03/12/2013

Diretor de "As Aventuras de Pi" diz que afogamento de tigre foi um acidente

Depois que tomamos conhecimento da zorra que são os animais em filmagens, não acredito mais em nada....
______________________
Imagem GOOGLE
O diretor do filme "As Aventuras de Pi", Ang Lee, negou que tenha ocorrido maus tratos ao tigre de bengala, mas assumiu que o animal se afogou durante as filmagens e classificou o ocorrido como um "acidente".

"Foi um acidente", disse Lee a imprensa durante visita a Manila, nas Filipinas. "A equipe trabalhou duro para resgatar o tigre e depois ele recebeu muitos cuidados, um tratamento cinco estrelas. Nós demos muitos cuidados ao tigre, tanto quanto podíamos", completou o diretor. As informações são do site "The Hollywood Reporter".

Lee estava nas Filipinas para participar de um festival de cinema de quatro dias, que teve a exibição do longa "As Aventuras de Pi".

Entenda o caso
Uma funcionária da American Humane Association (instituição que tem como uma das metas evitar
que animais sofram abusos durante a produção de filmes) que afirmou em um e-mail que o tigre-de-bengala que estrelou "As Aventuras de Pi" quase se afogou durante as filmagens não faz mais parte da organização. O anúncio da saída de Gina Johnson ocorre um dia depois de a revista "The Hollywood Reporter" publicar uma reportagem sobre abuso de animais que teve como início o e-mail dela.

Imagem GOOGLE
Na mensagem eletrônica enviada em 7 de abril de 2011 para uma colega, Johnson afirma que o tigre, chamado King, quase morreu durante as filmagens. "A pior coisa foi que semana passada nós quase matamos King no tanque d'água. A tomada com ele foi muito ruim e ele se perdeu tentando nadar para a borda. Quase se afogou. Eu acho que nem preciso dizer, mas NÃO MENCIONE ISSO COM NINGUÉM, ESPECIALMENTE COM O PESSOAL DO ESCRITÓRIO (sic)", disse Johnson.

O e-mail de Johnson, obtido pela "Hollywood Reporter", deu início a uma investigação da revista que resultou na reportagem falando sobre o abuso de animais em várias outras produções. A reportagem diz, ainda, que a AHA estaria sendo leniente com abusos.

Imagem GOOGLE
Nesta terça, 26 de novembro, a American Humane Association informou à rede de TV CNN que Johnson não faz mais parte da organização, mas não informou qual foi a data de sua saída nem o motivo.

Em um comunicado divulgado nesta segunda, a organização afirma que a investigação da revista "distorce" seu trabalho e que há uma marca de 99.98% de segurança para animais nas produções fiscalizadas pela AHA.

De acordo com a reportagem, funcionários da própria AHA afirmaram que esse número não reflete a realidade, pois leva em conta um alto número de insetos impossível de ser contabilizado.

FONTE: Portal UOL

12 comentários:

  1. Carolina BE03/12/2013 12:02

    Mas eu sabia!!! Quando vi as cenas onde ele luta pra se manter à tona na água foi muito real, não tinha como ser montagem. Se o diretor tivesse afogado o ator o fato ficaria oculto também??? Fora o fato do tigre estar ali involuntariamente, ao contrário do ator e do diretor que faturaram alto.

    ResponderExcluir
  2. Que tigre lindo!!!! Adoraria ter um "gatinho" desses em minha casa. Acidente ou não, acho que todo cuidado é pouco quando se trata de bem estar animal. A saída da funcionária, também, deixou algo no ar: será mesmo que estão tomando conta??? Felizmente, o tigre está bem!

    ResponderExcluir
  3. Jorge Romano03/12/2013 12:45

    Interessante esse assunto. Tanto falaram desse filme que acabei vendo em casa, e por isso pude voltar as cenas varias vezes para tentar entender o que acontecia e buscar o objetivo daquele filmeco. Não gostei, achei que o filme iria retratar uma convivencia entre o ator e os animais e o que vi foram cenas de sofrimento de animais pela sobrevivencia. Em uma das cenas em que o tigre desembarca, ele está visivelmente desnutrido (tambem foi truque?), e agora a revelação que o coitado se afogou. Tudo por dinheiro, isso é o que importa no mundo atual.

    ResponderExcluir
  4. VERA LUCIA RICARDO03/12/2013 12:50

    E eu achando que as cenas com animais nesse filme tivessem sido feitas com computação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também, porque durante a entrega do Oscar, diziam ter abusado dos efeitos de computação e blá, blá, blá. Por isso, achei a técnica incrível... Ledo engano! O malditos quase mataram aquele animal magnífico.

      Excluir
  5. Acidente foi esse cara ter nascido. Poderia ter nascido morto.

    ResponderExcluir
  6. rosa elisa villanueva03/12/2013 13:58

    Meu Deus que horror, mataram o tigre! esse filme tem que ser proibido de ser veiculado e seus responsáveis devem pagar indenização a algum refúgio de animais silvestres. Lamentável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não mataram o tigre, ele foi salva e está vivinho da silva! Por fvr, leia a reportagem com atenção, ok?

      Excluir
  7. Só pode ser tara por praticar atrocidades !!!
    Gastam uma fortuna em efeitos especiais e agem dessa forma !
    Tem que ter uma lei que proíba o uso de animais.

    ResponderExcluir
  8. Os cavalos - 17 - mortos e outros feridos, as cabras e ovelhas mortas nas filmagens de O Hobbit, o esquilo esmagado nas filmagens de As Armações do amor, vários animais marinhos mortos nas filmagens de O Pirata do Caribe - A maldição do Pérola Negra, etc, etc, a lista não termina nunca. O que me deixa perplexa é a forma como os atores compactuam com essa canalhice.

    ResponderExcluir
  9. Parece que não conseguem ler tudo até ao fim. O tigre afogou-se mas foi resgatado e tratado encontrando-se bem. Não vi nenhum tigre subnutrido, nós é que estamos habituados a ver tigres obesos.

    ResponderExcluir
  10. Embora tenham dito que o tigre "quase" morreu, eu ainda acredito que ele morreu sim. É muita informação truncada. Primeiro o diretor afirmou categoricamente que não havia tigre real, depois voltou atrás e disse que tinha, mas em poucas cenas. Ia ficar por isso mesmo se o e-mail da pessoa responsável pela observação dos cuidados com os animais não viesse à público onde ela informa o tal "acidente" e pede para não divulgar. Aí o diretor que não tinha usado tigres reais, depois usou, então justifica que o tigre sofreu um acidente e até tira fotos do lado de "um tigre" que pode ser qualquer um. Me poupe, né? Tá na cara que rolou morte e foi encoberta. Nem seria a primeira vez que isso acontece em filmes e infelizmente não será a última. Quem quiser acreditar nos caras, ok. Para mim essa conversa não cola mesmo.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪