17/12/2014

O gigante da China que tenta salvar os gigantes de África

Fico pensando se teremos chance de salvar criaturas magníficas como estas.... mas, vale entar de tudo!!!! Parabéns ao atleta que se preocupa com os elefantes da África.... Detalhe? gente fina da China!!!!!!!
-----------------
Ming com um elefante bebé numa reserva natural do Quénia, onde gravou um documentário
Yao Ming está a usar a imagem e a fama que o basquetebol e a NBA lhe deram para lutar contra o comércio de marfim.

Yao Ming não é grande. É enorme. Tal como as suas atitudes. O gigante chinês de 2,29 metros (e 120 kg), um dos jogadores mais altos de sempre da história da NBA, dedica-se agora à luta contra o comércio do marfim, que nos últimos 60 anos sacrificou 4,5 milhões de "criaturas magníficas", como
apelida os elefantes e os rinoceronte. Em 2012 tinha abraçado a causa dos pandas.

"Quando vi os corpos dos animais mortos foi uma imagem muito triste e muito forte para mim. Uma experiência muito dolorosa. Cada vez que vejo alguém com um corno de marfim fico muito triste, porque sei que há um corpo, um esqueleto por detrás disso. Há vidas que se perdem em África para que alguém o possa comprar."

É esta dura e triste realidade que quer denunciar no programa Animal Planet o Projeto Yao Ming, um documentário filmado no Quénia, na reserva de Kariaga, um habitat natural de elefantes, onde também participou num anúncio com o príncipe William de Inglaterra e o ex-futebolista David Beckham, onde apelam ao mundo que seja mais firme na defesa destes animais.

FONTE: DNPT

4 comentários:

  1. Parabens para este atleta, precisamos de mais pessoas ligadas a mídia para divulgar tanta atrocidade. Quanto ao principe William fico com o pé muito atrás, pois o mesmo adora caçar. O que para mim não é muito diferente de matar para vender marfim, O fim é o mesmo, a morte de seres inocentes

    ResponderExcluir
  2. Yao Ming, um chinês fazendo a diferença do bem contra o mal, exemplificando para seu país e para o mundo que ser superior é isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sandra disse tudo:::: um chines fazendo a diferença e exemplificando para o seu país e para o mundo

      Excluir
  3. Cristina Calixto17/12/2014 14:01

    Acredito que todas as pessoas públicas deveriam ter a obrigação de usar sua imagem para defender causas sejam elas animais ou humanitárias. É revoltante que pessoas que têm menos são as que mais fazem, enquanto a maldição que se apossa do Poder Público se limita a dar uma enganada, maquiando as ajudas e cruzando os braços. Cansada de incompetência e arrogância dos governos. Mas cada povo tem o governo que merece.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪