17/11/2014

Sexo com animais é negócio em Espanha

Quanto mais pensamos que a humanidade evolui, mais nos conscientizamos que estamos longe de sermos uma espécie em acordo com a beleza deste nosso planeta. Alguém duvida que somos criação de E.T.'s???
-----------------------
Proxenetas cobram mais de 140 euros por sessão de sexo com cães. Cliente também pode escolher ovelhas, burros ou cavalos. 

A conversa telefónica é o primeiro passo. Discutem-se preços, o que se quer fazer, escolhe-se o local e o animal. Em Espanha, os proxenetas de animais podem cobrar mais de 140 euros por uma sessão de sexo com cães. Além disso, as deslocações são pagas a peso de ouro.

O jornal espanhol El Mundo estudou o
emergente mercado da zoofilia (sexo com animais), uma vez que não há legislação que proíba as práticas sexuais com animais em Espanha. Em fóruns na Internet, a procura e a oferta são diversificadas: homens e mulheres de várias idades, solteiros e casados, procuram cães, ovelhas, cavalos ou burros. Os animais são criados desde o nascimento para um só fim – fazer sexo com humanos.

"Espanha converteu-se num paraíso para gente com estas inclinações e é uma grande produtora de pornografia zoófila. O facto de este género de práticas terem lugar na clandestinidade, não quer dizer que não aconteçam. Aliás, acontecem mais do que se pode imaginar", alerta a advogada Nuria Menéndez de Llano, grande defensora da proibição da zoofilia e membro do Observatório de Justiça e Defesa Animal.

A Dinamarca era um dos poucos países europeus no qual a zoofilia era considerada legal. Agora, à semelhança de quase toda a Europa, já foi anunciada uma lei que proíbe os atos sexuais com animais.

FONTE: JusBrasil

9 comentários:

  1. Depois perguntam por que eu não gosto de gente... Imagina, que maravilhoso seria, ver um sujeito desse levando um coice de burro. Com tanta gente à toa, por conta, abusar de um animal. Tinha que morrer seco, esturricado e com as tripas pra fora o sujeito que faz isso.

    ResponderExcluir
  2. Cristina Calixto17/11/2014 12:57

    Que horror! Que gente amaldiçoada...

    ResponderExcluir
  3. Algo deve ser feito em defesa dos animais, essas pessoas são doentes mentais.

    ResponderExcluir
  4. Acho q sou má. Deveriam pegar de início quem cria os animais pra esse fim e depois os q abusam.Vocês já viram o que acontece quando chipanzés machos atacam seres humanos? Quando o ataque é contra o sexo masculino eles vão direto aos órgãos genitais pra começar. Quando atacam mulheres o estrago tbm é grande.
    Seria lindo de se ver com essas pessoas(bostas).

    ResponderExcluir
  5. Preocupo-me com as crianças, filhos destes humanos sem noção convivendo com esses paranóicos sob o mesmo teto e, quando crescidos, seguindo-lhes os exemplos. Falta Deus nestes corações e sentimentos puros e bons para com os animais que devem se perguntar estarrecidos a razão de humanos procederem assim com eles, descendo tão baixo.

    ResponderExcluir
  6. Este belo e exuberante planeta foi transformado num imenso e bizarro laboratório onde o pior produto foi criado. E o pior disso tudo, é que isso é mantido pela ignorância desse protótipo controlado chamado Homem.

    “A realidade é mais estranha do que a ficção, porque a ficção precisa fazer sentido.”
    Lykke Li

    ResponderExcluir
  7. Ser humano, a erva daninha do planeta Terra!
    A coisa mais nojenta que existe é o mais forte sobrepujar o mais fraco. Covardes que abusam de indefesos. Tomara morram lenta e miseravelmente.
    Beijos pra Sheila e muita, muita saúde!!!
    Iraí

    ResponderExcluir
  8. O coisa bestial, nojenta e doente esta prática abominável. Que demente faz uma coisa destas???!!! Me vira o estômago só em ler, nem posso imaginar. A Espanha para mim sempre foi um país profano, imoral de gente atrasada e ignorante e agora essa. E imaginar que ainda tem gente que jura ser racional,.... Os animais merecem carinho, respeito e não servir a bizarrices e doenças mentais.

    ResponderExcluir
  9. Um sujeito assim, deveria ter seus testículos moídos num liquidificador.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪