14/03/2015

"50 milhões de animais são mortos por ano pela moda", diz Stella McCartney

Bem, isto falado por alguém como a Stella tem um peso imensurável, não? muito bom!!!!!
---------------------------------------------------------



Soltas, mas bem cortadas. Fluidas, mas estruturadas. Stella McCartney apresentou um verdadeiro estudo de contrastes em seu desfile de prêt-à-porter 2015 nesta segunda-feira (9) em Paris, com uma coleção ao mesmo tempo extremamente exuberante e descontraída como a moda esportiva. Mas foram os casacos de pele sintética que mais chamaram a atenção.

As peças em preto e marfim, envoltos em bordados de formas geométricas nas laterais e mangas,
captaram os olhares do público e da imprensa. "Se a indústria da moda abrisse mão das peles e as substituísse por peles sintéticas durante uma temporada, teria um impacto enorme", disse a estilista nos bastidores. "Mais de 50 milhões de animais estão sendo mortos por ano em nome da moda, e não concordo com isso."

Stella disse que mesmo os mais exigentes não serão capazes de notar a diferença quando compararem a pele verdadeira da sintética. "Na verdade, acho que a minha tem uma aparência melhor", afirmou.

Coleção elegante
A afinidade de Stella com peças que dão liberdade de movimentos, cingindo o corpo sem sufocá-lo, encontraram sua melhor expressão no desfile realizada na opulenta Opera Garnier, ao qual seu pai, o músico Paul McCartney, compareceu ao lado de astros como o rapper Kanye West e o ator Woody Harrelson.

As calças, que no mundo de Stella normalmente têm cintura baixíssima, vieram com cintura alta. Largas nas pernas para criar uma sensação de fluidez e sensualidade. Suas extraordinárias peles sintéticas surgiram ao lado de casacos de lã em tons de cinza, e até tweed preto e branco, justos no corpo, mas atados na cintura.

Um terninho lembrou um agasalho de ginástica cinza tradicional tanto na cor quanto no conforto, mas a versão de Stella em algodão leve era puro luxo, com dobras de tecido na cintura e recortes nas mangas curtas para criar movimento e fluidez.

Fonte: UOL

5 comentários:

  1. A humanidade ainda tem muito a evoluir ... estamos longe de atingir o "centésimo macaco"

    ResponderExcluir
  2. Disse TUDO, Verônica.
    Rita de Cássia - Curitiba/PR

    ResponderExcluir
  3. Stella McCartney é uma exemplo a ser seguido. A verdadeira elegância vem do interior de cada um.

    ResponderExcluir
  4. Queiroz Alcântara16/03/2015 07:54

    Infelizmente, ainda não atingimos o nível de consciência que rejeita a morte necessária dos animais para cobrir o corpo. Stella Mc Cartney compreendeu muito bem a lição do pai famoso e seria excelente se a indústria de calçados também aderissem a prática de usar o couro sintético em vez do legítimo.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪