Mostrando postagens com marcador Curitiba. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Curitiba. Mostrar todas as postagens

20/07/2017

Conheça o Centro de Referência para Animais em Risco em Curitiba - PR


O trabalho parece ser muito legal e a reportagem está muito boa.
------------
O CRAR (Centro de Referência para Animais em Risco) recolhe e cuida de animais que vivem nas ruas! Você já pensou que lá pode estar morando seu amiguinho de vida? Faça uma visita e #AdoteUmBichinho!

19/07/2017

Projeto propõe condecoração para animais em Curitiba

Embora algumas pessoas considerem o uso de cães em atividades e necessidades humanas como exploração, penso que reconhecer seus valores não seja incoerente....  Só quero saber se o PL passar quem vai se responsabilizar pela tal homenagem: o legislativo ou executivo? quem vai gastar a grana? aí é que está o problema....
-----------
Além das já tradicionais homenagens para pessoas que se destacam em suas atividades, como os títulos de cidadão honorário e vulto emérito, a Câmara de Vereadores de Curitiba pode criar uma homenagem para animais que tenham prestado serviços relevantes à comunidade. A “distinção honorífica” seria entregue aos bichos que realizarem “atos civis de bravura”, se destacarem pela “devoção ao serviço”, ou que tenham participado de maneira “altamente devota para com seus donos ou para com a sociedade”. A iniciativa (005.00266.2017) é da vereadora Katia Dittrich (SD), que se identifica como “ativista da causa animal”.

Segundo a parlamentar, a prática de condecorar animais é bastante comum em outros países, como França e Escócia. “Assim como os seres humanos, os animais também fazem jus a honrarias. Eles integram as corporações policiais e, além de agregar muito no quesito funcional, são absolutamente amados e respeitados como se seres humanos fossem. A polícia, por exemplo, trabalha com cães farejadores, que muitas vezes auxiliam na solução de casos de grande repercussão”, exemplifica Katia Dittrich.

Conforme a proposta, a indicação para a homenagem poderia partir de órgãos policiais, do Corpo de Bombeiros, ou cidadãos que tenham sido beneficiados de alguma forma pela ação de animais. A entrega da condecoração seria feita na segunda semana do mês de dezembro e caberia à Escola do Legislativo da Câmara Municipal tomar as medidas necessárias para a “certificação” da distinção honorífica, assim como a guarda de documentos que comprovem as ações que motivaram a premiação.

Tramitação
A proposta foi lida em plenário no dia 19 de junho e já recebeu instrução da Procuradoria Jurídica. Ela está agora sob análise da Comissão de Legislação, Justiça e Redação. Caso seja aprovada por este colegiado, a matéria ainda passará pelo crivo da Comissão de Educação, Cultura e Turismo, antes de ser debatida e votada em plenário. Durante a análise dos colegiados, podem ser solicitados estudos adicionais, juntada de documentos faltantes, revisões no texto ou o posicionamento de outros órgãos públicos afetados pelo teor do projeto.

FONTE: bemparana

29/04/2017

Animais apreendidos pela Polícia Ambiental ganham casa nova em Curitiba


O que fico só pensando é naqueles que não tem a sorte de serem resgatados, tratados e com a probabilidade de uma vida digna. Estes aí estavam com traficantes em Londrina.
----------------


09/04/2017

Estudo inédito mapeia casos de acumulação compulsiva em Curitiba - PR

Ainda bem que a coisa está se profissionalizando. Isto é caso de tratamento e não de polícia como é defendido por um certo inspetor da policia civil aqui do Rio.
-----------------------
A maior parte das pessoas classificadas como acumuladoras de animais e/ou objetos em Curitiba é formada por mulheres, idosas, com baixa renda e pouca escolaridade e que vivem sozinhas. Os dados fazem parte de um estudo epidemiológico inédito, realizado pela doutoranda Graziela Ribeiro da Cunha, do Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias da UFPR, em parceria com as secretarias municipais da Saúde, Meio Ambiente e Assistência Social. O trabalho serve de base para a elaboração de um guia destinado a capacitar profissionais do serviço público para o atendimento de acumuladores.

O acúmulo compulsivo é uma dificuldade persistente de se desfazer de objetos ou animais, independente de seu valor real. Ele pode representar um grave problema de saúde pública, colocando em risco a saúde, a segurança e o bem-estar dos envolvidos e da comunidade em seu entorno.

“A acumulação compulsiva é movida por uma necessidade de salvar os animais ou objetos e angústia em separar-se deles”, explica Graziela. “O acúmulo congestiona e obstrui áreas de convivência internas e externas, ameaçando toda a comunidade devido ao risco de desabamentos, incêndios e problemas de ordem sanitária. Os casos de acúmulo compulsivo que envolvem animais são também caracterizados pela incapacidade de fornecer os padrões mínimo de saneamento, espaço, alimentação e cuidados veterinários.”

O estudo compilou e analisou denúncias a respeito de acumuladores de animais e/ou objetos recebidas pelas secretarias de Meio Ambiente, Saúde e Assistência Social de Curitiba no período de setembro de 2013 a abril de 2015. Foram confirmados 113 casos, dos quais 69 foram completamente avaliados. Desses, 62,32% envolviam mulheres e 37,68%, homens. A idade dos acumuladores variou de 33 a 84 anos, mas a maior parte (57,97%) são idosos. Grande parte deles (76,81%) relatou problemas de saúde.

Outras características predominantes: 63,76% dos acumuladores estudaram até o ensino médio; 50,72% recebiam até um salário mínimo por mês e 39,13%disseram que viviam sozinhos.

O estudo também constatou que em 88,4% dos casos havia no ambiente risco de proliferação de vetores e em 65,21% havia odor desagradável no local. Risco de incêndio e desabamento foi relatado em 34,78% dos casos e de desabamento, em 13,04%.

Em relação à localização, o estudo revelou maior concentração de casos na região norte da cidade – mas, como é uma região mais urbanizada, existe a suspeita de que pode na verdade ter havido mais denúncias nessa região.

Protocolo
O levantamento de dados realizado para o estudo tem o objetivo de obter subsídios para o estabelecimento de um protocolo de atenção específico, multidisciplinar e intersetorial para a abordagem dos casos. “O mapeamento permitiu a identificação de áreas consideradas prioritárias para a aplicação das estratégias de intervenção pelo poder público, além da criação do grupo de trabalho que contribuiu na difusão do conhecimento sobre o tema”, comenta Graziela. Ela ressalta a importância da participação de profissionais médicos veterinários como parte desse grupo de trabalho.

O projeto resultou no desenvolvimento do “Guia de Orientação – Abordagem de indivíduos com comportamento de Acumulação de objetos e/ou animais”, material que está em fase final de elaboração e deverá ser lançado em breve. Trata-se de um guia realizado em parceria com a Prefeitura de Curitiba e que propõe as bases para a criação de uma Linha de Cuidado aos indivíduos que apresentam o comportamento de acumulação compulsiva. “A complexidade e gravidade dos casos exige a implementação de ações específicas e um plano de cuidado integral para a condução dos casos sob uma perspectiva de saúde única, ou seja, da saúde humana, animal e ambiental”, explica Graziela.

A problemática desse tipo de acumulação é multidisciplinar e envolve questões sociais, sanitárias e ambientais, causando impacto na saúde das pessoas direta e indiretamente envolvidas, dos animais e do meio ambiente. Nesse sentido, é importante e necessário o envolvimento de profissionais de várias áreas para que possa ser discutido e pensado em um encaminhamento correto para os casos.

A primeira parte do estudo, que contém a frequência e distribuição espacial dos casos, pode ser conferida neste link. A segunda parte, que contém o levantamento das principais características dos casos de acumulação, foi submetida à revista BMC Public Health e está em processo de avaliação editorial.

Fonte: Bem Paraná

25/01/2017

Curitiba começa a dimensionar a população de animais domésticos

Gente, quando vejo uma coisa maravilhosa desta fico feliz e triste ao mesmo tempo porque eu ia fazer isto aqui no Rio em 2001 para incrementar o Programa de Castração. É algo formidável!!!! Parabéns à galera veterinária que vai realizar o projeto. Aqui no Rio ia fazer com a Faculdade de Administração e Estatística do Estado. Vou acompanhar desejando todo sucesso do mundo!!!!
------------------------
Começa nesta sexta-feira (20) o primeiro Censo de Animais Domésticos de Curitiba, promovido por estudantes e professores do curso de Medicina Veterinária da Universidade Federal do Paraná (UFPR), com o apoio da Divisão de Monitoramento e Controle Animal, a Rede de Proteção Animal da Prefeitura de Curitiba.

O trabalho, nesta primeira etapa, será na

30/07/2016

Desabafo certeiro de uma protetora de animais de Curitiba - PR

Acho que não é só em Curitiba não.... A amiga do Circo das Pulgas foi muito precisa ao descrever a realidade dos fatos..... Ela só esqueceu daqueles que se mantêm e que têm que corrigir todos os achismos irresponsáveis deste oba oba.... Nestes quase 45 anos de militância já vi muita gente entrando e saindo da causa só prejudicando. Quem permanece são as mesmas jurássicas, como eu e outras poucas....
----------------

Enviada: Sábado, 23 de Julho de 2016 12:58
Assunto: Retorno / Alguém conhece protetor em Curitiba ?

A proteção animal de Curitiba está à beira da extinção.
As redes sociais serviram de uma ferramenta poderosa a alguns anos, porém também causou um estrelismo, dezenas de pseudo protetores surgiram aos montes, acumuladores se passando por

06/07/2016

Capivara é morta por flecha no Parque Náutico, em Curitiba

Meu Deus...... "a maldade desta gente é uma arte" como dizia Ataulfo Alves....ô nojo!!!!!!
------------------------
O caso aconteceu no fim de semana passado, mas só agora ganhou atenção nas redes sociais. Polícia investiga o caso.

Uma capivara foi morta por uma flecha no Parque Náutico, em Curitiba. O caso aconteceu no fim de semana passado (25 e 26 de junho), mas só agora ganhou atenção nas redes sociais. O protetor de animais Josué Gonçalves publicou em sua página do Facebook fotos do animal ainda com a flecha usada em competições.

“Não posso ficar calado como protetor (...) um

05/07/2016

Cão é resgatado depois de ser jogado do alto de ponte no Rebouças - PR

Espero que este covarde seja encontrado e que responda por seu crime.....
------------------------
Ciclista passou com o animal amarrado dentro de um saco de lona e atirou o cão dentro do rio

Um cão foi resgatado depois de ser jogado do alto de uma ponte na tarde de quinta-feira (30) no bairro Rebouças, em Curitiba. De acordo com informações da Sociedade Protetora dos Animais (SPAC), ontem, por volta das 17 horas, a entidade recebeu o pedido de ajuda para atender o caso, que aconteceu na Rua Conselheiro

24/06/2016

Espírito aventureiro de cadelinha ‘fura-catraca’ fala mais alto e ela procura novo lar

Nossa Leitora Fabiola nos mandou... Agora, cá p´ra nós, a menina podia colaborar, né mesmo? Leia nossa postagem anterior sobre ela: Cadelinha fura-catraca anda de ônibus de graça em Curitiba - PR
-----------------------
A vida de Menina, a cadelinha que morava no terminal de ônibus Capão da Imbuia e passeava por Curitiba de ônibus, deu uma guinada em uma semana. Adotada, a cadela está passando por um período de experiência em uma casa, mas seu ‘espírito aventureiro’ parece estar falando mais alto e é difícil segurá-la para dentro do portão.

A vira-latas foi retirada das ruas pelo designer gráfico Rodrigo Delgado,que a encontrou sendo maltratada por um carrinheiro. “Eu trouxe ela pra casa da praça Zacarias, onde ela estava amarrada

20/06/2016

Cadelinha fura-catraca anda de ônibus de graça em Curitiba - PR

Meus cumprimentos a esta protetora que teve uma atitude valiosa no caso.
------------------------
Protetora de animais passou por três terminais para resgatar a cadela, que morava no Terminal Capão da Imbuia e passeava nos ônibus da capital

Já pensou andar em um Interbairros II e ter como vizinho de banco um cachorro? Pois aconteceu em Curitiba: aparentemente, uma cadela estava furando catraca e andando de ônibus de graça na capital. A história era um pouco diferente e quem

03/06/2016

Mobilização tenta evitar o sacrifício de quase 200 animais em Curitiba - PR

Galera de Curitiba!!!!! quem puder ajudar, entra aí em contato!!!!!
---------------------
Protetores de animais estão se mobilizando nas redes sociais para tentar evitar o sacrifício de aproximadamente 200 animais, que foram apreendidos na manhã de terça-feira (31) durante uma fiscalização de equipes da Prefeitura de Curitiba a uma área de invasão na Reserva do Bugio, situada na Área de Proteção Ambiental

12/04/2016

Policial dá dois tiros e mata cadela durante abordagem em Curitiba - PR

ATUALIZAÇÃO  EM 13/04/16
Defensores dos animais fazem protesto por cachorra baleada por PM em Curitiba
------------------------
Gente, que ódio deste tipo de policial.... sem sentimento nenhum... quanto despreparo.... nojento mesmo!!!!! a pobrezinha não resistiu e estava cheia de filhotes..... Claro que os moradores de rua iam vender os filhotes..... tudo muito nojento mesmo.....
--------------------------
Um vídeo feito por câmeras de segurança e divulgado nas redes sociais choca quem o vê e até quem apenas fica sabendo dele. Nas imagens, feitas na madrugada de domingo (10), um policial aparece atirando em uma cadela que estava com oito filhotes em uma marquise da Avenida Sete de Setembro, no Batel, em Curitiba.



Segundo a descrição do vídeo, a confusão começou no momento em que policiais militares teriam ido abordar moradores de rua. Um dos policiais teria empurrado um dos moradores e a cadela, que

30/12/2015

Cachorro espancado recebe alta e espera novo lar - Curitiba - PR

Esta matéria é do dia 20, mas, estou publicando para divulgar a sua necessidade de adoção.... Ele merece, né mesmo? Entrem em contato no Facebook da Força Animal.
------------------------ 
Quem se emocionou com o pequeno Sebastião, cão que foi espancado, foi socorrido pelo Grupo Força Animal e virou celebridade em Curitiba, agora pode ter ele em casa. A notícia foi divulgada na manhã desta segunda-feira (21) pela presidente do grupo, Danielly Savi.

Depois de ser resgatado em junho, quando o Paraná Online noticiou em primeira mão, Sebastião passou quase seis meses internado e agora está disponível para adoção. O cachorro recebeu alta e agora os representantes do grupo aguardam os interessados para fazer uma

17/11/2015

Protetora de Curitiba se foi no dia 13 e hoje completam 17 anos que Lya Cavalcanti nos deixou

Mais uma protetora se foi nestes dias. Não a conhecia, mas, trabalhou por 30 anos pelos animais. Leitora Selma Castanheira nos contou que ela era uma gateira das melhores. Lamentamos profundamente. Veja o comunicado:

Hoje a proteção animal ficou mais triste. Perdemos uma grande amiga e protetora - Cris da Gatos Mil. Um exemplo para muitos que tiveram a alegria de conhecê-la, assim como nós, que fazíamos questão que ela ficasse ao nosso lado em nossos bingos mensais, demonstrando um pouco do seu trabalho, da sua alegria por cuidar e salvar a vida de tantos gatos carentes. Vá em paz querida amiga. Saiba que estamos tristes, mas sabemos que agora o céu de São Francisco terá um anjo para cuidar dos Mis e você será recebida com muita alegria por todos eles. Te amamos Cris!

Mas, não podia deixar de passar  em branco. Hoje completa 17 anos que Lya Cavalcanti se foi. Se quiser conhecer um pouco sobre ela veja nossa postagem de 2011:  13 ANOS QUE LYA CAVALCANTI SE FOI... QUE SAUDADES!!!!


Mais outras postagens sobre Lya, CLIQUE AQUI.

12/11/2015

Curitiba proíbe uso de veículos de tração animal... E o Rio de Janeiro, nada?


Estou publicando sobre o assunto meio atrasada, mas, não podia deixar de registrar e desejar que o Rio de Janeiro TOME VERGONHA NA CARA e proíba de vez a patifaria contra os cavalos em nossa cidade. 

Uma cidade que tem uma Secretaria de Proteção Animal  há 15 anos serve p´ra quê?  
------------------------
Um pouco de esperança para os animais em Curitiba, foi sancionada uma lei nesta última quinta-feira 29/10/2015 proibindo o uso de veículos de tração animal.

Na lei diz que está proibido o deslocamento de animal carregando cargas ou pessoas e não permite animais atados a cordas e soltos em vias públicas.

Infelizmente ainda serão permitidos atividades em lugares privados ou públicos como hipismo, equototerapia, calvalgadas, haras, turfe e atividades da força pública. Saiba mais sobre essa lei clique aqui

FONTE: culturaveg

02/10/2015

Definido o local do do abrigo público para animais abandonados em Curitiba - PR


Muito interessante... aliás, Curitiba (cidade que eu amo de paixão) tem dado passos largos na defesa animal. Leia a matéria: Abrigo público temporário para animais de Curitiba já tem endereço definido
------------------------------





Abrigo público temporário para animais de Curitiba já tem ende...
Confira a proposta da Prefeitura de Curitiba e da Rede de Proteção Animal de Curitiba para abrigo público temporário para animais de Curitiba. Leia mais: http://bit.ly/1jzNDc3
Posted by Gazeta do Povo on Quarta, 30 de setembro de 2015

29/09/2015

Com proibição de carroças, famílias podem receber ajuda da prefeitura

Como sempre, a alegação de uns e outros é "fonte de subsistência". Ainda bem que o que está prevalecendo é o sofrimento e exploração animal neste tipo de ganha-pão.... ora, bota a mãezinha de cada um para puxar as carroças, pô!!!!! porque não aproveitam o projeto cavalo de lata?
------------------------------------

video

Câmara de Curitiba aprovou projeto que proíbe veículos de tração animal.
Valor e tempo de benefício devem ser regulamentados pelo poder público.

As famílias que dependem de veículos movidos à tração animal para sobreviver podem receber um auxílio da Prefeitura de Curitiba.  Um projeto de lei aprovado em segunda discussão, nesta segunda-feira (28), na Câmara de Curitiba, proibiu o uso de carroças e similares nas ruas da cidade.

Segundo levantamento da administração municipal, 100 famílias se enquadram nessa

16/06/2015

Cadela abandonada pelo dono é adotada e recebe novo lar no Paraná

Que bom que Mona está garantida em um bom lar..... Ela merece.... ela merece... ela merece...
-----------------------------------
Mona recebeu banho e medicamentos e está sendo preparada para adoção (Foto: Adriana Justi / G1)
Animal foi abandonado em maio deste ano e câmeras flagraram o descaso.  Nova dona tem outros 5 cães: 'vamos dar todo o carinho do mundo', disse.

A cadela Mona, que foi abandonada pelo dono no bairro Boa Vista, em Curitiba, em maio deste ano, foi adotada e recebeu um novo lar neste sábado (13). O descaso do antigo dono com o animal foi

05/05/2015

Ladrões roubam araras do Zoológico de Curitiba

Agora me digam se este zoológico pode botar banca quando a gente mete o pau nestes locais de exposição dos animais.... é p´ra isto, é? bem se vê o quando o público é alienado quando é entrevistada uma mulher com seu filho no colo.... é de dar embrulhos estomacais......
-------------------------------------------


video
Paraná TV - Rede Globo - 02/05/15

RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪