26/02/2015

O caos vivido pelos usuários dos serviços do Instituto de Veterinária do Município do RJ





CORREÇÃO





A Assessoria de Imprensa do CECAL, que vem gentilmente esclarecendo nos comentários da postagem nosso equívoco de interpretação do constante no Portal de Transparência referente a lotação da servidora federal Maria Inês Dória Rossi, nos confirmou, via telefone, que a mesma é lotada sim na "Direção" daquele Centro de Criação de Animais de Laboratório e não "Diretora" como nos levou a supor devido a abreviação da palavra "DIR". 

O CECAL nos afirmou que a atual diretora do IJV foi cedida formalmente à Prefeitura do Rio, que a mesma não cumpre expediente naquela Unidade e que se a mesma for encontrada lá, seria, apenas, para rever colegas de trabalho. Pedimos nossas desculpas à Dra. Carla Campos, esta sim diretora do Centro, por erro de  interpretação da página do Portal.

Bem, agradecendo a gentileza da Assessoria do CECAL e tudo devidamente esclarecido, espero que a diretora Inês do IJV, nos mande um numero de telefone para que possamos conversar com ela e entender os motivos das reclamações de usuários daquele nosso amado Instituto de Medicina Veterinária. O intuito único do nosso questionamento é sobre o atendimento de pessoas sem recursos que usam aquela Unidade para salvar a vida dos seus animais de estimação.

Ah, em tempo: você que anda colocando postagem anônima "elogiando" a atual direção  para contradizer minha postagem, faz isto não.... é muito feio.... E não vou tirar do ar não, tá? sei quem é vc., mas, não vou atender seu pedido não.  Já está registrado e quando eu quiser comprovar seu pouco caráter, terei como. 
------------------------------------------------------

Eu tinha decidido não abrir mais a boca porque: primeiro se tornou cansativo ver que ninguém se toca nesta desgraceira e segundo o deboche do Prefeito do Rio com relação a vida animal é de revoltar qualquer santo. Mas, vamos lá:

Tenho recebido inúmeras reclamações de protetoras dedicadas que usam, ainda, os serviços oferecidos pelo meu querido Instituto Municipal de Medicina Veterinária Jorge Vaitsman, onde encontramos grandes profissionais da medicina veterinária.... Na verdade, sei lá porque eles ainda continuam lá...... A maioria já se mandou por aposentadoria ou transferência.

Depois que o atual e insuportável Superintendente de Vigilância Sanitária Lassance incorporou um "coisa ruim", transformou todas nossas conquistas em um mar de esgoto.... O Instituto, como ele queria, virou "Laboratórios", ficando a parte que nos interessa sob o comando de quem não entende nada do assunto. Foi a vitória do mal mesmo!!!!

Sua atual diretora é, também,  Diretora do Centro de criação de animais para laboratório da FIOCRUZ. Segundo fui  informada, ela não tem horário para comparecer ao IJV, pois, PARECE (eu disse parece) que continua dando expediente naquela Fundação. Daí, quem tem "administrado" o nosso querido Instituto é a Enfermeira Daise. Não sei quem é a pessoa, mas, fui informada que ela é enfermeira e que tem estabelecido procedimentos bem diferentes das necessidades do segmento de pessoas humildes que só podem levar seus animais naquela Unidade por ser baratinho.

Dentre estas mudanças, é a entrega de todas as senhas para atendimento do dia pela manhã cedinho (+ou - 50 números). Antes, eram entregues pela manhã e depois do almoço. Ou seja, você poderá pegar a senha 50 às 7 da manhã e ser atendida às 17hs, quando encerra o expediente. Nem vou explicar o que isto representa para uma mulher de 70 anos que pega o trem às 5 da manhã em Santa Cruz para levar seu bichinho na Mangueira ..... Uma protetora, aos prantos, me contou que a Enfermeira Daise lhe respondeu que ela teria que se adaptar a nova realidade.....

Agora, o principal de estar aqui registrando mais uma situação revoltante é que: "elas" resolveram acabar com a quimioterapia feita naquela Unidade. Sabe lá o que é um hospital de veterinária municipal oferecer este serviço? Pois é, agora não aceitam novos pacientes. Vai terminar o tratamento dos que estão recebendo as aplicações e ponto final..... É mole? triste demais..... Tentei falar com o veterinário responsável pelo serviço, mas, não consegui. O raio do telefone não atende nunca.....

Soube, também, que o atendimento de homeopatia continua apesar das tentativas de prejudicar tal prestação de serviços. É um caos mesmo!!!!!!  Só lamento estar com minha saúde debilitada, pois, do contrário estaria PROTESTANDO jogando fezes na porta da Prefeitura do Rio como a Isabel, presidente da SUIPA, fez com a AMPLA que cobra, mas, não oferece um serviço de energia decente. Ia valer ser processada como ela está sendo (segundo a imprensa) pelo ato.

As cirurgias são marcadas para seis meses depois, pois, falta pessoal. Vejam se pode isto? se o animal sobreviver, opera... senão enterra.... Caos total!!!!!

Agora, que fique claro que tudo que falei foram informações recebidas por protetores e que foram checadas com alguns funcionários. Não consegui encontrar a diretora Maria Inês para que ela confirmasse. Desculpe, mas, não tenho tempo de ficar ligando para encontrá-la. Fica, então, o espaço aberto para qualquer esclarecimento da administração daquele Instituto de Medicina Veterinária.
-------------------------

Caso queiram ler  algumas postagens nossas que compõem o dossier sobre esta desgraceira toda CLIQUEM AQUI

14 comentários:

  1. NOTA DE ESCLARECIMENTO. A diretora do Centro de Criação de Animais de Laboratório da Fiocruz (Cecal) foi citada no post de 26/02/2015 do blog “O Grito do Bicho” como sendo responsável também pela Direção da Unidade Municipal de Medicina Veterinária Jorge Vaitsman, no Rio de Janeiro. Essa informação está equivocada. O Cecal esclarece que a sua diretora não possui qualquer relação com a Unidade Municipal de Medicina Veterinária Jorge Vaitsman, tratando-se, portanto, de outra pessoa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo esclarecimento, mas, são pessoas diferentes? http://www.portaldatransparencia.gov.br/servidores/Servidor-DetalhaServidor.asp?IdServidor=1446294

      Excluir
    2. O link de nomeação na Prefeitura... Não são a mesma pessoa? estranho mesmo! aguardo sua confirmação. Obrigado
      http://doweb.rio.rj.gov.br/visualizar_pdf.php?reload=ok&edi_id=00002565&page=9&search=maria%20ines%20doria%20rossi

      Excluir
    3. A sigla UORG (Unidade Organizacional) no Portal da Transparência identifica neste caso a lotação da servidora e não a função que ocupa. O Centro de Criação de Animais de Laboratório da Fiocruz (Cecal) reitera que a sua diretora não possui qualquer relação com a Unidade Municipal de Medicina Veterinária Jorge Vaitsman. Trata-se de outra pessoa.

      Excluir
    4. Agradecemos muito a quem está respondendo pelo CECAL esclarecendo nosso possível equívoco. Mas, por favor, por estar meio contraditório suas afirmativas e o apurado, peço que responda objetivamente:

      1 - a pessoa em questão ( Inês - diretora do IJV) não é "diretora" do CECAL, mas, está lotada nesta Unidade da Fiocruz? sim ou não?

      2 - quando fala "trata-se de outra pessoa", vocês estão afirmando que é um caso de homônimo? SÃO PESSOAS DIFERENTES COM O MESMO NOME?

      3 - quem é o (a) atual diretor (a) do CECAL e teríamos um telefone para conversarmos com a direção? caso queiram enviar em separado podem usar o e-mail falabicho@falabicho.org.br

      Aguardamos sua pronta resposta para que possamos corrigir nossas informações baseadas em documentação pública.
      Muitíssimo obrigado

      Excluir
    5. Informações sobre o Cecal podem ser encontradas no site da Fiocruz e no site da unidade (www.cecal.fiocruz.br).

      Excluir
  2. Nossa, você realmente deve estar com a saúde muito debilitada, pois diferente de suas colocações a Unidade de Medicina Veterinária que agora é administrada, graças à Deus, por uma pessoa competente que tem visão de Saúde Publica e realmente só quer o bem dos animais teve uma melhoria incrível que só não vê quem não quer.
    A senha, diferente de suas colocações, organizou o serviço. e todos são atendidos. diferente da bagunça que era. Acabou a baderna,que parece desagradá-la. Não há mais "protecionismo" todos são atendidos e muito bem tratados e recepcionados
    A espera é numa sala refrigerada com todo o conforto que os nossos amados animais de estimação merecem.
    A diretora sempre está na Unidade disponível para todos .Gostaria de parabenizar ao senhor Arnaldo Lassance, ao secretário de Saúde e ao Sr Prefeito pela escolha acertada
    E solicitar a senhora que não calunie pessoas serias e comprometidas. Os funcionários que consultou com certeza torcem pela baderna. Parabéns Doutora Inês pelo seu trabalho.

    ResponderExcluir
  3. Sá publica o que quer quem discorda do seu comentário não é publicado.
    Opiniões divergentes são saudáveis Sra

    ResponderExcluir
  4. Você não conhece a diretora ! Ela é maravilhosa, Humana e amiga dos animais.
    A senha é um sucesso.
    E a espera é em sala com ar, uma maravilha e os veterinários agora atendem mais animais.
    Discordo de você colega. Isto é intriga da oposição. O instituto agora está muito melhor que antes.
    Parabéns diretora.

    ResponderExcluir
  5. Nossa tá diferente do que eu vi lá. A diretora é muito boa, A sala de espera tá melhor que hospital publico tenho 70 anos e levei meu animal estava muito calor e eu me senti mal .
    Ela pessoalmente me atendeu e eu sai muito satisfeita.

    ResponderExcluir
  6. É dar um tempo pra ver. Quem sabe não vão mesmo melhorar as coisas por lá. Os veterinarios de la são otimos, professores, muito do bem. Se estão colocando mais gente deve ser pra melhorar. Estava caido aquilo lá.

    ResponderExcluir
  7. Não precisa tirar do ar a postagem, Sheila “Toda Poderosa” Moura, pois nela observamos com clareza que nem você e nem as suas “amigas protetoras” conheciam a realidade do Instituto. A gestão atual, muito competente e honesta, está fazendo de tudo para reverter um quadro tenebroso que se arrasta por lá há anos e anos.

    ResponderExcluir
  8. Elizabeth Cristina Ribas01/03/2015 20:03

    Quem não puder acrescentar, favor não criticar e se não for amigo, se afaste e crie seu próprio
    blog ! Os Animais precisam imensamente de ajuda e não de discórdia e sentimentos negativos.
    Respeitamos a Sheila e não aceitamos agressões a ela !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Beth, agradeço muito sua consideração e respeito.
      Eu publico os comentários desta escória da proteção animal para que nossos leitores conheçam e separem o joio do trigo quando lidarem com pessoas que se dizem protetores. Sei quem é esta pobre de espírito... ela acredita que assinando seu comentário como "anonimo" não consiga identificá-la.... Já está tudo documentado ....
      bjs queridona e, de novo, muito obrigado por seu carinho

      Excluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪