20/12/2013

Manifestação contra morte de um cão chutado em restaurante - RS

Galera, vamos participar deste ato, pois, foi uma barbaridade!!!!!!!! Duas matérias abaixo esclarecem todo caso.... terrível tamanha violência!!!!
________________________________

Ato está sendo combinado pelo Facebook
Foto: Reprodução Facebook / Reprodução
Ato previsto para sábado em frente ao restaurante onde cachorro teria levado chute de funcionário

A morte de um cachorro gerou indignação e motivou um protesto que está previsto para sábado, às 11h30min, em frente ao Restaurante Palestrina, no bairro Vila Nova, em Novo Hamburgo. O movimento, que está sendo organizado pelas redes sociais por Leandro Mello, presidente da ONG Organização pela Dignidade dos Animais Abandonados (Ondaa), já conta com mais de 4 mil pessoas confirmadas no ato em defesa do animal.

Mello explica que ficou sabendo do caso depois que o dono do cão publicou no Facebook o que teria
acontecido - o cachorro da raça Terrier Brasileiro, Snoopy, teria morrido após receber um chute de um funcionário do restaurante, na segunda-feira.

— Queremos fazer um ato completamente pacífico. Quem participar pode levar o seu cão, cartazes, o que quiser, mas nenhum tipo de violência será tolerado — esclarece o organizador.

Marcelo Acker, veterinário e dono do cachorro morto, conta que a família não queria exposição, mas que após a história se espalhar pela internet se manifestou para esclarecer fatos que foram distorcidos. Ameaças ou violência (como as surgidas em comentários nas redes sociais) contra o suspeito ou o restaurante não são aceitos por Acker:

— Não queremos esse tipo de punição. A violência que cometeram contra meu cachorro não deve ser retribuída com mais agressão. Não adianta pagar desta maneira.

Acker diz que provavelmente não irá comparecer na manifestação.

Segundo o advogado do restaurante, João Carlos Dau Fuilho, a repercussão do caso é uma surpresa:

— Todos ficaram assustados com o que está acontecendo. O proprietário e o funcionário recebem ameaças pelas redes sociais e pelo telefone — contou.

Segundo ele, o garçom que atingiu o cão não tinha intenção de machucá-lo:

—O funcionário foi afastar o cachorro que entrou no restaurante por uma questão de higiene e, ao empurrá-lo, ele morreu. Ele nega que tenha chutado, somente tentou encaminhá-lo para o lado de fora do estabelecimento.

Dono do Terrier Brasileiro, Acker relata que, perto do meio-dia de segunda-feira, Snoopy entrou no restaurante a procura do dono, quando foi atingido na cabeça pelo chute.

Em seguida, o funcionário teria sido vítima de uma tentativa de linchamento. Ele foi afastado temporariamente do trabalho para evitar conflitos com frequentadores do estabelecimento. O caso foi registrado pela Brigada Militar, que emitiu um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) – registro de crime de menor relevância – e encaminhou o documento para o Fórum de Novo Hamburgo.

FONTE: Zero Hora


Cão é morto com chute em restaurante de Novo Hamburgo

Animal era parcialmente cego e não resistiu à agressão

Snoopy foi atingido por um chute
Crédito: ANDA / Divulgação / CP
A morte de um cão dentro de um restaurante chocou moradores do bairro Vila Nova em Novo Hamburgo, no Vale do Sinos. Segundo relato de testemunhas, um dos funcionários do estabelecimento atingiu o animal – que era parcialmente cego – com um chute. Em entrevista à Rádio Guaíba nesta terça-feira, o filho do proprietário do cachorro e veterinário, Marcelo Acker, explicou que o pai foi até o estabelecimento para comprar comida para a família e o cachorro Snoopy foi com ele. 

Acker contou que o pai havia pedido para Snoopy ficar do lado de fora do restaurante, mas o animal ingressou no local e deitou aos pés de uma mesa. Segundo o veterinário, quando o pai percebeu uma movimentação, o funcionário
do restaurante já havia chutado o cachorro. “Ele, infelizmente, morreu na hora. Não teve nada o que fazer”, lamentou.

Acker afirmou que a Brigada Militar foi acionada e o agressor assinou um Termo Circunstanciado (TC). “Agora é aguardar pela Justiça. Infelizmente não há muito mais o que fazer”, disse. O veterinário contou que o funcionário trabalhava no setor de grelhados. 

A notícia da morte do cão se espalhou pelas redes sociais e causou revolta. Acker solicitou, no entanto, que as pessoas não tentem fazer justiça com as próprias mãos. “A gente deve respeitar a integridade física das pessoas, assim como a gente está lutando contra a violência contra os animais”, destacou.

Pessoas ligadas a organizações em defesa dos animais estão organizando um ato em frente ao restaurante para às 11h deste sábado. 

36 comentários:

  1. Ele não será punido pela justiça ? Alguém tem alguma informação?
    É lógico que ele sabendo dessa manisfestação, será afastado do trabalho nesse dia.
    Que mostro !

    ResponderExcluir
  2. Por que nenhum magistrado ainda não acrescentou a pena destes indivíduos a tomarem lições de bom senso,cidadania e humanismo para fazer valer um aprendizado de "HUMANO HUMANIZADO" ?????????

    ResponderExcluir
  3. Aí que vontade de chutar o desgraçado que chutou o cão, moro em Porto Alegre...realmente a coisa tá feia se o agressor desgraçado estivese lá seria linchado. Mas como vai para justiça e provavelmente a pena sera leve como sempre, vai rir da nossa cara e o maldito trabalha num forum...ainda bem que tem o face para desgraçar o Restaurante Palestrina de Novo Hamburgo, boicotem não vão lá, já tá em falência bem feito...Mas o agressor ahhh,esse, sim tem que ser corrido da cidade...tem que ver a cara do FdP no face.. mas tudo isso não tras devolta o Snoopy infelizmente, pq é vida é vida que foi tirada assassinda...Então é dificil não querer fazer o mesmo com os animais humanos, tipo envenenar o agressor como muitos fazem com animais. Ainda bem que a midia ta aí (de vez em qdo né, as alternativas são as que + funcionam) para mostrar os desgraçados que fazem mal aos animais, estamos aí de olho, fazendo barulho, correndo atras, cada vez mais das injustiças realizadas pelos abominaveis humanóides...Vá em paz Snoopy o mundo ñ merece seres de luzes, aqui já o purgatório. Valeska. Sempre pelo os Animais Sempre

    ResponderExcluir
  4. LÓGICO QUE NÃO É P/ LINCHAR O AGRESSOR DO ANIMAL MAS ELE DEVE SER PROCESSADO POR CRIME DE MAUS TRATOS AOS ANIMAIS. MESMO QUE PAGUE COM CESTA BÁSICA OU SERVIÇOS COMUNITÁRIOS.
    SE FICAR IMPUNE VAI DAR BRECHA P/ OUTRAS PESSOAS FICAREM CHUTANDO ANIMAIS POR AÍ.
    NÃO TEM ESSA QUE FOI SEM QUERER, P/ O ANIMAL MORRER COM UM CHUTE É PQ FOI DADO COM MUITA VIOLÊNCIA, DEVE DAR DADO HOMORRAGIA INTERNA E SE PEGOU NA CABEÇA UMA PANCADA FORTE MATA MESMO.
    NÃO TEM DESCULPA P/ ESTE AGRESSOR, ELE DEVE SABER QUE ERROU.

    ResponderExcluir
  5. O melhor protesto a este restaurante é a convocação a um boicote coletivo, encher as redes sociais, as ruas de cartazes, a Internet, com informações de que este restaurante agride e mata animais. Infelizmente, estas empresas só visam os seus lucros e atacá-las neste ponto frágil é o melhor que podemos fazer e o que nos dá força. Depois, enquadrá-la no art. 32 da lei nº 9.605/1998, em crime contra a fauna. O autor do delito pode pegar até 1 ano e 4 meses de cadeia e multa. Fazer uma denúncia ao Ministério Público, fazer este restaurante gastar com advogados e o agressor ser demitido por justa causa, ser preso e pagar multa. Isso é um crime contra a nossa fauna, um absurdo completo.

    ResponderExcluir
  6. Demissão por justa causa, no mínimo. É o que se pode exigir do dono do restaurante por um crime desses.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Achei o boicote ao restaurante uma ótima idéia Dimitri Martins... Resta saber se todos os moradores locais apoiariam. Isto com certeza seria uma ótima mensagem aos seres humanos que não gostam de animais e querem proibilos de entrar em restaurantes por questões de higiene. Já trabalhei em restaurante na minha juventude e se estas pessoas pudessem ver a sujeira e a falta de higiene na cozinha de alguns restaurantes, esta HIPOCRISISIA talvez chegasse ao fim.., questões de higiene bah!

      Excluir
    2. Esse ordinário, cafajeste que chutou o pobre animal deve rezar na cartilha do dono do restaurante. Lé com lé, cré com cré. Os dois são culpados, um que matou e o outro que ainda quer defender. Malditos sejam!!! Infelizmente a justiça no Brasil é um deboche. É o único lugar que se vê bandido indo para a cadeia dando risada e saindo pela porta da frente da delegacia. Realmente aqui é uma piada...de mau gosto! Mas cabe a nós, defensores dos animais, nesse caso, atuarmos para mostrar nossa indignação em atos públicos e pelas redes sociais fazendo a "propaganda" desse restaurante. Seria bom publicar o nome e a foto desse verme assassino!!!

      Excluir
  7. Conceição20/12/2013 11:29

    que absurdo, maldito seja o garçom, tomara que haja uma invasão de defensores no sábado.

    ResponderExcluir
  8. Nojo de ser humano iguais a este garçon e toda a sua raça maldita.. chutou e com certeza usou de muita violência, caso contrário o cão não teria morrido, e nega no pior estilo "humano sem caráter" mais baixo e sujo possivel... Nojo!

    ResponderExcluir
  9. "O funcionário foi afastar o cachorro que entrou no restaurante por uma questão de higiene e, ao empurrá-lo, ele morreu. Ele nega que tenha chutado, somente tentou encaminhá-lo para o lado de fora do estabelecimento"
    Nossa, tadinho do funcionário apenas deu um "empurrãozinho" de leve no cão... ahhh meu caro advogado isso ae é uma piada né, só que ninguém esta achando a menor graça, pq o mané não admite logo que fez m... Se tivesse sido msm apenas um "empurrão" o cãozinho não teria morrido né ? fala sério viu.. palhaçada.
    Simone

    ResponderExcluir
  10. Ah sr. Acker, vc está sendo muito inocente e bobinho. Pra mim o bom e velho principio da isonomia ainda funciona: Tratai com justiça aquele que te tratou com justiça e tratai com injustiça aquele que te tratou com injustiça. Ou seja, vc está muito "bonzinho" com uma pessoa que te fez mal. E esse funcionário: DEMISSÃO na certa por parte do restaurante. E o restaurante: um bom ressarcimento para a família 'dona' do cão; pois não precisava ter feito essa judiação com o pobre do cachorrinho. Ah mas esqueci, a justiça no Brasil não funciona. Pq se fosse assim, o meu então era pra ter morrido há muito tempo, pois quando saio com ele, o levo sem corrente e quando preciso entrar em algum lugar, ele vai atrás.

    ResponderExcluir
  11. Cecília Silva20/12/2013 11:54

    Fez ou outra um marginal mata um juiz, assim, deveriam ser todos inocentados, afinal, é muito comum!

    ResponderExcluir
  12. Este restaurante pode tratar de fechar as portas, pois duvido que os protetores vão deixar de esclarecer constantemente potenciais frequentadores sobre a ocorrência deste crime. A divulgação contínua do fato será importante, inclusive, para alertar outros estabelecimentos sobre o modo correto de tratar um consumidor e seu amigo canino durante uma relação de consumo. Além de responder pelo crime contra um animal, os autores estão obrigados reparação civil, pelo dano emocional causado ao tutor/consumidor. A penalidade civil deverá ser exemplar, pedagógica, para que possa servir de alerta a outros estabelecimentos habituados ao desrespeito com os animais e com os consumidores. Espero que os protetores e ONGs de Novo Hamburgo e de todo o Rio Grande do Sul, não permitam a banalização desta violência contra um frágil animal e contra o Código Brasileiro de Defesa do Consumidor.

    ResponderExcluir
  13. ele tem que pagar o rime que ele praticou perguntasse de quem era o sr. iria falar que era dele não com essa maldade de chutar o pobrezinho ele é um monstro e tem que pagar pelo que fez para não matar mis algum animal

    ResponderExcluir
  14. edna..ronzi@bol.com.br

    ResponderExcluir
  15. È isto mesmo Sr. Ezequiel, pau neste canalha, e vem falar que queria tirar o animal que não chutou,,, Sr. Acker Falando em justiça ,te esquece que esta no Brazil, desde quando animal sente dor e fome para um Juiz, para este cidadão só a lei de talião , acorda Sr Acker isto é Brazil....

    ResponderExcluir
  16. danielle silveira20/12/2013 13:25

    vou a um restaurante perto de minha casa que aceita levarmos animais, os donos adoram bichos, pago até mais caro, mas prefiro ir lá.
    nao adianta só pagar cesta básica, tinha que indenizar o tutor do animal morto, já que leis severas nao existem, pq quando dói no bolso as pessoas se "conscientizam"

    ResponderExcluir
  17. Concordo com o boicote!!! É mesmo a melhor solução!!!Estou achando esquisita a reação do dono do cão:se acontecesse com um dos meus ,eu é que viraria bicho. Ele diz que não vai à manifestação.Está com medo de quê? O organizador já disse que não vai tolerar violência. Se eu morasse lá estaria na comissão de frente. Manifestação em favor do boicote...o dono do restaurante vai á falência para deixar de ser imbecil ,á que não tomou atitude na
    hora certa contra o funcionário!

    ResponderExcluir
  18. Para conseguir matar na hora o bixinho, eu imagino o tamanho do chute, sou a favor de fazer o mesmo com ele.

    ResponderExcluir
  19. Diz que o cachorrinho voou1 metro pra cima e depois caiu na calçada. Imagino se o cara quisesse mesmo chutar! Credo! Advogado mentindo pelo cliente??? OAB !!! Pronuncie-se!!! Contra todas as testemunhas???

    ResponderExcluir
  20. Segundo informações que temos por aqui (vale dos sinos) o funcionário é o DONO do restaurante, informações do próprio filho, declarado no face...alegando o pai ser humilde e do interior, pessoa amorosa e exemplo de pai...blablabla........RIDÍCULO!!!!!!.....ABSURDO.
    Segundo, testemunhas que viram relataram que o cão saltou um metro de altura, e o chute foi na cabeça com extrema crueldade.

    ResponderExcluir
  21. Concordo com a Norma. Estranho a atitude do dono do cachorro, parece que está um pouco indiferente.
    Se fosse , Deus me livre, meu animalzinho, daria uma m...

    ResponderExcluir
  22. nem concordo que o dinheiro deva ir para o dono, acho que seria melhor para um(a) protetor(a) desprovida de recursos, com dificuldades, ou uma ONG.
    mas é certo que, além de responder a processo criminal, seja o dito cujo demitido , ou , que as pessoas de lá boicotem o restaurante, que vai ver tem uma cozinha nojenta e está dando uma de zeladores da higiene. Maldito seja o agressor. Que tal jogarem me*rda nele? eu faria.

    ResponderExcluir
  23. Punição é o que queremos para uma atitude absurda dessas. Protetores do Sul, estejam de olho neste caso e cobrem justiça por favor

    ResponderExcluir
  24. Terrível o que aconteceu e realmente dá vontade de chutar a cabeça de um monstro como esse para ele sentir um pouco o que o cão deve ter sentido, mas temos que observar um fato: o cão andava solto. Não vivemos em um país seguro para ninguém, muito menos para os animais. Esse cão deveria estar na coleira ou em casa. Animais são como crianças, fazem o que lhes dá na telha, se não tivermos responsabilidade são eles que sofrerão. Não estou justficando o ato do criminoso, mas temos que, cada vez mais, prestar atenção à segurança dos nossos companheiros porque não temos como garantir se o comportamento dos outros será correto.

    ResponderExcluir
  25. Concordo plenamente com o boicote, creio ser a única maneira de punir.

    ResponderExcluir
  26. Sei que não devemos cometer o mal com o mal. Respeito a opinião do dono do cãozinho. A lei tem que ser cumprida, mas que dá uma vontade de estourar os miolos deste verme de 2 patas, ah isso dá!

    ResponderExcluir
  27. Empregado puxa saco de patrao,custava retirar o animal com jeito de dentro do restaurante! esse tipo de gente é despresivel,que esse pé que foi usado para matar a cachorrinha,nunca mais funcione!!!

    ResponderExcluir
  28. Eu quero que esse FDP se lasque!!!!Eu que queria chutar a cabeça dele igual uma bola na hora de fazer o Goll!!!...com toda a força....maldito garçon passa fome

    ResponderExcluir
  29. Enquanto esperarmos pelas leis (brandas demais para esses crimes bárbaros) serem cumpridas neste sistema capenga e falido, os inocentes bichos estarão expostos a todo tipo de violência e crueldade extremas.

    Sou a favor do linchamento ou, no mínimo, da castração química, que abranda e até elimina o ímpeto de monstro dessas 'coisas' classificadas de gente.

    “A única maneira de liquidar o dragão é cortar-lhe a cabeça; aparar-lhe as unhas não serve de nada.” Saramago

    ResponderExcluir
  30. Exemplo de como as redes sociais se tornaram fundamentais no ativismo pró animais, vejo muitos protetores torcendo o nariz para o facebook por exemplo, mas se tornou uma ferramenta essencial. Se não fosse pelo ativismo talvez eu nem teria mais perfil no facebook

    ResponderExcluir
  31. Pacifismo o c... Se alguém se atrever a sequer ameaçar chutar um animal na minha frente, eu viro vaca louca! Chuto as bolas do cara, pontapé no queixo, dentada no pescoço e depois alego insanidade temporária movida por forte emoção.

    ResponderExcluir
  32. Tem que acabar com este maldito assassino !

    ResponderExcluir
  33. Nossa esse dono dele tá muito calmo. Se fosse eu, seria a primeira na manifestação e ia ter que me segurar para não arrebentar a cara desse assassino. Violência gera violência, mas tem que ter sangue muito frio pra ver uma crueldade dessa e o sangue não ferver. Mas, concordo com o que postaram acima. Demissão por justa causa e boicote ao restaurante se isso não for feito. Um desrespeito completo a um ser vivo, que além de tudo ainda era deficiente.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪