01/06/2015

Sem-teto acha filhote no lixo e leva ao veterinário

Realmente, é muito bom ler notícias do gênero, não?
--------------------------------------
A bondade existe e não depende de cultura, ou classe social.

Um morador de rua achou um filhote de cachorro enquanto garimpava lixo, no Rio de Janeiro.

O bichinho era tão pequeno que o homem, identificado apenas como Fernando (foto abaixo), achou que fosse um rato e pensou em atacá-lo. Mas logo percebeu o engano e ficou emocionado.

Ele correu com a cadelinha para o veterinário para que fosse socorrida. A imagem tornou-se
viral nas redes sociais. "Ele veio com os olhos marejados me pedir ajuda. Jamais negaria", escreveu Eli Brito, proprietária da clínica veterinária, no post que teve mais de 3.000 curtidas no Facebook.

Carinho
Fernando é quem vai continuar cuidado de "Sucatinha", segundo Eli. "Ofereci uma mantinha para as noites de frio. Ele disse: 'Precisa não, eu tenho um edredom e ela vai dormir comigo'." Eli afirma que vai continuar ajudando nos cuidados da cadelinha. 

"Ao fim do atendimento ele me deu um beijo e disse... Deus te pague! Eu é que agradeço Fernando, e que Deus te recompense!"


Semelhança
O caso lembra o de outro morador de rua, Cláudio Alcir Almeida Santos, de 45 anos e seu cachorrinho.

A foto em que ele aparece dormindo com seu escudeiro fiel, Negão - um vira-lata resgatado que tem sua própria cama e cobertor - também viralizou na internet, como mostramos no SóNotíciaBoa. Reveja aqui.

6 comentários:

  1. Conceição01/06/2015 09:15

    Sr Fernando, obrigada por existir, parabéns e que junto com Sucatinha, seja muito feliz.
    Agradecimentos a clinica veterinário que o socorreu, precisamos de mais assim, com sentimentos e não os mercenários que conhecemos aos montes, que só para dar uma olhadinha no bicho lhe tiram o couro.

    ResponderExcluir
  2. Ainda existem Seres Humanos, graças à Deus! Obrigada à veterinária e muita saúde e amor pra ela! Sr. Fernando... cuida bem da Sucatinha, tá?
    Lígia

    ResponderExcluir
  3. Não é uma questão de dinheiro
    É uma questão de caráter, valores morais!

    ResponderExcluir
  4. Que Deus os abençoe e proteja sempre. Feliz de quem cuida de um animal pois está em alta conta com o Pai Maior.

    ResponderExcluir
  5. Como o mundo seria maravilhoso se toda a humanidade fosse como esse homem e tantas outras pessoas boas como ele. Espero que alguém da região acompanhe suas necessidades e que futuramente, possa auxiliá-lo na vacinação e castração de sua amiguinha.

    ResponderExcluir
  6. Boa sorte com o cãozinho, Sr. Fernando. Mas não se esqueça de que os ratinhos também são de carne e ossos como ele e nós, e também têm igual direito à vida e ao bem estar e não os maltrate - cuidar de uns e maltratar outros não é sinal de caráter.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪