RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

4 de setembro de 2016

SUIPA: hoje continua o recebimento de doações

Ontem, a Cidéia, responsável pelo abrigo da SUIPA,  me ligou a tarde super emocionada contando sobre o quanto os funcionários da entidade estavam  sensibilizados (muitos até chorando) pela repercussão e solidariedade das pessoas atendendo o pedido de socorro que fizeram. Ela contou que teve doador de todo jeito... desde aquele que entregava 15 sacos como aquele que entregou um quilo de ração a varejo...... Mesmo as pessoas de poucos recursos fizeram questão de ir lá na sede e contribuir da maneira mais amorosa possível..... Cidéia engasgou a voz contando sobre tudo isto, principalmente, porque tiveram a dimensão do quanto a SUIPA é amada.  Vejam ao final as fotos que Jorge Romano nos enviou do posto de arrecadação na Glória.

Suipabr
A sua contribuição é muito importante para a SUIPA. Se você preferir pode nos contatar para fazer a sua Doação.
Segunda a Sábado das 7:00hs às 17 hs
Domingos e feriados das 7:00hs às 14:00 h
Tel: (21) 3297-8777
http://www.suipa.org.br/index.asp?pg=comoajudar.asp


Para contornar penúria, Suipa pede doações para os animais

Instituição convive com conta bloqueada pela Justiça e dívida milionária


RIO - "Uma vez nos ligaram para dizer que um cavalo foi baleado na perna, o que impede esse bicho de fazer qualquer coisa — inclusive procriar. Fizemos cirurgia, conseguimos recuperá-lo e, carinhosamente, apelidamos de Empezão, porque conseguiu se levantar novamente". O relato é de
Nini Bandeira, há mais de 30 anos associada da Sociedade União Internacional Protetora dos Animais (Suipa) e amiga da ex-presidente Izabel Cristina Nascimento, cuja morte em agosto levou ao bloqueio pela Justiça da conta bancária da instituição. Neste sábado, Nini estava na Glória, Zona Sul do Rio, acompanhando as doações à entidade, determinantes não só para alimentar os mais de três mil animais abrigados, mas também para que hajam outras recuperações assim no futuro. 

— Estamos pedindo para desbloquearem a conta — disse Nini, surpresa com a quantidade de doações. — Está ultrapassando nossas expectativas. A turma que gosta de animal ajuda muito. Mais de 500 pessoas já passaram por aqui — informa. 

Além do bloqueio da conta, a Suipa também teve outro revés. A realização dos Jogos Olímpicos impediu que a instituição ocupace o espaço onde se instala, tradicionalmente, na Glória, em frente à antiga sede da TV Manchete, todos os sábados, das 9h às 16h. A história deve se repetir na Paralimpíada, já que a subprefeitura não cede o espaço durante esses eventos. 

— Aconteceu tudo ao mesmo tempo — resume Nini Bandeira, garantindo que os animais não ficarão sem comida: — Fome eles não vão passar mesmo. 

Por conta de todos os contratempos, a instituição, excepcionalmente neste domingo, das 9h às 15h, decidiu permanecer no local para receber ainda mais doações. É uma tentativa emergencial de ganhar fôlego para a escassez das fontes de recursos financeiros. 

— Precisamos de uma série de coisas: ração, medicamentos, material de limpeza e até jornal. Tudo ajuda — divulga o voluntário Antonio Felipe, de 32 anos. 

PENÚRIA
A situação de penúria da Suipa remete à metade da década de 1990, quando a entidade deixou de ser considerada filantrópica. A filantropia, desde então, só vale para seres humanos, e não mais para animais, pelo menos aos olhos da lei. Assim, a instituição passou a ter de arcar com despesas muito superiores — e não conseguiu honrá-las. Em 2013, de acordo com o próprio site da Suipa, a dívida era de R$ 10 milhões. 

— Não ser mais filantrópica foi o que matou — afirma a aposentada Andréia Brito, que foi duas vezes à Glória neste sábado, levando um total de 90kg em rações para os animais. 

A bancária Aline Almeida também fez sua parte, e relembrou uma ajuda que recebeu da instituição no passado.  
— Fiz uso de uma assistência médica da Suipa para operar meu poodle. A cirurgia era muito cara na época, e eles nos ajudaram com a parte dos custos. 

Em épocas festivas, como carnaval e fim de ano, cerca de 80 animais são abandonados diariamente na cidade, de acordo com Linda Lima, encarregada do Setor de Adoção e Abandono. A prática configura crime, mas não impede que muitas pessoas amarrem os animais nos portões da Suipa, que os recolhe e prestem assistência. 

— Eles fazem um trabalho fantástico há 73 anos. Como uma instituição assim pode não ser considerada filantrópica? — questiona Andréia Brito.

 ======================

Matéria publicada pela CBN  em 02/09/16

Animais da Suipa tem apenas mais um dia de ração
Com o dinheiro bloqueado pela Justiça após a morte da presidente da Suipa, os animais que vivem na instituição estão sem comida. A ração existente na unidade só é suficiente para mais um dia. Funcionários estão pedindo ajuda aos associados.


Por Ermelinda Rita
Os cães e gatos da Suipa correm o risco de morrer de fome por falta de comida. A ração que há na sede da Sociedade União Internacional Protetora dos animais,em Benfica, só dá para mais um dia. Após a morte da presidente Izabel Cristina Nascimento, no início do mês de agosto,a agência bancária,que tem a conta da entidade bloqueou o dinheiro.

Sem recursos,os funcionários estão pedindo ajuda aos associados ,mas a entidade perdeu dois mil sócios devido à crise financeira do país. A SUIPA gasta R$ 50 mil por semana em ração, para alimentar 4,5 mil cães e gatos. Por mês, são 1.540 sacos para animais adultos, cerca de 30.800kg de ração. O supervisor financeiro da Suipa registrou em ata que haverá eleição para presidente no dia 25 e comunicou à Justiça, no dia 30 de agosto, que a diretora social Sílvia Marques assumiu interinamente o cargo.

Apesar de toda a documentação apresentada,o dinheiro só será liberado no dia 14. O supervisor Manoel de Souza Monteiro diz que entrou com um pedido de tutela antecipada na Justiça para agilizar o desbloqueio da conta.

'A Suipa está enfrentando agora o problema de transição de poder e com isso a conta foi bloqueada junto ao nosso principal banco. O nosso problema hoje é alimentar os animais que estão na Suipa. Precisamos de 1,2 tonelada por dia. Fazemos pedido à população e a empresas que trabalham com rações que nos doem, nesse período, para suportar até que a Justiça libere a nossa conta junto ao banco. Já entramos com pedido judicial para esse desbloqueio. Peço que todos nos ajudem nesse momento crítico da Suipa', diz Manoel de Souza.

Associada há nove anos da Suipa, a advogada Sophia Gilda conta que levou 500 latas de alimentos para aliviar o sofrimento dos animais.

'Essa semana, eu levei 500 latinhas para cães e gatos, pois a Suipa está atravessando uma situação muito difícil, necessitando de ajuda de todos', contou.

A ex-presidente Izabel Cristina Nascimento ficou à frente da Suipa por 27 anos. Ela morava no abrigo II, em São Gonçalo, onde a Suipa mantém 850 cães, gatos, cavalos e porcos. A alimentação desses animais está garantida por mais uma semana.

Além da falta de ração, a Suipa enfrenta a dívida de R$ 16 milhões com o governo federal referente ao INSS. O salário dos funcionários da Suipa está atrasado há dois meses e a instituição enfrenta várias ações trabalhistas na Justiça.
==============

Fotos do nosso leitor Jorge Romano gentilmente cedida para nosso blog







8 comentários:

Layla disse...

Não consigo entender um regresso destes. Como assim, a SUIPA não poder ser considerada filantrópica??? Filantropia só para humanos a partir da década de 1990??? Que vergonha!!! Regredimos??? Qualquer produto para animais, inclusive rações e remédios são considerados supérfluos e por isso tem impostos mais altos, porque??? Absurdo...absurdo...absurdo... o governo ao invés de ajudar a cuidar dos animais é isso que faz??? Humbolt (acho que foi ele) disse que "A grandeza de uma Nação e de seu progresso moral podem ser julgados pela forma como seus animais são tratados." e é isso que eu tenho visto por aqui... só regresso... na educação, etc... e tal... estou muito, mas muito decepcionada com tudo neste país...

Selma castanheira dos santos disse...

jamais!!!!jamais !!!! a mãe natureza deixaria os anjos passarem necessidades.

Sandra disse...

Para Izabel Cristina continuar a ter a paz que ela precisa e merece para recuperar seu espírito na Dimensão em que está, é imprescindível saber que seus amados filhos continuam tendo pelo menos o básico que tinham quando ela estava com eles. A ajuda do povo, solidário ao SOS da SUIPA, precisa continuar SEMPRE porque animais comem todos os dias, todos os dias ficam dodói e sua "mamãe" de onde está não pode nem merece mais sofrer tanto quanto sofreu por eles em nome da Compaixão e do Amor.

Anônimo disse...

VAI DAR TUDO CERTO !!!!

Anônimo disse...



https://www.change.org/p/sub-prefeito-pela-assist%C3%AAncia-do-governo-do-estado-%C3%A0-suipa

zulu disse...

OS ANJOS COM ASAS NAS ORELHAS MERECEM E PRECISAM. AMÉM.

Jorge Romano disse...

A reação de todos que estiveram ontem (03/09) no posto de arrecadação da Suipa, na Glória, era de incredulidade pela imensa mobilização que se formou. Não tinha como não se emocionar ao ver a montanha de alimentos que os animais abrigados ganharam. Também jornais, papelão, remédios roupas, etc.. . A ajuda veio de todas as formas em mutirões para carregar os veículos, separar as doações, embalar, retirar dos carros que chegavam a toda momento (a rua chegou a ficar engarrafada, sem ter onde parar). Muito bom sentir a solidariedade dos humanos em defesa e proteção dos animais. Todos de parabéns.

Victória disse...

Repito: a união faz a força. Unidos podemos mudar até o mundo!