18/02/2017

Vídeo:Mergulhadores salvam badejo que vivia com cabo enroscado no corpo



Estou publicando junto as matérias do G1 e da Rede Record, pois, complementam uma à outra.
-------------------
Um grupo de mergulhadores formado por Ismael Escote, Zaira Matheus, Hugo Oliveira e Nayara Bucair executou com sucesso, nesse final de semana, uma missão que já tentaram outras vezes em Fernando de Noronha.
   
 A turma se uniu para cortar um cabo que estava enroscado próximo a cabeça de um peixe badejo por mais de um ano. “Era um sofrimento, é muito incomodo para o animal viver com um um cabo
enrolado nas guelras”, falou a bióloga e mergulhadora, Zaira Matheus.

A ação foi realizada na região da Corveta, ponto de mergulho com 58 metros de profundidade. É neste local que o badejo é visto com frequência. “ A gente sempre via o badejo com aquele cabo, provavelmente fruto de uma tentativa de pesca. Para livrar o peixe do cabo usamos uma tesoura”, relatou o mergulhador Ismael Escote.

Não foi fácil fazer a aproximação para realizar o trabalho. Depois de inúmeras tentativas frustradas, Ismael aproximou-se do peixe e cortou o cabo. A operação foi festejada pelo grupo de mergulhadores e pelos amantes do meio ambiente.
A equipe comemorou o sucesso da operação.

3 comentários:

  1. Mergulhadores e uma bióloga preocupados com um peixe em apuros sinaliza com a possibilidade de que a espécie humana está evoluindo apesar dos tropeções. Agora, se salvaram o badejo e foram comemorar almoçando uma peixada, deleto o que disse.

    ResponderExcluir
  2. que bacana! Como esse coitado sofreu! Pesca, que horror!

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪