30/08/2014

Será julgado o árabe que tortura raposa do deserto - Arábia Saudita

Eu gosto de fazer nossas postagens com as devidas informações. Ao ver este imbecil torturando esta raposa do deserto, fui correr atrás de mais detalhes. Aqui estão... foi uma trabalheira danada...
-----------------------------------
Foi enviado a Comisão Saudita para Vida Animal, um vídeo divulgado nas redes sociais sobre a tortura de uma raposa. Finalmente, conforme o solicitado pela Comissão, foi expedido uma Carta Oficial do Ministério do Interior mandando prender e aplicar uma punição rigorosa contra o algoz da pobre raposa.


O chefe da Comissão Saudita  Wildlife, príncipe Bandar bin Mohammed Al-Saud, considerou "vergonhoso e nojento" a atitude daquele árabe salientando que ele deveria ser preso antes que  penalidades mais severas lhe fossem aplicadas. Além, o principe pediu a promulgação de leis rigorosas para punição de atos de crueldade contra animais. 

Fonte: Alhayat

Publicado em 28/08/2014

--------------------
Agora, o tal cidadão que apareceu no vídeo se chama Ahmad Al-Shammari e alegou que não cometeu pecado nenhum e vai alegar no seu julgamento que matou a raposa porque ela estava provocando enormes perdas ao comer galinhas e ovos. 

Confirma que a torturou porque ela atreveu-se a atacar Hzirta (acampamento árabe no deserto). Diz ele que as raposas são conhecidas por serem travessas e que ele não queria mata-la. Mas, entre proteger sua Hzirta dos seus ataques, preferiu pegá-la e puni-la exemplarmente.


Acha que prestou um serviço aos moradores do deserto porque ela atacava as aves locais, as galinhas, pintinhos e até o gado. Ele arrancou os bigodes da raposa como forma de desmoralizá-la. O vídeo, que foi vinculado na TV árabe durante o mês sagrado do Ramadan, revoltou os árabes mulçumanos que aguardam o julgamento. 

 Fonte: SABQ On line
Tradução livre com auxilio do Google

20 comentários:

  1. Ainda sonho com um País em que vivemos que tenha fiscalização e punição coerente com quem maltrata animais. Vemos tantos exemplos de que em outros países a lei funciona porque não aqui?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em países de primeiro mundo, colega, nem sempre a lei funciona para policiais corruptos e congêneres que sabem burlar a lei porque fazem parte dela. Só não consigo entender a razão de brasileiros comparando pejorativamente a nossa pátria mas continuando com os pés aqui. Num lar pobre e doente não cabe aos seus moradores ficar olhando a riqueza e a saúde na casa vizinha mas enriquece-lo e cura-lo sem ter vergonha de morar nele. Quem gostará do Brasil se brasileiros não gostam dele? Países ricos e bonitos podem interessar-se pelo nosso país sim, mas nem sempre para ajuda-lo a curar-se mas quem sabe tirar um pedaço dele. Se ele não fosse bom, mais ou menos ou aceitável, não estaríamos aqui, é ou não é?!

      Excluir
  2. Agora, vai levar umas boas chibatadas nas costelas. Bommmmm!!!

    Ezequiel

    ResponderExcluir
  3. Tomara que, além das chibatadas, lhe arranquem os bigodes, também.

    ResponderExcluir
  4. Seja qual for a punição, pouca ou muita, pelo menos ele foi punido, coisa que aqui não acontece. Parabéns e obrigada, Príncipe.

    ResponderExcluir
  5. E os outros imbecis que estavam observando e rindo do que esse canalha fazia? que punição eles terão? Como pode alguém maltratar um animal que não tem a mínima condição de se defender? Corja!

    ResponderExcluir
  6. Olha como o bicho tava magro e esse infeliz gordo..tem que levar umas chibatadas para perder essa gordura...imbecil!

    ResponderExcluir
  7. Cristina Calixto30/08/2014 14:29

    Que o Deus deles, Alá, o puna severamente, através das mãos dos seus julgadores. E que ele seja amaldiçoado por toda a sua medíocre vida. Ignorante e parvalhão. Maldito seja um milhão de vezes!

    Perdoem o desabafo, mas não consigo testemunhar calada um ato ignóbil desses sem sentir enorme revolta!

    Pena que não prenderam os outros que estavam em volta e nada fizeram.

    ResponderExcluir
  8. Bem feito pra esse brocha aprender a ser homem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. espero que lá esse julgamento leve à punição ao contrario daqui que se resolve com serviços comunitarios(sabe-se lé se alguem fiscaliza) e cestas básicas....bem "alla brasileira tupiniquim"

      Excluir
  9. Pobre anjinho. Chorei ao ver as fotos. O video, entao, nem consigo ver. Sinto-me impotente diante de tanta crueldade quase todo dia. Precisamos continuar lutando. Ao menos esse desgracado vai ter uma punicao.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. por mais que doa e nos machuque nao podemos desistir e lutar até onde nossas forças alcançarem


      Excluir
  10. Pobre anjinho. Chorei ao ver as fotos. O video, entao, nem consigo ver. Sinto-me impotente diante de tanta crueldade quase todo dia. Precisamos continuar lutando. Ao menos esse desgracado terah alguma punicao.

    ResponderExcluir
  11. Sheila, os comentarios estao habilitados?

    ResponderExcluir
  12. SÓ DE VER AS FOTOS JÁ ME CAUSA REPULSA!
    SER EXECRÁVEL E CRUEL! TOMARA QUE ELE SEJA PUNIDO MESMO!
    O POBRE ANIMAL DEVIA TER FOME!
    O HOMEM MATA POR PRAZER E SADISMO, AINDA TORTURA, AO CONTRÁRIO DOS OUTROS ANIMAIS QUE SÓ MATAM P/ COMER E SOBREVIVER.

    ResponderExcluir
  13. E eu que pensava que naquela região, ninguém se importava com os animais. Mais uma prova a mim mesma de que ninguém é igual, seja em que lugar for.

    ResponderExcluir
  14. isso aí é lixo...ops....lixo é elogio praq ele pois do lixo ainda se aproveitam elementos isso aí nao tem adjetivação....o demônio teme um estupido desses....

    ResponderExcluir
  15. É um ser indigno. Ainda bem que houve punição e revolta.

    ResponderExcluir
  16. pelo menos houve punição para ele isso não era motivo para fazer essa maldade com a coitadinha que sirva de lição para os proxímos de fazer justiça com as proprias mãos

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪