27/11/2013

Pensamento do dia: a internet e as neuroses do facebook.....

Gente, já falei que odeio o "inventor" do facebook por ele criar seus próprios bichos para comer..... isto traduz uma insensibilidade que me parece incalculável.... 

Agora, o troço é muito bom... Se usado inteligentemente, é produtivo para a causa animal e do contrário, é um desastre pois muitos psicopatas entram no metier só para causar e infernizar..... bem, não esquecendo que é uma forma de paranóicos e esquizofrenicos exercerem suas patologias. 

Portanto, acho que é hora de nos conscientizarmos de só permitir o uso da causa para construção de um bom futuro para os animais. Esta masturbação mental, sinceramente, me impressiona. Aliás, estou cansada de ver decepção de pessoas na tentativa de alcançar um objetivo. Todas dizem: poxa, com tantas pessoas no meu perfil e ninguém ajudou em nada..... Tô errada? Vejam a representação do que estou falando.....


11 comentários:

  1. Sheiloca querida, em raras vezes discordamos mas peraí, vou discordar de você com relação ao Zuckerberg. É fato que o cara não não tem nada de ético se levarmos em consideração apenas o fato de que ele passou o amigo para trás durante a criação da empresa "facebook" mas daí a dizer que ele ter uma pequena criação para seu consumo é insensibilidade eu discordo. Não é isso que a humanidade vem fazendo há séculos, em proproções muito maiores? sou contra carnificina da indústria da carne e ainda mais contrária a frieza com que os animais são manipulados nas grandes fábricas de carne e laticínios onde porcos são castrados sem anestesia e as mães vivem prenhes dentro de gaiolas, vacas clonadas e fertilizadas sem cópula e pintos são triturados ou tem seus bicos cortados também sem anestesia para depois viverem amontoados em gaiolas produzindo ovos para os humanos insanos... O mundo ideal seria nenhum animal privado de vida e liberdade para alimentar seres humanos mas não vivemos num mundo ideal, então, o que é melhor-uma pequena produção onde animais vivem livres e podem ter seu comportamento natural no fundo do seu quintal ou uma fazenda fábrica com milhões deles espremidos e amontoados e que irão para o freezer do supermercado para satisfazer a conveniencia dos humanos covardes que querem comer carne?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esqueci de acrescentar - Mas concordo com voce quanto ao título... A internet nas redes sociais e o facebook que é a maior e mais popular de todas, virou uma neurose e um saco!

      Excluir
  2. Ola Sheila, voltei! Bom, nunca entrei e nunca entrarei no Facebook.
    Viver apenas no mundo virtual é uma piracao total. Nao tenho tempo para isso.
    Me dei uns dias fora do ar para colocar os neuronios para carregar.
    O caso do caozinho jogado do carro é para descarregar os neuronios de qquer um mesmo.
    Concordo com voce. Qtas vezes, enquanto o povo se degladiava quem tinha a culpa ou nao, sai em campo para procurar animais perdidos. O Brasil tem que chegar um dia a levar os serumanos a arcar com a responsabilidade por seus animais. Naem que for por pavor das consequencias. Aqui cachorro alem de pagar impostos tem que ter seguro obrigatorio. Se o cao causar algum acidente o tutor tem que estar assegurado. No caso do caozinho preto, os meliantes nao so seriam processados mas se for provado o risco ou algum dano a outros carros/motos e pedestres a multa seria draconica e o seguro nao pagaria os danos. Seria bom ne. Bjs Dora

    ResponderExcluir
  3. Ficaria muito feliz se o cachorrinho fosse encontrado, pois estou sem conseguir dormir. Amei ter encontrado este Blog, mas triste por não ter notícias dele. Moro no nordeste e infelizmente não posso ajudar a procurá-lo. Deixa essa BESTA FERA dessa ex-dona para lá. GENTE, AJUDEM!!!! PARA VER SER CONSEGUE RESGATÁ-LO. Porque não é possível que alguém que more naquelas imediações não tenham visto as reportagens nas TV´s e nõa tenham encontrado por perto de onde AQUELA JUMENTA soltou o bichinho. Fico no aguardo de qualquer notícias dele, pois estou donte com as cenas terríveis que vi.

    ResponderExcluir
  4. Jumenta, minha senhora? Um jumento-fêmea jamais faria isso! Aliás, nessa sua terra de ninguém, o que mais se vê é crueldade contra todas as espécies de animais e, principalmente, os jumentos. Não lhe tira o sono a morte cruel e vil de um jumento-fêmea grávida, em um matadouro clandestino? Após passarem anos trabalhando sob o sol escaldante, transportando cargas muito além de suas capacidades, sofrendo fome, sede e maus tratos, agora que foram substituídos por motos e abandonados por seus ex-proprietários tão humanos e gratos, são capturados e mortos a machadada e a senhora vem dizer que está sem dormir por causa de um cão? Com todo o respeito, minha senhora, vá ser F.E.L.I.Z!
    Márcia Caetano

    ResponderExcluir
  5. Jumenta, minha senhora? Limpe essa sua boca para falar dos jumentos-fêmeas, pois elas jamais fariam tal coisa! O cão foi abandonado e, provavelmente, alguém o encontrará, mas os jumentos que por anos a fio transportaram toda a sorte de coisas para as pessoas desse lugar de ninguém, que foram abandonados à própria sorte para serem capturados e mortos, da maneira mais vil e cruel, a machadadas - mesmo a jumento-fêmea grávida, que foi estraçalhada -, não lhe tira o soninho, não é? Vá ser F.E.L.I.Z, minha cara!

    ResponderExcluir
  6. Muita gente criticou o número de compartilhamentos do vídeo do cão correndo atrás do carro, querendo voltar para o antigo tutor. Eu mesmo, compartilhei trocentas vezes. Isso iria ajudar a resgatar o cão, o mais importante na história? Talvez sim , talvez não. Compartilhei para que a história fosse divulgada o mais possível e que, com isso alertasse as outra pessoas, que estamos sempre de olho, na alerta, gritando no Facebook, para que esse tipo de crueldade, a qual já aconteceu, várias vezes, não se repita...simples assim.

    ResponderExcluir
  7. kkkkkkkkkkkk, pior que assim mesmo, tem gente que coloca, até os momentos intimos com marido, acho o fim da picada, a vida da pessoa é um livro aberto.

    ResponderExcluir
  8. TB ESPERO QUE ACHEM O CÃOZINHO PRETO JOGADO DO CARROS PELA DONA MALDOSA!
    ODEIO FACEBOOK!
    EU AJUDO UM GRUPO DE PROTEÇÃO ANIMAL, AJUDO NOS CASOS DE ANIMAIS PERDIDOS, OS DONOS JOGAM NO FACE, REPASSAM POR E MAIL E FICA POR ISSO MESMO.
    O FACE PODE AJUDAR MAS PRECISA SAIR A CAMPO, DISTRIBUIR CARTAZES NOS PET SHOPS, VETERINÁRIOS, COMÉRCIO, COLOCAR FAIXAS NAS RUAS, CONTRATAR CARROS DE SOM.
    ISSO É QUE TEM AJUDADO OS DONOS A ACHAREM SEUS ANIMAIS PERDIDOS.

    ResponderExcluir
  9. Jorge Romano28/11/2013 23:25

    Taí, gostei do slogan: Eu odeio facebook. Saio do sério quando começo a ouvir: "Poxa, postei no meu face e a/o falana/o não respondeu" ???? Isso é normal?? Já tem e-mail que se estende tanto com perguntas /respostas que para não ser indelicado com o amigo/a acabamos respondendo até a criatura se mancar. Mas ficar registrando TUDO o que a pessoa faz a cada minuto??? Isso já é paranóia de quem não tem o que fazer de util na vida. Criar animais para comer é coisa de gente insana. Como criar uma galinha e depois colocar a coitada na panela? Minha Avó fazia isso. Era a cultura da época, hoje é estupidez (a Sheila não quer que se escreva palavrão, fazer o que). Também concordo com a Marcia Caetano, quem se diz protetor tem que parar com essa mania pejorativa de comparar imbecil com animais (vaca, anta, galinha, jumenta, burro, etc..). Pior ainda é quando se escuta: Fui tratado como um animal . O que passei nem um animal merce. Para mim não faz sentido. O meu merce tudo de bom e é muito bem tratado, então fico sem entender do que o idiota está reclamando, MAS certamente o que passou , mereceu.

    ResponderExcluir
  10. Já entrei no facebook e encontrei coisas de assustar até o capeta. Não achei nada demais e nem tampouco viciante, e sinceramente, só fica ligadão naquela página quem é debilóde! Tudo tem limite, até para os sem noção, né não?

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪