31/10/2016

Aposentado que cuida de 70 animais busca adoções - Campinas - SP

Galera de Campinas que puder dar uma força, é a hora.......
------------------------
Um aposentado de 72 anos, que tem cerca de 60 cães e dez gatos em casa, no Parque São Paulo, região do Jardim Itatinga, em Campinas, quebrou os dois braços e agora busca ajuda para cuidar ou encaminhar os animais para adoção. Ele caiu ao tentar separar uma briga entre os cachorros. Os pets estão sendo tratados pela mulher dele, por amigos do casal, e por protetores, que precisam de ajuda para dar conta da tarefa.

A mulher do aposentado teve que parar de trabalhar para poder cuidar do marido e dos bichos. “Eu trabalho na cidade, com costura.
Mas agora não estou tendo como ir”, conta a costureira Sueli Farias, de 62 anos, que precisa voltar ao trabalho. O acidente aconteceu há uma semana. “Fui socorrer uma cachorrinha cega, que os outros cachorros estavam atacando. Subi na escada para descer o muro do outro lado (que separa os animais) e já estava no penúltimo degrau, mas a escada estava em uma poça e escorregou”, conta Adolfo Farias.

O aposentado foi socorrido pelo genro e levado ao Complexo Hospitalar Ouro Verde. Na quinta-feira, terá que voltar ao hospital para operar os braços. A protetora Marynes Silva, que ajuda os animais do idoso há cerca de um ano, está preocupada com a situação. “Não é fácil encontrar adotantes. Além disso, a mulher dele precisa voltar a trabalhar.” Marynes trabalha como enfermeira e mora na saída de Valinhos. Além disso, tem 23 cachorros para cuidar — todos resgatados por ela de maus-tratos.

Tanto os cerca de 70 animais de Faria, quanto os 23 de Marynes, sobrevivem de doações. A reportagem entrou em contato com o Departamento de Bem-Estar e Proteção Animal de Campinas (DPBea) para saber o posicionamento da Prefeitura em relação ao caso do idoso, mas até as 16h20 de domingo não obteve resposta. Quem puder ajudá-lo deve entrar em contato com a protetora pelo WhatsApp: (19) 992705779.

FONTE: paulinianews

2 comentários:

  1. Uns com uma porção de animais, enquanto outros só abandonando... Depois chamam essa gente bondosa de acumulador, louco, etc., mas na hora de ajudar que é bom, todo mundo desaparece. Espero que alguma ONG da região o ajude, porque é uma situação bem difícil!

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪