Mostrando postagens com marcador DNA. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador DNA. Mostrar todas as postagens

15/01/2014

Naturalista ficou perturbado ao ver chimpanzés dilacerarem macacos

Pois é....eu fiquei impressionada quando li isto, imagina ele que viu e filmou? Como nosso DNA foi feito usando a maior parte destes animais, fica explicado nossa capacidade de matar e trucidar outros seres.... é, galera....a etapa desta verdade deveria estar na aceitação.... não tem jeito...
__________________

Foto Ilustrativa - Google
O naturalista inglês Sir David Attenborough participou de um AMA (ask me anything, ou "pergunte-me qualquer coisa") no site Reddit na quarta-feira, durante o qual respondeu perguntas dos usuários da comunidade. Em uma das questões, o apresentador da BBC - que durante cinco décadas realizou documentários da vida selvagem - disse qual é coisa mais perturbadora que já viu.

"Ver chimpanzés matar macacos. Eles fazem isso para comê-los. Eles os perseguem, armam uma cilada, o capturam e então o dilaceram", diz em curta resposta. Um documentário da BBC, narrado pelo próprio naturalista, mostra o comportamento (em inglês). 

Quando questionado qual é a coisa mais humana que já viu na natureza, o naturalista também citou o animal mais próximo do homem - "um chimpanzé sabe contar mentiras". Ele citou também o macaco Colobus, que alerta para a presença de predadores para que outros macacos fujam e ele tenha a comida somente para ele.

Outro usuário perguntou se Attenborough acredita que é correto manter animais em cativeiro. O britânico disse que alguns pequenos animais são felizes nessa condição. "Grandes animais, infelizmente, não podem ser mantidos em cativeiro satisfatoriamente."

Attenborough contou ainda que sentiu muito medo ao ser perseguido por um cassowary (uma grande ave australiana que tem um longa garra nas patas), que quem quer proteger a vida selvagem deve conhecer a organização WWF e que seu biscoito favorito é de chocolate

FONTE: Portal Terra

10/01/2014

Porco verde que brilha no escuro ajuda a criar remédios mais baratos

Daqui a pouco vem os "cientistas" dizer que isto não adianta nada..... O tempo que eles perdem pesquisando as coisas em ratos, fazendo mutações genéticas em animais e outras baboseiras mais, deveriam ir no cerne da questão e criar linhas de pesquisa com modelos certos e com base na doença humana genuína. Que nojo destas papagaiadas!!!!
_______________________

Foto Ilustrativa - Google
Cientistas chineses injetaram DNA de águas-vivas em embriões de porcos e provaram que é possível produzir medicamentos com enzimas em animais 

SÃO PAULO - Cientistas conseguiram desenvolver porcos verdes luminosos ao introduzir no organismo dos animais o DNA de águas-vivas com características fluorescentes.

A técnica pode ajudar a desenvolver a produção de drogas mais baratas e eficazes para tratamentos em humanos.

O DNA de animais de espécies diferentes fica incorporado ao receptor, fortalecendo-o ou tornando-o

11/12/2010

EXPERIMENTAÇÃO ANIMAL: ENGENHARIA GENÉTICA E A ORIGEM HUMANA

Algumas pessoas mais chegadas sabem há quanto tempo uso a lógica para entender a existência humana neste planeta. Já tive medo de falar, mas, hoje em dia, todos estão tendo acesso às informações que só era possível àqueles que se decidiam por estudar determinado tema. O raio da internet acelerou o mundo em centenas de rotações por minuto e hoje, posso, tranquilamente falar a respeito já que o inconsciente coletivo aflora por conta deste fenômeno de comunicação e tecnologia.

Eu não discuto, mas, tenho a certeza de que somos seres implantados no planeta por alguma civilização que está fora de nossa compreensão (ainda). Funcionamos como destruidores (matando todas as formas de vida), exploramos como conquistadores (os meios justificam os fins) e falamos como donos de um planeta (matando este e explorando outros) que, com certeza, não nos pertence já que não estamos envolvidos com nenhum ecossistema. Somos um ET, incontestavelmente, neste mundo.

Temos tanta certeza que não somos daqui que até admitimos a existência de Deus. Para que temos Deus? não vivemos num paraíso lindo e cruel ao nosso entendimento? Para os animais a única lei que existe é da sobrevivência e eles não precisam de Deus, já que estão nos seus lugares. Mas, nós, fora do contexto criamos outra esfera de vida além da morte já que a Terra e seus habitantes naturais são muito sem graça.... Nascer, crescer, sobreviver e morrer? trocinho sem graça mesmo!!!!! Bem, já que eles para sobreviverem tem que caçar, lutar pelo território, brigar pela liderança, fazer sexo, cortejar seu parceiro, voar em bandos, vamos nós aproveitar tais "divertimentos"...

Então Deus existe para ser: a força superior que nos governa... (governa?); a força que nos castiga se pecarmos... (pecarmos?); a força superior que nos faz ser bons e maus... (maus?); aliás, a força superior... (superior?) que delimitou nossa existência desde que nossos primeiros exemplares foram geneticamente trabalhados e adaptados às condições naturais da nossa Terra? Caramba, ato falho, "nossa Terra"...(nossa, mas, não conseguimos nem controlar uma chuvinha ou um furação?)...

Nossos modelos humanos antepassados, só foram considerados como experimentação bem sucedida por volta de 10 mil anos, apenas. Isto foi ontem... Ontem nasceu o ser humano que foi considerado como diferente das espécies animais, minerais e vegetais. Por que, embora tenha sido tentado, ao nos considerarmos animais racionais, não conseguimos manter uma identidade com o planeta? é óbvio!!!! Se fossemos deste planeta íamos precisar disto? kakakakaka... Gente, eu só penso... o que é uma droga!!!!!

A existência de "Deus" dentro de nós (leia-se força superior) nada mais é do que nossa origem. Origem que precisamos sempre cobrar uns dos outros, apenas, para garantir nossa identidade. Vá se pronunciar um ateu? no passado, em determinadas civilizações, morria torturado para entender o que era Deus. Aliás, voltando aos trabalhos, eu vim somente provar aos nossos leitores que podemos raciocinar em cima do que este "ser humano" procura encontrar na vida e que, na maioria das vezes, é inconsciente. Nada mais é do que forma de sobreviver em outro planeta. Já publiquei matéria recente sobre isto. LEIA AQUI.

Como todo escritor de ficção, viajo legal na maionese, mas, lembro que todos os ficcionistas visualizaram em suas mentes coisas que hoje, para nós, é banalidade (um aparelho de TV), concordam? Então, leiam a matéria de jornal que está bem debaixo dos nossos olhos e digam a finalidade deste experimento genético, ok?

Jornal O Globo - 10-12-10
.

RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪