01/02/2014

A patifaria de venda dos animais no Mercado Central de Aracaju continua - SE

Vejam só a novela deste mercado em Aracaju....
Publicamos estas duas postagens na ocasião que ilustra bem toda esta patifaria:
Pois bem, agora vem a papagaiada de fingir que fiscaliza e que os culpados serão indiciados.... Fala sério, Brasil!!!!!
__________________________

Medida foi tomada após inspeção ao Mercado Central de Aracaju.

Três vendedores do Mercado Central de Aracaju serão indiciados pela Delegacia de Proteção ao Consumidor e ao Meio Ambiente (Deprocoma) pelo crime de maus-tratos a animais. A medida foi tomada após inspeção do órgão ao Mercado Central de Aracaju.

Durante a inspeção foi constatado várias situações que configuram o crime de maus-tratos a animais. “Encontramos os animais
expostos ao sol neste verão, em condições onde as acomodações são excessivas e inadequadas, com alimentação imprópria. Há ainda a ausência de cartão de identificação, são situações que características de maus-tratos”, disse o delegado do Deprocoma, Paulo Ferreira.

Ainda segundo Paulo, os animais não foram apreendidos por não haver local específico para encaminhá-los. Um termo circustanciado foi lavrado aos vendedores donos dos animais, se condenados eles deverão cumprir penas alternativas.

Para Paulo Ferreira, esse tipo de crime vem ocorrendo com maior frequência no Estado. “Esse é um problema que vem persistindo. Não é a primeira vez que isso ocorre. A solução mais adequada viria à municipalidade, porque se eles impedissem a venda dos animais e criassem um local propício para isso, não aconteceriam esses problemas. É uma situação deprimente que não depende somente de nós", explica o delegado.

O Deprocoma continuará realizando inspeções para evitar que maus-tratos sejam promovidos a animais.“Vamos continuar fazendo as inspeções, mas estamos apostando mais na questão da municipalidade. Vamos fazer um ofício relatando o que encontramos no a prefeitura para que eles façam a fiscalização como rege a lei municipal”, finaliza.











VENDA PROIBIDA DE ANIMAIS VIVOS NOS MERCADOS CENTRAIS - SE
Através de liminar, animais vivos podem ser vendidos no Mercado Central de Aracaju - SE



8 comentários:

  1. Capaz quie não ia ter uma liminar! O nosso judiciário dá liminar pra tudo, menos pro que é bom. Toda a gentalha do país continua praticando seus crimes em cima de liminares, cujos processos são engavetados e nunca mais se ouve falar deles.

    ResponderExcluir
  2. CADÊ O MINISTÉRIO PÚBLICO ???

    ResponderExcluir
  3. Vergonhoso.....

    ResponderExcluir
  4. Sabem por que isso não acontece nos Estados Unidos? Por que a própria população não aceita! Eles se mostram indignados, chamam a polícia, quebram tudo, tiram os animais das jaulas... Mas aqui é o Brasil e o povo, não tá nem aí.

    ResponderExcluir
  5. Não sei se concordam, mas os maiores culpados para que essas práticas continuem ativas, são os compradores... "Sem consumidores, não há mercadorias".
    Os compradores financiam as reproduções indiscriminadas e as vendas, muitas vezes, criminosas.
    Lembrando que essas covardias acontecem não só com cachorrinhos e gatinhos, mas com todos os tipos de mamíferos, aves, répteis e peixes. Aconselhem a quem possam ser compradores a adotarem. A vida agradece.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, se nao houvessem compradores esses calhordas nao venderiam.
      Um verdadeiro horrorrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr

      Excluir
  6. Se proibissem totalmente a venda de animais, com ou sem criadouros registrados, não haveria esse tipo de problema, nem gastar dinheiro pagando gente para fiscalizar, esse tipo de coisa.

    ResponderExcluir
  7. PAÍS DE IGNORANTES,E NÃO É SÓ NESTE MERCADO .
    Simone

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪