09/07/2015

Conheça a lista de instituições autorizadas a fazer testes em animais

Galera da Sampa, esta lista está dando endereço de todas as entidades que fazem pesquisa com animais.... é só mandar ver.... VEJA A LISTA
---------------------------------------------------

Apesar de serem proibidos os testes com animais na indústria cosmética da União Europeia (desde 2013) e no estado de São Paulo (desde o ano passado), ainda existem centenas de instituições autorizadas a realizar pesquisas em animais no Brasil.

A maioria delas, porém, são órgãos públicos ou universidades estaduais e federais espalhadas pelo país. Das 370 instituições que possuem a autorização, apenas 43 são empresas particulares sem fins educacionais expressos na razão social (o nome oficial). Destas, 20 estão ligadas à área agropecuária e as 23 restantes dizem respeito à produção de alimentos e medicamentos.

O uso excessivo de animais para testes gera protestos pelo mundo, como este em Paris, França, no ano passado.

Segundo o Ministério da Ciência e Tecnologia, responsável pela divulgação de uma lista para consulta pública elaborada pelo Conselho Nacional de Controle de Experimentação Animal, a
empresa ou instituição de ensino que deseja fazer testes em animais precisa primeiro formar uma Comissão de Ética no Uso de Animais. Na sequência, é ainda necessário obter o Cadastro das Instituições de Uso Científico de Animais (Ciuca), em que deve informar a natureza da pesquisa que pretende realizar.

A lei brasileira vigente, N° 11.794 de outubro de 2008, estabelece as diretrizes para o conceito de “testes em animais”, que não considera como experimento a identificação do animal por meio de tatuagem ou anilhamento (aquelas “pulseiras” usadas frequentemente em aves). As “intervenções não-experimentais relacionadas às práticas agropecuárias” também não se enquadram na definição.

Os ratos são um dos animais mais utilizados em laboratórios de universidades. 

A lei ainda estabelece o Conselho Nacional de Controle de Experimentação Animal (CONCEA), que tem como objetivo fiscalizar e garantir o “cumprimento das normas relativas à utilização humanitária de animais com finalidade de ensino e pesquisa científica”. Qualquer instituição ou empresa interessada na criação ou no uso de animais para pesquisa precisam estar credenciadas no CONCEA.

Diversas raças de cachorros, como estes king charles cavalier spaniels, também são utilizadas em experimentos.

O caso mais famoso envolvendo testes com animais aqui no Brasil aconteceu em outubro de 2013, em São Roque-SP. Na oportunidade, ativistas entraram no Instituto Royal e libertaram mais de 150 cachorros da raça beagle. Desde então, o assunto tem aparecido mais e iniciativas como a lista aberta das instituições liberadas para realizar pesquisas nos animais ajudam a esclarecer o tema.

Fonte: 4Teen

3 comentários:

  1. gentalha atrasada. Usam animais inocentes, indefesos, torturam e matam sendo que tem métodos alternativos. são sádicos travestidos de cientistas. É pseudo ciência. NOJO !

    ResponderExcluir
  2. Jorge Romano09/07/2015 19:19

    18 páginas com entidades autorizadas a praticar atrocidades contra animais, que ELES chamam de testes. Ainda são poucas as empresas que indicam que seus produtos não são testados em animais.

    ResponderExcluir
  3. A B.A.R.I.L.L.A não testa em animais - só uso massas Barilla.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪