17/12/2015

RJ ganha canais para denúncia contra maus-tratos em animais

Olha, vou testar esta Comissão mandando aquela nossa denuncia - URGENTE: Garotos amarram bombas no rabo do cachorro e outro joga gatos pelo muro. Vamos pegar estes canalhas - Rio  - posto que, até agora, mesmo com uma enormidade de encaminhamentos aos órgãos competentes, nada foi feito.
-----------------------
Relatos podem ser feitos pelo telefone ou por e-mail.
Atendimento é de segunda à sexta entre 9h e 18h.

Cadela apelidada de 'Carminha' passou a noite tranquila na Suipa
(Foto: Renata Soares/G1)

A população do Rio de Janeiro, graças à Comissão de Defesa dos Animais da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), ganhou dois canais para quem quiser denunciar maus-tratos. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (14). Os relatos podem ser feitos pelo telefone 0800-2823595. O atendimento é de segunda à sexta entre 9h e 18h. As denúncias também podem ser encaminhadas para o e-mail
comissaodireitodosanimais@alerj.rj.gov.br. Para denunciar, basta mandar texto e fotos, comprovando as alegações, que a Comissão irá apurar os casos com rigor.

"Com a abertura desses canais, a população entrará em contato direto conosco para relatar os abusos que acontecem com nossos bichinhos. Pedimos que encaminhem fotos nítidas e textos com o máximo de dados para nosso e-mail, que faremos as apurações dos relatos. Quem preferir denunciar por telefone, deve ligar em horário comercial. A população não deve ter medo, pois denunciar é um ato de cidadania", ressaltou a presidente da Comissão, Daniele Guerreiro.

São considerados maus-tratos o abandono, espancamento, envenenamento, prender animais em correntes, negar água e comida, capturar animais silvestres, obrigar o animal a puxar peso superior à sua força, negar assistência veterinária ao animal ferido ou doente, não abrigar o animal na chuva ou sol, utilizar animais em shows que lhes cause estresse e promover rodeios e rinhas de galo, entre outros.

8 comentários:

  1. Anotado! Vamos ver se vão agir e fazer cumprir-se a Lei.

    ResponderExcluir
  2. Acabei de ler essa matéria no G1 e mandei para vc.
    Anotei o número na agenda do celular, nunca saberemos quando vamos precisar

    ResponderExcluir
  3. Jorge Romano17/12/2015 13:28

    A esperança é a última que morde. Vamos tentar e ver no que vai dar. Tem muito covarde achando que animal foi feito para "curar" suas frustrações e fracassos.

    ResponderExcluir
  4. Nunca sou pessimista, mas penso muito antes de acreditar nas coisas antes que estejam funcionando e trazendo resultados significativos.
    Geralmente as iniciativas de políticas sociais só duram em períodos em que seus idealizadores estejam cumprindo seus mandatos, depois que saem ou conseguem os seus principais objetivos, as coisas desandam como tantas outras iniciativas que jamais funcionaram mesmo durante as gestões dos seus idealizadores. Na verdade, desconfio muito das propostas enquanto são apenas propostas e que, historicamente, não vingam e muito se comparam às práticas da caça para capturarem votos.
    Desejo muito que essa iniciativa seja duradoura, seja eficaz, seja honesta e em muito fortaleça a luta dos amantes e respeitadores dos animais.

    ResponderExcluir
  5. As pessoas que lutam sós para amenizar o sofrimento dos animais na cidade do Rio de Janeiro, deveriam processar as autoridades locais - leia-se prefeito - pelo não cumprimento da lei que é bem clara ao referir-se aos animais como sendo de responsabilidade das autoridades governamentais constituídas.

    ResponderExcluir
  6. Vamos torcer para que as denúncias que chegarem a este canal sejam de fato apuradas. Que as pessoas que estão à frente sejam realmente a favor do direito à vida digna dos nossos irmãos animais. E se levarem em conta a máxima "Fazer ao outro o que quero para mim mesmo", esse canal não vai parar mesmo que mude a política, a religião, o time, ou qualquer outra coisa. Compartilhado.

    ResponderExcluir
  7. Liguei para o 0800 e esse e-mail está com problemas para receber mensagens
    Pediram para ligar novamente amanhã pois eles iam entrar em contato com a área técnica para resolver o problema.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O meu não voltou... pelo menos ainda. Vou reclamar também.

      Excluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪