22/01/2016

Dona de cadela denuncia maus tratos durante tosa

Gente, prestem bem atenção nestes pets shop´s da vida..... olha aí..... Quando se tosa um cachorro, tem que trocar as laminas o tempo todo porque elas esquentam e machucam os animais..... Tem que mandar prender esta gente!!!!! Não deixem seus cães sozinhos nestes locais... fiquem lá colado e acompanhando tudo.....
------------------------
Sandra Cristina, dona da cadela "Bella", diz que seu animal sofreu maus tratos em um pet shop, localizado no bairro Cajazeiras 8, em Salvador.

Ela informou que o animal foi deixado no local na terça-feira, 12, para a realização de tosa no período da tarde. Ao voltar para buscar Bella, que é da raça Poodle, encontrou-a com diversos ferimentos.

A dona da cadelinha comentou que retornou ao
local para buscar esclarecimentos sobre a situação em que se encontrava e que não conseguiu apoio médico no pet. "A proprietaria do pet disse pra mim que os ferimentos eram normais e que em oito dias a cachorra ficaria normal. É um verdadeiro absurdo. Fora o trauma que o animal ficará pelo resto da vida", comentou Sandra.
Ela também divulgou o caso em postagem no Facebook. (Foto: Reprodução | Facebook)

O animal foi levado por Sandra a uma clínica no mesmo bairro para passar por atendimento. O veterinário que recebeu o animal não quis se identificar, mas comentou a situação. "Recebi o animal que estava amedrontado, debilitado e triste. Ele estava com um corte na parte lombar, próximo à cauda, um corte próximo da pata dianteira e um pequeno corte na vulva. É uma situação lamentável ocorrer algo do tipo", disse.

Já a proprietária do pet, de prenome "Ina", admitiu que os ferimentos ocorreram durante o processo de tosa. "O cachorro estava com os pelos bastante enrolados e o risco de cortar o animal era muito grande. Foi um acidente que ocorreu durante a tosa, mas não deixei o animal sem socorro", justificou.

Ela ainda relatou que o local não dispõe de veterinário pois o estabelecimento só ofereceria tosa, mas que cobriu os custos médicos. "Em momento algum deixei o cachorro sem socorro. Os serviços médicos que o animal utilizou foram custeados pelo pet. Não dispomos de veterinário aqui. Tenho parentes que são veterinários, mas não oferecemos serviço de clínica", concluiu.

FONTE: uol

5 comentários:

  1. Pet Shop é assim mesmo, notícias semelhantes pipocam, é cão enforcado porque pulou da mesa e ficou pendurado, é cão que fugiu e ninguém acha porém com sorte, tutor que faz questão, pode sim ter de volta seu animal de estimação limpo, tosado, cheiroso, com laço ou gravatinha, sem nenhum arranhão e VIVO. É rezar pra isso.

    ResponderExcluir
  2. Mais um... Sinceramente eu não creio que esses donos não tenham tempo para acompanhar seu pet, até porque se vc se importa, vc acha um tempo...
    Qual mãe continua deixando o filho em uma creche que sabe que foi maltratado ou poderá ser?
    Difícil não responsabilizar os donos, de certa forma estão sendo punidos, mas o pobre animal é quem paga o alto preço do abandono, medo, dor, violência e até da morte!

    ResponderExcluir
  3. Eu sou Tosadora e não consegui entender como esse estúpido conseguiu fazer esse buraco na pele da cadelinha. Também não consegui entender como a dona da cadela tendo observado cortes profundos provocados por tesoura, e só ter levado a sua "bebê" ao veterinário no dia seguinte. Em banho e tosa tudo pode machucar! Lidamos com instrumentos cortantes o tempo todo, portanto, é necessário ter cuidado, concentração, atenção, habilidade, calma e acima de tudo amor pelos cães. As pessoas que não possuem essas qualidades jamais deveriam trabalhar com os animais. Acompanhem seus bichinhos sim, observem o trato que lhes é dado. Esses acontecimentos nos pet shops são no mínimo lamentáveis,mas existe um lado dos pet shops que ninguém sabe, todos desconhecem, acredito que seja, porque não passe na cabeça de ninguém, todos pensam que quem trabalha nos pets sem excessão, são torturadores de animais, isso não é verdade, há sim boas pessoas, bons profissionais. O que vocês não imaginam é que existam maus donos, que não se importam com seus bichinhos, e que deixam tosadores e banhistas chocados com o desprezo que alguns donos tratam seus animais. Sheila, eu estou preparando material para mandar para você que comprova o que eu estou dizendo. Há donos que exigem tosas complicadas de se fazer em cãezinhos idosos, com 15, 18 anos... Animais cegos e debilitados, com problemas cardíacos. Cães que chegam para banho ou banho e tosa com os olhos fechados pela secreção que sai de seus olhos e essa secreção se acumula e seca, impedindo o animal de enxergar. Esses donos são incapazes de limpar os olhos do bichinho, e quando a gente consegue limpar e eles abremnos olhos, já estão com a visão comprometida. Sheila, vou te provar que o que digo é verdade, você vai ficar chocada. Lamento do fundo da alma que os animais sejam maltratados, seja lá por quem quer que seja.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com seu comentário, pois sou tosadora, também, e fico muito triste quando todos jogam pedras e julgando quem trabalha em petshop. Gente, não julguem todos por alguns. Eu tenho o máximo de cuidado, trabalho com várias lâminas iguais para troca e mais o resfriador. Já trabalhei em vários lugares e quando via que o local não era bom, pedia as contas. Hoje trabalho com gente que gosta e respeita os pets. Gosto do que faço e jamais desconto minhas tristezas nos animais. Pelo contrário, o tempo que passo com os pets são os melhores momentos do dia para mim. Quanto ao comentário da tosadora sobre o descaso dos donos: Assino em baixo! Já banhei cães cheios de feridas devido ao acúmulo de nós, sujeira nos olhos e genitais. Cães que vivem até mesmo em apartamentos e pasmem, dormem com os donos que chegavam imundos, todo cheio de nós, pulgas e carrapatos. Quando questionamos as feridas eles logo dizem que a culpa é nossa! Eu quando recebo um animal, olho ele todinho e já mostro se tem ferida. Infelizmente existem muita gente frustrada trabalhando nessa área, MAS TAMBÉM, TEM MUITO PROFISSIONAL RESPONSÁVEL, TAMBÉM! Fiquem em paz!

      Excluir
  4. Jorge Romano23/01/2016 18:56

    Coitada da Bella, cercada por idiotas. Pelos relatos, a tutora deve ser ocupadíssima, mas tempo para escrever cartinha pedindo "investigação" da proteção animal ela teve. Ir a uma delegacia e registrar ocorrência de maus tratos nem pensar. As pessoas estão emburrecendo e quem paga são os pobres animais. NUNCA SE DEVE DEIXAR ANIMAIS SEM ACOMPANHAMENTO EM PET, VET OU QUALQUER LUGAR.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪