27/06/2014

Cientistas conseguem fazer macacos desenvolver aids



Juro por Deus!!!! eu queria entender o raciocínio destes caras de pesquisa que fazem as maluquices sem que ninguém os impeça.  O dinheiro e tempo gasto nestes procedimentos para modificar o organismo do animal para que ele tenha sintomas de doenças humanas é um escárnio..... Onde está a lógica disto? pior que, ao poder médico científico são esticados tapetes vermelhos para que passem os loucos do absurdo!!!!! Um dia a imprensa vai ver o quanto colaborou dando importancia as barbáries em troco de promoção pessoal.....
---------------------------
Vírus HIV: após modificação, macacos contraíram aids pela primeira vez (Thinkstock)
Descoberta vai permitir que novos medicamentos e vacinas sejam testados nesses animais e gerem resultados mais próximos do ser humano

Um grupo de cientistas conseguiu fazer o vírus HIV infectar macacos e provocar aids nesses animais pela primeira vez. O feito é importante porque pode permitir a realização de testes de novos medicamentos e vacinas para a doença com esses animais, de forma que os resultados obtidos sejam o mais próximo possível dos humanos.
Até então, apenas os humanos eram capazes de desenvolver a doença, e os estudos em macacos eram feitos com o vírus SIV, que causa uma doença semelhante nesses animais, mas não igual. A pesquisa, feita em laboratórios americanos, foi publicada nesta sexta-feira na revista Science.

A espécie asiática Macaca nemestrina foi escolhida para receber o vírus por apresentar menos defesas naturais ao HIV do que outros primatas. Ainda assim, os pesquisadores tiveram que alterar o vírus e o sistema imunológico do animal para que a doença o atingisse. "Os pesquisadores modificaram o HIV para que ele se comportasse nesse tipo de macaco exatamente igual ele se compota em humanos", disse Ricardo Shobbie Diaz, infectologista da Unifesp, ao site de VEJA.

Mecanismo — Os cientistas inseriram no HIV uma parte do vírus SIV responsável por desarmar as defesas do sistema imunológico dos animais, possibilitando a infecção. Eles então fizeram o vírus passar de um animal para o outro, resultando em seis gerações de animais infectados, para que esse HIV ligeiramente modificado pudesse se adaptar ao seu novo hospedeiro. Mesmo depois disso, porém, o sistema imunológico dos animais ainda resistia à doença, sendo capaz de controlar a infecção.

De acordo com Diaz, que não esteve envolvido na execução do estudo, pesquisas anteriores já haviam mostrado que as células do sistema imunológico conhecidas como CD8 atuam nos macacos contra a vírus SIV, então os pesquisadores decidiram enfraquecer essas células nos animais, e assim conseguiram fazer com que a doença se instalasse. "Quando a quantidade de células CD8 foi reduzida, os macacos infectados desenvolveram uma doença muito semelhante à aids em humanos. Eles apresentaram, por exemplo, algumas condições que definem a presença da doença, como contrair pneumocistose, infecção oportunista causada por um fungo", disse Theodora Hatziioannou, professora da Universidade Rockefeller e principal autora do estudo. "Como isso reproduz o que acontece quando o HIV compromete o sistema imunológico de um paciente humano, nossa abordagem tem potencial para ser utilizada no desenvolvimento de terapias e medidas preventivas."

Para Diaz, a descoberta pode representar um avanço no estudo da aids. “Poderemos começar a entender como o HIV age no organismo, além de trabalhar no desenvolvimento de medicamentos e vacinas. É um modelo mais fiel ao humano do que nós tínhamos antes”, afirma.

FONTE: Veja

7 comentários:

  1. Deixem-me morrer em paz se precisarem matar um animal para me salvar.

    ResponderExcluir
  2. Por que não fazem isso com a mãe deles???? O melhor animal para se testar uma coisa dessas é o monstro que colocou uns capetas desses no mundo. Pagariam o mal que fizeram ao mundo parindo vermes para infestá-lo. Doença ruim a existência desses cientistas de merda.

    ResponderExcluir
  3. - Essas manipulações além de desumanas, são altamente perigosas....
    Se eu pudesse, sentava o cacete nessas pragas humanas..

    ResponderExcluir
  4. A maldade dos homens não tem limite. Essa doença é nossa não deles.

    ResponderExcluir
  5. Raciocínio? Se estes imbecis raciocinassem gastariam dinheiro para encontrar a cura da doença!

    ResponderExcluir
  6. Jorge Romano27/06/2014 21:19

    No final eles não descobrem a cura para os humanos e ainda disseminam no animal.

    ResponderExcluir
  7. Vacinas são inócuas - isso eles não dizem. Não dizem também que muitas vezes elas carregam vírus para provocarem epidemias e, assim, mais procura e, consequentemente, mais lucro. O público - ignaro e alarmista - é o maior culpado pela sanha sem fim desses pseudo cientistas.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪