09/09/2014

Lançamento de aplicativo para adoção de animais

Achei muito legal!!!!
-------------
Lançamento de aplicativo para adoção de animais
“Adote pets” vai estabelecer a ponte entre quem encontra bichinhos abandonados e os interessados em tê-los em casa

Acaba de chegar ao mercado o “Adote Pets”, um aplicativo gratuito que pode ser utilizado tanto por quem quer oferecer um animal para a adoção, quanto por quem busca
um bichinho para chamar de seu. Desenvolvida pela startup mineira Aces Labs, a plataforma pode ser acessada pelo aplicativo para celular, nas versões Android e iOS. 

Para utilizá-lo, basta apenas registrar e-mail ou entrar com o perfil das redes sociais. Assim que registrar, o usuário receberá um e-mail para validar a conta e logo depois receberá o token (senha de acesso) para cadastrar algum pet. Atualmente já existem mais de 600 animais cadastrados, principalmente cães e gatos, mas também há animais mais exóticos como coelhos e pássaros. A iniciativa encontrou adeptos em 42 cidades, localizadas em 17 estados de todo o Brasil (Acre, Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Roraima, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe).

Conforme explica Davi Soares, um dos sócios da Aces Labs, o cunho social do aplicativo foi o principal motivador para a empresa apostar no seu desenvolvimento. “Sabíamos que as pessoas têm pouco acesso aos animais para adoção e decidimos tentar melhorar a forma como elas chegariam a esses milhões de animas no Brasil. A partir daí começamos a pesquisar e vimos que a situação das ONGs era ainda mais crítica e que elas realmente precisavam de ajuda, pois com poucos recursos reuniam um número enorme de pets e encontravam dificuldades em mantê-los”, destaca.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que no Brasil existam mais de 30 milhões de animais abandonados, principalmente cães e gatos. Por esse motivo, a Aces Labs possui a meta de chegar até o final do ano com mais de cinco mil animais cadastrados. “Acreditamos que seja questão de tempo para aumentarmos o nosso alcance, pois a plataforma e simples e útil, então tem todo o potencial de se tornar o principal canal para a adoção de animais no país”.

Para alcançar o objetivo, a estratégia inicial e focar na aproximação com as ONGs, pois elas muitas vezes recebem mais animais do que tem condição de cuidar. Davi, lembra que geralmente as instituições que encontram pets na rua cuidam dos animais alimentando, dando banho, castrando e dando remédios e vacinas, quando necessário. “Algumas delas chegam a ter ao mesmo tempo mais de 40 animais. O que queremos é que quem encontre um animal na rua ou tenha um animal para doação, possa rapidamente encontrar um dono para ele”.

Qualquer pessoa que abrace a causa animal pode usar a plataforma. Os interessados em ajudar podem compartilhar as informações sobre os pets disponibilizados para adoção nas redes sociais e utilizar os seus contatos para facilitar o acesso a quem pode estar querendo adotar um animal que ficou sem lar.

4 comentários:

  1. Se há 30 milhões de animais abandonados, é porque essas merdas de políticos, tipo prefeitos, nada fazem. CASTRAÇÃO AMPLA, GERAL E IRRESTRITA !!! É a única solução.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só as fortunas que desviaram no Mensalão e na Petrobrás, daria para castrar e vacinar todos os animais da América Latina!

      Excluir
  2. Vale tudo para propagar a campanha de doação de animais, quanto mais, melhor.

    ResponderExcluir
  3. Jorge Romano10/09/2014 19:47

    MARAVILHA!! Já baixei e estou "futucando" para conhecer. Esses programas precisam ser divulgados para acabar com essa idéia maluca de comprar animais. Animal não precisa ter "raça" para serem fantasticos. Os humanos não tem raça definida mas querem ter um animal de raça pura. Esse aplicativo precisa ser bastante divulgado.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪