RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Mostrando postagens com marcador AP. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador AP. Mostrar todas as postagens

10 de junho de 2016

No AP, câmera de segurança registra motoqueiro matando um cão a tiros

Sinceramente, o que leva uma pessoa ser cruel pelo prazer de ser cruel? ato de covardia inaceitável.... E se a dona da casa que tem as imagens tivesse saído para recolher o cão, podia até te-lo salvo da morte..... Meu Deus!!!! quem foi pior?
-----------------
Disparo contra animal ocorreu no meio da Rua Santos Dumont, em Macapá.
Cão chega a caminhar no local, mas morre; polícia vai analisar imagens.
O registro da câmera de segurança de uma casa na Rua Santos Dumont, na Zona Central de Macapá, mostra o momento em que um motoqueiro atira em um cão no meio da via. Nas imagens é possível perceber o animal ensanguentado correndo pela calçada de uma casa até morrer, minutos depois.

video

O caso aconteceu às 3h12 de segunda-feira (6) no bairro Santa Rita, e a dona da casa onde está instalado o circuito de câmeras cedeu as imagens ao G1. O crime foi informado à Delegacia de Meio

6 de novembro de 2015

EXPOFEIRA: MP- AP ingressa com ação para evitar maus-tratos a animais

Gente, que espetáculo! mas, alguém sabe se está valendo? o evento deve estar rolando.....
------------------------

A Promotoria de Justiça do Meio Ambiente, Conflitos Agrários, Habitação e Urbanismo de Macapá (Prodemac) ingressou com uma ação civil pública, no dia 29 de outubro, contra o Estado e a Federação de Rodeios do Estado do Amapá (FERAP) para evitar o financiamento público de atividades que provoquem maus tratos a animais, durante a realização da 51ª Expofeira

Conforme anunciado amplamente na mídia local e no site exclusivo do evento: www.expofeira.ap.gov.br, está programada para os próximos dias 5, 6,7 e 8 a realização de

25 de agosto de 2014

Policial diz que Batalhão autorizou morte de cão em via pública - AP

Vejam a desculpa.... chocante... Matéria de origem:
--------------------------

A repercussão nas redes sociais de um vídeo que mostra um sargento da Polícia Militar, executando com dois tiros um cachorro, resultou na abertura de processo administrativo contra o policial que atua no município de Amapá, a 302 quilômetros de Macapá.

Por telefone, o sargento que preferiu não se identificar, contou à TV Amapá que matou o animal
por ordem do comando do Batalhão do município, em função de constantes ataques do animal.

O policial acrescentou que no município não há “carrocinha” e nem controle de zoonoses, e que havia solicitado ao pai da dona do cão que o prendesse. Nas imagens, o sargento aparece se mantendo distante