29/02/2016

Decisão da Justiça libera a produção e venda de foie gras em São Paulo

Olha, eu podia encher a boca p´ra dizer: EU NÃO FALEI? mas, não vou fazer porque no fundo isto me entristece demais.... Ver as pessoas da proteção animal se comportarem de forma tão ingênua é só um grande prejuízo para a causa. Pior que não querem ouvir, não querem ler, não querem se informar devidamente para fazerem jus ao desejo de se considerar um protetor de animais. Existem assuntos que podem ser decididos no município, outros no estado e outros na federação. Não se deixem enganar!!!!!! Aliás, este pessoal que tenta manipular a proteção animal nem sabe  quantos fabricantes de foie gras existem no Brasil. Sabe? sabe nada.... diz aí.... eu sei porque fui pesquisar .... Nossos leitores sabem que não engano ninguém.... Confira tudo que informei sobre o assunto, CLICANDO AQUI.
------------------------
Prefeitura tinha publicado lei em 2015 proibindo a comercialização. 
Prato é preparado com fígado gordo de ganso ou pato.

O Tribunal de Justiça de São Paulo decidiu nesta quarta-feira (24) permitir a produção e a comercialização do foie gras, iguaria típica da culinária francesa, na cidade de São Paulo. Em 14 de julho, uma liminar judicial suspendeu a lei que proíbe a produção e comercialização do fígado gordo de ganso ou pato. Cabe recurso agora apenas no Superior Tribunal de Justiça.


A Prefeitura de São Paulo diz que vai recorrer de decisão. "A Procuradoria Geral do Município tem o dever de defender a vigência de todas as leis municipais aprovadas e sancionadas. Por conta disso,
recorrerá da decisão", afirma em nota.

A lei municipal que proibia a produção e comercialização da iguaria foi publicada no dia 26 de junho de 2015 no Diário Oficial da cidade e tinha prazo de 45 dias para entrar em vigor. Nesse período, os restaurantes e empórios foram autorizados a vender o produto. Em seguida, uma liminar na Justiça suspendeu a proibição.

A Associação Nacional de Restaurantes (ANR) entrou com um ação na Justiça solicitando a revogação da decisão.

O foie gras é o fígado gordo de ganso ou pato, resultado de um método milenar conhecido como gavage, em que os animais são forçados a se alimentar. Ativistas consideram o método cruel.

Segundo o prefeito Fernando Haddad (PT), a medida é de interesse público porque "denota a preocupação em se coibir a crueldade e os maus-tratos aos animais".

FONTE: G1

3 comentários:

  1. Não adianta proibir aqui ou ali teria que ser mundial,mas....era óbvio que isso ia acontecer.

    ResponderExcluir
  2. E cade a petição q assinei pra defender a proibição do foie gras.Ñ vai veler de nada. Por fvr justiça de lixo.

    ResponderExcluir
  3. Jorge Romano01/03/2016 17:12

    Ta todo muito ficando doido. Se existe uma lei que proibe maus tratos, como haver permissão de produto que vem de maus tratos? Será que a sua excelência viu como é feito essa desgraça? Querem comer patê, vai uma dica: comprem o Vegetariano da Superbom, uma delicia, vários sabores melhor que muita porcaria que já provei nos meus tempos de carnívoro.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪