21/11/2013

Casal é preso por seis meses por abusar de seu cão da família com 17 anos - claro que é nos EUA

Keith Morgan, de 56 anos, e Shauna Ewing Morgan, de 43 anos, foram presos por crueldade animal. Em março, Keith pegou seu cão com 17 anos e o entregou a sociedade de proteção animal alegando que o encontrou dentro de um saco plástico a beira de uma estrada. Em princípio foi considerado um herói, mas, a polícia investigou e acabou por acusar este casal de Nova Jersey. Sammy foi adotada por uma família carinhosa. Vejam a primeira vez que o pobre cão pisa no chão depois de não sei nem quanto tempo....

(Gente, infelizmente o vídeo do próprio jornal está com problemas em seu embed. Mas, achei este aqui que mesmo em ingles, dá para ver a repercussão e tratamento do pobrezinho)


Histórico:

Os proprietários de Sammy O Cocker Spaniel cujo cabelo estava tão emaranhado que ele não
conseguia andar foram condenados a seis meses de prisão ontem. De Nova Jersey Keith Morgan, 56, e Shauna Ewing Morgan, de 43 anos, foram  condenados a pagar 13,5 mil dólares em restituição e foram proibidos de já possuir um outro animal de estimação.
O casal foi acusado de crueldade contra animais em março, após Keith Morgan entregar o cão de 17 anos de idade, severamente abusado à um abrigo de animais, dizendo que ele tinha encontrado na beira da estrada. Mais tarde a polícia purou que eles eram os proprietários do cão.

Municipal juiz Robert M. LePore disse que emitiu a sentença máxima para deter futuro abuso animal, de acordo com o Asbury Park Press. "A falta de cuidado neste caso é indesculpável. Tem que ser um impedimento para a crueldade animal, disse ele. " Este tribunal acredita que uma mensagem precisa ser enviada não só para estes réus, mas para toda a sociedade que a crueldade animal é um problema nacional e global e devem ser abordados e intimidados".

Em 14 de março, Keith Morgan levou Sammy às Sociedades Humanas Associados em Tinton Falls, alegando que ele viu um motorista despejar o cão em um saco plástico em Wall Rd. Sammy estava desnutrida e ele não conseguia andar porque seu pelo emaranhado estava coberto de urina e fezes.
Durante 24 horas, Keith Morgan foi apresentado como um herói depois de dar uma entrevista na televisão sobre como ele encontrou o cachorro. Mas no dia seguinte, a polícia soube de uma fonte, que o casal possuía Sammy por pelo menos nove anos. Eles acusaram os Morgans com crueldade animal como Sammy recuperado no Hospital Veterinário Red Bank, em Tinton Falls. A família de acolhimento tem cuidado do pobre cão desde abril.

O caso de tortura de Sammy, abreviação de Samurai, atraiu a atenção mundial, através dos amantes dos animais que criaram uma página no Facebook e os repórteres do BuzzFeed que criaram também um post em sua homenagem. Uma petição online pedindo a promotoria a pedir a pena máxima para o casal Tijolo recebeu cerca de 33 mil assinaturas.

Mais de 100 torcedores Sammy, vestindo camisetas com a imagem do cão,  comemoraram no tribunal quando  os acusados foram condenados, apesar do casal ter pedido desculpas por suas ações. Keith Morgan disse em seu julgamento que a negligencia com o animal foi resultado de seus problemas de saúde, que incluem diabetes, doença renal e depressão. Ele disse que era um suicida.
"Eu estava em um momento ruim na minha vida. Eu estava deprimido ... porque a minha mulher saiu de casa. "Peço desculpas, eu não queria que isso acontecesse."

Shauna Morgan disse que ela não estava na casa durante vários meses antes do incidente. "Eu deveria ter previsto que Sammy não ficaria seguro com o meu marido, mas eu não sabia que ele ia ficar tão doente. ... Se eu tinha previsto eu teria tomado Sammy comigo ", disse ela. "Sinto muito, mas saiu do jeito que ele fez."

O casal teve outro cão chamado Ady que foi apurado estar bem. Ele está em um lar adotivo.
Os Morgans pretende recorrer da sentença que incluiu uma multa de $ 1.000, $ 13.500 em restituição ao Hospital Veterinário Red Bank, e 30 dias de serviços comunitários, além de pena de prisão.
O juiz concedeu uma proposta de estadia para permitir que os Morgans permanecem livres para o processo de recurso.

'Isso é o que queríamos, isso é o que foi merecido e que se justifica"  disse da SPCA, o Chefe Victor Amato. "Este juiz fez a coisa certa."

O caso de grande repercussão provocou indignação na pequena comunidade que pediram "leis mais rigorosas contra abusos em todos os estados e um registro nacional para que os abusadores não possam colocar as mãos em animais inocentes", de acordo com a página do Facebook .

Quando o Morgans foram denunciados em 20 de maio, mais de 250 pessoas lotaram o tribunal municipal para assistir.A fila se estendia para fora da porta do tribunal com apoiadores vestindo camisetas e segurando cartazes exigindo justiça, de acordo com NJ.com. Durante a audiência de 15 de julho, que atraiu cerca de 150 apoiantes de Sammy, uma mulher de Nova York gritou 'Vai se matar' e foi escoltado para fora da sala do tribunal. O Morgans foi escoltado para fora da sala do tribunal pela polícia ontem.

Os Morgans foram condenados a pagar à Red Bank Hospital Veterinário 13.500 dólares em restituição aos serviços para fazerem Sammy voltar à boa saúde (foto).


Sammy se recuperou totalmente e foi cuidado por uma família adotiva desde abril


Dezenas de amantes dos animais lotada sala do tribunal ontem para apoiar Sammy o cachorro abusado (foto). Eles aplaudiram quando o juiz condenou o Morgans (em pé da frente, ao centro)

Tudo que você precisa é amor: Centenas de pessoas manifestaram seu apoio para o 
Cocker Spaniel de 17 anos de idade



Os amantes de animais, que têm vindo a defender sentenças mais duras para os agressores de
 animais, comemoraram no tribunal quando o Morgans foram condenados por 
negligenciar Sammy o cão



Sammy, abreviação de Samurai, teve que ser alimentado pelos veterinários porque 
estava totalmente desnutrida



Tratamento desumano: Sammy não conseguia andar quando chegou ao Red Hospital Veterinário Banco porque seu pelo estava totalmente emaranhado



  Keith Morgan, de 56 anos (à direita) e Shauna Ewing Morgan, de 43 anos (à esquerda) foram condenados a seis meses de prisão ontem por abusar de seu cão Sammy

Fonte: Daily Mail (fiz a tradução pelo google)

11 comentários:

  1. Quem me dera no Brasil existissem juízes e leis assim...

    ResponderExcluir
  2. Cada vez mais me espanto com a crueldade com os animais. Chego a ter nojo do ser humano. Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Impressionante a falta de sensibilidade de certas pessoas. É inimaginável deixar um animal viver nestas condições.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E ainda usam doença como desculpas! Já enfrentei o câncer, mas nem por um momento deixei de cuidar bem de nenhum de meus bambinhos! Hoje, tenho apenas treze cães, mas naquela época, eu cuidava de vinte e seis, todos dentro de casa!
      Eles foram a causa de minha cura e restabelecimento.

      Excluir
    2. Parabéns Victória pela suas lutas...seu nome, porém, já diz tudo.

      Excluir
  4. Vejam o que eles dizem e que deveria ser pregado em todos os tribunais do mundo inteiro: " Este tribunal acredita que uma mensagem precisa ser enviada não só para estes réus, mas para toda a sociedade que a crueldade animal é um problema nacional e global e devem ser abordados e intimidados".

    ResponderExcluir
  5. maria do carmo22/11/2013 07:33

    Não deveria acontecer um ato assim...mas pelo menos nos EUA justiça funciona.

    ResponderExcluir
  6. Que nojo, meu Deus. Que nunca mais se repita, não tenho forças de comentar, desculpas, é muito triste, preciso chorar

    ResponderExcluir
  7. Espantosa a cara de pau deste casal, percebe-se claramente que não é o motivo de doença (se é que realmente existe alguma). É uma doença de caráter, de alma mesmo . Sem contar que pelo estado do cão (não só do pelo, mas de atrofia de nervos e músculos), fazem anos que não é devidamente cuidado, sobreviveu até conseguir chegar ao alimento, quando não pode mais o infeliz o entregou, quem sabe evitou a morte com medo de denúncia caso alguém o "sumir' com o corpo, ainda se passa por herói. É mas terra que tem lei de verdade é outra coisa...

    ResponderExcluir
  8. Fiquei tão indignada que se fosse postar aqui o que penso... Será que teremos um dia um Juiz assim?

    ResponderExcluir
  9. Por isso os EUA são primeiro mundo: as leis são cumpridas.
    Dininha

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪