06/05/2017

Jovem atropela cachorro e atitude chama atenção - Francisco Beltrão - PR

Meu Deus, nem tudo está perdido!!!!!! Que Gabriel seja abençoado!!!!
--------------
Todos os dias nos deparamos com inúmeras cenas de maus tratos aos animais, atropelamentos ou abandono. Esses atos, infelizmente se tornaram comuns em nossa sociedade. Na última quarta-feira (03), o beltronense Gabriel Francio (19), seguia para o trabalho, no trajeto não conseguiu evitar o atropelamento de uma cachorrinha. Porém, o desfecho da história foi bem diferente.

Gabriel fez uma postagem em um grupo no facebook, contando o que havia acontecido e na busca pelos donos do animal. “Seguinte galera, ontem por volta das 15:30 acabei atropelando essa cadelinha […] levei para a veterinária onde estão cuidando dela, já foi feito raio x e dado toda a medicação, não machucou muito. Aparentemente não é de rua, então se alguém souber quem é o dono por favor me ajudem, caso contrário irei adotar e cuidar dela”, destaca o post. A atitude do jovem comoveu os usuários da rede, que manifestaram apoio e parabenizaram a atitude.

Na intenção de localizar os donos do animal, a mãe de Gabriel entrou em contato com a Rádio Onda Sul FM. Em entrevista ao RBJ, Gabriel contou que não pensou duas vezes para resgatar e salvar a cachorrinha. “É uma vida, estava sofrendo com dor, assustada, a única coisa que pensei era em salvar e ajudar o mais rápido possível.”

O post foi publicado no grupo da ONG Arca de Noé, em poucas horas ganhou vários comentários, compartilhamentos e a dona foi localizada. “Várias pessoas viram meu post na página, inclusive a dona do animal. Consegui entrar em contato com ela e descobri que a cachorrinha se chama ‘coca’.”

Segundo o jovem, a atitude de prestar socorro foi motivada por uma fato parecido que aconteceu em 2016, quando seu animal de estimação foi atropelado, mas ninguém prestou socorro. “Eu tinha um cachorro, infelizmente fugiu e foi atropelado, e quem atropelou não deu a mínima, simplesmente ignorou e fugiu. Isso faz alguns meses, desde então não tive mais nenhum animal de estimação pois eu e minha família estávamos sentidos e tristes com a perda do nosso cachorro.”

Gabriel deixou uma mensagem para quem venha a passar pela mesma circunstância. “Infelizmente acidentes acontecem, algumas vezes não tem como evitar como foi meu caso, mais se isso acontecer, pelo menos ajudar o máximo possível, pois é uma vida que está ali, está sofrendo, e eu creio que a vida desses amiguinhos vale tanto quanto a nossa.”

Fonte: RBJ

12 comentários:

  1. Muito boa a repercussão do caso. Isso motiva e alerta aos que nunca passaram por situação identica. Ainda bem que a fujona passa bem e deu uma tremenda sorte de encontrar o Gabriel.

    ResponderExcluir
  2. chorando aqui emocionada!!! Deus abençoe as pessoas de bem!!!

    ResponderExcluir
  3. Ah! Se todos fossem um Gabriel... parabéns Gabriel, digo parabéns porque, infelizmente, esta atitude que deveria ser "corriqueira" (solidariedade com animais) se torna "manchete", ou na linguagem atual, "posts" e "likes". Socorrer um animal ferido deve ser atitude normal de pessoa normal, ou não?
    Gabriel, nome e atitude de Anjo! Obrigada por cuidar da "Coca".

    ResponderExcluir
  4. gente do bem! pecisamos de muitos assim , passos pra ser vegano.

    ResponderExcluir
  5. Parabéns, o mundo precisa desesperadamente de mais pessoas como você.

    ResponderExcluir
  6. Se a cachorrinha tinha donos, por que estava solta em rua movimentada?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fabiana Guerra09/05/2017 11:40

      Talvez tenha fugido! Há também algumas pessoas que soltam para passear sozinhos, quando os mesmos têm esse costume e sabem voltar para casa. Além de não ser legal - literalmente e também no sentido da LEI - colocar em risco a segurança deles e das pessoas. Poderia ter ocorrido acidente de trânsito, além do atropelamento.

      Excluir
    2. talvez tenha fugido, o próprio rapaz conta que isso aconteceu com a família dele e infelizmente o cachorro deles foi atropelado e a pessoa que atropelou não socorreu.

      Excluir
  7. Kátia marzo09/05/2017 10:56

    Obrigada Deus te abençoe que muitos sigam este exemplo pois todas as vidas tem o mesmo valor

    ResponderExcluir
  8. Isso aconteceu com o meu filho há mais de 15 anos. Ele atropelou um cachorro que apareceu de repente na frente do carro dele. Ele parou e levou o cachorro para uma clínica que estivesse aberta à noite. Pagou caro pelo atendimento e pelas radiografias. Havia fratura e no dia seguinte eu levei o cachorro para uma veterinária que me cobrou bem menos que aquela clínica. Como o cachorro pertencia a pessoas sem recursos, nós arcamos com todas as despesas para o restabelecimento dele. Felizmente ele ficou bem. Ele teve fratura nos 2 fêmures dele. Foram quase 60 dias de tratamento.

    ResponderExcluir
  9. Que legal, atitude linda! Parabéns para o rapaz!

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪