23/03/2013

Universidade é processada por sacrificar animais... maravilha!!!!!!

Que gente nojenta.... e em faculdade de veterinária, heim? Parabéns a quem denunciou....

Um dos cachorros que teria sido sacrificado na universidade Foto: Ministério Público do Rio / Divulgação


"O Promotor de Justiça Eduardo Fiorito Pereira, autor da ação, afirma que uma aluna do curso de Veterinária denunciou um professor que teria matado cães para usá-los em uma aula de anatomia. Em novembro de 2012, o professor recebeu o promotor e agentes do Grupo de Apoio aos Promotores (GAP) e confirmou, segundo o MP, que os animais foram capturados em uma roça e mortos para serem usados em sala de aula. Em seguida, o promotor requisitou à universidade os prontuários com os métodos e técnicas empregados na eutanásia dos cães, mas não teria obtido resposta.
A reitor da Unig de Itaperuna, André Monteiro, disse que apresentou todos os documentos exigidos pelo MP e que os animais são doados à universidade. Monteiro afirmou ainda que não foi notificado da Ação Civil Pública."

Fonte: EXTRA

13 comentários:

  1. Parabéns a essa estudante que fez a denuncia.

    ResponderExcluir
  2. Boa notícia!... e que esse tipo de atividade acabe de vez,que usem outros métodos...

    ResponderExcluir
  3. Que seja a primeira de muitas - e que os estudantes se conscientizem da necessidade de denunciar.

    ResponderExcluir
  4. Professorzinho psicopata. Se ele que tem informação faz isso imagine os dementes que andam por aí...........................cana nele. Criminoso.

    ResponderExcluir
  5. Esse foi um dos motivos que me fez desistir de medicina veterinária...

    ResponderExcluir
  6. Parem o mundo!!!!! Não aguento mais, vou desistir de tudo. Estou começando a ficar deprimida com tanta coisa ruim. Nada muda, só piora. O serumano conseguiu se superar em maldades.É cães jogados na linha do trem, é um fdp matando por nada um cavalo, e por ai vai as maldades. Cadê o meteoro???????

    ResponderExcluir
  7. Que ótimo! que continuem denunciando! E que as denúncias continuem sendo acatadas.

    ResponderExcluir
  8. Acho que essas Universidades deveriam ter contatos c/veterinárias solidárias, assim poderiam receber os corpos de animais que realmente vieram a óbito p/ motivo de doença, e não sacrificar os animais saudáveis p/ estudo. Claro que tudo seria de acordo c/ a liberação do tutor, isso é sacanagem, sacrificar um animal sadio p/ estudo, quando tantos morrem de doenças que poderiam ser mais estudadas p/ salvar os mesmos!

    ResponderExcluir
  9. VETS = 90% GIGOLOS

    UGO WERNECK

    ResponderExcluir
  10. POR FAVOR, POR FAVOR, POR FAVOR. ALGUÉM SABE ME INFORMAR EM QUE PÉ ESTÃO AS DENÚNCIAS, PROCESSOS OU SIMILARES A RESPEITO DO COLÉGIO CONCÓRDIA E A UNIVERSIDADE ULBRA, AMBOS DE CANOAS, RS, QUE TAMBÉM MATARAM ANIMAIS NAS SUAS DEPENDÊNCIAS DIZENDO QUE ERAM PRA "ENSINO" ??? Nunca mais se viu em lugar nenhum alguma coisa sobre isso aqui no RS. Cadê a proteção animal da cidade e do estado??? QUEREMOS INFORMAÇÕES, afinal, quando divulgaram, o fizeram abertamente. Então, podem dar informações, atualizações, etc. também ABERTAMENTE ??? Ou foram falsas denúncias??? Hem??? ALGUÉM ME RESPONDA !!! Juro por Deus, Sheila, que não entendo mais nada por aqui. Nem a proteção animal. Vocês acompanham tudo, publicam, compartilham ... Por aqui, um véu de silêncio cobre tudo, não tem ninguém pra informar a gente sobre o prosseguimento, ou não, das denúncias, dos processos, qualquer coisa. Quer saber? Nunca mais vou repassar coisa alguma que me mandarem.

    ResponderExcluir
  11. Não sei se 90%, mas uma grande parte dos vets não gosta de animal, ou melhor, não têm a mesma visão da proteção animal. Pra eles interessa o crescimento do "mercado de pets" e de animais de corte, leite, etc. É mais trabalho pra eles. Até a criação de animais pra venda, pois tem vários vets que tem canis e vivem às custas da venda de animais, coisas que a proteção é totalmente contra. Então, não tenham ilusões, é somente uma profissão pra eles, assim como qualquer outra. E matar torna-se comum, porque eles matam animais, principalmente cachorros, nas aulas das faculdades, ou querem que eu acredite que os corpos dos animais mortos são doados??? Por quem??? Ora, histórias da carochinha, não!!!

    ResponderExcluir
  12. Vendo o corpinho desse animal a minha vontade é doar a mãe do tal veterinário pra estudos de anatomia! É difícil exercitar a compaixão nesse mundo, né? É tanta barbaridade que eu me sinto assassina de tanto que dá vontade de pular na jugular desse tipo de gente!

    ResponderExcluir
  13. Marcelo Costa18/04/2013 18:01

    Não é só isso ai é uma realidade muito frequente em várias clínicas pelo Brasil.

    Muitos desses "profissionais" preferem sacrificar os animais para não terem trabalho de tratá-los.

    Tive um cachorro que foi atropelado, levei-o numa clínica e foi diagnostica que ele havia quebrado a bacia, o fêmur e rompido a bexiga. O "profissional" disse que teria que sacrificar o cachorro. Peguei o animal e levei no hospital veterinários da UFRGS (excelente) que no mesmo momento, sem me perguntar encaminhou o animal para cirurgia. O cachorro tá aqui em casa feliz da vida!

    A grande maioria faz veterinária sem pelo menos ter amor aos animais.

    É que sacrificar o animal vai ser muito mais rendoso do que ter o trabalho de diagnosticar uma doença e muitas vezes ter que operar o bicho.

    E tem mais muitas das vezes que o teu animal está "internado" em que não deixam vc ver o animal ele já morreu ou sacrificaram e depois cobram as diárias.

    É um bando de gigolôs

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪