06/07/2013

Donos "chegam a chorar" às associações por não terem comida para os animais

É galera, a situação de humanos, pega aqui, pega acolá......
_______________________________

As associações zoófilas são cada vez mais solicitadas por donos que "chegam a chorar" por não terem dinheiro para alimentar os animais e que assumem não terem comida para eles próprios, denunciou a Liga Portuguesa dos Direitos dos Animais.

A Presidente da Liga Portuguesa dos Direitos dos Animais (LPDA), Maria do Céu Sampaio, disse à agência Lusa que a situação tem vindo a agravar-se nos últimos dois anos, mas que está a atingir "proporções nunca vistas".

O desemprego, a perda de casa por incumprimento com o banco e a emigração forçada são algumas das razões que contribuem para cada vez mais pessoas não conseguirem manter os seus animais.

Maria do Céu Sampaio enumerou ainda o aumento do IVA na comida para
animais e nos cuidados veterinários como fator que contribuiu para o afastamento de cada vez mais pessoas destes cuidados fundamentais para os animais.

A situação levou a LPDA a criar uma solução para os casos mais graves e de comprovada insuficiência económica que consiste na oferta de comida para os animais de donos que não podem assegurar estas despesas.

"Temos uma campanha que funciona em casos de muita e comprovada gravidade e que consiste no encaminhamento de dádivas de empresas de comida para animais para os mais necessitados", disse. Maria do Céu Sampaio reconhece que esta é "uma gota de água" e que "não chega a todo o país".

A "falta de apoios" também tem dificultado a ação destas associações, que têm assistido, com "preocupação", a uma cada vez mais frequente oferta de donativos a particulares.

"Algumas pessoas fazem o possível e o impossível para ajudar os animais e sabemos que aplicam nesta ajuda os donativos que recebem. Mas há outras que ninguém sabe o que fazem", denunciou.

Por esta razão, a presidente da Liga defende que quem queira ajudar se filie em associações, de modo a que o rasto dos donativos possa ser seguido.

Uma dessas associações, a União Zoófila (UZ), estima que todos os anos sejam abandonados 10 mil animais domésticos em Portugal. 

"Há 500 mil animais à espera de dono em Portugal. Há 40 associações com abrigo em Portugal - sobrelotadas", adianta a UZ, que funciona em Lisboa, onde acolhe 500 cães e 200 gatos que foram abandonados e vivem "à espera de donos responsáveis".

Contra o abandono e os maus tratos a cães e gatos a UZ apresenta sábado uma campanha com o tema "Este Verão, não deixe para trás quem nunca o abandonaria".

O lançamento desta campanha acontece numa altura em que "muitas famílias partem para férias deixando os seus animais para trás". Para marcar a iniciativa, os voluntários da UZ vão participar numa ação de rua que aborda a temática do abandono e dos maus tratos.

Fonte: Jornal de Notícias - Os Bichos
http://www.jn.pt/blogs/osbichos/archive/2013/07/05/donos-quot-chegam-a-chorar-quot-nas-associa-231-245-es-por-n-227-o-terem-comida-para-os-animais.aspx

5 comentários:

  1. EM QUALQUER LUGAR DESTE PLANETA TEM BICHO SOFRENDO,QUE CRUELDADE TEREM NASCIDO...
    ANDREA

    ResponderExcluir
  2. É realmente triste. Tenho mais de dez cães e como ganho salário mínimo, o jeito foi conciliar dois empregos de meio período para pagar as contas de água, luz, telefone e a ração deles. Quando alguém vem abandonar um animal em meu portão e digo que não tenho mais condições financeiras para cuidar de mais nenhum, a resposta é um sorrisinho de desdém e a maldita frase:" Quem alimenta dezesseis, alimenta dezessete"!
    Só que não é só ração e limpeza de quintais! Tem as vacinas que me comem o décimo terceiro salário, problemas de saúde que não marcam dia e nem horário pra aparecer e apertar ainda mais o orçamento. Sem dizer que me falta oportunidades pra passear, viajar ou me dedicar mais tempo para acariciá-los e dar beijocas nos focinhos trufados.

    ResponderExcluir
  3. Como podemos ajudar? Como chegamos nós brasileiros até a eles? para onde destinar doações, qual associação? lembrando bem que é doação dupla, tripla ou nem sei qual o exponencial já temos aqui também muito sproblemas como no Pará, Bueno Brandão e país afora....mas quem gosta de animal como gostamos sempre esprememos mais ou pouquinho, apertamos o cinto e mandamos pelo menos 10,00. Nos informe Sheila por favor!

    ResponderExcluir
  4. Ana Lucia Nunes07/07/2013 22:36

    Eu fico estarrecida com essas notícias !!!
    Me deprime ver como no mundo existe quem pratique essa atrocidade !!!
    Abandonar, maltratar, matar !!!
    Estou começando a acreditar que tem que ser olho por olho, dente por dente !!!

    ResponderExcluir
  5. Ana Lucia Nunes07/07/2013 22:39

    Fico pasma com tamanha crueldade !!!
    Enquanto não tivermos leis decentes para punir esses crápulas que abandonam, maltratam e matam, nossos peludinhos é que continuarão a sofrer.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪