24/04/2014

Judeus são presos ao tentar sacrificar animais no Monte do Templo

Eu não tenho compromisso com religião nenhuma e detono qualquer uma que faça sacanagem com bichos..... Vendo este vídeo, eu quero que o inferno queime este desgraçado que colocou nas mãos de duas crianças um inocente animal para ser sacrificado no tal lugar que eles acharam que tinham que matar a pobre cabrita.... Desgraçados e malditos!!!!! e olha, já mando logo p´ros quintos do inferno quem vier com papo que estou perseguindo judeus.... ah, não enche!!!!! Em plena era que vivemos assistir isto é um soco na boca do estomago de toda humanidade!!!!! Vejam o vídeo!!!!!! não tem nada demais não... é só a tentativa de entrar lá no Monte do Templo com o animal.... nojentos.... 

14/04/14

Leiam a matéria:

Ativistas tentaram matar animais no local sagrado para muçulmanos

foto tirada da matéria

Informações desencontradas sobre um ocorrido durante o último final de semana continuam gerando impacto na comunidade judaica e cristã de todo o mundo.

Segundo o WND, ocorreu uma tentativa de abater um animal para o sacrifício ritual da Páscoa no topo do Monte do Templo em Jerusalém, local sagrado para judeus e muçulmanos.
Impedidos pela polícia, após denúncia do grupo muçulmano que controla o local, oito ativistas judeus
pró-Templo foram presos enquanto subiam o monte carregando uma cabra que seria morta seguindo as instruções bíblicas sobre o Pessach (festa judaica da páscoa).

O relato da Páscoa original foi relatado por Moisés nos primeiros livros do Antigo Testamento. A cerimônia marca a saída do Egito após séculos de escravidão. Para os cristãos, o sacrifício requerido por Deus nessa data é um prenúncio da vinda de Jesus, que foi crucificado durante a Páscoa.

A prisão dos manifestantes judeus gerou uma nova onda de críticas contra o governo israelense. O site cristão de notícia Israel National News divulgou imagens de um menino judeu carregando o animal que seria morta pelos ativistas. O site judaico Ynet News informou que os oito presos foram levados para uma delegacia próxima para interrogatório, enquanto o animal foi entregue ao Ministério da Agricultura.

Entre os detidos estava Noam Federman, que classificou as prisões como uma “vergonha” para o Estado de Israel. “O governo de Israel está colaborando com um regime de racismo contra judeus no Monte do Templo. Nós (judeus) somos proibidos de orar e até mesmo impedidos de realizar as mitsvot (mandamentos da Torá) do festival de Pessach”, disse Federman.

A prisão irritou vários grupos que defendem os direitos dos judeus exercerem suas tradições religiosas no local onde outrora esteve o Templo de Salomão.   Nos últimos dois anos cresceu consideravelmente o número de cidadãos israelenses que pede que o governo reveja a soberania dos muçulmanos sobre o monte do Templo. O chamado Instituto Monte do Templo inclusive já afirmou que tem tudo preparado para a construção do local e a retomada dos sacrifícios diários seguindo as instruções do Antigo Testamento.

Por sua vez, o grupo muçulmano Coalização Jovem já declarou uma Intifada, pedindo que os palestinos demonstrem sua indignação contra as visitas judaicas ao Monte do Templo. Ele diz que tem o apoio do Fatah, Hamas, Jihad Islâmica, Frente Popular para a Libertação da Palestina e da Iniciativa Nacional Palestina e que “haverá guerra” se os judeus tentarem construir um espaço de adoração no local, tomado hoje por mesquitas.

A semana que antecedeu a Páscoa foi marcada por dois confrontos violentos distintos entre a polícia e manifestantes. Primeiramente foram dezenas de jovens palestinos, que arremessaram pedras e feriram um policial e deixaram cerca de 25 pessoas feridas.

Segundo o jornal Israel Today, houve outra manifestação no domingo anterior, quando dois policiais israelenses ficaram feridos em choque com manifestantes muçulmanos que atacaram um grupo de visitantes judeus que desejavam orar no local.

Um porta-voz da polícia afirmou apenas que os policiais foram chamado para garantir a segurança do local, mas foram atacados com pedras e coquetéis molotov.

Fonte: Notícias Gospel e
http://www.israelnationalnews.com/News/News.aspx/179646#.U1hp9VVdWSp

50 comentários:

  1. Sheila, acho que você deveria, sim, ser mais cuidadosa quando fala de grupos religiosos ou outros. Não generalize. Escreva que você ficou com raiva das PESSOAS específicas que fizeram/fazem algum ato de maus-tratos aos animais e não do grupo todo. Se não, pode descambar em crime de racismo, que é um crime federal, inafiançável e imprescritível.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Diana, mas, eu fiz exatamente isto.... onde que falei contra qualquer grupo religioso genericamente? Acho que deixei muito bem explícito isto.... Faça uma releitura, por favor, e depois me diz
      bjs

      Excluir
    2. Olá Sheila,

      Eu até entendi que você estava falando das pessoas e não dos judeus como um todo, mas o seu texto NÃO é tão explícito quanto deveria não. Você deveria pedir para alguém (talvez um advogado) ler esses textos antes de publicar. Tanto é, que os teus leitores deixaram comentários altamente racistas para essa postagem. Não sei como você permitiu a publicação de comentários dizendo para matar judeus e muçulmanos e elogios a Hitler!! Esses comentários não passam por uma filtragem antes de serem publicados no Blog? Por favor, não deixe que sua luta pelos animais acabe descambando em ódio a grupos humanos, em racismo étnico/religioso. Não é a primeira vez que você faz comentários sobre judeus e sobre seguidores de religiões afro-brasileiras de uma forma que não fica claro que você não estaria generalizando. Como judia e como humana, me incomoda e muito!

      Vou encaminhar à Polícia e à Fierj (Federação Israelita do ERJ) os comentários que achei ofensivos, especialmente o de uma tal Regina (hoje, às 11h52min).

      ​Um abraço,

      ​Diana.​

      Excluir
    3. Verifique se os seus comentaristas estão incorrendo ou não nos crimes descritos no Código Penal:

      Código Penal - Decreto-Lei nº 2.848/1940
      Parte Especial
      Título IX
      Dos Crimes Contra a Paz Pública
      Incitação ao Crime
      Art. 286 - Incitar, publicamente, a prática de crime:
      Pena - detenção, de 3 (três) a 6 (seis) meses, ou multa.

      Apologia de Crime ou Criminoso
      Art. 287 - Fazer, publicamente, apologia de fato criminoso ou de autor de crime:
      Pena - detenção, de 3 (três) a 6 (seis) meses, ou multa.

      Excluir
    4. Diana, vou te falar de coração um negócio: acho que as pessoas que ficam ofendidas assumindo o papel daquelas criaturas que tem coragem de sacrificar um animal em nome de Deus ou qualquer outro simbolismo, deveriam fazer algo dentro da própria religião para que isto deixasse de acontecer.

      Ninguém aqui é contra rituais religiosos QUE NÃO TENHAM ANIMAIS.....Ninguém aqui (blog de defesa animal) está se colocando contra judeus, macumbeiros, espíritas, muçulmanos, ou outro qualquer.... É EVIDENTE E NOTÓRIO que algumas pessoas se sentem perseguidas, mas, nada fazem para mudar o rumo da situação. Somos nós, defensores dos animais, que nos manifestamos contra tais rituais seja no Congo, na Espanha, em Jerusalém, ou qualquer outro lugar do mundo.

      Não dá para tampar o sol com a peneira. Como entender uma cena em que duas crianças levam uma pobre cabra para ser imolada? quem fez isto: foi um de nós aqui? quem inventou isto: foi um de nós aqui? não, foi a tradição dos judeus, não é verdade? Como falar diferente? As religiões tem que entender que os animais não estão mais para serem explorados sob qualquer aspecto.... eles são nossas vidas, nossos rumos.... as religiões não podem nos fazer sofrer, como tem feito até hoje, quando os usam para algo que passa somente pela crença humana.

      Se eu fosse judia, estaria militando dentro da minha religião e do meu povo para que não houvesse mais isto. E olha que aquele lance de rodar frangos em volta da cabeça e depois matá-los acontece bem aqui na nossa esquina do Rio de Janeiro. Eu estaria lá no local pedindo e implorando por aquela pobre ave já que ela não tem nada a ver com o nosso destino. Entende o que eu falo? Como não sou judia, não consegui entrar no Clube que fez o ritual aqui no Rio para implorar por aquelas vidas.

      Talvez, até vc. esteja já trabalhando nisto e eu não saiba. Agora, falar, ameaçar e levar para a polícia, vc. tem todo direito se acha que vale a pena. Segue em frente, porque não dá para negar e querer calar o que foi manchete no mundo inteiro, ou seja: judeus foram presos porque queriam matar uma cabra.... pior que ainda eram conduzida por duas crianças..... Deus meu!!!!! eu ficaria tão deprimida em saber que minha religião ainda faz isto que me enfiava debaixo de um cobertor e lá ficava.....

      Fique certa que nossos leitores se expressam de jeito que parece racismo, mas, né não.... é gente que sofre por ver animais torturados em nome de crenças em plena e suposta evolução humana.... Temos que ser tolerantes com a dor de todos nós .... Quem sabe um dia todos aqueles seres capazes de matar uma vida por uma crença deixe de fazê-lo em respeito à nossa dor?
      abração Diana

      Excluir
    5. Não tenha cuidado não, Sheila... se for gente sacaneando animais pode descer o cacete - seja de qual raça, sexo, credo ou lugar que for.
      Mantenha.

      Excluir
    6. TZEDAKAH SUBSTITUI ESSA IGNORANCIA DE SACRIFÍCIOS...

      Excluir
    7. Pelo teor das mensagens recentes, vejo que N˜AO LERAM o meu texto que publiquei anteontem, então repito:

      "É muito triste ler esse tanto de comentários preconceituosos, racistas e ignorantes. NUNCA escrevi ser a favor de sacrifícios! Quem leu isso? Apenas pedi cuidado e tato ao relatar uma atitude de uma ou várias PESSOAS INDIVIDUAIS e deixar transparecer de alguma forma que isso seria culpa de todo um COLETIVO. Só para informar, o judaísmo não usa mais de sacrifícios de animais desde a destruição do 2º Templo no 70 da Era Comum, quer dizer, há quase 2.000 anos. A atitude dessas 2 crianças, guiadas, provavelmente, pelos seus pais, é um fato pontual de um grupo fanático ou algo assim. De qualquer forma, NADA JUSTIFICA a apologia e incitação ao crime e à violência a toda uma comunidade como foi feito aqui por alguns leitores e, por isso, pedi a retirada desses comentários TOTALMENTE RESPALDADA na nossa Lei (a Constituição Federal e o Código Penal), pois essas pessoas pediam para que pessoas fossem EXECUTADAS.

      Sabe, Sheila, sou leitora assídua do blog O Grito do Bicho e acho que não mereço ter o desprazer de ler as ofensas e ameaças que li hoje aqui. Você escreve que "Agradecemos seu comentário, porem, não publicaremos palavrões ou ofensas.". São as suas palavras, então, por favor, siga-as. Leia atentamente os comentários antes de permitir a sua publicação de forma a ofender ou ameaçar a vida de pessoas e grupos de pessoas. Se estiver com pressa, deixe para moderar mais tarde quando estiver com tempo e atenção. Fico magoada de ler que você pede desculpa para pessoas que pediram para "matar, executar, etc", pois você as está defendendo de MIM, enquanto deveria estar me defendendo DELES. Essas pessoas estão ameaçando não só a mim, como a minha família, meus amigos e meu povo. Não, não sou ortodoxa, ao contrário até. Não sou uma pessoa muito religiosa, mas não quero ser ofendida ou ameaçada como todas as outras pessoas, que leem ou não o seu blog, também não querem. No mais, não vou responder mais, pois já estou passando mal."

      PRA FICAR BEM CLARO: As mensagens que pedi para retirar (pois, nem deviam ter sido publicadas) continham ofensas RACISTAS, com incitação ao crime, à violência e até apologia ao nazismo.

      Não é questão de ser a favor ou contra sacrifícios animais. Todos aqui no blog são contra (inclusive, eu), se não, nem estariam lendo as matérias do blog. Mas, nenhuma luta, por mais nobre que seja pode vir em detrimento da Lei, dos Direitos Humanos e da integridade moral e física das pessoas, inclusive as inocentes. Por conta de tudo isso, foi aprovado recentemente o "Marco Legal da Internet", o qual todos devem conhecer e seguir, independentemente da causa pela qual lutam. Eu exerci o meu direito de cidadã ao denunciar as mensagens e solicitar a retirada. Infelizmente, a Sheila deixou publicar outros comentários racistas após isso. Simplesmente, não dá pra entender… Sheila, leia as mensagens antes de aprovar (inclusive esta aqui). Pondere se elas contem ofensas, ameaças, textos de ódio gratuito e de racismo. Deixar de publicá-las não é censura. É evitar esse tipo de polêmica desnecessária e os crimes que podem passar de palavras para ações, como infelizmente acontece em todo o mundo em pleno século XXI. Quem faz parte de alguma minoria, sabe o que estou falando. Se as mesmas ofensas e ameaças que pedi para retirar fossem direcionadas a animais não-humanos ou a membros da religião maioritária, tenho certeza que você não as publicaria. Se você se diz "protetora", proteja a todos sem distinção: animais humanos e não-humanos, de qualquer religião, maioritária ou minoritária. Proteja todos os seus leitores, pois tem de todos os tipos. Esta daqui você já perdeu.

      Excluir
    8. O "Grito do Bicho" sempre foi e acredito que sempre sera uma sociedade educacional em pro da defesa dos animais. Pelo que eu sei o papel que a Sheila se propoe nao é proteger ou deixar de proteger "minorias", "maiorias" e generos afins da especie humana. Ela esta aqui para denunciar qualquer agressao e maus tratos aos animais. Sejam os meliantes psicopatas de qquer cor, credo ou sexo. Nos que acompanhamos e apoiamos a Sheila temos por religiao os ANIMAIS e nossa igreja é o PLANETA TERRA. Nosso compromisso é somente para com esses seres torturados pela especie humana. Nos tbem somos uma "minoria" Sra Levacov. E quem nos dera podermos por lei proteger aquilo que nos é mais sagrado que é a vida. Ao contrario de muitos que sao protegidos por lei e tem como meta sagrada apenas proteger seus deuses vazios e inventados para controle da massa.
      E sim nossa luta, a luta pelos animais é nobre o suficiente e reune uma especie de seres humanos que tem certeza que vale muito a pena ir contra a lei. Principalmente contra os "direitos humanos" qdo os humanos acharem que esse direito da a ele o poder de maus tratos e ao assassinato dos animais nao humanos.
      Realmente a Sra nao esperava outra reacao dos leitores ao atacar e ameacar a Sheila??Seus 30 segundos de fama espero que passem logo.
      Sheila, essa Sra a acusou de racismo e que se fossem outros grupos vc nao teria publicado algo contra, percebe que ela nao tem a minima ideia e nunca leu realmente seu Blog. Por favor encerre aqui os 30 segundos de fama dessa Sra.
      Alias eu sou "minoria" Sheila da para me proteger desses absurdos escritos pela Sra Levacov......kkkkkkkkkkkkkkkkkk. Abracos Sheila. Dora

      Excluir
  2. É INADIMISSIVEL QUE AINDA NO SECULO XXI AINDA EXISTA ESSE TIPO DE PRATICA, LA EM SRAEL E AQUI NO BRASIL E NA AFRICA COM RELIGIOES QUE MATAM E SACRIFICAM GALOS ,BODES E GALINHAS, PARA FAZER MAL A OUTROS SERES HUMANOS E NAO SO OS BICHOS PELO AMOR DE DEUS! VAMOS EVOLUIR, AQUI EM SALVADOR HA UNS ANOS ATRAS FOI ENCONTRADA UMA CRIANÇA HUMANA MORTA VITIMA DE MAGIA NEGRA! O QUE É ISSO GENTE! ISSO É COISA DE DEUS? NAO É COISA DE SATANAS. TENHA SANTA PACIENCIA VAI EVOLUIR.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. TZEDAKAH SUBSTITUI ESSA IGNORANCIA DE SACRIFÍCIOS...

      Excluir
  4. Queiroz Alcântara24/04/2014 13:52

    Eu fico bastante triste quando percebo ódio ou racismo nos comentários das pessoas que amam os animais e esse sentimento fica bastante evidente quando surgem críticas a religiosos e religiões. Amigos judeus, cristãos, espíritas, budistas, muçulmanos, qualquer ser humano, independente de sua religião, deixemos as agressões de lado e vamos semear PAZ.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo Queiroz
      tenho o maior carinho por vc., e vc. sabe disto. Mas, ninguém está aqui inventando fatos.... estamos apenas reagindo em defesa dos animais. Eu tenho total convicção de que animais não devem ser imolados por crenças religiosas e vou morrer tentando modificar esta realidade.... Peço malei-me para cada pai de santo e aqui em nosso blog temos entrevistas com vários religiosos e representantes de países onde pedimos e imploramos que não usem animais nos fazendo sofrer porque eles acreditam nisto. Todos queremos PAZ sim, É EVIDENTE, mas, não podemos aceitar a morte de um animais por motivos de crença. E por expressar o que penso, PEÇO PERDÃO, mas, meu compromisso é exclusivamente com a vida animal.
      abração meu queridão

      Excluir
  5. Prioridade deve ser SEMPRE salvar a vida de um animal indefeso. Ninguém precisa de uma religião cujo absurdo pretexto para louvar a divindade é derramar o sangue sagrado de um inocente filho do Criador. Ninguém precisa dela, nem nós, nem mesmo Deus.

    ResponderExcluir
  6. Infelizmente, assim sempre será. Israel é o berço das três religiões monoteístas (cristianismo, judaísmo e islamismo) e sempre haverá estas rixas. Hoje Israel está nas mãos dos judeus e muçulmanos que lutam pelo poder há anos (e os cristãos ficaram como minoria sem voz). Os judeus não aceitaram Cristo como o Messias, por isso, estão presos até hoje à estes velhos rituais, já abolidos por Cristo. São estas diferenças que fazem com que Israel não tenha paz e infelizmente, até os pobres animais acabam sofrendo com isso.

    Ezequiel.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mesmo os que não aceitam Cristo como o Messias prometido podem perfeitamente sim, ouvindo a própria consciência, entender que assim como seus filhos humanos são sagrados e intocáveis, os animais filhos da Criação também o são, merecedores de que se respeitem sua integridade, independente de qualquer religião prescrever-lhe isso. O Reino de Deus está dentro de nós, em nenhum templo de pedra em que rituais sejam considerados mais importantes do que a Vida.

      Excluir
  7. Aos meus dois leitores Ugo e o que se assina como "Crônicas" peço desculpas, mas, retirei seus comentários porque a leitora Diana está exercendo seu poder de censura e ameaçando nos levar para a polícia. Como não quero que nenhum leitor seja prejudicado por conta de minhas postagens, achei por bem retirar. PEÇO PERDÃO por isto e avaliem que é como medida de defesa para vocês....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkkkkk sem problemas Sheila. A propósito, sua introdução é bem clara para quem fala e compreende o idioma português, não há incitação contra nenhuma religião em particular, há uma referencia a quaisquer iniciativas, religiosas ou não, de maltrato/abuso animal. Beijos

      Excluir
  8. Não se louva à Deus matando seus filhos. Que mente sã pode pensar que matar é cristão???? Independente de religião ou religioso, a vida é sagrada e não é brinquedo. Não há como ter paz assassinando inocentes. É vergonhoso demais para acreditar. Enquanto aqui vemos o menino dizendo à mãe que animal é pra cuidar lá ensinam a matar. Que mundo!!! Não é à toa que vivem em guerra.

    ResponderExcluir
  9. Santo Cristo, quanta perda de tempo, que exagero dessa Levacov. Está claríssimo o que a Sheila disse. Ponto. óxente!

    ResponderExcluir
  10. Isto é tão triste,pessoas tentando voltar a práticas cruéis de sacrifícios animais,seja em nome de que religião for ! Ainda bem que já há rabinos veganos e ativistas pelos animais também e o movimento de direitos dos animais cresce a cada dia em Israel,assim como o número de veganos tanto seculares como judeus no país.Podem procurar no Youtube e no google e verão vários vídeos (aliás,o movimento 269 começou Israel).Eu coloquei vários links no meu blog educativo sobre isto,inclusive.Vide link abaixo : http://englishineverything.blogspot.com.br/search/label/Vegetarianismo%20e%20Juda%C3%ADsmo

    ResponderExcluir
  11. A título de informação, a Torah deu origem à bílbia cristã

    - http://www.bibliacatolica.com.br/conhecendo-a-biblia-sagrada/3/#.U1lcB1VdWyE / http://www.veritatis.com.br/apologetica/solascriptura/1058-a-origem-da-biblia / http://pt.wikipedia.org/wiki/B%C3%ADblia - em que são difundidos a prática de sacrifícios, a comprovação está aqui:

    Seguem algumas das indeléveis ''provas do crime'' pra quem curte escatologias e histórias de terror de mau gosto:

    ''Que eles ofereçam sacrifícios de ação de graças e anunciem as suas obras com cânticos de alegria.'' Salmos 107:22

    "Se oferecer um animal do rebanho como sacrifício de comunhão ao Senhor, trará um macho ou uma fêmea sem defeito.'' Levítico 3:6

    ''Desse sacrifício de comunhão, oferta preparada no fogo, ele trará ao ­Senhor a gor­dura, tanto a da cauda gorda cortada rente à espinha, como toda a gordura que cobre as vís­ceras e está ligada a elas.'' Levítico 3:9

    ''Então retirará toda a gordura, como se retira a gordura do sacrifício de comu­nhão; o sacerdote a queimará no altar como aroma agradável ao Senhor. Assim o sacerdote fará propiciação por esse homem, e ele será perdoado.'' Levítico 4:31

    ''Arão foi até o altar e ofereceu o bezerro como sacrifício pelo pecado por si mesmo.''
    Levítico 9:8

    ''Depois Arão apresentou a oferta pelo povo. Pegou o bode para a oferta pelo pecado do povo e o ofereceu como sacrifício pelo peca­do, como fizera com o primeiro.'' Levítico 9:15

    "Arão trará o novilho como oferta por seu próprio pecado para fazer propiciação por si mesmo e por sua família, e ele o oferecerá co­mo sacrifício pelo seu próprio pecado.'' Levítico 16:11

    ''Apresentará o cesto de pães sem fermento e oferecerá o cordeiro como sacrifício de comunhão ao Senhor, juntamente com a oferta de cereal e a oferta derramada.''
    Números 6:17

    <<< ''É uma infelicidade da época, que os doidos guiem os cegos.'' >>> Shakespeare

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. isso tudo é uma aberração, que horror !!!!!!!!!!!!!!!!!!

      Excluir
  12. eu sou judia e acho que vc Diana deve ser além de judia a favor de sacrifícios de animais pela religião....vc está no blog errado . . . . vc é ortodoxa? ser contra o sacrifício de animais não é ser racista.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. TZEDAKAH SUBSTITUI ESSA IGNORANCIA DE SACRIFÍCIOS...

      Excluir
    2. O problema com TODAS as religiões é que os seres humanos as interpretam de acordo com o que lhes convem. Seria perfeito se todos os humanos se importassem tanto com o planeta terra e com as criaturas que nela habitam tanto quanto se precocupam com quem eles acreditam que as tenham criado... Autor desconhecido.

      Excluir
  13. SOU YEHUD SEPHARAD E TZEDAKAH SUBSTITUI ESSA IGNORANCIA DE SACRIFÍCIOS...

    ResponderExcluir
  14. É muito triste ler esse tanto de comentários preconceituosos, racistas e ignorantes. NUNCA escrevi ser a favor de sacrifícios! Quem leu isso? Apenas pedi cuidado e tato ao relatar uma atitude de uma ou várias PESSOAS INDIVIDUAIS e deixar transparecer de alguma forma que isso seria culpa de todo um COLETIVO. Só para informar, o judaísmo não usa mais de sacrifícios de animais desde a destruição do 2º Templo no 70 da Era Comum, quer dizer, há quase 2.000 anos. A atitude dessas 2 crianças, guiadas, provavelmente, pelos seus pais, é um fato pontual de um grupo fanático ou algo assim. De qualquer forma, NADA JUSTIFICA a apologia e incitação ao crime e à violência a toda uma comunidade como foi feito aqui por alguns leitores e, por isso, pedi a retirada desses comentários TOTALMENTE RESPALDADA na nossa Lei (a Constituição Federal e o Código Penal), pois essas pessoas pediam para que pessoas fossem EXECUTADAS.

    Sabe, Sheila, sou leitora assídua do blog O Grito do Bicho e acho que não mereço ter o desprazer de ler as ofensas e ameaças que li hoje aqui. Você escreve que "Agradecemos seu comentário, porem, não publicaremos palavrões ou ofensas.". São as suas palavras, então, por favor, siga-as. Leia atentamente os comentários antes de permitir a sua publicação de forma a ofender ou ameaçar a vida de pessoas e grupos de pessoas. Se estiver com pressa, deixe para moderar mais tarde quando estiver com tempo e atenção. Fico magoada de ler que você pede desculpa para pessoas que pediram para "matar, executar, etc", pois você as está defendendo de MIM, enquanto deveria estar me defendendo DELES. Essas pessoas estão ameaçando não só a mim, como a minha família, meus amigos e meu povo. Não, não sou ortodoxa, ao contrário até. Não sou uma pessoa muito religiosa, mas não quero ser ofendida ou ameaçada como todas as outras pessoas, que leem ou não o seu blog, também não querem. No mais, não vou responder mais, pois já estou passando mal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chapolin Colorado24/04/2014 17:16

      Reflexos...

      O amor é um paradoxo, do pretérito imperfeito do conjunto abstrato de uma bola de cristal em período junino quando a coerência da dor de barriga multiplicado pela raiz redonda da pirâmide retangular que emite sons de um silêncio mortal que só vive embaixo de pedras que ficam acima de postes subterrâneos, que se encontram na altura das nuvens que ficam embaixo d’água…

      Conclusão: Se você não gosta de sorvete por que assiste ao Chaves?

      Excluir
    2. Olha Diana, eu não sei porque mudou sua postura ameaçadora e agora pede consideração por suas palavras que visavam defender sua família e seu povo. Acho que seria mais louvável reconhecer que vc. é que extrapolou ..... ninguém aqui é racista.... todos são, somente, defensores de animais.... tá difícil reconhecer isto?

      Como te falei, se eu fosse praticante da religião judaica que defende que crianças levem uma cabra para ser imolada como se estivessem carregando um animalzinho de estimação, eu estaria embaixo dos cobertores pensando no como modificar isto..... eu estaria muito mais envergonhada do que revoltada porque pessoas falaram isto ou aquilo.....

      Se vc. está passando mal, desculpa aí, mas, ao menos seja verdadeira porque pedi desculpas a vc. através de e-mail.... aliás, fiz tudo que exigiu..... Eu, também, me desculpei com os meus leitores que exclui os comentários por respeito aos pensamentos de cada um e que, lamentavelmente, passaram pelo crivo de uma pessoa judia que considera perseguição nossos alertas sobre o que fazem com animais em determinadas cerimônias religiosas.

      Melhoras, e, por favor, continue sendo nossa leitora porque não temos cara, mas, pensamentos e teorias de defesa animal tão somente.

      Excluir
    3. Cara Sra. Diana Levacov, eu concordo em grau genero e número com os leitores do blog que são defensores de animais. O Brasil é um país (supostamente) democrático e assim, posso dizer que não gosto dos credos que professam sua fé estimulando a violência explícita com animais como é o caso dos credos Afro-brasileiros, Muçulmano e Judeu apenas para citar alguns. E não ha racismo em proteger animais, veja você o exemplo de países extremamente democráticos e civilizados como Suíça/Noruega/Dinamarca/Suécia que PROIBIRAM abate ritual ( Kosher e Halal) por entenderem que é cruel para os animais. Concordo com a Sheila Moura, quando ela afirma que a Sra. deveria ficar indignada é com estes extremistas que estão incitando a violência e juntar-se as pessoas de sua nacionalidade/religião (que a propósito são extremamente racistas pois não admitem casamento com pessoas que não professem sua fé) para acabar com este hábito bárbaro dos descendentes da tribo de Levi, que tentaram forçar a volta da prática desta barbaridade no templo. Aqui segue um grupo Judeu que eu recomendo http://jewishvoiceforpeace.org/ eles fazem um trabalho bem legal de modernização e promoção da paz no Oriente. Abs

      Excluir
  15. Não importa a religião, cor ou raça. Creio que estamos aqui para defender e fazer valer as leis em nosso País em favor dos que não falam e não podem se defender.

    ResponderExcluir
  16. O problema não éa religião e sim em pessoas boas e pessoas mas.

    ResponderExcluir
  17. Eu nem sabia que ainda havia judaistas (acho melhor usar esse termo para designar os seguidores do Judaísmo, em vez de identificar etnia com credo; há judeus que não seguem o Judaísmo, inclusive judeus católicos) que sacrificavam animais. Sheila, pessoalmente penso que você pratica incontinência verbal, o ódio não resolve, não adianta ficar amaldiçoando as pessoas, temos é que tentar mudá-las. Pode ser que essas pessoas (ainda mais, crianças) não sejam perversas, mas atrasadas e ignorantes. De fato, em rituais de feitiçaria ocorrem até sacrifícios de crianças. Quanto ao Antigo Testamento, apresenta de fato muitos sacrifícios rituais de gado, mas isso numa época em que os povos pagãos em volta faziam muito pior, como os Aztecas depois no Novo Mundo; o romance "Salambô" de Gustave Flaubert desvenda algumas atrocidades da civilização de Cartago (sacrifícios de crianças ao "deus" Moloch...) Ora, Jesus Cristo em sua Encarnação aceitou o próprio sacrifício para redenção da humanidade, morreu na cruz, ressuscitou como o Verbo Divino que é, aboliu com isso os sacrifícios de animais como inúteis e, claro, também os sacrifícios humanos. Um Deus se sacrificou por nós e nos resgatou do pecado. O que mais querem? Realmente, um atraso o dessas pessoas, e francamente, o respeito pelo Judaísmo e pelo povo judeu e pelos seguidores dessa religião, não inclui ser a favor de tal atraso. Abraços. Miguel.

    ResponderExcluir
  18. Eu não percebi ofensas a nenhuma religião, apenas aos maus tratos a animais.

    ResponderExcluir
  19. Religião e ideologia são dois câncros para o ser humano. O que já se matou e continua se matando por religião e ideologia neste mundo é algo incomensurável. E ainda por cima se sacrificam animais na história. Para ser alguém do bem não é necessário nem religião e muito menos de ideologia.

    ResponderExcluir
  20. A pratica de sacrifícios a animais foi abolida do judaísmo a séculos,não podemos generalizar,legal seria se no Brasil esse pessoal que mata animais aos montes nas encruzilhadas da vida fossem punidos.

    ResponderExcluir
  21. Jorge Romano25/04/2014 10:29

    Acho que viajei no tempo. O apelo do blog mudou? Não é mais defesa de animais? Passou a ser de Religiões? É simples, da mesma forma que um protetor se levanta para defender um animal em sacríficio e/ou indefeso, também se levantaria para defender um ser humano indefeso atacado por um animal, independente de raça, cor, credo ou religião. Se assim não for não ha´que se falar em caridade, evolução, gente do bem ou do mal. O nome PROTETOR já diz tudo. Derrame de sangue combina com evolução, somente com ignorância. E "pelamordeDeus" o que significa TZEDAKAH SUBSTITUI ESSA IGNORANCIA DE SACRIFÍCIOS, que um anonimo fala o tempo inteiro?

    ResponderExcluir
  22. Jorge querido
    Tsedacá é um dos 613 preceitos dados por D'us no Monte Sinai ao povo judeu. A palavra tsedacá possui sua raiz na palavra hebraica tsedec, que significa integridade, justiça, a coisa certa a fazer. D'us permitiu que existissem pobres e ricos para que os seres humanos exercessem bondade e justiça uns com os outros transformando seu livre arbítrio em ações positivas.

    Foi, possivelmente, o recado dado por um judeu à revolta da Diana. Vc. pode ler mais aqui neste link:
    http://niltonsp1.blogspot.com.br/2011/08/o-que-e-um-tsedaca-tzedakah.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jorge Romano25/04/2014 18:09

      Valeu Sheila, voce sempre surpreendendo. Aproveito para retificar meu comentário acima, onde faltou um "não" na frase: "Derrame de sangue NÃO combina com evolução,..". A Diana defendeu a posição dela de forma impositiva, assim como os protetores defendem os animais. Nunca se pode aceitar sofrimento animal sob qualquer argumento, já basta a maldade humana, as religões precisam urgentemente se adequar e acabar com essa prática.

      Excluir
  23. Não entendo porque tanto auê com essa notícia, afinal, o grupo extremista (que há em todos os grupos humanos, inclusive entre os defensores de animais) foi impedido de realizar a ação pretendida. A Lei de Israel foi mais forte e eficaz. O próprio judaísmo, apesar de ter essa prática em suas escrituras, não tolera mais esse tipo de ação. Infelizmente, há grupos extremistas que teimam em se ater à letra escrita sem interpretações e rejeitando as atualizações que o texto sofreu. A prática de sacrifício foi substituída, há milênios, por outras como caridade e jejum. Para esses que insistem em seguir o texto ao pé da letra, a Lei. E, foi isso que aconteceu no caso em epigrafe: a Lei. Ou seja, nenhum animal foi sacrificado, as pessoas foram impedidas de seguir adiante com sua pretensão e o animal teve destinação adequada. Só isso. Nem sei porque o fato foi publicado neste forum. A simples publicação realmente pareceria ser uma afronta aos judeus, uma vez que se trata de um grupo minoritário e extremista, que não representa os judeus e que não realizou a ação por ter sido impedido pela própria polícia israelense.

    ResponderExcluir
  24. Tava a fim de ler tudo mas parei no meio, fiquei com preguiça.

    Voce ta mais que certa Sheila, também nao tenho rabo preso com nenhuma religião e nao respeito as que matam animais.

    E se eu pertencesse a alguma dessas , iria era ter vergonha em defende-las, porque nada justifica essa barbaridade.

    ResponderExcluir
  25. Eu sinceramente estava esperando por esse acontecimento ! O blog falar mal da matança de animais pelos rituais Judeus as ofensas e generalização começarem e algum Judeu vir aqui , como fez a Diana , cobrar a postura e ética nas palavras pois é crime sim o que as pessoas fazem ao xingar e discriminar a religião dos outros, mas como é um povo tradicional e poderoso, de imediato o tratamento com esse grupo de pessoas mudaria pois quando as pessoas generalizam e falam mal das religiões afros , e como essas pessoas das religiões afros não tem o " poder" do povo Judeu, ninguem abaixa a cabeça e continuam a ofender xingam e amaldiçoam etc , inclusive com o termo pejorativo de "macumbeiro" e assim vai, em qualquer local/lugar que se critica esses rituais dos Judeus como já disse alguem aparece ofendido e de imediato se retratam , ficam com medo dos processos e tal, mas continuam a criticar os " macumbeiros" como se só eles fizessem essas atrocidades e generalizando que TODOS pertencentes as religiões afros fazem, eu me sinto também profundamente ofendida pois sou UMBANDISTA e já postei aqui que NUNCA no TU que frequento desde criança houve qualquer tipo de sacrificio jamais eu presenciei ou vi tal absurdo lá e sou protetora dos animais e sou orgulhosamente VEGETARIANA, coisa que eu tenho certeza absoluta que muitos que criticam esses horrendos sacrificios NAO SAO e assim acabam participando de matanças horriveis tbm pois ninguem aqui pode dizer que desconhece como a carne de varios animais "chegam" ao seu prato/churrasco etc. Como disse a Diana ninguem pode generalizar as pessoas de qualquer religião pois NÃO são todos que fazem sacrificios , como tbm não podemos dizer que todos os catolicos participam do ritual de matança para a ceia de Natal se o religiosos for vegetariano, enfim eu acho que por ser um dos maiores se nao for o maior blog de defesa animal,( que eu há anos participo e adoro, curto a pg no facebook,) deve ter postura ética antes de ofender a religião dos outros pois NAO SAO TODOS que fazem /participam/ concordam com essa monstruosidade que é ritual com matança, nenhum Santo/Orixã .Deus ou Jesus quer isso inclusive no "aniversario" Dele ( Natal) Ele quer a mesa cheia de defuntos para as pessaos devorarem . Peço desculpa por erros e repetições escrevi no celular e nao consigo visualizar. Não generalize mais as pessoas religiosas xingando a todas pois já é banido e proibido esses rituais nas religiões afros .mas como sempre tem gente ignorante em toda religião ainda há quem faça, mas em lugar que trabalha serio e com amor nao , nao existe mais ou nunca existiu como no TU que foi de minha avó,
    Vamos sim por nossas forças em TODAS as pessoas que maltratam/mutilam e tbm comem e se deliciam com defuntos animais, estou nessa com vc Sheila ai nao tem como generalizar quem faz maldades ou come animais e tbm religiosos seja da religião que for que ainda faz esse tipo de sacrificio monstruoso MAS SEM GENERALIZAR,
    Dou a sugestão de vc postar muitas coisas sobre a verdadeira faceta de um matadouro, de como se cria uma vitela , a cruel industria dos ovos e testes em animais para as pessoas se tornarem vegetarianas ou vegans e muitos destes pararem GENERALIZAR e achar que todos Umbandistas , Candombecista, etc fazem sacrificios com animais . Outra sugestão NAO aceite mais comentarios anonimos as pessoas tem que dar sua cara a tapa Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Peludinhos (desculpe não sei o seu nome)
      mas, em momento algum eu generalizo. Falo e repito que sou contra QUALQUER RITUAL RELIGIOSO QUE USE ANIMAIS... se é judeu, muçulmano, candomblé, umbanda ou outro qualquer, não estou nem aí... não tenho rabo preso com ninguém.... Não tenho culpa se nestas religiões usam animais. Não sou eu a culpada. Quem tem que resolver esta parada são os próprios religiosos que a praticam.

      Quanto a vc. falar que judeus são mais poderosos que os "supostos macumbeiros", lembre-se que é você que está falando. Costumo liberar somente aquilo que leitores expressam e que penso que não vá ofender alguém.

      Mas, se alguém se sentir ofendida é só me escrever. Eu posso avaliar a questão sem problemas, independente de qualquer religião. Mas, não vou deixar de falar NUNCA sobre estas religiões que usam animais em rituais.
      Agora, usar e cobrar argumento de estar ofendida por algo que, apenas, reproduzo e tenho coragem de falar, não vale.

      Por ex., cobrei da Diana o que ela faz para modificar a matança de frangos que judeus fazem todo ano por achar que eles limpam a vida deles até o próximo ano. E isto acontece aqui na nossa esquina... não é lá em Jerusalem..... As macumbas estão nas nossas esquinas, quem faz alguma coisa? E eu acho muito difícil criar uma idéia diferente em nós que não somos de religiões que fazem ritos com animais.

      Eu posso encher a boca e dizer que eu falo e corro atrás. Vide quantos espíritas e babalorixá já entrevistei aqui no blog. Até o embaixador Africano entrevistei quando da ocasião da Copa anterior que matavam animais nos campos de futebol.... É só conferir aqui no blog..... Aliás, verdade seja dita, nunca me interessei em falar com um rabino sobre estes ritos, mas, ainda está em tempo. Vou tentar. Quem conhecer algum que possa falar sem se sentir perseguido, me fala?

      Enfim, Peludinhos, eu cobrei a Diana (e parece que ela não se tocou) que se eu fosse judia estaria envergonhada da minha religiao já que ela mata animais em nome de crenças. Eu não sou de nenhuma e faço o que posso para modificar tal realidade.

      Agora, o critério de escolha do que publico acompanha tão somente a minha consciência.

      Excluir
  26. Ola Sheila
    Meu nome é Carmem.
    Eu realmente disse e digo pois isso nao é ofensa alguma dizer que os Judeus são mais poderosos, e os praticantes de matanças com oferendas com certeza não são, acredito que alguns satanistas sejam , mas enfim, não vejo ofensa em meu comentario.
    Infelizmente não dá para se mudar cabeça de gente ignorante, mas eu faço sim o que posso por exemplo levamos adiante o TU ( Terreiro de Umbanda) da minha avó e NUNCA houve ou haverá matança por lá e vou dizer uma coisa que vc com essa linda e sofrida jornada em defesa dos animais, deve estar cansada de saber, o ser humano é cruel !!! Existem pessoas até de outras religiões que dão um de " santinho" por ai, mas vão aos TU e querem trabalhos "quentes" isso é querem pq querem matança !!! acham que se nao matar nao dara certo e eu boto para correr.... A minha parte eu faço, mas o que me deixa mais indignada é pessoas criticando e depois se deliciam em uma churrascaria.
    Moro em uma chacara repleta de animais domesticos e ate selvagens ( soltos é claro) pq aqui nessa região ERA uma area de proteção mas o $$ falou mais alto e o governo liberou impondo leis que nao sao cumpridas, enfim tem muito mato aqui que enquanto eu viver e meu filho que segue meus passos na proteção da natureza e animais, NINGUEM derrubara uma arvore ou matara um gambá que seja ! Aqui tem 2 gambás criados juntos com os gatos que achamos bebezinhos e tivemos que cuidar ,mas vivem aparecendo outros e sempre estamos alimentando, tenho varias galinhas e 2 foram tiradas dos tais rituais que achei em uma encruzilhada, desamarrei os pés e as trouxe e vivem felizes...rs
    CONTINUA ....

    ResponderExcluir
  27. Os TU são controlados pois geram impostos para a federação e é proibido a matança em sacrificio, mas sempre tem quem faça. Quando sei quem fez, eu denuncio
    Eu nao me envergonho das minhas atitudes e da minha crença pois nao participo das nojeiras que existem , inclusive nas outras religiões e torno a falar, se a pessoa nao for vegetariana ela participa do mais horrendo ritual de matança para a carne/ovos chegarem aos pratos delas.
    Estou sempre tentando fazer as pessoas virarem vegetarianas/vegans pois nao dá mais para aceitar o que fazem com esses animais e como disse , na minha chacara existem muitos animais e na do vizinho tbm ele nao cuida e elas invadem aqui, entre meus 20 cães existem alguns que matam ( e eu quero morrer com isso) as galinhas do vizinho e para mim a tristeza é a mesma ve-las morta por um dos meus cães, numa esquina em uma entrega, em um saquinho no supermercado, assada em uma padaria, em uma panela....
    Gasto o $$ que nao tenho para alimentar os selvagens que aparecem, varios passaros , nunca pedi nada para ninguem, nao consigo ver seus olhinhos famintos e nada fazer pois o ser humano a cada dia destroi seu habitat e eles estão se refugiando aqui...
    E sobre o que vc disse "Agora, o critério de escolha do que publico acompanha tão somente a minha consciência." é claro, o blog é seu , apenas dei sugestões sobre os matadouros que achei pertinente já que com certeza NAO sao todos que aqui estão que saõ vegetarianos...
    Enfim faço minha parte , faço o que posso e muitas vezes o que nao posso, estou sempre me metendo em encrencas por causa dos animais e sou "jurada" de morte por aqui pq denuncio mesmo a destruição da natureza, ai confio sim na proteção dos meus Orixás e de Jesus pois estou defendendo criaturas Dele ! Se um dia eu sumir do seu blog foi por causa dessas encrencas/ameaças com posseiros e grileiros de terras que derrubam tudo e matam animais, pessoas que armam arapucas para prender passaros que valem 15 mil reais ( ouvi isso outro dia, que maldade) raposinhas e gatos do mato , jacutingas, tucanos etc...já tentei fazer BO mas como nao tenho provas das ameaças de morte, nao fazem....
    Continue sim com suas publicações e mesmo que eu nao comente, leio praticamente todas, chorei com vc com a morte da sua cachorrinha,já pedi sua ajuda com o caso de um vereador que maltratou um cão na frente de crianças e me ameaçou com o facão pq cobrei a postura dele e o denunciei.... enfim estou sempre por aqui pq amamos os animais, nao sei pq , as vezes brigo com Deus por ter me feito assim com tanto amor e sem o "poder" para fazer ou mudar nada, e estou sempre sofrendo....Descobri infelizmente que as vezes vamos ajudar e acabamos atrapalhando por ex qd se salva um bebezinho selvagem nunca mais esse podera ser solto ,o solto por aqui e deixo alimentação mas se daqui eles sairem quem sabe o que vai acontecer ? Se a "mamãe deles os abandona é pq eles terão problemas ... xii são varios exemplos.
    Bjs Sheila

    ResponderExcluir
  28. Eles ainda esperam a vinda do verdadeiro messias, porque pra eles aquele que veio primeiro foi um falso profeta.Ai que povo burro! Até os Romanos aceitaram jesus depois, e esse povo aí matando bicho.Enquanto não incitaram o povo a condenar jesus não sossegaram,jesus condenado pelo tribunal judaico e depois romano,coitado!

    ResponderExcluir
  29. Aos moralistas de plantão, segue link de pessoas realmente capacitadas para tal discussão
    http://www.pensataanimal.net/arquivos-da-pensata/43-sergiogreif/135-sacrificio-de-animais

    ResponderExcluir
  30. Então Seila você também deveria fazer uma campanha para falar dos árabes porque no caso deles não são apenas um ou outro que distorcem ou seja todos eles sacrificam carneiros e você se empenhou apenas em falar com ódio dos judeus, que no caso desse vídeo fique sabendo que é um grupo isolado do judaísmo os Neturei Karta, não são todos os judeus que são assim, obrigado!

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪