25/02/2013

Fazenda no DF adota princípios de bem-estar animal durante prenhez das porcas

Ontem, o Globo Rural apresentou esta matéria onde percebemos que eles nem se tocam o quanto a criação de porcos é cruel .... são tão insensíveis que não se dão conta que estão documentando e nos dando toda razão quando denunciamos o quanto animais sofrem nesta maldita industria da carne.... Cliquem na imagem para ver:


4 comentários:

  1. É incrível que o discurso fique sempre entorno da produtividade! Manter animais sociais entre grades é absurdo. Já mantê-los unidos é uma melhora, mas eles ficam sempre em galpões? Parece a história de João e Maria, cuja bruxa alimentava as crianças presas só pra engordá-las e comê-las! Precisamos lembrar a nossa sociedade que aquela bruxa era má.Eu não sou vegana, mas já não como porco há muitos anos. Creio que os humanos que se alimentam de carne deveriam diminuir o consumo da mesma o máximo possível. Pensar em animais somente como fonte de lucro não é aceitável e não dár-lhes qualidade de vida muito menos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Flora Leandra B. S.25/02/2013 14:12

      mesmo quando comia carne, nao gostava de carne suína. Triste ver que as pessoas até tem noção da crueldade a que os animais são expostos mas não se importam. Já ouvi comentários do tipo 'pois é, eu sei que esse animal foi muito maltratado. mas não resisto a esse gostinho de carne'. Juro, dá vontade de enforcar a pessoa

      Excluir
  2. Não como carne há anos. Existe tantoS alimentoS no mundo, para que se alimentar de carne? Acho totalmente absurdo criar animais com a finalidade única de matá-los para serem comidos, e criá-los em meio a maltratos é totalmente injusto e absurdo. O ser humano ainda precisa evoluir muito.

    ResponderExcluir
  3. Deplorável, deprimente achar natural usar a vida do animal como sendo propriedade humana.Nojento, revoltante.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪