Mostrando postagens com marcador Região Serrana. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Região Serrana. Mostrar todas as postagens

11/01/2017

Macaco é capturado na Região Serrana do Rio, após ferir quatro pessoas

Pois é, falta outros dois.... Deveriam usar este para atrair os outros porque eles vão continuar em perigo de levar um tiro.
------------------------
O Instituto Estadual do Ambiente (Inea) capturou, na manhã deste domingo, o macaco da espécie Bugio que atacou moradores de Cordeiro, na região serrana do Rio. De acordo com as autoridades, o animal foi autor de ataques a quatro pessoas nas últimas semanas. Na ocasião, duas crianças tiveram partes das mãos e da cabeça feridas. O resgate do primata foi promovido por biólogos, veterinários,

07/11/2016

Autoridades e ONGs pedem responsabilidade na adoção de animais



Que coisa mais triste..... A intenção da pessoa, as vezes, é ajudar os animais. Gostei muito das palavras da Rosana Portugal da Coordenação de Bem-estar animal lá de Petrópolis. Foto tirada da matéria.
---------------------

14/01/2015

Quatro anos após tragédia na Região Serrana do Rio, família reencontra cão de estimação

Como é bom rever pessoas tão queridas..... Carla Sassi e o Leo Sandré, a quem estou devendo uma postagem sobre uma soltura de animais que realizou aqui no Rio em Búzios. Acontece que perdi seu material quando meu PC queimou e logo em seguida fiquei doente..... Vou tentar reaver para publicar.... Podem conhecer mais estas figurinhas maravilhosas lendo estas postagens:

Mas, vejam abaixo que matéria espetacular com estes dois queridos....
-------------------------------------------


Domingo Espetacular - Rede Record - 11/01/14 
Graças ao amor e dedicação da veterinária Carla, durante um dos momentos mais dolorosos da história do País, as enchentes que mataram mais de 900 pessoas na Região Serrana do Rio, em 2011, muitos animais conseguiram se salvar. Mas, a cadela Bolinha, em especial, teve sua história de vida transformada após a tragédia. Quatro anos depois, os antigos donos se emocionam ao reencontrar a vira-lata.

04/01/2013

Animais buscam refugio durante enchente em Caxias - RJ

Nossa leitora Tania nos enviou a foto publicada no site do O Globo ontem, perguntando: Será que foram resgatados?  Que dó, meu Jesus amado!!!! Tenho visto pequenas citações na imprensa do tipo que as pessoas saíram de casa e "tiveram" que largar seus animais por causa da enchurrada...

Bem, se tiver algum protetor de Caxias ou de qualquer área que esteja sofrendo com estas chuvas, nos avisem para detonarmos a campanha de ajuda.... Não tenho como atuar em campo porque sabem da minha saúde, mas, posso, por aqui, colaborar com quem estiver lá....

03/01/2013 | FELIPE DANA/AP
Vejam a matéria publicada agora pelo RJTV - 1ª edição.Mostra animais abandonados... estou sem condições de editar para pegar só os trechos... Se alguém se animar a fazer,  manda p´ra gente? Fico pensando se a SEPDA não podia mandar alguém para ajudar, né? A SUIPA, não duvido nada, daqui a pouco está indo dar  aquela força.....
Moradores de Xerém tentam recomeçar a vida após o temporal desta quinta (3)
 

07/04/2012

Chuvas na Região Serrana do Rio levam ao desespero protetores de Teresópolis e Friburgo

Não sei se sabem, mas, esta noite caiu uma chuvarada na Região Serrana do RJ. Em Teresópolis já morreram 5 e, p´ra variar, os animais estão por conta de Bebete que está recebendo ligações para socorrer os bichos.

Falei cedinho com ela e fui informada que os cães que estão no galpão, estão a salvo. Mas, quando ela chegou lá, os que ficam nos gaiolões da entrada, estavam cobertos de lama. Foram limpos, mas, a coisa está trágica mesmo.

Os animais do sítio dela estão todos enlameados, mas, estão bem, também. Ainda não consegui falar com o pessoal de Friburgo, onde choveu muito também. Estou tentando...

Bem, se alguém quiser entrar em contato com a Bebete
O tel. da Bebete é (21) 8790-7772.
A conta da Ong, é a seguinte:
Grupo Estimação
Banco Iatú - agência 6103 - C/C 19918-5
CNPJ 08996430/0001-17

Uma das centenas de matérias do noticiário de hoje:
Sobe para cinco o número de mortos pelas fortes chuvas na na cidade de Teresópolis-Rio
.

30/03/2012

Temos que ajudar o documentário "O Abrigo", feito nas chuvas de 2011, a ir para circuito de cinema.

.
Gente, estou em falta com um bocado de gente, mas, é que não dá tempo mesmo. Uma destas pessoas queridas é a Bebete, da ONG Estimação, que foi uma guerreira no resgate daqueles animais vítimas da maior tragédia natural acontecida no Brasil, em janeiro de 2011. Todos lembram que as Cidades Serranas do Estado do Rio de Janeiro foram atingidas por uma forte chuva que fez "derreter" montanhas de terra soterrando milhares de vidas humanas e animais. Bebete atuou na cidade de Teresópolis com o maior resgate de animais feito no nosso país, até então. Foram milhares de animais!!!

Acompanhamos a tragédia em nosso blog que você pode conferir usando o google personalizado que temos na coluna da direita. Agora, uma cineasta, apaixonada por animais, sensibilizada com todo trabalho feito na ocasião pela Bebete e voluntários, acabou fazendo um documentário (que foi até premiado) cujo trailer podem ver abaixo. O nome é: "O ABRIGO".


Bem, estamos todos doidos para ver o filme, mas, parece que tem umas exigências que não sei explicar direito. Daí a Bebete me mandou este pedido:

"Queridos,
Eu vou precisar da ajuda de vcs para mobilizarmos o maior número de pessoas para que O Abrigo seja exibido num festival que acontecerá aqui no Rio, o Green Nation Fest. Só assim conseguiremos uma exibição em um cinema grande!!! O filme está pronto e essa é a hora. Esse festival terá uma mostra de filmes que terá curadoria da organização. Peço a vcs que escrevam na página contato do festival, pedindo para exibirem o documentário "O Abrigo" da diretora Flávia Trindade no evento. Eles não abrem espaço para seleção de filmes, mas exibirão alguns de temática ambiental. Isso precisa correr sem muito alarde, mas é muito importante que o maior número de pessoas se manifestem pedindo a inclusão do filme!!! O link para a página de contato do festival é:
Gente, vamos torcer e votar.. quanto mais pessoas maior a chance de uma grande estréia aqui no RIO!
Beijo grande"

___________________

Bebete também mandou um vídeo chamado "À Espera de um Amigo" - um olhar sobre o abandono animal" feito por Daniel Ferro cujos "modelos" foram cães que esperam adoção no galpão que ainda os abriga em Teresópolis. Vejam que lindo:


_____________
A autora do documentário mandou um e-mail de agradecimento, repassado pela nossa Bebete. Imagina, nós é que agradecemos o belíssimo trabalho realizado por ela que trará conscientização para muita gente. Leiam:

"Em 30 de março de 2012 19:18, Flavia Trindade escreveu:
Bebete,
Acabei de receber o link pro blog o grito do bicho e essa pessoa publicou um pedido de ajuda pro filme, eu estou imensamente emocionada...muito feliz ....por favor agradeça por mim. Eu espero que isso ajude os nosso amores quadrúpedes e afins....
Muitas lagrimas agora
Beijos
Flavia"
________
NOTA:
Galera amiga, vamos ajudar com nossa pequenina participação? não leva mais que um minutinho. Se quiser uma sugestão de texto para colocar no espaço da mensagem, aí vai:
Gostaríamos muito que o documentário "O Abrigo" fosse exibido durante o Green Nation Fest. É uma temática bastante atual considerando que a sociedade humana desperta para o bom trato e respeito pela vida animal.
__________

Bem, o tel. da Bebete é (21) 8790-7772 e a conta da Ong, é a seguinte:
Grupo Estimação
Banco Itaú - agência 6103 - C/C 19918-5
CNPJ 08996430/0001-17
.

09/01/2012

ÁGUAS DO TERROR - ALGUMA ONG DE MG OU DO NORTE FLUMINENSE?



PROTETORES DAS CIDADES ATINGIDAS PELAS CHUVAS EM
MINAS GERAIS OU DO NORTE E REGIÃO SERRANA DO RJ ESTÃO PRECISANDO DE NOSSA AJUDA?


DIZ AÍ, GENTE!!!!

ÁGUAS DO TERROR - REGIÃO SERRANA - TERESÓPOLIS

Olhem uma foto da tragédia de um ano atrás que, se não parar de chover, vai se repetir este ano....
Gente, vamos ajudar a Bebete da ONG Estimação que socorreu os animais da tragédia serrana do RJ. Ela precisa doar urgente 60 cães que estão há um ano em gaiolas. Ontem ela trouxe 5 deles para a campanha de adoção do Jardim de Alah. Só conseguiu adoção para um. Por favor, galera, entrem em contato com a Bebete, pois, ela está super nervosa com as chuvas que continuam caindo e com os novos casos que já estão surgindo por conta.


Vejam a matéria que foi feita sobre a campanha. Clique no link:
- Animais são oferecidos para doação no Jardim de Alah

Bem, o tel. da Bebete é (21) 8790-7772.
Eu pedi a conta da Ong, que é a seguinte:
Grupo Estimação
Banco Iatú - agência 6103 - C/C 19918-5
CNPJ 08996430/0001-17

SAIBA MAIS
.

07/01/2012

NOTÍCIAS SOBRE AS ÁGUAS DO TERROR QUE CAEM NA REGIÃO SERRANA DO RJ, NOVAMENTE

Nossa querida Bebete, da ONG Estimação lá de Teresópolis, nos ligou ontem a noite. A chuva começa a castigar aquela área novamente.

O diferencial de áreas montanhosas é que o volume dágua transforma tudo numa corredeira de lama e pedras. Os animais morrem arrastados ou soterrados. Nas regiões de enchentes, a água sobe e desce, ou seja, a ajuda aos animais é mais fácil de ser feita.

Como o país inteiro acompanha, os prefeitos daquelas áreas serranas do RJ atingidas por fortes chuvas em 12 de janeiro de 2011, agiram como canalhas. Pegaram o dinheiro para si e não fizeram nada por suas cidades que viveram a maior tragédia climática de todos os tempos, aqui no Brasil. Até hoje, estima-se mais de 4000 pessoas soterradas.... Os animais? impossível de calcular... muitos haras até hoje estão soterrados....

Bebete começa a receber pedidos de socorro e já está vivendo o início do caos. Mas, o que ela me pediu foi ajuda para doar os últimos 60 cães vítimas da tragédia de um ano atrás. Estes cães, depois de perderem seus donos e suas casas, já passaram por mudanças de 4 galpões e idas e vindas para o RJ para serem adotados.

E, a única coisa que ela quer é arranjar donos para estes cães rejeitados por serem de porte médio e serem pretinhos e amarelos... aqueles que só nós mesmos amamos porque sabemos de suas essências...

Estes 60 animais estão há um ano em gaiolas esperando por um dono porque não há um espaço físico para acomodá-los. Eles saem somente enquanto elas estão sendo limpas. Não há condição nem de voluntários passearem com eles porque o atual galpão que os abriga, fica bem mais distante e na beira de uma estrada movimentada.

Bebete implorou ajuda para adoção destes cães (todos castrados) porque não terá espaço para atender os casos que já estão aparecendo.... Gente, há mais de uma semana que chove naquela área. Ela disse que sofre demais ao ver os animais traumatizados e em pânico por conta do barulho da chuva e trovoadas ... A noite eles ficam sozinhos e acabam brigando entre sí. Pela manhã, quando os voluntários e empregados chegam ao galpão, tem sempre um animal machucado. Daí, vai p´ro veterinário e é mais um sofrimento para o pobrezinho. Anteontem, um mordeu o focinho do outro pela grade e o nariz do agredido teve que ser todo reconstituído.

Enfim, galera, uma voluntária vai esta semana filmar estes pobres rejeitados pela sorte dentro de suas gaiolas para ver se alguém se apieda e adote, ao menos, um destes cães que a vida tem castigado tanto... Bebete e os voluntários se viram nos trinta para dar um pouco de atenção a cada um, mas, é humanamente impossível....

Quem puder ajudar adotando um deles, a Bebete (e eu também) beija os pés porque os animais estão sofrendo muito por serem obrigados a ficar presos há um ano em gaiolas...... são refugo das campanhas de adoção. Na última delas, ela trouxe para o Rio 5 cães. Voltaram os 5. Isto custa sofrimento imenso deles e dinheiro, pois, há o transporte e tudo mais.

Bem, o tel. da Bebete é (21) 8790-7772.
Eu pedi a conta da Ong, que é a seguinte:
Grupo Estimação
Banco Iatú - agência 6103 - C/C 19918-5
CNPJ 08996430/0001-17

VAMOS AJUDAR, GALERA!!!!! se alguém conseguir adoção para um cão, ajudamos a ter espaço para recolher outros.... vamos nos esforçar, gente amiga!!!!! quem sabe um parente seu se interessa.... olha, tem muitos animais que foram para outros estados.... vamos lá, gente!!! eu tenho fé que conseguiremos acomodar todos estes animais sofridos.....
.

07/02/2011

ESCOTEIROS SÃO RECONHECIDOS EM MATÉRIA DO JORNAL O GLOBO

Por falar em Friburgo, ontem, o Jornal O Globo fez esta matéria com a galera incrível que estava compondo a "Equipe SalvaBicho" que carinhosamente assim batizei.

Confiram nas postagens (entre outras):

http://ogritodobicho.blogspot.com/2011/01/enchente-na-serra-do-rj-escoteiros_24.html

http://ogritodobicho.blogspot.com/2011/01/batizado-da-equipe-salvabicho-resgate.html

http://ogritodobicho.blogspot.com/2011/01/enchente-na-serra-do-rj-equipe_28.html

Para ler a matéria ao lado, é só clicar na imagem

Agora, leitores queridos, tenham o prazer de ler uma notícia que já tínhamos aqui reconhecido faz tempo!!!! kakakakaka... ou seja, meus leitores já sabem das coisas na frente do poderoso jornal O Globo!!!!! Te mete, vai!!!!!! tô besta demais da conta!!!!!

31/01/2011

DOMINGO ESPETACULAR DOCUMENTA RESGATE DE ANIMAIS NA SERRA DO RJ


Domingo Espetacular - Rede Record - 30/01/11

NOTA IMPORTANTE - A voluntária estudante de veterinária que aparece com a camiseta da WSPA, chegou a Friburgo através da "Veterinários da Estrada" e naquele momento pediu para acompanhar a Dra. Carla durante aquela saída para resgate de animais. NÃO TEM NADA A VER COM A WSPA, QUE SEGUNDO SEU SITE AINDA VÃO "ACONTECER" PELA ÁREA DEPOIS DE 20 DIAS....
Ah, outra coisa: a Dra. Carla Sassi está voltando para Friburgo na próxima quarta-feira
.

21/01/2011

ENCHENTE DA SERRA DO RJ - WSPA VENDE A IMAGEM QUE ESTÁ COM O PÉ NA LAMA SOCORRENDO ANIMAIS NA REGIÃO SERRANA DO RJ

Depois que vi esta matéria veiculada no Programa Hoje em Dia, da Rede Record, não deu para ficar calada. O título da matéria é:
“Animais vítimas da tragédia na região serrana do Rio ganham ajuda importante”
(ajuda importante? fala sério!!!!)
Hoje em Dia - Rede Record - 20/01/11

É muita cara de pau! grrrrr
Gente, vou começar a chamar atenção para algumas coisas.

FATOS INDISCUTÍVEIS: A WSPA distribuiu um boletim ontem, que me fez dar gargalhadas, pela pretensão de dizer que, em um único dia, conseguiu fazer levantamento da área, visitar as localidades mais afetadas, prestar os primeiros socorros aos animais abandonados na rua, orientar a comunidade com os cães que estavam em novos domicílios. Além de, recolher animais e encaminhá-los para a tal coordenação que possuem na cidade de Friburgo e distribuir ração. É muita firula para o meu gosto. Confirmem aí a "atuação"... é só clicar para ampliar:

POIS BEM, VOU AFIRMAR QUE, SEGUNDO FONTES LOCAIS, É CASCATA!!! O Grupo com que ela chegou a Friburgo era composto de uma única veterinária e alguns estagiários. O "gringo especialista" em resgate foi lá para passear, pois, não resgatou nenhum animal. A logística que eles levaram era zero, sequer um único cambão. Até as fotos foram tiradas em caminhão dos outros. Enfim, é tanta "cascata" e oportunismo que não vão me fazer calar. As testemunhas são inúmeras comprovando que tudo que estão escrevendo em sites e divulgando pela internet e na imprensa são informações inverídicas. Aliás, seria bom a direção da WSPA na Inglaterra vir aqui auditar o trabalho que dizem estar fazendo.

Como eles "conseguiram" fazer isso tudo em um dia eu não sei, já que está difícil chegar a um único destes locais citados em seu boletim. Agora, com certeza, tiraram muitas fotos! É um deboche contra tanta gente boa que está ralando há mais de uma semana. A necessidade de fazer factóides para conseguirem visibilidade e grana me impressiona e eu fico indignada por usarem pessoas ingênuas, que se iludem como se fosse "alguma coisa" ser afiliada desta WSPA.

Sabe como eu interpreto a presença da WSPA no Brasil e suas afiliadas? Como uma colônia: oferece um mínimo aqui no Brasil e ganha os tubos lá fora.

Olha gente, meu maior desejo é conversar com o pessoal da WSPA da Inglaterra. Eu conheci esta "ONG" (não sei como chamá-la) quando foi trazida para o Brasil pela Claudie Dunin. Só mesmo os mais antigos da militância vão lembrar o quanto Claudie contribuiu para a proteção animal, trazendo a discussão sobre experimentação animal, pistola pneumática, eutanásia com anestesia e outras coisas como a fundação da SOZED. Sei que muitos vão torcer o nariz, mas, naquela época sonhávamos em ao menos diminuir o sofrimento do animal. Era o que se tinha na ocasião. A internet não passava nem em nossa imaginação.

A direção da WSPA ficou a cargo de um sul-americano passando a partir de 1993 para Marco Ciampi, devido ao Projeto Flipper. Durante os seus três anos de gestão, as coisas funcionaram de forma diferente. Congressos abertos, informações democratizadas e ajuda às ONGs e movimentos brasileiros, porque sabiam que estavam aqui para isto.

Atualmente, a WSPA funciona como um elemento colonizador da proteção animal no Brasil. Dita decisões, intervém nas nossas expectativas, princípios e objetivos, e vende a imagem de que são os únicos com expoente para resolver as situações. Aliás, este comportamento acontece por pura incompetência nossa e deles.... e já não é de hoje. Mas, vou sugerir um texto para WSPA colocar no seu site e distribuir para imprensa, suas afiliadas e seu escritório central. Daí vai limpar um pouco sua imagem oportunista por aqui. Leiam só:

“A WSPA esteve presente aos locais sete dias após a tragédia ocorrida na Região Serrana do RJ e reconhece a organização e capacidade de improvisação das ONGs locais bem como a mobilização de protetores e veterinários voluntários no aporte de toda situação. Não conseguimos chegar aos locais informados como os mais atingidos por estar sendo impossível acessá-los. Não precisamos levar um cambão sequer porque lá encontramos grupos diversos bem estruturados e que, por não se interessarem por visibilidade, faziam um trabalho hercúleo. Imagina, tinham caminhões, veículos e até helicópteros das forças militares colaborando com todos eles! Chegamos a usar caminhões e materiais deles para fazer nossas fotos. Concluímos em nosso relatório final, então, que não teremos como usar na desgraça da Região Serrana do RJ, o nosso costumeiro oportunismo e nossa incompetência aqui no Brasil que objetiva apenas apresentar “nossos serviços” ao escritório da Inglaterra. Se bem que, somos pagos para isto. Encerramos dizendo que nossa tentativa de colonizar os tupiniquins está correndo sério risco. Nossos ditames não estão mais enganando os protetores locais que achavam uma glória figurar como “afiliados da WSPA” e até achamos que, por mantê-los em cabresto nem percebemos que as ONGs brasileiras merecem uma nova ótica de apreciação. Eles estão ficando bons!!!! Enfim, vamos ter que rebolar quando nossos superiores vierem ao Brasil e descobrirem que não fizemos o dever de casa certinho, mesmo que as “afiliadas” deponham a nosso favor. Achamos que vai ficar difícil se nossos patrões conversarem com o pessoal que não conseguimos enganar.”

MATÉRIAS DE JORNAIS COMPROVANDO QUE ESTÁ SENDO IMPOSSIVEL TRANSITAR NAQUELA REGIÃO SERRANA DO RJ COM A FACILIDADE COM QUE A WSPA DESCREVE EM SEU BOLETIM. É só clicar para ler:



- agradeço a Andrea Sicheron e uma jornalista (não autorizou citar seu nome), na correção do texto.
.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪