07/05/2013

Adeptos do candomblé protestam contra projeto de lei na Câmara Municipal - Salvador - BA

Lamentavelmente, tendo certeza absoluta dos injustos direitos constitucionais destes "religiosos", creio que será mais um tempo perdido. Até porque, um Município não pode legislar sobre este assunto. Ele pode, no máximo, criar inúmeras dificuldades para legalizar as atividades do templo... só isto mesmo.... Mas, a prática dos rituais, não. Se querem ter esclarecimentos sobre o que é o uso de animais na religião, vejam um exemplo que publicamos aqui no blog em set/2010:

25 comentários:

  1. Esses macumbeiros tinham que tomar vergonha na cara e parar com esses rituais primitivos, ignorância total.

    ResponderExcluir
  2. Infelizmente mais uma matéria incompleta, não menciona em momento algum qual o municipio que tenta legislar com esta lei a "La Portilho".

    ResponderExcluir
  3. Infelizmente, existe a matança em todo ritual que tenha influência de candomblé. Seja para oferenda aos orixás ou para demandas ou magia negra. Depende muito da linha do terreiro. E quando o caso é magia negra, a matança é com crueldade pois o interesse é de que o alvo do trabalho sofra. Já li sobre o assunto e tive oportunidade de conhecer o trabalho de um terreiro de umbanda que tem influência do culto de candomblé. Dizem que os animais são "preparados espiritualmente" para o sacrifício de modo que não sofram quando se trata de oferenda mas, matança é matança. Isso tinha que acabar sim! Se querem oferecer sangue, sacrifiquem pessoas: a quantidade de sangue é muito maior e vai satisfazer os vampiros espirituais. Em vez de trabalhos contra alguém, matem de uma vez. Não sei o motivo de fazer alguém sofrer sacrificando um animal que não fez nada contra ninguém. É muita ignorância! O povo já está matando por nada mesmo... Perderam totalmente a consciência. Façam, então, o serviço direito, mas deixem os animais em paz. Eles não compactuam com os rituais, não frequentam, não têm que sofrer por causa das pessoas.

    ResponderExcluir
  4. É REALMENTE UM ABSURDO VER TANTA IGNORÂNCIA...ESSES INDIVÍDUOS QUE ACREDITAM QUE MATANDO/SACRIFICANDO SERES INOCENTES E INDEFESOS, CONSEGUIRÃO ALGO OU ALGUEM COM MAIS FACILIDADE, ISSO É COISA DE SÁDICOS E PSICOPATAS E NÃO DE DE RELIGIÃO/SEITAS...

    ResponderExcluir
  5. Isso é coisa de gente , ignorante, psicopata, filhos do capeta , quero mais que eles se explodam, cambada de FDP.

    ResponderExcluir
  6. todas religioes/seitas são a raiz de todo mal

    ResponderExcluir
  7. Matem sua família...se o deus deles quer sangue, acho que eles podem se suicidar....

    ResponderExcluir
  8. PIOR QUE O RADICAL QUE MATA ACREDITANDO ESTAR FAZENDO O NOCESSARIO EH ESSE MONTE DE IGNORANTES QUE NAO SABEM SEQUER DEFENDER SEUS PONTOS DE VISTA.

    MATANCA DE ANIMAIS EH DESNECESSARIA MESMO NO CANDOMBLE.
    TUDO PODE SER FEITO UTILIZANDO-SE ATE SIMPLES FITAS COLORIDAS.

    IGNORANTES IGNORANTES IGNORANTES....OS QUE MATAM E OS QUE CRITICAM.

    FALTA CONHECIMENTO REAL DA CAUSA. FALTA CONHECIMENTO SOBRE A RELIGIAO -EH ISSO AI, CANDOMBLE EH RELIGIAO!!!! ESSA CAMBADA DE "CRISTAOS" "CRENTES" "TESTEMUNHAS DE JEOVA" E TODO TIPO DE EVANGELICOS.,...ISSO EH SEITA!!!!!
    EVANGELICOS = SEITA
    CAMDOMBLECISTAS = RELIGIAO

    ANTES DE FALAR SE INFORMEM SOBRE TODOS OS ASPECTOS DA QUESTAO!!!
    SENAO SUAS PALAVRAS PERDEM O VALOR....

    RESUMINDO, SALVE O CANDOMBLE, QUE COM SEUS ORIXAS TRAZEM PAZ A ESSE MUNDO DE INSANOS....PRO INFERNO COM ESSES EVANGELICOS MAUDITOS QUE NAO SABEM NADA E AINDA CRITICAM.....

    MATANCA NAO, SACRIFICIO NAO, EVANGELICOS NAO, MAS SIM TRABALHOS LINDOS FANTASTICOS SEM CARNE, MAS SO COM VELAS E FITAS, FLORES, ERVAS.....E MUITA FE.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. concordo muito com vc!! Não ao sacrifício animal, mas antes de tudo respeito a religião para não perdermos nossa defesa ao sermos colocados como preconceituosos.
      Eles estão errados, mas ofensas a religião (qualquer que seja) não vai vencer!!!!!

      Excluir
    2. Se for da forma que você apresentou, eles não precisam protestar. Se o que você conhece de candomblé não tem bebida e cigarro para exu e pomba-gira nas chamadas "giras de quimbanda", nem os sacrifícios de animais como oferendas ou demandas, ótimo. Velas e fitas não fazem mal a ninguém e, concordo com você, seria um ritual muito bonito. Como na umbanda branca, onde se trabalha com caboclos, pretos-velhos e crianças, ervas e orações, é maravilhoso de ver e sentir a energia que emana da bondade e da fé. Mas, o que vemos normalmente, e protestamos sim, é a matança de animais indefesos. Isso é ignorância, covardia e falta de amor a Deus, que é único. E o que falta nestes rituais é, exatamente, o conhecimento, o estudo. Fazem porque mandam mas, nem sempre, sabem o motivo. Alguns médiuns são verdadeiras "vaquinhas de presépio": pai de santo mandou, tá mandado.

      Excluir
    3. sacrifício de animais não é religião....quem quer sangue
      são exus ou vampiros do astral....não são orixás....
      orixás respeitam a natureza ,os animais....pois fazem parte dela...
      quem sacrifica animais tem um carma horrível, além de se tornarem escravos desses exus trevosos....cuidado.
      se quer ter ssáude,paz,amor, prosperidade ,leia,estude CULTURA RACIONAL.....é natural,não é religião...

      Excluir
  9. SANGUE ALHEIO EM RITUAIS DITOS RELIGIOSOS, É KI-SUCO PARA O MACUMBEIRO. SE O SACRIFÍCIO FOSSE COM O PRÓPRIO MACUMBEIRO QUE QUER "AGRADECER" A "GRAÇA" RECEBIDA, GOSTARIA DE SABER SE ELE SERIA TÃO GRATO.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade...queria saber se eles fariam em si próprios ou em algum ente querido, em nome da fé deles que tanto veneram...
      E outra coisa,para "agradar" ou atrair o bem ou algo de bom,como não é no caso do Cadomblé,etc.,NUNCA precisaria sacrificar ninguém,pois o bem,não quer sangue,tortura e nem sofrimento,e sim,a caridade e o amor.

      Excluir
    2. Se pesquisarmos, encontraremos várias matérias que alegam que o Candomblé pratica o sacrifício de animais:
      Candomblé
      O Mundo dos Orixás

      « BoriExú Não É O Diabo »
      Sacrifício
      Maio 28, 2008 por Manuela


      No Candomblé, a maioria das “obrigações” são acompanhadas de “matança” de animais de várias espécies.

      Esta cerimónia é uma das mais importantes dentro do preceito Africano. Para ela, são exigidos vários requisitos a quem as pratica.

      Por esta razão, dentro da organização de um terreiro, há sempre uma pessoa, além do Babalorixá ou Yalorixá, especializada para isso. É o Axogun ou o “mão-de-faca”. Dele depende o êxito do sacrifício e a aceitação por parte do Orixá do animal sacrificado.

      Uma matança mal feita é rejeitada e, muitas vezes o Orixá, a quem a matança se destina, cobra-a em dobro, ou em triplo. Assim se pode avaliar a responsabilidade do seu executor.

      Por isso também, o Babalorixá ou Yalorixá tem o máximo cuidado ao prepará-lo para a função; e é claro, que só poderá ser Axogun uma pessoa que seja “feita”, fazendo parte do seu aprendizado essa parte tão importante.

      O Axogun precisa conhecer o modo pelo qual deverá executar a matança para qualquer dos Orixás, bem como, os pontos adequados. É indispensável que saiba o animal que compete a cada Orixá, bem como, a cor e o sexo correspondentes.

      Muita gente pensa que, pelo facto de ter “visto” matar algum animal está apta para realizar o mesmo sacrifício. E desanda a fazer “sacrifícios” a torto e a direito!… O resultado é sempre triste, tanto para o executor como para quem se deixar induzir por pessoas de tal irresponsabilidade!

      É necessário receber o preceito de “mão-de-faca” dentro do cerimonial adequado. Sem ter “recebido” esse preceito, não poderá, em hipótese alguma executar sacrifícios, e muito menos, dar “mão-de-faca” a alguém. Quem poderá dar o que não tem?

      Todo aquele que desejar completar a sua “obrigação”, a fim de se tornar de facto sacerdote, terá que receber, indispensavelmente, a sua “mão-de-faca”, sem o que, nunca poderá trabalhar satisfatoriamente.
      http://ocandomble.wordpress.com/2008/05/28/sacrificio/

      Excluir
  10. Querem sangue,dão sangue humano,seria mais justo eo capeta vai adorar.

    ResponderExcluir
  11. Cristina Calixto07/05/2013 20:31

    Gente, não tem muito tempo a Sheilinha colocou aqui uma moça que faz os "trabalhos" dela de maneira "verde". A Sheila poderia voltar a mencionar isso e, inclusive, encaminhar ao político que quer proibir alguma coisa nesses rituais macabros, para embasá-lo de maneira correta. Está lembrada, Sheila?

    Isso vai de encontro ao que afirma a pessoa que não se identificou, mas mencionou entender da religião e descreveu os trabalhos "light" que são feitos, com os mesmos objetivos.

    Realmente, só gente ignorante e ignóbil faz coisas horrorosas, inclusive contra seus semelhantes, desejando-lhes o pior. Quanta maldade. Se bem que tem bastante gente por aí merecendo, né, não?

    ResponderExcluir
  12. ora..ora...
    sou ATEU so para inicio de conversa, agora quero saber de vcs que estao criticando a matança ( que eu tambem critico ) todos voces sao VEGETARIANOS ??? porque se não forem , são hipocritas !!! quer dizer os outros sao do diabo porque matam para esse deus ai que vcs acreditam , mas para comer pode ??? com o maior requinte de crueldade as matanças nos abatedouros ...ahhhh quem for vegetariano como eu sou temos o direito de xingar e falar, mas se vc nao for vc é um hipocrita pq o bife que chega na sua mesa é bem pior do que esses ignorantes fazem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como sou uma das que,comentam aqui no blog,e que sou completamente contra à matança de animais ou qualquer tipo de crueldade,inclusive em rituais religiosos,pois para um espírito de grande evolução,jamais admitiria a morte de qualquer ser vivo para lhe agradar ou venerar.
      Deixo claro que há mais de 30 anos que sou vegetariana e que nunca fiquei doente por não consumir as proteínas da carne.
      Agora,o que precisa-se, ser feito,é um trabalho consciencial,a respeito, do consumo,comércio e uso de animais,tanto no trabalho ou em diversões,e sermos seus porta-vozes e protetores.

      Excluir
  13. Estes macumbeiros deveriam fazer um serviço útil a sociedade sacrificando traficantes de drogas e políticos corruptos, com certeza com essas oferendas os orixás atenderiam seus pedidos rapidamente.

    ResponderExcluir
  14. Estes macumbeiros deveriam fazer um serviço útil à sociedade e sacrificar traficantes de drogas, estupradores, homem metido a "macho" que espanca mulher até a morte, homofóbicos, adeptos a xenofobia,skinheads,políticos corruptos... Com certeza com umas oferendas dessas seus orixás atenderiam seus pedidos rapidamente.

    ResponderExcluir
  15. a ignorância deve ser acabada em qualquer setor, qualquer religião etc...

    ResponderExcluir
  16. É MUITO FÁCIL FAZER SACRIFÍCIOS E OFERENDAS QUE NÃO SEJAM ORIUNDOS DE SI MESMO. QUERO VER ESSE POVO FAZER SACRIFÍCIO COM A PRÓPRIA PELE, AÍ SIM, SERIA UM SACRIFÍCIO PROPRIAMENTE DITO E NÃO FACHADA PARA MALTRATAR VIDAS. ABSURDO ESSE POVO.

    ResponderExcluir
  17. Vamos todos nos tornar vegetarianos!!! Sim, isso mesmo! Nada mais de picanha... lombinho... costelinha... Por que se sacrifício é crime, comer, para alimentar-se, também é! Todos nos, quando compramos a carne no supermercado, também sacrificamos o animal... enfim...
    Mas, todos esses que falam sobre proteção dos animais, não saem nas ruas para brigar, por mais canis, por uma vigilância maior nas pets, com a procriação dos cães e gatos, ninguém vai brigar pelo tráfico dos animais silvestres nas casas de todo mundo... quais as condições dos órgãos que deveriam fiscalizar, mas não conseguem... Isto é religião, meus Srs., aceitem! No Candomblé, fazemos oferendas em forma de pratos, como em um banquete. Se outros sacrificam sacaneando o bicho, e o mesmo que comparar todos os pastores evangélicos, por que o David Miranda, tem mais de 150 empresas fantasmas!!! Ou dizer que todos os padres católicos, são pedófilos... Entenda: no Candomblé, não existe cultos macabros! Não existe! Tá claro!!! Não somos responsáveis, pelo que você faz com o que você imagina ser o certo. Respondemos por nossa religião. Quem pratica de outra forma, está errado, e jamais foi apoiado pelo Candomblé.

    ResponderExcluir
  18. Uma outra questão muito importante no Espiritismo.
    Os espíritos de Luz ou espíritos elevados, não possuem necessidades matérias, eles estão moralmente depurados dessas coisas.
    Os espíritos que se apresentam em certas reuniões mediúnicas pedindo cachaça, cigarros, charutos, velas, despachos e sacrifícios de animais inocentes, são na realidade espíritos ainda apegados a matéria e aos vícios e desejos terrenos.
    São espíritos moralmente atrasados e muitos desses espíritos podem ser maldosos, vingativos, embusteiros e obsessores.
    São lobos em pele de ovelhas, cuidado.
    Eu não estou criticando pessoas e nem religiões, eu estou analisando certas praticas e princípios somente isso.
    O Mestre Allan Kardec e o Mestre Luis de Mattos, falam, que devemos analisar tudo que venha do mundo espiritual, pelo crivo severo da Razão e da Lógica mais rigorosa, só devemos aceitar um principio quando ele for Racional e tiver uma Moral elevada e sã.
    Não podemos aceitar tudo que venha dos espíritos desencarnados sem rigoroso exame, temos que analisar, raciocinar, questionar, pensar, tudo tem que ser muito bem analisado.
    Perguntamos.
    Vocês acham que os Espíritos de Luz ou Espíritos Superiores vão precisar de coisas matérias, como, velas, despachos, charutos, farofa, cigarros, cachaça e sacrifícios de pobres animais??

    ResponderExcluir
  19. O perigo das macumbas, muitas pessoas nada sabem desses perigos. Os Espíritos de Luz ou Espíritos Superiores já mais vão pedir charutos, cachaça, cigarros,sacrifícios de animais e despachos, essas praticas só podem atrair pela sintonia vibratória espíritos desencarnados apegados a matéria e aos vícios terrenos, ou seja, espíritos inferiores e obsessores.Os Espíritos Superiores são Virtuosos em seus ensinamentos, eles procuram moralizar, educar e espiritualizar os seres humanos, incentivando a pratica sincera do bem e das Virtudes. Os espíritos apegados a matéria tratam de assuntos vulgares sem elevação moral, assuntos, como, sorte no jogo, volta da pessoa amada, sorte com as mulheres, melhoria nas finanças, trabalhos para prejudicar desafetos etc. Os Espíritos Superiores já mais vão se manifestar num centro para pedir charutos, cachaça e sacrifícios de pobres animais, isso é ridículo, os animais são nossos irmãos menores na escala evolutiva, devemos respeitar e amar os animais, quem pede esses absurdos são os espíritos da escuridão, cuidado, muito cuidado, eles gostam de enganar as pessoas usando uma linguagem melosa, suave, doce, com palavras bonitas, eles falam macio, tudo para seduzir as pessoas que estão nesses ambientes de baixa espiritualidade. Eles também usam Nomes pomposos, importantes e sedutores para mistificar. Vou deixar uma pergunta, vocês acham que os Espiritos de LUZ vão pedir despachos, cachaça, charutos, sacrificios de pobres animais inocentes??? O ser humano é um Espirito encarnado no mundo terra para evoluir e se melhorar moralmente, ser bom, honesto, correto, trabalhador, sem vicios, cultivar as Virtudes e os valores morais superiores, é seu DEVER, cumprindo com o seu dever moral ele consegue vencer e evoluir.Devemos nos afastar dos ambientes de baixo nivel moral, por que, nesses ambientes perambulam espiritos inferiores e pertubadores. O ser humano é composto de dois elementos Espirito e materia, o Espirito é a Força inteligente o ser pensante, a materia corporal não pensa e nem sente, portanto, se conhecer como Espirito encarnado com Deveres Morais para cumprir já é uma iniciação para as verdades superiores.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪