11/09/2015

Visitante de zoológico inconformado lança campanha para libertar elefante do sofrimento - Paquistão

Vamos ajudar a libertar Kaavan  que está há 28 anos com as quatro patas acorrentadas em zoológico no Paquistão. CLIQUE PARA ASSINAR A PETIÇÃO. Não deixe de fazê-lo e divulgar entre amigos.... A liberdade  deste elefante depende de você!!!!!! não negue isto a ele!!!!!!!!!
-----------------------------------

A maneira  certa para garantir a continuidade do sofrimento de um animal abusado  é testemunhar isso e não fazer nada. Esta é uma história de alguém que fez o oposto.

(este vídeo de dezembro de 2014 já mostrava o sofrimento deste animal)

No mês passado, Samar Khan estava de férias no Paquistão quando  parou para uma visita ao
Murghazar Zoo, na capital de Islamabad. Mas o passeio alegre logo foi drenado de qualquer alegria. Lá, Khan encontrou um dos mais tristes cativos animais do mundo, um elefante macho chamado Kaavan, cuja existência torturante foi demais para Khan ignorar.


"Fiquei surpreso e triste ver o elefante que estava de pé em um só lugar todo o tempo (eu passei quase 45 minutos no jardim zoológico) e suas pernas estavam todas acorrentados", Khan escreveu mais tarde. "Ele estava se movendo a cabeça da esquerda para a direita de forma contínua. O primeiro pensamento que me veio à mente foi que ele estava drogado. Ele estava parado  no mesmo lugar, sem mover uma perna. A única coisa que estava se movendo em seu corpo estava a cabeça, da esquerda para a direita ... foi uma visão lamentável. "

Todos os anos, o zoológico atrai cerca de um milhão de visitantes, muitos dos quais provavelmente passam no recinto de Kaavan e ignoram o seu destino. Khan, por outro lado, foi estimulado em tomar uma atitude.

Uma vez de volta para casa na Califórnia, ele lançou uma petição  informando aos outros sobre o que tinha visto e exortando-os a ajudar a levar uma vida melhor para Kaavan. A resposta foi esmagadora. Em questão de dias, mais de 30.000 pessoas de todo o mundo tinha acrescentado seus nomes para a petição.

À luz da petição de Khan,  o governo de Islamabad mandou supervisionar o jardim zoológico, ordenando dar um alívio ao sofrimento do pobre elefante. "Ele será libertado de suas amarras",  foi o prometido pela  Autoridade de Desenvolvimento de Capital, depois de realizar uma reunião para avaliar a situação.

Entretanto, de acordo com The Express Tribune. em matéria publicada hoje,  "Kaavan ainda está em cadeias", apesar do "o presidente do Paquistão, devido a repercussão do caso, tivesse ordenado à gestão do zoológico para seguir protocolos padrão e internacionais definidos para os animais em cativeiro",  segundo  Sheikh Suleman, diretor-geral do ambiente.

O autor da petição para libertação de Kaavan, pede. "Ajudem a pressionar as autoridades para eliminar progressivamente a exposição  Kaavan e enviá-lo para um santuário de elefantes no exterior!" 

Fonte: The Dodo
Tradução livre do Google

7 comentários:

  1. *Isto é, algo initeligível, covardia, degradante e desonesto, pois, quantos zoológicos no mundo que possuem elefantes e no entanto, estes não sofrem tais abusos? Pelo que deu para perceber é que eles são omissos em fazer instalações onde o elefante pode ficar em segurança assim como oferecer segurança aos visitantes!*

    ResponderExcluir
  2. Assinado,um ser magnifico não merece passar por tanta humilhação,nas circunstâncias que anda a raça humana essa sim merecia estar ali acorrentada.

    ResponderExcluir
  3. Esta é uma prática de psicopatas humanos sem mãe, sem coração e sem Deus que extrapolaram do seu livre arbítrio e da sua faculdade de pensar. Demônios não são tão maus. Assinado com fé.

    ResponderExcluir
  4. Seres das trevas. Gente ruim, raça do mal. Não abriu mas vou assinar mais tarde com o computador de mesa.

    ResponderExcluir
  5. É um absurdo covarde e cruel,não tem perdão , manter o pobre animal acorrentado,com certeza quem deveria estar acorrentado é o responsável por essa situação!!

    ResponderExcluir
  6. Não bastasse estar recluso num zoo e ainda o acorrentam? Isso é doentio!

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪