10/06/2013

Apaixonados por animais vivem drama para pagar procedimentos veterinários

Muita gente gosta de ter animais de estimação e, alguns apaixonados, não medem esforços para resgatar e salvar bichos abandonados e com problemas de saúde. Mas, na hora de pagar a conta do veterinário, a conta é grande e, muitas vezes, é preciso recorrer a pedidos de doações . Conheça a história de pessoas que não medem esforços para salvar a vida do melhor amigo e o único hospital veterinário público do País, que inaugurado há 10 meses, em São Paulo, e atende cães e gatos de pessoas que não têm como pagar uma consulta particular.

Domingo Espetacular - Rede Record - 09/06/13

5 comentários:

  1. Sem comentários. A nossa situação é caótica e as "autoridades" não estão nem aí.

    ResponderExcluir
  2. Ana Lucia Nunes10/06/2013 21:47

    Infelizmente essa triste realidade vergonhosa acontece em todo Brasil !
    Temos que contar moedinhas para ajudar os peludinhos, os idosos, as crianças, enquanto vemos o dinheiro dos nossos impostos irem para os bolsos dos mensaleiros desse país.

    ResponderExcluir
  3. Não sou protetora e como nunca consigo ajuda de ninguém, recorro a veterinários conhecidos e pago a conta em duas vezes. Mesmo assim é muito aperto, pois meu salário é de apenas setecentos e quinze reais bruto e por isso vivo na penúria. Precisamos de mais hospitais, pois não dá para virar as costas a um animal ferido ou doente.
    Se alguém pede ajuda para crianças, idosos, doentes, deficientes, as pessoas não pensam duas vezes, mas quando se trata de animais viramos motivo de chacota.

    ResponderExcluir
  4. Jorge Romano13/06/2013 20:49

    Eu vi essa reportagem. É tudo muito triste e difícil. E para piorar ainda tem os que se aproveitam quando um animal chega precisando de ajuda urgente, resgatado por algum anjo. (e nem me digam que não porque já conheci vários, infelizmente). A casa de oração que frequento faz o seguinte pedido: AJUDE-NOS A AJUDAR. É preciso manter fortalecida as instituições no país que cuidam, abrigam e mantem programas permanentes voltados para os animais. É a melhor forma de haver uma forte união da causa animal.

    ResponderExcluir
  5. eu tenho 5 gatas. todas resgatadas.Petra, Maria, Linda, Luna e Thai. São a minha paixao. Fui criada no meio de animais e nao imagino a minha casa sem eles. estou desempregada e por sorte tenho meus pais que me ajudam em tudo mesmo.a dois anos e meio, a Maria teve um grave problema de saude. eu sabia que ela ia morrer. eu trabalhava muito e ganhava pouco e vi-me forçada a pedir adiantado o meu ordenado ao gerente da loja. como resposta tive " nao acha que seria melhor esquecer esse animal e arranjar outro?" eu so lhe perguntei se quando um filho dele esta doente tambem o esquece. so quem ama os seus animais sabe que tem que se fazer de tudo e ainda assim é pouco. eles olham.nos com aqueles olhos.... corta o coração. eu tive que levar a Maria a 2 policlinicas suplicandp por ajuda, e os que se dizem que nasceram para ajudar animais, disseram.me que tudo tem um custo. ora. ajudar animais?? quanta mentira e hipocrisia. venha ao nosso bolso o seu dinheiro. eu pedi aos meus pais que com sacrificio me emprestaram o dinheiro. depois de abrir a Maria na sala de cirurgia, a "veterinaria" disse que o caso era complicado e que nao sabia o que fazer. deu um ponto na barriga da Maria e mandou os meus pais irem a outro local. mas cobrou 300€. mais tarde, eu fui la reclamar, porque eu estava de baixa naquela altura. ela disse que se enganou no preço e disse que devolvia o dinheiro em injecçoes para as minhas outras gatas. ora, e eu la confiava nela? conclusao, a Maria foi operada em outra clinica. mais 250€. o que me interessa é ela estar bem. eu que tinha a certeza que ia morrer. tantas vezes que a aperto num abraço, por tanto gostar dela. amar mesmo. eu nao consigo gostar das pessoas do mesmo modo como gosto dela. e as vezes ela lança-me cada olhar... é gente, só pode. ela e as outras. A Petra, tambem tem historia porque quando foi esterilizada, no dia 13 de Maio, ela teve paragem cardio respiratoria 2 vezes mas esta ca, viva e de perfeita saude. Apanho cada susto com elas... por isso nao consigo entender o gosto das pessoas em fazer maldades, a coragem em abandonar quem em nos tanto confia... ca em casa, tanto caes,9, como gatos,11, sao todos animais que recolhemos da rua e salvamos da morte certa. ainda bem que nao consigo compreender.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪