11/04/2014

PL aprovado pela Câmara libera circulação de carroceiros - Campo Grande - MS

Gente, me acorda... tô delirando?  não bebi não, eu juro!!!!!
tem que explodir estas melecas!!!!!!!!!! Quem souber a ONG ou Movimento da proteção que esteja a frente, avisa para que possamos dar uma força, tá? aguardo as ordens.... Enquanto a gente luta pelo país afora para tirar os cavalos desta cruel exploração, estes canalhas estão querendo retornar o uso de carroças na cidade..... Precisamos agir, gente!!!!

17 comentários:

  1. Pois é, porque esses protetores da cidade não avisaram TODO MUNDO antes? É tarde demais? Dá tempo de salvar os pobres bichos dessas porcarias de carroceiros?

    ResponderExcluir
  2. Aff todos os dias somos bombardeados com mais e mais noticias contrarias a tudo que lutamos, e desejamos para com os animais. é um absurdo isso, ficam explorando os cavalos, sem a menor consciência, que eles também sente dor, sede, fome, horas e horas de trabalho forçado, a troco de nada. ah e de desanimar viu.

    ResponderExcluir
  3. Solução para que não haja novas aprovações deste tipo em outras cidades: Anotar os nomes dos parlamentares e devotar a plena rejeição. Uma arma eficaz contra políticos convencidos de que podem agir com soberania. Meu desejo é que todos os que votaram a favor dessa PL, sejam atropelados por cavalos tracionando carroças bem pesadas. Seriam vinganças com pesos equivalentes.

    ResponderExcluir
  4. Tem que fazer uma petição, e chamar a RECORD pra fazer uma matéria pra mostrar a indignação das pessoas, tem que pular pra cima

    ResponderExcluir
  5. Campo Grande ferve de tão quente....imaginem o sofrimento destes animais neste asfalto, carregando entulhos, lixo e sabe se lá mais o que...retrocesso inadmissível.

    ResponderExcluir
  6. Vamos botar esses canalhas dos políticos p puxarem carroças!!!! as vezes os protetores são pegos de surpresas, esses canalhas fazem tdo na surdinha!!!!

    ResponderExcluir
  7. que judiação foi proibida desde que varíos cavalos já morreram agora eles querem voltar para acabar com com o que já estava tudo certo eles não vão obedecer no começo tudo bem depois voltam a colocar cargas mais que eles podem suportar minha opinião que tem outros meios sem ser esses pobres animais

    ResponderExcluir
  8. Tem que pegar essa corja toda e fazer eles de burro de carga.

    ResponderExcluir
  9. Divulgar os nomes dos imcompetentes.

    ResponderExcluir
  10. Para pressionar, poderíamos enviar muitas mensagens... e-mails para a Câmara. Se alguém tiver endereço, nomes do pres.da Câmara e etc, poderia deixar aqui !

    ResponderExcluir
  11. É isso mesmo anônimo! Épreciso que todos se movimentem e façam com que esses políticos infames percebam que o que fizeram decretará o fim de suas carreiras de boas vidas. Nojentos!

    ResponderExcluir
  12. Gente, existem vários pontos a considerar nessa estória: Primeiro: Horário de trabalho, se já fica difícil fiscalizar horário de gente, nas empresas, imagine de cavalos, cavalo não bate ponto. Segundo: Peso, será que vão parar todos os cavalos, tirar o peso de cima, pesar e pesar o cavalo, para ver se está compatível com a lei? Terceiro: Nunca tive um cavalo, mas pelo que pude apurar, sustentar um cavalo decentemente, com ração, abrigo, médico veterinário, medicação, vacinas, vermífugo e etc... é caro. Um carroceiro tem condições disso? A menos que façam como a gente sabe muito bem, dá para ganhar algum dinheiro com ele. E depois, já ouviram falar em "burro sem rabo"? É um carrinho onde o próprio proprietário é que puxa. Se a carroça é o único modo de eles se sustentarem, porque eles mesmos não fazem o serviço? Preferem ter escravos do que trabalhar, claro.

    ResponderExcluir
  13. Gente, existem vários pontos a considerar nessa estória: Primeiro: Horário de trabalho, se já fica difícil fiscalizar horário de gente, nas empresas, imagine de cavalos, cavalo não bate ponto. Segundo: Peso, será que vão parar todos os cavalos, tirar o peso de cima, pesar e pesar o cavalo, para ver se está compatível com a lei? Terceiro: Nunca tive um cavalo, mas pelo que pude apurar, sustentar um cavalo decentemente, com ração, abrigo, médico veterinário, medicação, vacinas, vermífugo e etc... é caro. Um carroceiro tem condições disso? A menos que façam como a gente sabe muito bem, dá para ganhar algum dinheiro com ele. E depois, já ouviram falar em "burro sem rabo"? É um carrinho onde o próprio proprietário é que puxa. Se a carroça é o único modo de eles se sustentarem, porque eles mesmos não fazem o serviço? Preferem ter escravos do que trabalhar, claro.

    ResponderExcluir
  14. Gente, existem vários pontos a considerar nessa estória: Primeiro: Horário de trabalho, se já fica difícil fiscalizar horário de gente, nas empresas, imagine de cavalos, cavalo não bate ponto. Segundo: Peso, será que vão parar todos os cavalos, tirar o peso de cima, pesar e pesar o cavalo, para ver se está compatível com a lei? Terceiro: Nunca tive um cavalo, mas pelo que pude apurar, sustentar um cavalo decentemente, com ração, abrigo, médico veterinário, medicação, vacinas, vermífugo e etc... é caro. Um carroceiro tem condições disso? A menos que façam como a gente sabe muito bem, dá para ganhar algum dinheiro com ele. E depois, já ouviram falar em "burro sem rabo"? É um carrinho onde o próprio proprietário é que puxa. Se a carroça é o único modo de eles se sustentarem, porque eles mesmos não fazem o serviço? Preferem ter escravos do que trabalhar, claro.

    ResponderExcluir
  15. Gente, existem vários pontos a considerar nessa estória: Primeiro: Horário de trabalho, se já fica difícil fiscalizar horário de gente, nas empresas, imagine de cavalos, cavalo não bate ponto. Segundo: Peso, será que vão parar todos os cavalos, tirar o peso de cima, pesar e pesar o cavalo, para ver se está compatível com a lei? Terceiro: Nunca tive um cavalo, mas pelo que pude apurar, sustentar um cavalo decentemente, com ração, abrigo, médico veterinário, medicação, vacinas, vermífugo e etc... é caro. Um carroceiro tem condições disso? A menos que façam como a gente sabe muito bem, dá para ganhar algum dinheiro com ele. E depois, já ouviram falar em "burro sem rabo"? É um carrinho onde o próprio proprietário é que puxa. Se a carroça é o único modo de eles se sustentarem, porque eles mesmos não fazem o serviço? Preferem ter escravos do que trabalhar, claro.

    ResponderExcluir
  16. Cavalos (e burros) já puxaram bondes pesados apinhados de gente e até meados do século XX eram usados nas guerras pelos exércitos, sempre explorados por humanos que os deveriam proteger e respeitar ao invés de os oprimir e escravizar. Triste.

    ResponderExcluir
  17. Ana Lucia Nunes23/04/2014 11:38

    REVOLTANTE !!!
    A gente luta tanto para acabar com essa barbárie e ainda tem insanos que acham que isso é " normal ".

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪