07/05/2013

Monstruosa crueldade nos matadouros do Egito indigna australianos

Sobre a suspensão de exportação de animais de consumo da Austrália para o Egito, estou estranhando porque no site da Animals Austrália destaca a investigação feita na Indonésia e estende ao Oriente médio sem especificar quais países. Chegamos a publicar até a campanha aqui no nosso blog. Tem muitas matérias rolando na mídia, mas, tudo em inglês. Só achei esta da Voz da Rússia em português:


A Austrália suspendeu as exportações de gado para o Egito devido à crueldade com que os animais são tratados nos matadouros deste país. Esta decisão surgiu após uma organização de defesa dos animais ter transmitido aos australianos imagens gravadas em matadouros egípcios. O Conselho dos Exportadores de Animais da Austrália comentou que as gravações atestam uma monstruosa crueldade no tratamento dos animais. O grupo Animals Australia declara que “nos matadouros do Egito os animais são mortos de maneira cruel, maldosa e não profissional” e exigem a proibição total das exportações de gado para esse país.
_________________

Egito nega notificação a respeito
(Google tradutor)
O governo egípcio não recebeu qualquer notificação oficial dizendo que a Austrália suspendeu as exportações de gado para o Egito depois de um vídeo
gráfico divulgado supostamente mostrando a crueldade contra animais em matadouros egípcios, levando Canberra para iniciar uma investigação, o Ministério egípcio da Agricultura informou no sábado.

Salah Abdel Moemen, o ministro egípcio da agricultura, afirmou que o Egito está em conformidade com as normas nacionais e internacionais de tratamento animal, apontando que a sharia islâmica enfatiza o bem-estar animal.
Moemen acrescentou que, se exportações de gado vivo estão suspensos, o Egito deve discutir o assunto com o governo australiano encontrar resolução.

Animais grupo de direitos animais Austrália, que está em campanha para acabar com o comércio de exportação ao vivo, disse que o filme foi rodado ao longo dos últimos meses, em dois matadouros aprovados no âmbito de um acordo comum que permitiu a retomada das exportações de animais vivos para o Egito em 2010.

Alison Penfold, CEO do Australian Livestock Conselho dos Exportadores, disse que ficou chocado com as imagens, mas disse que ela tinha visitado as instalações do Egito no ano passado e descobriu os procedimentos, em seguida, cumpriram com os requisitos australianos.

De acordo com o Departamento Australiano de Relações Exteriores e Comércio, as exportações de animais vivos composta de 4,5 por cento do total do comércio entre o Egito e Austrália, que chegou a 593.000 mil dólares em 2011/12.

3 comentários:

  1. Pra mim matadouro é matadouro,sofrimento é tudo igual.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não anônimo, não é tudo igual não... Alguns matadouros conseguem ser bem piores do que outros sabe.. tem uns que matam na marretada mas antes furam os olhos, quebram o rabo, dão soco nos animais.. e tem outros matadouros que guiam os animais através de um corredor com porta, onde um funcionário com uma pistol pneumática aguarda para "atordoar" o animal. Assiste ao video da Animals Australia, é bem exclarecedor...

      Excluir
  2. Cristina Calixto07/05/2013 20:32

    Concordo plenamente.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪