26/02/2017

Águia de Ouro fecha primeiro dia com desfile sobre proteção dos animais

Achei muito legal uma escola de samba se propor a falar de animais como enredo. Outras falaram, mas, muito modestamente em algum carro ou em alguma ala. Geralmente por causa de temas de meio ambiente. Mas, enredo totalmente sobre animais, é inédito mesmo. Pena que foi a última escola a desfilar esvaziando um pouco as arquibancadas...... Pena mesmo..... A matéria abaixo é da Isto É e se quiser ver o desfile completo CLIQUE AQUI. Ao final tem um compacto bonzinho.
---------------------
A Águia de Ouro, última escola a desfilar na passarela do samba no primeiro dia de carnaval de São Paulo, fez um desfile em homenagem à fidelidade dos animais. Cães famosos como Rin-Tin-Tin,
Scooby Doo, Snoopy, Bidu, Dama e Vagabundo foram celebrados. Além dos caninos, tigres, girafas, passarinhos, golfinhos e elefantes tomaram conta da avenida. Os cães também apareceram na comissão de frente, que sambou com pelúcias nas mãos, como fantoches.


No samba-enredo “Amor com amor se paga. Uma história animal”, um verso fez referência à ativista de causas animais, Luísa Mell. Outro trecho cantou um resumo do momento do desfile da Águia, com o céu já claro, após chuviscos durante a madrugada: “Amanheceu. Já garoou.”

No desfile, até as renas foram lembradas e compuseram a fantasia de uma ala de papais noéis. Um carro alegórico exibiu pinturas que reproduzem filmes com protagonistas animais, tendo um boneco gigante da personagem Cruela Cruel como destaque. Em outro carro, com crianças em cima, havia personagens da Turma da Mônica.

8 comentários:

  1. to torcendo pra que a aguias de ouro 2017 vença o carnaval/2017, em prol de todos so anjinhos, inocnetes, indefesos, sem pecados da natureza, crianças pra sempre.desfile nota 10 em todos os requesitos, pra mim, e sei que pra muitos tb!!!!! # go go vegan!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Pena que a Globo não mostrou os carros que mostravam os testes de laboratório e os que mostravam os animais covarde mente assassinados. E aqueles que são escravizados para consumo ou entretenimento. Os comentários tentavam levar o espectador a pensar que o enredo era só sobre cães. Lamentável. Mas é o início. Se provou que é possível fazer carnaval sem crueldade. E lindo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não abordaram para não perder os patrocínios dos cosméticos, frigoríficos e afins. Gostaria de ter podido ver ao vivo no local. Não vejo mais nem as escolas do Rio de Janeiro. Ficam mostrando repetidamente algumas coisas e outras interessantes passam por cima. Torcendo pela escola. É preciso ter coragem e muito amor pela causa. Parabéns a Escola. Não importa o resultado, pra mim é a grande campeã do carnaval.

      Excluir
  3. A proteção animal só não se agiganta, porque a vaidade é maior que a luta, né?

    ResponderExcluir
  4. porque temos tudo na mão para mudar o curso da história!

    ResponderExcluir
  5. Olá! Em 2008, a Escola Imperador do Ipiranga também abordou o tema, a escola não usou nada de origem animal, questionava também sobre touradas, circos com animais, entre outros assuntos e havia uma ala sobre experimentação animal. O enredo era "A Salvação do Planeta é o Bicho" http://tribunaanimal.org/index.php?/Aconteceu/Arquivos/Carnaval-2008-A-SALVACAO-DO-PLANETA-E-O-BICHO.html

    ResponderExcluir
  6. Olá! Em 2008 a escola de samba Imperador do Ipiranga também falou sobre o tema, saiu sem nada de origem animal, era uma escola do grupo de acesso. O enredo era "A Salvação do Planeta é o Bicho". Mencionava também experimentação animal, circo, tourada, rodeio, entre outros, havia uma ala sobre experimentação animal. Muitos protetores também desfilaram.Mesmo depois de 9 anos, que bom que o tema volta à avenida e sem nada de origem animal, parabéns á Águia de Ouro. http://tribunaanimal.org/index.php?/Aconteceu/Arquivos/Carnaval-2008-A-SALVACAO-DO-PLANETA-E-O-BICHO.html

    ResponderExcluir
  7. GENTE, QUE COISA LINDA, MARAVILHOSA!!! Tomara que estejamos vendo o início de uma nova era da humanidade em que realmente poderemos ser considerados HUMANOS, tratando com respeito, empatia, compaixão e solidariedade a QUAISQUER outros seres sencientes (dotados de sentimentos e capacidade de entendimento, não apenas os humanos.
    Quem quer que respeite e proteja os DIREITOS, não só dos humanos, mas também dos animais, certamente é uma pessoa digna, decente e confiável! E nós todos evoluímos, como sociedade e como espécie, quanto mais entendemos e reconhecemos que TODOS OS SERES SENCIENTES têm direito à vida, à liberdade, ao bem-estar e a uma vida digna, não somente os seres humanos.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪