Mostrando postagens com marcador Câmara. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Câmara. Mostrar todas as postagens

10/06/2017

Câmara realiza audiência sobre situação dos animais que vivem nas ruas de Uberlândia

Muito bom!!!!! o problema é de todos..... políticas públicas são necessárias para ontem não só em Uberlândia, mas, em todo país.
--------------
Maus-tratos, castração e criação de local para acolher cães e gatos foram os assuntos tratados na sessão.
Foi realizada na tarde desta quinta-feira (8) uma audiência no plenário da Câmara de Vereadores de Uberlândia para tratar da realidade e das perspectivas de animais que ficam nas ruas da cidade. São quase 20 mil animais que vivem nesta situação. Na ocasião foram discutidos os casos de maus-tratos que vêm crescendo no município, o aumento no número de castração dos bichos e a criação de um local que acolha e proteja cães e gatos que estejam nessa situação.

Além de fome e frio, muitos animais sofrem maus-tratos, um dos temas 
discutidos na audiência (Foto: MGTV/Reprodução.)  

Vereadores, deputados, representantes das polícias Civil e Militar de Meio Ambiente, bombeiros e pessoas ligadas à Organizações Não Governamentais (ONGS) e protetoras de animais participaram do debate. Durante a audiência foi dito que um casal de cães e os descentes em condições favoráveis podem gerar 80 milhões de animais em dez anos. Um número que pode diminuir nas ruas, porém mostra a importância da castração.

O Hospital Veterinário da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) realiza o procedimento, mas não consegue atender a demanda do município. No mês passado, quando o “Castramóvel” esteve na cidade, foram realizados 600 atendimentos em 10 dias.

Outro problema são os maus-tratos que os animais sofrem. As ocorrências tiveram aumento de janeiro a abril deste ano. Foram registradas 26 ocorrências na cidade, já no mesmo período do ano passado foram 17 casos. A vereadora Michele Bretas afirma que somente com penas mais duras, a situação pode melhorar. “Quando algumas pessoas forem punidas por cometer maus-tratos certamente estes dados podem cair,” disse. A legislação brasileira tem pena de três meses a um ano de detenção pela prática de maus-tratos, além de multa.

O Ministério Público Estadual deseja soluções rápidas para a situação dos animais em Uberlândia, o promotor Breno Lintz afirmou que ainda este mês vai entrar com uma ação para que o município disponibilize um local para acolhimento, tratamento e esterilização dos animais. “ Nós temos que recolher e cuidar dos animais porque eles não nasceram do asfalto e foram colocados na rua pelos próprios cidadãos,” concluiu.

05/10/2015

Câmera flagra mulher furtando ração deixada para cachorros de rua



A que ponto chegamos.... roubar ração de cachorro de rua? Jesuis Cristinho!!!!!!
-----------------------------






Funcionários de empresa em Assis (SP) estavam intrigados com sumiço. Mulher passava à noite para pegar comida e potes

video
Fonte: G1

Funcionários de uma empresa em Assis (SP) estavam incomodados com o sumiço dos potes e da ração deixados por eles todos os dias na porta da empresa para dois cachorros de rua. Porém, uma

30/04/2015

Pais de santo fazem manifestação na Câmara de Rio Preto - SP

Olha outro caso que só dá moral para os que vivem nas trevas..... A Comissão de Justiça de qualquer Câmara que deixar passar este tipo de PL tem que ser questionada. 

Vou repetir, gente: a matéria é da esfera federal, ou seja, só pode ser votado lá em Brasília.... Por isto sempre será inconstitucional se o debate for a nível estadual ou municipal.... Será que é tão difícil as pessoas entenderem isto e perceber o quanto se iludem indo atrás de projetos que visam só chamar a simpatia para políticos? 

Sei lá, tem gente que gosta de ser enganada... fazer o quê? Todos nós queremos tirar os animais destes rituais, mas, desta forma estes ritualistas só ganham moral!!!! ai que raiva das pessoas que não estudam ou não querem aprender a viver no país que moram!!!!!!
---------------------------------

video
G1 - 29/04/15

Projeto de lei tentava impedir sacrifício de animais em cultos. 
Manifestantes foram até à Câmara e agradeceram arquivamento do projeto.

Integrantes do candomblé e da umbanda se reuniram na tarde desta terça-feira (28) em frente à Câmara de São José do Rio Preto (SP) para se manifestar em defesa da liberdade religiosa. O movimento reuniu cerca de 50 pessoas. A manifestação foi feita por causa de uma polêmica

10/03/2015

Câmara de Nova Friburgo realiza seção específica sobre maus tratos dos animais


Parabéns aos atuantes companheiros de Nova Friburgo.... é isto mesmo!!!!! divulgar, incomodar o poder público, educar a sociedade, enfim, meter bronca em todas as possibilidades....
--------------------------------------



23/07/2014

Deputado autor do PL 6602/13 é citado em "esquema legal" que custa mais de 1 milhão aos cofres públicos

Quem não tem o rabo preso (desculpe a vulgaridade) fala, claramente sua verdade. Não gosto de fazer postagens que promovam pessoas cujo comportamento não me agrada porque "não existe marketing negativo" (mestre Marcelo Glauco). Mas, neste caso, não falar nada pode dar a idéia de que não temos certeza daquilo que temos convicção: 

1 - O deputado Ricardo Izar continua chantageando as pessoas opositoras ao seu PL debitando o suposto ônus de não estar "salvando" os animais possíveis dentro da pesquisa científica, como se assim fosse verdade (vídeo abaixo). Agora, resolveu que  "investigará agressões virtuais" achando que existe interesses políticos em desmoraliza-lo. Não sei onde vai chegar com estas investigações, mas, quanto a nós, fazemos questão de total lisura e responsabilidade no que publicamos.

2 - Em todas as suas falas, fica subentendido que até ele reconhece que o projeto não é para mudar um paradigma de animais em pesquisas e sim apoiar a "redução e refinamento" sendo que já temos isto nas resoluções do CONCEA e ANVISA. Repito: o que falta é fiscalização daquilo que já foi definido há anos.

3 - O Deputado reconheceu em outro vídeo (veja nossas postagens anteriores) que está usando este seu PL como "carro-chefe" para sua campanha. Acho que ele até poderia ser reeleito, porem,  não com base no seu atual comportamento de ameaçar com processos judiciais seus opositores e até fazer uma NOTA DE REPÚDIO contra o nosso blog (tirado do ar) que usa do direito constitucional brasileiro de expressar sua opinião. Zé Povinho é que acha que emitir opinião é caluniar e difamar. Verdade é para ser dita, principalmente aquelas documentadas.

4 - Particularmente, continuo esperando a ação judicial contra minhas palavras já expressas e publicadas em nosso espaço democrático. Mas, vou logo avisando, não vou fazer marketing para ninguém, até porque estamos às vésperas das eleições. Todos sabem da MINHA RETIDÃO, DO MEU CARÁTER, DA MINHA IDONEIDADE E COMPETÊNCIA PARA FALAR SOBRE A CAUSA ANIMAL. ISTO CONQUISTADO EM QUASE 45 ANOS DE MILITÂNCIA. Se ele não sabe disto, é porque está muito mal assessorado. Portanto, que fiquem sabendo que não tenho medo de ninguém!!!!!!

5 - Agora, queria destacar o que nos foi enviado pela leitora Luciana que anda indignada com o comportamento deste deputado e sua turma de apoiadoras. Escreveu assim: "olha esta matéria e veja se este cara tem moral para REPUDIAR seu blog... está sendo personagem de um escândalo na Câmara Federal!!!!" Se alguns não sabem, o Deputado em questão é presidente da "Comissão de Ética" daquela casa. Entretanto, leiam isto:

"Alguns congressistas desenvolveram um esquema para elevar os ganhos dos funcionários de confiança de seus gabinetes. O golpe consistem em, primeiro, aumentar em até 1.300% o salário do servidor e exonerá-lo dias depois. A alteração no contracheque garante ao funcionário o dinheiro de férias devidas e o adicional de um terço calculado a partir do maior salário. Após 3 meses, a maioria volta com o salário antigo, anterior ao da demissão. O golpe foi relevado pelo jornal "Correio Braziliense". Um desses casos teria ocorrido no gabinete do presidente do Conselho de Ética da Câmara, Ricardo Izar (PSD-SP). Segundo o "Correio", Izar deu aumento de 1.081% a um dos seus servidores, de R$ 1.095 para R$ 12.940, pouco antes de exonerá-lo

Leiam as matérias completas e saibam que "o golpe não é ilegal" segundo escrito por um dos jornalistas. Detalhe: estas matérias foram publicadas um dia antes dele colocar em seu facebook a NOTA DE REPÚDIO contra nós....Será que foi para desviar a atenção? credo, já estou entrando na teoria da conspiração..... kakakaka.....

6 - Sugestão para o deputado: muda de assessoria porque esta vai lhe levar à total desmoralização.... qualquer um vê isto..... E olha, estou falando sem nenhuma mágoa de ser REPUDIADA por Vossa Excelência, viu? ah, também, aproveita e dispensa os "apoios políticos" que estão a sua volta. São podrinhos mesmo!!!!!! é melhor investir na turma da churrascada....

7 - Mas, voltando ao item 5, cá p´ra nós, como sai caro manter estes esquemas "legais" em que o Deputado esta metido, heim? Será que ele vai me processar por isso, também? vai considerar isto agressão virtual? fala sério.... tá mexendo com quem está trabalhando quieta e que não tem mancha nenhuma no passado.... Alô, Deputado: aproveita e manda sua turma parar de dizer que falo sem propriedade, pois, só demonstram o quanto são ignorantes sobre o trabalho da nossa ONG "Fala Bicho" que desde 1993 presta inúmeros BONS SERVIÇOS à causa devidamente DOCUMENTADOS.

8 - Finalizando, quer fazer bonito, Deputado? publica assim:
"Depois de ler todas argumentações tão bem embasadas, me convenci de que realmente não estamos no caminho certo. Eu mesmo pedirei o retorno deste PL para a Câmara para promovê-lo de forma adequada". É bacana reconhecer os erros, cara!!!!! Isto terá uma repercussão bem positiva para sua campanha ao próximo pleito. Assim, coloca um ponto final nesta suposta troca de agressões à Vossa Excelência .... pensa nisto!!!! procura ficar bem na fita e pára de participar destes "esquemas legais", pô!!!!! Presidente da Comissão de Ética é coisa p´ra ser levada a sério, né não? 

---------------------------------------------
MATÉRIAS CITADAS:

Ricardo Izar investigará agressões virtuais 

Conhecido por sua atuação em defesa dos direitos animais, o deputado federal Ricardo Izar (PSD-SP) decidiu investigar o que há por trás de agressões e mensagens de ódio que vem recebendo na internet. A suspeita do deputado é de que possa haver interesses políticos de adversários eleitorais em jogo. 

 Assista: ‘Quem vai assumir a responsabilidade de deixar de salvar os animais’, questiona Izar 

 Izar já enviou a um advogado imagens de publicações no Facebook, e-mails e textos publicados tanto por perfis anônimos, como por ativistas que criticaram publicamente a redação final do projeto de lei 6602/2013, que proíbe testes com animais para cosméticos com ingredientes novos e aguarda aprovação do Senado.

Fonte: Poder On Line em 21/07/14
----------------------------

‘Quem vai assumir a responsabilidade de deixar de salvar os animais’, questiona Izar

Mesmo após a aprovação na Câmara do PL 6602/2013 pela Câmara, o deputado federal Ricardo Izar (PSD-SP) tem sido alvo de críticas do movimento em defesa dos animais. Os ativistas defendem que o projeto, tal como chegou ao Senado, é insuficiente. Atualmente, ele proíbe apenas testes com animais para cosméticos com ingredientes novos.

Para Izar, no entanto, é preciso caminhar “degrau por degrau”. O deputado lembra, inclusive, que outros projetos semelhantes estão há décadas parados no Congresso Nacional por falta de acordo, como o PL 1376/2003, que estabelece uma política pública nacional de castração de animais.

“Eu quero saber quem vai assumir a responsabilidade de deixar de salvar os animais”, lançou Izar. “Podemos lutar pela emenda no Senado? Acho que sim, mas tenho medo de demorar muito e acabar deixando a matança de animais em testes com produtos já conhecidos”, completou.

 

Fonte: Poder On Line em 04/07/14
__________________
Nossas postagens anteriores:

RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪