------------
Contrato entre prefeitura e empresa da área expirou e não há prazo para retomar coleta

onos de animais domésticos que quiserem dar o destino correto a seus pets após a morte desses bichos podem ter de desembolsar até R$ 800 para fazer isso em Curitiba. O serviço gratuito de recolhimento dos animais, até então feito pela prefeitura através do 156, foi suspenso há quase um ano e segue sem previsão para ser retomado.

A situação deste tipo de coleta, que já representou cerca de 23 toneladas de resíduos recolhidos por mês na capital, segundo a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, veio à tona nesta segunda-feira (24), na Câmara Municipal. Na ocasião, a vereadora Fabiane Rosa (PSDC) relatou ter recebido uma resposta do Executivo sobre o contrato com a empresa até então responsável pela coleta, a Cavo.

Orçado em R$ 1 milhão por um período de 12 meses, o contrato, informou a prefeitura, expirou em abril passado e não foi mantido por falta de recursos. Há a possibilidade de oferecer o serviço novamente por meio de um novo edital de licitação. Essa concorrência, no entanto, ainda não tem previsão para ocorrer. O edital anterior abrangia também o recolhimento de animais encontrados mortos em vias públicas, serviço que a prefeitura continua prestando por conta própria.

Enquanto o recolhimento estava disponível, o serviço correspondia a metade dos pedidos de remoção feitos pela população à prefeitura. Por enquanto, a orientação é que, em caso de morte de animais domésticos, empresas particulares sejam procuradas para a coleta. As opções aos donos de pets, porém, não são muitas. As três organizações que disponibilizam pacotes de remoção e enterro ou cremação que atendem a capital estão na região metropolitana, nas cidades de Colombo e Pinhais. Segundo levantamento da Gazeta do Povo, o preços dos serviços oferecidos varia entre R$ 290 e R$ 800, dependendo do porte do animal.

Contaminação
Apesar de não oferecer alternativa gratuita, a Secretaria do Meio Ambiente não recomenda o enterro de animais mortos em quintais, sob risco de contaminação. “Ao entrar em decomposição, os animais liberam substâncias que podem contaminar o solo e o lençol freático da região”, esclarece Alexander Biondo, professor de medicina veterinária da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Além disso, em caso de morte por zoonoses – doenças que podem ser transmitidas por animais aos humanos, como a leptospirose, por exemplo, o risco direto à saúde dos donos é alto, segundo o professor. Nessas situações, salienta ele, é necessário que a carcaça passe por um procedimento chamado de “micro-ondas” antes de ser enterrada ou cremada. A medida elimina os micro-organismos causadores de doenças.

Para Biondo, faltou orientação da prefeitura à população quando o serviço gratuito foi interrompido. “Com o serviço suspenso, a pessoas ficaram desamparadas nesse âmbito. Seria importante ter sido feita uma cartilha sobre como manusear e proceder sem o amparo do serviço da prefeitura, por exemplo”, salienta. Usar luvas e colocar o corpo do animal em sacos de lixo são alguns dos procedimentos imprescindíveis nesses casos, ensina.

FONTE: tribunapr

11 de abril de 2017

Cem animais domésticos são abandonados mensalmente - Olímpia - SP

O governo tem que pegar estes dados e planejar as ações. As pessoas não conseguem nada se não tiver planejamento. É igual programa de castração que sem meta, não se chega a lugar nenhum.... só se enxuga gelo.....
------------------------
Um levantamento do Canil Municipal de Olímpia revelou que aproximadamente 100 animais são abandonados mensalmente nas ruas da cidade e são encontrados sem comida e em situações precárias de saúde.

Em razão desse número e dessa realidade de abandono, a prefeitura e entidades de proteção ao animal do município têm realizado campanhas de conscientização e ações de adoção.

Por meio de nota, a Prefeitura de Olímpia orienta que “os donos de animais domésticos que não têm condições de manter as proles recém-criadas, devem entrar em contato com a Daemo Ambiental para obter informação sobre onde levar estes animais para serem adotados”. 

O município disponibilizou também um canal para divulgação de animais para adoção, que pode ser acessado pelo site www.olimpia.sp.gov.br/adocaodeanimais ou pelo telefone (17) 99703-2930.

"Os filhotes e animais abandonados fazem parte de uma parcela excluída da sociedade, que precisam de amparo. Nossas medidas buscam diminuir o número de abandonos e principalmente, incentivar as adoções", explica o prefeito da cidade, Fernando Cunha.

24 de fevereiro de 2017

Animais domésticos no Brasil são o dobro da população de crianças

Que maravilha se isto fosse efetivo..... crianças são futuros adultos a destruir o planeta que não consegue comportar mais nem uma vida ao passo que cães duram menos e não destroem o planeta.....
------------------------
Isso mesmo. O número de cães superou o número de crianças no Brasil

O leitor já deve ter reparado que muitas pessoas tratam seus animais como se crianças fossem. Expressões como “meu filho”, “meu bebê” ou “vem com a mamãe” são muito comuns nestas relações em que eventualmente se confunde e se humaniza o papel do animal de estimação dentro de casa.

Amáveis e inteligentes, os cães no país formam

16 de fevereiro de 2017

Condomínios não podem proibir animais domésticos

É tão bom ver matérias do gênero!!!! lutamos tanto para que os srs. advogados se mancassem disto....
----------------
Publicado em 15 de fev de 2017  - Juiz Henrique Teixeira explica que Constituição Federal garante o direito de criar cães e gatos em apartamentos.

25 de janeiro de 2017

Curitiba começa a dimensionar a população de animais domésticos

Gente, quando vejo uma coisa maravilhosa desta fico feliz e triste ao mesmo tempo porque eu ia fazer isto aqui no Rio em 2001 para incrementar o Programa de Castração. É algo formidável!!!! Parabéns à galera veterinária que vai realizar o projeto. Aqui no Rio ia fazer com a Faculdade de Administração e Estatística do Estado. Vou acompanhar desejando todo sucesso do mundo!!!!
------------------------
Começa nesta sexta-feira (20) o primeiro Censo de Animais Domésticos de Curitiba, promovido por estudantes e professores do curso de Medicina Veterinária da Universidade Federal do Paraná (UFPR), com o apoio da Divisão de Monitoramento e Controle Animal, a Rede de Proteção Animal da Prefeitura de Curitiba.

O trabalho, nesta primeira etapa, será na

13 de janeiro de 2017

Captura de animais domésticos é discutida com Bombeiros

Aqui no Rio dei várias palestras na tentativa se mudança do comportamento de bombeiros. E acho que consegui muita coisa. Até premiei um por ter salvado um pombo de fios elétricos como consegui a expulsão de outro que mandou uma pessoa matar um gavião que precisava ser retirado de uma árvore. Na época guarneci o Quartel Central de caixas transporte e redes. Bombeiros gostam de ajudar, só que precisam ter material para tal, né mesmo?
------------------------
Reunião contou com a presença da vereadora Kitty Lima
A vereadora Kitty Lima (Rede) participou na manhã desta quarta-feira, 11, a convite do subcomandante do Corpo de Bombeiros Militar de Sergipe (CBM/SE), Cel. Gilvan, de uma reunião para tratar sobre as dificuldades que a corporação enfrenta em relação à captura de animais domésticos considerados agressivos, em situação de risco ou abandono.

No encontro, que contou ainda com a presença do Ten. Carvalho e Ten. Cel. Júnior, foram relatados alguns problemas enfrentados pelo CBM/SE referentes ao atendimento a estes tipos de

20 de dezembro de 2016

Furbo, a câmara que alimenta animais domésticos à distância

Ameiiiiiiiiiiiiiiii!!!!!!!
---------------
O Furbo é o mais recente gadget dedicado aos animais domésticos. Com clara inspiração no recente filme de animação da Universal Studios, “A Vida Secreta dos Bichos”, esta câmara conetada à Internet garante a possibilidade de poder alimentar o seu animal de estimação à distância.


O design do Furbo assemelha-se em muito ao de uma jarra de porcelana em forma de ampulheta. No topo lugar para uma enorme rolha de cortiça, estando a câmara e o sensor posicionados verticalmente

7 de dezembro de 2016

Cães e gatos 'passeiam' na Serra do Japi em Jundiaí

Tem protetor que não entende porque acha que só cães e gatos merecem ser protegidos..... Mas, existe uma fauna plena em áreas nativas que, normalmente, gatos e cachorros detonam tudo. Temos que cuidar destes animais, também. Vamos pensar nisto....
----------------------
Presença de animais domésticos pode ter relação com sumiço de espécies. Sete mil horas de gravações devem ajudar a proteger fauna e flora.

video

São 350 quilômetros quadrados de mata atlântica, cachoeiras e ambiente perfeito para a vida de animais silvestres na Serra do Japi, localizada em Jundiaí (SP), a 60 quilômetros da capital. Mas para

11 de agosto de 2016

Ecólogo desenvolve pesquisa sobre impacto ambiental causado por animais domésticos em áreas de reservas

Olha, quem é preocupada com os animais tem que ser coerente. Cães e gatos em áreas de preservação ambiental é inaceitável porque todos os silvestres são dizimados. Não é justo para com eles. Todo protetor tem que reconhecer isto e aquele que não o faz  é um farsante no que diz que faz.
------------------------
O professor do Instituto de Biociências da Unesp em Rio Claro, Mauro Galetti Rodrigues, desenvolveu uma pesquisa sobre o impacto de cães domestico em florestas. Intitulada “Cachorro doméstico é o principal predador da mata Atlântica”, a pesquisa monitora o comportamento de cães abandonados em mais de trinta áreas da Mata Atlântica de São Paulo, com o objetivo de avaliar como o animal doméstico afeta as regiões silvestres e suas possíveis consequências ambientais e sociais. 

17 de junho de 2016

Corpo de Bombeiros reivindica a criação de abrigo para animais silvestres - Caldas Novas - GO

Eu amei a reportagem.... eu amei este bombeiro.... Vou mandar uma mensagem para aquela Unidade de Caldas Novas cumprimentando a lucidez e coragem de falar sobre a ausência do poder público municipal. Ameiiiiiiiiiiiiiiii!!!!!  o nome dele é Major Tiago e o endereço está ao final. E viva nossos heróis que atuam pelo país inteiro!!!!!
--------------------


Publicado em 16 de jun de 2016
Por dia são várias ocorrências envolvendo animais, e na maioria animais silvestres. Os Bombeiros enfrentam um dilema: socorre os animais feridos e não tem pra onde encaminhá-los. Gestões são feitas junto a políticos para que seja criado em Caldas Novas o CETAS, o Centro de Triagem de Animais Silvestres, órgão ligado ao IBAMA.
------------------
9º Batalhão Bombeiro Militar – 9º BBM – Caldas Novas
Comandante: Tenente-Coronel BM Mauro Gonçalves de QUEIROZ
Avenida D, quadra 18, lote C, Parque das Brisas – Caldas Novas-GO – CEP 75690-000
e-mail: 9bbm@bombeiros.go.gov.br - telefone: 64-3454-6653

São José: prefeitura coloca placas de proibição de animais no Parque da Cidade - SP

Tem gente que não entende isto.... quem gosta de bicho tem que respeitar cada espécie. Ora, o passeio com os cães podem ser feitos em outros lugares ou mesmo na entrada deste parque. 
------------------------
De acordo com secretaria, fauna silvestre local pode ser prejudicada

A Prefeitura de São José dos Campos colocou placas de sinalização alertando as pessoas que não é permitido circular com animais domésticos no interior do Parque da Cidade "Roberto Burle Marx", localizado na avenida Olivo Gomes, 100, em Santana, região norte do município.

De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente, os alertas são necessários

21 de janeiro de 2016

Em circos onde não há animais selvagens também há maus tratos

Maior cilada quando a legislação libera animais domésticos e domesticados para participar de números circenses. Pô, maus-tratos acontecem com todos os bichos..... "serumano" não libera nenhum não, né mesmo?
----------------------
Uma associação espanhola denunciou agressões a cães num circo em Espanha.
O facto de um circo não ter animais selvagens não é garantia de que não existem maus tratos, lembra a Asociación Animalista Libera.

No seu Facebook, a organização espanhola divulgou um vídeo que denuncia a violência exercida sobre um grupo de cães durante o treino. No vídeo, onde aparece também uma avestruz, os treinadores batem repetidamente nos animais para que estes cumpram as suas ordens. Em Portugal, os circos estão proibidos por lei de incluir nos seus espetáculos de animais de certo porte ou considerados perigosos, como macacos, elefantes, leões, tigres ou hipopótamos, mas a lei nada diz sobre o uso de cães.



26 de outubro de 2015

Projeto de lei quer emplacar e sacrificar cães e gatos em São Miguel dos Campos - AL

Galera, p´ra mim, só o fato de apresentar um projeto desta natureza já é um acinte.... o que dizer de ser aprovado!!!!!!! ou até mesmo discutido..... eu, hein!!!!! e saber que estes caras são pagos pela população..... 
----------------------------------
Decisão é questionada por grupos de proteção aos animais que defendem castramento e uso de microchips.

Um projeto de lei de autoria do Executivo vem trazendo dor de cabeça aos vereadores da cidade de São Miguel dos Campos, distante 63 quilômetros de Maceió. O PL prevê o emplacamento de animais domésticos e o sacrifício de animais de rua. A ideia é reduzir a

23 de setembro de 2015

Homem depreda residências e mata animais em Érico Cardoso - BA

Agora vejam vocês o que dá autoridade policial não dar bola para o que um camarada anda fazendo. Quando matar um, aí vai ser tarde.....
---------------------------------
Um homem invadiu três casas, depredou os imóveis e matou os animais domésticos na última sexta-feira (18), no município de Érico Cardoso, sudoeste baiano.

De acordo com informações do site Brumado Notícias, o suspeito ainda não identificado matou um filhote de cavalo a pauladas, enquanto que em outra propriedade matou duas vacas e um bezerro do mesmo jeito.

Em um ataque anterior o suspeito teria incendiado e destruído um carro. Em outro atentado, mesas, cadeiras, telhas e a porta da sede de uma fazenda foram destruídos pelo homem. Relatos de populares indicam que os ataques estão se repetindo há cerca de um ano, mas a delegada titular de Paramirim, Maria Helena Tenório Teixeira, que também responde pela cidade, não teria dado atenção ao caso.

20 de agosto de 2015

Lins: mulher é autuada em R$ 21 mil por maus-tratos a animais - SP

Queria mesmo saber se a mulher vai pagar e para onde vai o dinheiro ... nunca falam sobre isto.....
--------------------------
Uma mulher foi autuada por maus-tratos em animais domésticos na tarde desta terça-feira (18), em uma residência localizada no bairro Junqueira, em Lins (102 quilômetros de Bauru).

Por meio de denúncia, Policiais Militares (PM) estiveram no local e confirmaram que seis cães sem raça definida e um gato estavam magros e em um quintal sujo.

A ocorrência foi apresentada na Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Lins, onde foi elaborado boletim de ocorrência (BO) por maus-tratos a animais domésticos. Sem ter para onde ser encaminhados, os animais continuarão na casa da autora, mas serão observados por voluntários da Ong Refúgio Pet.

A Polícia Ambiental aplicou auto de infração de R$ 21 mil à autuada, que foi liberada e responderá processo criminal em liberdade.

FONTE: jcnet

5 de agosto de 2015

A atual e triste situação dos cães na Grécia

A crise financeira da Grécia mostrou a qualidade de pessoas que lá existem.... Deus que me perdoe, mas, será que descartaram, também,  as crianças e os velhos da família?
Fonte: Daily Mail
Colaboração: Helô Arruda 
---------------------------------------------

Fotografias de partir o coração mostram as vítimas inocentes da crise da dívida da Grécia. Milhares de cães em todo o país financeiramente abalado foram deixados amarrados a postes ou despejados em lixeiras por seus proprietários duramente atingidos pelo desastre que está derrubando a nação.

Mas um escritor australiano espera mudar os terríveis destinos que ameaçam esses animais

1 de setembro de 2014

Centro de Prevenção e Recuperação de Animais será inaugurado em Blumenau

Gente, que maravilha!!!! com certeza tem uma ONG ou protetor nesta autoria....
Parabéns!!!!!

video
Jornal do Almoço - Rede Globo - 30/08/14