Mostrando postagens com marcador AAPA. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador AAPA. Mostrar todas as postagens

15/10/2017

Com aluguel atrasado, 163 animais podem ser despejados em Américo - SP

É uma situação que impressiona. Vai dizer que a prefeitura não podia pagar o aluguel da ONG? 
--------------
O canil da Associação Ameriliense de Proteção aos Animais (Aapa), em Américo Brasiliense (SP), está com aluguel atrasado e 163 animais podem ser despejados do local. Mesmo com doações, os voluntários pedem ajuda em uma

02/07/2017

Pela conta de água, moradores podem ajudar associação de defesa animal

Isto é muito bom!!!! isto é bom demais!!!! boa sorte para os companheiros da AAPA, embora eu ache que o mecanismo é meio complicado.
------------
Amerilienses poderão contribuir mensalmente com Associação de Proteção Animal (AAPA) por meio de doações na conta de água.

Os moradores de Américo Brasiliense poderão fazer doações mensais para a Associação Ameriliense de Proteção aos Animais (AAPA) por meio da conta de água. Essa é a entidade que cuida do canil destruído no dia 4 de junho por vândalos.

As doações podem ser feitas a partir de R$ 1 e os débitos só serão autorizados se o contribuinte for até o Departamento de Água, Esgoto e Meio Ambiente (Daema) e assinar uma autorização com os dados pessoais, endereço do hidrômetro e o valor que gostaria de doar. O termo também está disponível com os membros da entidade.

A doação não é obrigatória. Ela só acontecerá se o morador optar por ajudar a AAPA. O valor da conta de água seguirá o mesmo.
Cópia da autorização que os moradores podem assinar para fazer as doações para a AAPA (Divulgação)


A AAPA cuida e presta ajuda a cerca de 200 animais da cidade, segundo Léa Mara Carvalho, primeira-secretária da entidade. Ela cita que atualmente os gastos mensais têm média de R$ 3,7 mil. “A importância desse dinheiro não está ligada só na fatalidade do sítio [canil] e essa lei vem para nos ajudar porque os gastos são muito grandes”, comenta.

Léa lembra que essa ação já funcionava na cidade há alguns anos, mas havia sido interrompida nas gestões municipais anteriores. Só que agora, o prefeito Dirceu Pano autorizou novamente. É importante lembrar que o antigo cadastro não vale mais. Assim, quem doava antigamente e quiser seguir doando, deverá fazer uma nova ficha.

“Se nós conseguirmos bastante doações, podemos pensar em termos de futuro. Colocar mais veterinários, reconstruir um ambulatório e realizar mais castrações a baixo custo. Isso pensando no futuro”, diz a primeira-secretária.

FONTE: acidadeon

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪