04/07/2014

Populares espancam homem acusado de esfaquear cachorro



Gente, desculpa aê, mas, porque não terminaram o "sirviço"? nojento... covarde...
--------------------------
Populares espancam homem acusado de esfaquear cachorro
As motivações do agressor não foram esclarecidas pela polícia.

Uma suposta briga entre vizinhos terminou com um cachorro esfaqueado e um homem espancado por populares. O caso aconteceu na segunda-feira, 23, na cidade de Delmiro Gouveia, mas só veio a público agora. O acusado, Genivaldo Jesuíno da Silva, conhecido como ‘Babão’, é acusado de esfaquear o cachorro de Rejane Ferreira da Silva.

O agressor desferiu golpes de faca contra o animal e ao perceber que o cão estava ferido a dona do
cachorro acionou a polícia. Ao chegar no bairro Área Verde, em Delmiro, a polícia percebeu que a situação havia saído de controle. Antes da chegada dos policiais, os moradores se revoltaram contra Jesuíno e espancaram-no com socos e pontapés.

O acusado foi levado à unidade de saúde mais próxima e depois de receber atendimento médico foi levado à delegacia da cidade onde prestou esclarecimentos e foi liberado em seguida.

Segundo informações repassadas pela polícia, Jesuíno deve responder por maus-tratos contra animais. A pena varia de três meses a um ano de reclusão e multa.

As motivações do agressor não foram esclarecidas pela polícia.

FONTE Alagoas 24h

11 comentários:

  1. Concordo com você, Sheila. Infelizmente a situação tem que chegar a esse ponto para que marginais passem a respeitar os animais ou temer pela própria segurança. O cão não tinha culpa de nada e foi agredido. Esse peste merecia muito mais que uma surra.

    ResponderExcluir
  2. A polícia deveria ter chegado mais tarde, né? Foi muito rápida! Num caso assim não precisa urgência!
    Lígia

    ResponderExcluir
  3. E pobre cãozinho é velhinho!

    ResponderExcluir
  4. sou obrigada a concordar c/ as colegas acima!

    ResponderExcluir
  5. Uma coisa que me irrita muito na mídia é a mentira.
    "A pena varia de 3 meses a um ano de reclusão e multa". Porque será que os editores da mídia escrita,falada ou virtual deixam essas mentiras serem veiculadas? No Brasil quem é condenado a 4 anos ou pena inferior a esta não é preso. Cestas básicas ou trabalhos comunitários.....o máximo que pode acontecer. Em qualquer nível de crime.É a mesma situação das tais "Medidas Protetivas" dadas às mulheres pela Justiça em nome da Lei Maria da Penha,que todos sabemos só existe no nome. Nada acontece aos "agressores". Se não acontece em relação aos seres ditos humanos,imaginem aos animais. Nojo deste nosso país de mentiras.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Falou tudo, Norma! Temos leis demais, mas que não são cumpridas.

      Excluir
  6. Deviam ter furado os olhos dele para que nunca mais volte a agredir!

    ResponderExcluir
  7. O cão ferido sobreviveu aos ferimentos? Corre risco de vida?

    ResponderExcluir
  8. Deveriam ter esfaqueado esse ameba, assim como ele fez ao cachorro. Solto vai matar o cachorro ou a dona.

    ResponderExcluir
  9. Este bundão, com certeza é corajoso com animais e sem querer parodiar a repórter Raquel Sherazade, de quem sou fã por sinal, a surra foi muito justificável. Pena que realmente nada vá acontecer com este grande fd.....

    ResponderExcluir
  10. Jorge Romano07/07/2014 21:41

    As leis são muito brandas mesmo, e pouco aplicadas. Mas a surra foi bem dada, mais uma vez a população saiu em defesa de um animal agredido. Esse idiota não vai fazer mais nada contra o cão nem a mulher. A lembrança da surra que levou vai ser sua companheira eterna.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪